Home Aviação de Transporte KC-390: antecipação de pagamento por Portugal pode ser vitrine para Embraer na...

KC-390: antecipação de pagamento por Portugal pode ser vitrine para Embraer na Europa

6130
102
KC-390 lançando carga

Por Lauro Neto

A autorização de pagamento adiantado pela compra de cinco aviões KC-390 Millenium por Portugal pode tornar a Europa uma vitrine para a fabricante brasileira Embraer, segundo Alexandre Galante, especialista em Defesa & Aviação ouvido pela Sputnik Brasil.

“Mostra que o governo português está comprometido, e é mais exposição na mídia. Portugal participa do projeto ativamente na construção do KC-390, é sócio do projeto e não é só um comprador da aeronave. A entrada em operação do avião na Força Aérea Portuguesa vai ser uma vitrine para a Embraer na Europa e na OTAN.

Vai ser uma ótima propaganda para outros países conhecerem o avião quando a FAP operar em outras missões no exterior, uma vitrine para exportar esse avião para mais países. A Embraer precisa urgentemente de novas encomendas, porque o concorrente principal é o C-130 Hércules, da Lockheed, que é a maior empresa de fabricação de aviões militares do mundo. Concorrer não é fácil. Portugal vai ser incrível para Embraer divulgar o KC-390 para futuros potenciais clientes”, avalia o consultor brasileiro Alexandre Galante, que mora em Braga.

Apesar de não comentar o adiantamento de uma parcela que vai poupar € 3,5 milhões (cerca de R$ 22,7 milhões) aos cofres portugueses, a Embraer reconhece a importância de Portugal para o sucesso do programa KC-390, em nota enviada à Sputnik Brasil.

“Portugal é o maior parceiro internacional do Programa KC-390 e a sua participação no desenvolvimento e na produção da aeronave é reconhecida como tendo tido um impacto econômico positivo na geração de empregos, novos investimentos, aumento de exportações e avanços tecnológicos. Além do pedido firme de cinco aviões de transporte multimissão KC-390 Millennium, o contrato inclui também a compra de um simulador de voo e 12 anos de serviços de suporte para manutenção”, lê-se na nota.

Peças produzidas em fábrica de Évora

A empresa acrescenta que nas instalações da Embraer no Parque da Indústria Aeronáutica de Évora são produzidas as longarinas das asas, os painéis de revestimento das asas, assim como o estabilizador vertical e o estabilizador horizontal do KC-390. A OGMA, empresa controlada pela Embraer em Portugal, fornece os painéis da fuselagem central, as carenagens dos trens de pouso principais (sponsons), as portas dos trens de pouso principais e o profundor do KC-390:

“A parceria industrial contribui para o desenvolvimento da engenharia e da indústria aeronáutica portuguesas, representando mais de € 300 milhões [aproximadamente R$ 1,9 bilhão] em exportações por ano e milhares de empregos altamente qualificados”, acrescenta a nota.

Conceoção do KC-390 em operação de combate a incêndios

Questionada pela Sputnik quais as grandes inovações que o KC-390 traz para o mercado de transporte aéreo e carga no setor militar, comparado ao C-130 Hércules, que é usado por quase todas as força aéreas do mundo, a Embraer diz que o KC-390 Millennium é um jato de transporte tático projetado para estabelecer novos padrões em sua categoria. Segundo a empresa, Portugal adquiriu a aeronave KC-390 Millennium, que possui essa designação por ser também preparada para realizar missões de reabastecimento aéreo, por cumprir os requisitos da Força Aérea Portuguesa (FAP), sendo capaz de realizar diversas missões militares e civis, incluindo apoio humanitário, evacuação médica, busca e salvamento e combate a incêndios florestais e acrescentando capacidades superiores de transporte e lançamento de carga e tropas, e reabastecimento em voo.

“Algumas das principais características da aeronave são: maior mobilidade, design robusto, maior flexibilidade, tecnologia de ponta comprovada e fácil manutenção. Além disso, o C-390 Millennium pode executar uma variedade de missões, como transporte de carga e tropas, lançamento aéreo de cargas e paraquedistas, busca e salvamento, combate aéreo a incêndios, evacuação médica e missões humanitárias”, destaca a nota.
Galante, que é idealizador do site Poder Aéreo e da revista Forças de Defesa, acompanhou a apresentação do KC-390, em 2014, no Brasil, e o definiu como um avião que carrega o desafio de conquistar muitas bandeiras, em alusão à necessidade de que mais países comprem a aeronave.

“Foi o desfile de 32 funcionários da Embraer, carregando bandeiras de países dos quatro cantos do mundo, que se mostrou como a cena mais chamativa e de maior simbolismo da cerimônia relativamente simples que precedeu a saída, do grande hangar de montagem final, do primeiro protótipo do jato de transporte militar da Embraer, o KC-390. A Embraer se apresentava naquele dia como uma das quatro maiores indústrias aeronáuticas mundiais, capaz de desenvolver o KC-390, maior aeronave já produzida no país, para substituir um avião de incontestável sucesso como o C-130 Hercules. E não só os Hércules da FAB, mas também os de diversas forças aéreas do mundo, caso uma parte significativa daquelas bandeiras em desfile passe a representar clientes efetivos”, relata Galante.

No painel, acima das quatro telas coloridas multifuncionais, ficam os visores ao nível dos olhos

Revisão Crítica do Projeto por videoconferência em função da pandemia

Seis anos depois, a Força Aérea Portuguesa divulgou, nesta semana, fotos da aeronave na linha de montagem, destacando que o projeto mantém-se sem qualquer atraso apesar da pandemia. As imagens foram divulgadas após a Revisão Crítica do Projeto (CDR, na sigla em inglês) dentro do programa de aquisição do sistema de armas do KC-390 Millennium.

Entre 27 e 29 de outubro, equipes multidisciplinares da FAP e da Embraer realizaram videoconferências para fechar o desenho da arquitetura dos sistemas, de acordo com os requisitos estabelecidos pelo Estado Português, e acompanhar o estágio de produção da primeira aeronave KC-390 destinada à Força Aérea, na fábrica em Gavião Peixoto, no interior de São Paulo, nas mesmas instalações em que Galante acompanhou o lançamento de perto, em 2014.

Alexandre Galante durante a apresentação do KC-390

Na última semana, ao anunciar o pagamento adiantado de uma parcela, de um total de 827 milhões de euros, pelos cinco aviões K-390, o ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, destacou que a produção também está adiantada.

“O processo de fabrico está adiantado. Podíamos fazer duas coisas: avançar no pagamento ou respeitar aquilo que estava inicialmente contratualizado, que é, conforme determinados marcos no processo, ir pagando ‘X'”, disse o ministro na ocasião.
Em agosto de 2019, o governo português e a Embraer assinaram contrato para aquisição de cinco KC-390. As entregas estão programadas para começar em março 2023, com uma aeronave entregue a cada ano, até fevereiro de 2027. Segundo a Embraer, desde o início da campanha de testes de voo, em 2015, o KC-390 apresentou uma disponibilidade muito alta, registrando uma taxa de voo sem precedentes no programa.

O KC-390 em operação de reabastecimento aéreo durante campanha de testes

No ano passado, a campanha de testes foi focada em ensaios relativos às capacidades militares para demonstrar a capacidade multimissão da aeronave, como capacidade de ressuprimento aéreo e reabastecimento em voo de caças. De acordo com a Embraer, nos ensaios de capacidade de ressuprimento aéreo, foram realizados, com sucesso, lançamentos de cargas em diversas configurações que mostram a flexibilidade oferecida pelo moderno sistema de lançamento de cargas do KC-390.

“Nestes ensaios, foram demonstradas configurações para lançamento de fardos pela rampa e pelas portas laterais, assim como contêineres pelo método de lançamento por gravidade. O KC-390 demonstrou a capacidade de lançar até 24 contêineres por gravidade no mesmo voo. Além disso, foram realizados ensaios de lançamento de plataformas pelo método de extração, de maneira automática, incluindo a função de lançamento sequencial”, lê-se no comunicado da Embraer.

Conforme a empresa brasileira, o KC-390 é equipado por motores turbofan Aero Engines V2500, os aviônicos mais modernos, uma rampa traseira e um avançado sistema de movimentação de carga, sendo capaz de transportar até 26 toneladas a uma velocidade máxima de 470 nós (870 km/h) e de operar em ambientes austeros, incluindo pistas não pavimentadas ou danificadas. A aeronave também pode transportar paletes, helicópteros, veículos blindados e tropas (80 soldados ou 66 paraquedistas).

Ainda segundo a Embraer, o desempenho do KC-390 se beneficia de um moderno sistema de controle fly-by-wire com tecnologia integrada que diminui a carga de trabalho da tripulação e aumenta a segurança de sua operação. Além disso, aeronave pode reabastecer outros aviões em voo, com a instalação de dois tanques internos de combustível removíveis. Ela também pode ser reabastecida em voo, proporcionando maior flexibilidade para missões mais longas. Um sistema avançado de autodefesa aumenta a capacidade de sobrevivência da aeronave em ambientes hostis.

FONTE: Sputnik News

Subscribe
Notify of
guest
102 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

Afnal a Embraer precisa de Portugal e das suas alianças… no dia que os brasileiros vao entender que juntos com parceiros como Portugueses (e nao só) podem ir longe, e a OGMA pode ajudar a Embraer a sobreviver a concorrência diversificando o mercado… inclusive podem apostar no fabrico de componentes de engines a palavra deveria ser colaboração e humildade e nao esta mesquinhice soberba brasileira de comentários que se le aqui… porque nao poderiamos colaborar humildademente? enfim

Last edited 13 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
RICARDO
RICARDO
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

Até onde me consta o único aqui a quem falta humildade é você. Basta ver seus comentários no tópico “OGMA, empresa do Grupo Embraer, é novo Centro de Manutenção Autorizado da Pratt & Whitney para motores GTF”.
Sim, a colaboração é bem vinda e já existe independente de sua opinião.

A OGMA faz parte da Embraer, mas está longe de ser a responsável pela sobrevivência dela.

Menos colega, bem menos …

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  RICARDO
13 dias atrás

sim, teve longe porque o cenario era outro, a Embrar media forças de igual para igual com a bombardier, hoje a Embraer se nao encontrar um parceiro vai sucumbir, isto na aviaçao comercial… entao vai apostar nos satelites, vai apostar na industria naval, e nos serviços, nos serviços vai apostar no MRO engines, acredito que ira entrar nos programas de motores, provavelmente tanto em Portugal como no brasil podem vir a produzir componeentes para motores… isto porque? porque nas aeroestruturas vao ter dificuldades se a Airbus é rival, a Boeing esta com relaçoes complicadas os restantes nao tem volume de… Read more »

Caerthal
Caerthal
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

Observe que a Bombardier vendeu as operações de jatos e turboelices regionais, a Mitsubishi acumula grandes perdas e interrompeu o desenvolvimento do projeto MRJ, a Boeing está no período mais frágil da história pelo fiasco do 737 Max e reveses em varios projetos, a Airbus tem enorme capacidade ociosa fruto da multiplicação de fábricas, jatos regionais McDonald Douglas, Fokker e BaE estão sendo encostados por baixa economicidade.

A Embraer sairá da batalha ferida mas vitoriosa. Com uma linha moderna, coerente e competitiva nos segmentos militar, executivo e regional.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Caerthal
12 dias atrás

espero que esteja certo… mas nao acredito, a Boeing é demasiado gigante pra cair, e o 737 vai voltar aos ceus, alem de ser outro segmento acima dos 150 passg… a boeing nao compete com a Embraer, a Airbus vai engolir o mercado, porque tem poder de marketing— mas pronto leiam a entrevista do Ceio, a ultima, onde ele diz exactamente o mesmo que eu, a Embraer vai sair reforçada mas na diversificação de mercado.. inckuido o naval

Athos
Athos
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

E porque não entrar o ramo de automóveis. Marca já consolidada no mundo e tecnologia não lhe falta. Quem fabrica aviões pode sim projetar carros elétricos, híbridos com pneus ou com asas.
Também pode fabricar drones, robôs humanóides e turbinas aeronáuticas.
Um bom parceira seria a WEG ou Agrale.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Athos
12 dias atrás

ja existe uma parceria com a WEG para avioes eletricos… o resto nao comento, acho que devia ler a ultima entrevista do CEO da Embraer, pois assim nao acharia tao estranho o meu comentario

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

voce ta a brinca ou falar serio Athos??

Athos
Athos
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Tão sério que até já enviei e-mail pra Embraer com está sugestão de fabricar automóveis.
Lembre-se que algumas empresas começaram com carros e depois aviões.
A Ford , Mitsubishi, Honda e outras.

Qual o problema de fabricar carros ?
Será difícil pra Embraer projetar automoveis?
Vc teria um Embraer pra dirigir?

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Athos
12 dias atrás

nao existe problema… mas podem apostar nos taxis aereos, no MRO, e inclusive no fabrico de peças para os grandes construtores de motores aeronauticos… a Embraer é uma ilha de excelencia

Last edited 12 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
RICARDO
RICARDO
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Já que conhece tanto da situação financeira da Embraer e seu futuro incerto, por acaso já ouviu falar da Embraer-X ?

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Rui Manuel Fernandes Palmeira, te peço para postar o link da última entrevista do CEO da Embraer.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Alexandre Cardoso
12 dias atrás

“Vamos focar na aviação e na defesa, mas também diversificar. Temos negócios com a Marinha e com o Exército. Estamos ampliando os serviços de manutenção e reforma de aeronaves não somente da Embraer, mas de fabricação de terceiros. Devemos lançar uma família de nano satélites. Então, a Embraer não vai voltar a ser igual, vai ser maior do que foi no passado, porque agora, além da diversificação, temos produtos novos, como o C-390 Millenium (cargueiro militar), que é um produto que vai ajudar a gente a crescer. Imaginamos a Embraer, nos próximos cinco anos, atingindo níveis de receita superiores aos… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

e espero que sim… por mim a Embraer passaria a ser parceiro nos programas dos grandes fabricantes de turbinas, e apostava nas aeroestruturas, e ou arranjava um parceiro para a aviaçao regional, ou focava-s nas aeroestruturas pars terceiros e na executiva, e turboelices… no entanto gostava muito que a Embraer fosse parceira dos russos em aviaçao comercial, inclusive lancer-se no corredor duplo, a TAP hoje pertença do estado portugues poderiam ajudar… o sucesso da Embraer hoje pode-se considerar um sucesso tambem de portugal(nem que seja em 25%)… mas claro os vossos complexos vao sempre fazer-nos perder a vontade de ver… Read more »

Last edited 12 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Obrigado

Marcos10
Marcos10
Reply to  Athos
11 dias atrás

Quem vai bancar o investimento?

Marcos10
Marcos10
Reply to  Athos
11 dias atrás

Quem vai bancar as três fábricas: motor, câmbio e veículo. Quem vai bancar o desenvolvimento do motor, câmbio e veículo?

fewoz
fewoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

De novo esse papo, Rui? Já está ficando chato. Sempre essa coisa de “OGMA é a maior”, “Embraer não sobreviveria sem ela” e “Brasileiros são isso ou são aquilo”. Isso cansa. E outra: pelo que vejo, você é que é sempre o primeiro a fazer este tipo de observação que nada acrescenta ao debate. Moro em Portugal e reconheço que os portugueses são muito bacanas e prestativos, mas às vezes, pela internet nos deparamos com alguns que parecem manter algum “rancor” ridículo dos brasileiros. Concordo que muitos compatriotas meus têm a síndrome do “come presunto e arrota caviar”, mas confundir… Read more »

Last edited 13 dias atrás by fewoz
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  fewoz
12 dias atrás

muito bom… tem toda a razao… sobre os rancores… sim morei tres anos no Brasil, em Sao Paulo, conheci o povo mais falso que alguma vez imaginei existir, depois os melhores eram os de classe media baixa…

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Agora eu entendo seu rancor. Se decepcionou com o Brasil.
Alguma empresa? Embraer? Acontece. Bola para frente.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Só porque alguns retardados Brasileiros E Portugueses falam besteiras você vem com esse texto? De onde tirou isso? A propria parceria demostra a importancia de Portugal. O investimento na OGMA demostra isso.

IMO falta respeito mútuo por parte de alguns setores mais radicais.

Helio Val
Helio Val
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Boa tarde a todos!
Amigo, respeito sua opinião, mais sua análise é completamente equivocada.
A Embraer existe muito antes da OGMA e vende aviões no mundo inteiro há décadas sem precisar de qualquer outro país como parceiro divulgador, projetista, etc.
A Embraer foi quem fez a OGMA ter a visibilidade que tem hoje, e não o contrário

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Helio Val
12 dias atrás

a OGMA tem 100 anos, mas por estar num pais menos que o Uruguai, (mas pelo menos fez as suas próprias fronteiras e a de gigantes que nem esse merito tem, pois fomos nos que tambem as fizemos)… mas por estarmos num minusculo pais e vivermos durante quase 50 anos numa ditatura á imagem de um padre de provincia, nunca fomos alem de manutençao… esse foi o problema… sobre a viabilidade criada pela Embraer, eu na altura da privatizaçao fiquei feliz, por causa da Airbus, mas hoje acharia muito melhor ficar nas maos da MTU alema… acho que seria melhor… Read more »

rui mendes
rui mendes
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
6 dias atrás

Menor que o Uruguai??
Em território, é sobre o que falas, certo?
E isso do maior território, não têm nada a ver com desenvolvimento, senão a Rússia não dava hipóteses a ninguém.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Helio Val
12 dias atrás

Isso é uma nova anedota? As Oficinas Gerais de Material Aeronáutico OGMA foram fundadas em 1918 e a Embraer foi fundada em 1969. Será necessário fazer contas?

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Carlos Bernardo
12 dias atrás

Quando a Embraer foi privatizada, porque tava á beira da falencia, iniciou programas de aeronaves comerciais com a Aernnova espanhola, que tambem devem bastante a Embraer, com a Sabca belga e com uns chilenos de uma empresa estatal chilena que nao me recordo o nome… portanto mais uma vez o complexo sociopata brasileira lhe toma o raciocinio

Last edited 12 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Helio Val
Helio Val
Reply to  Carlos Bernardo
12 dias atrás

Amigo, em anos de fundação é uma coisa, em estrutura e visibilidade é outra.
Respeito seu ponto de vista, mais mantenho o meu em relação a quem deu visibilidade a quem.
Saudações!

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Helio Val
11 dias atrás

Só porque o povão não conhece, algo que é natural não saber nada de Portugal e dos portugueses e apenas fazer filmes sobre o português que faz pão e pouco mais. As OGMA fazem manutenção de inúmeros aviões da USNAVY, de inúmeros aviões civis e militares de vários pontos do mundo, quando falo em aviões falo também dos motores desses mesmos aviões. Quando a Embraer comprou dois terços do capital das OGMA, já esta fazia reparações e manutenções dos C-130, F-16, Casa C-295, etc. Mas como o povão não sabe nada aqui vai os títulos de uns quantos vídeos: “Aeronáutica… Read more »

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Helio Val
11 dias atrás

Em maio de 2018 as OGMA comemoraram a entrega de 1500 aviões Pilatus pc12 que ai foram construídos. No Brasil conhecem o avião mas não sabem onde foi construído “Monomotor com Jeito de Jatinho. Conheça o Pilatus PC-12 NG” e “OGMA Assinala As 1.500 Unidades Do Avião Pilatus PC-12”. Nunca te esqueças que os portugueses sabem muito mais do Brasil e dos brasileiros do que o inverso, por isso estuda antes de fazeres má figura.

Last edited 11 dias atrás by Carlos Bernardo
Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Carlos Bernardo
11 dias atrás

Já fazem 198 anos que o Brasil é independente de Portugal, e também tem muita coisa que vocês não sabem sobre o Brasil, e tem brasileiros que sabem muito bem a história de Portugal, tem um canal que fez 3 vídeos resumindo a história portuguesa e inclusive mencionando muitos personagens históricos. No estudo da história do Brasil entende-se que tem que estudar a história de Portugal para se compreender o período colonial e o início da formação do povo brasileiro, porque depois muitas outras nações entram no jogo.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Wilson Look
11 dias atrás

Parabéns, pelo menos sabes que D.Pedro IV de Portugal declarou a independência do Brasil em 1822, já sabes alguma coisa de Portugal. Sempre podes ver 3 vídeos de um cara brasileiro tendo por base um artigo do jornalista Carlos Fino “E o Brasil continua a desprezar o “pai”? Relações Portugal x Brasil e a EDUCAÇÃO antilusitana no BR”, “Relações Portugal x Brasil e a EDUCAÇÃO antilusitana no BR. Brasil continua a desprezar o “pai”? 2″ e “Relações Portugal x Brasil e a EDUCAÇÃO antilusitana no BR. Brasil continua a desprezar o “pai”? 3″. Nunca disse que não havia no Brasil… Read more »

Last edited 11 dias atrás by Carlos Bernardo
Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Carlos Bernardo
11 dias atrás

Assim como sei que um dos termos de Portugal para o mesmo reconhecer a independência brasileira era que Dom João VI fosse o Imperador do Brasil e de fato foi por 6 meses(também posso colocar o fato de que esse mesmo tratado estabelecia a realização de uma comissão composta por brasileiros e portugueses para estabelecer um valor a ser pago pelo Brasil a Portugal como compensação pelo dano causado pela guerra de corso promovida pelo Brasil contra a navegação portuguesa), tenho muito interesse em história, principalmente história militar, conheço os feitos portugueses e a importância, me entristece ver a forma… Read more »

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Wilson Look
11 dias atrás

Em primeiro gosto muito do canal mencionado que descobri quando me apareceu como sugestão “As 5 maiores batalhas da história” e gosto da maneira como é narrado, de forma simples e com ironia pelo meio. Infelizmente existe pessoas cheias de ideias, perfeitos idiotas, que não sabem distinguir descobrimento de algo novo e descobrimento de algo que não se conhece, não é necessariamente a mesma coisa isto porque ninguém pode retirar o mérito aos portugueses de terem dado a conhecer o mundo ao mundo. Por fim claro que D. Pedro I cronologicamente falando primeiro foi imperador do Brasil e depois foi… Read more »

Last edited 11 dias atrás by Carlos Bernardo
Helio Val
Helio Val
Reply to  Carlos Bernardo
11 dias atrás

“Os portugueses sabem mais do Brasil que o inverso…” Tal afirmativa é baseada em que? A Embraer é só a terceira maior fabricante de aviões no mundo, e isso caminhando com as próprias pernas. A OGMA tem sua importância pra o “grupo” Embraer? Sim. Mais depende da mesma pra sua existência? Não. O mundo é dinâmico e se não fosse a OGMA e Embraer procuraria outra parceria, caso assim achasse necessário. Não é só a OGMA que fabrica peças pra a Embraer, nem pra o KC390. Saudações. A linha de produção que trouxe interesse pra a Boeing foi a da… Read more »

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Helio Val
10 dias atrás

Essa “afirmativa é baseada” em experiência própria, você fala, eu entendo, eu falo e você diz “Oi” porque não entendeu, Dois quando se fala do Presidente português toda a gente no Brasil associa o Presidente ao poder executivo tal como existe no Brasil, mas não é igual. 3- Apesar de haver um lugar histórico brasileiro de nome “Cais do Valongo” os brasileiros preferem dizer “pier”, e para não me alongar muito o antilusitanismo do ensino brasileiro que podes ver tratado em três vídeos no canal de um cara brasileiro de nome André Carvalho. Claro que a Embraer não depende das… Read more »

Last edited 10 dias atrás by Carlos Bernardo
RENAN
RENAN
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Te digo alguns mercados que a Embraer irá vender.

Irã e China

Depois do carnaval vamos começar a trabalhar pois neste restinho de ano não tem mais nada para fazer abraço

Last edited 12 dias atrás by RENAN
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

Parte da salvaçao da Embraer perante os tempos conturbados que se esperam esta em Portugal, digo reitero e volto a dizer, como disse antes do anuncio do contrato da Pratt & Whitter… Vou Explicar As coisas vao mudar radicalmente, e começaram antes do Covid 19, começaram com as tarifas de trump e a venda da Bombardier… A Embraer vai falir se nao voltar ou a negociar com a Boeing ou arranjar outro parceiro, que nao existee… entao a saida vai ser turboelices, MRO e provavelmente entar como parceiros em programas para a produçao componeents de engines, porque estao quase vetados… Read more »

Luiz Henrique
Luiz Henrique
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

A muito tempo a Embraer considera a OGMA uma engrenagem importante para a empresa, e neste momento de crise sem precedentes o setor de serviços vai precisar dar um upgrade, aí entra a empresa portuguesa. A OGMA está bem posicionada na Europa, e deve receber mais investimentos por parte da Embraer, não sei se será a “salvação”, mas será um caminho também. Rui quem está faltando com humildade é você, que vê insulto aonde não tem, você agora quer que coloquemos vocês numa espécie de altar, que falemos que a Embraer não seria nada sem a OGMA, empresa que 99,999999%… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Luiz Henrique
12 dias atrás

Mas voce duvida que existam Portugueses que nunca ouviram falar da Embraer,Eu nao acho estranho ninguem conhecer a OGMA, nem mesmo em Portugal, quanto mais no Brasil,eu nao acredito que alguem ouvisse falar da OGMA fora de portugal… mas no geral gostei do seu comentario do facto de reconhecer que os portugueses valem alguma coisa… sobre os meus comentarios, eles sao meus, nao sei se algum portugues se sente representado neles…

Nao esqueça que eu reajo de forma reciproca

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Luiz Henrique
10 dias atrás

Queres conhecer, de maneira resumida, as OGMA podes ver no youtube com o título “OGMA, an aeronautics history” portanto pode ver que as OGMA são conhecidas à muito pela USAF, USNAVY e Força Aérea Alemã, recentemente fiquei a conhecer que em Maio de 2018 as OGMA celebraram a entrega de 1500 aviões Pilatus PC12 e também podes ver que as OGMA tem o dobro da idade da Embraer. É natural que no Brasil não conheçam, o antilusitanismo do ensino brasileiro leva qualquer brasileiro a ignorar qualquer informação que diga respeito a Portugal. Apenas quero dizer que as OGMA não são… Read more »

RICARDO
RICARDO
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
13 dias atrás

Pare de dar pitaco onde não conhece …
Tá ficando feio …
Anos luz está está seu conhecimento da história da empresa e de sua capacidade técnica e intelectual.
Sua soberba pela OGMA está virando ufanismo barato !

Last edited 13 dias atrás by RICARDO
Matheus
Matheus
13 dias atrás

Não adianta ter “vitrine” com uma politica de relações internacionais tiradas daquele lugar.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Matheus
12 dias atrás

Embraer continua sendo Embraer? Menos, colega. Pois a empresa quase se transformou na “Boeing Brasil”. Privatização é bom, contanto que o Estado tenha mecanismos de evitar que empresas estratégicas, como a Embraer, acabem indo parar nas mãos de governos estrangeiros.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
13 dias atrás

Quando estiver em operação em Portugal o KC-390 vai ser o maior garoto propaganda do nosso cargueiro no exterior por ser um país europeu membro da OTAN!

Last edited 13 dias atrás by Fabio Araujo
sub urbano
sub urbano
13 dias atrás

Se eu fosse a China fazia uma cópia do 390 só de sacanagem. Vendia pra Bangladesh e Uganda, pagamento em 728 parcelas, juros 1% ao ano.

Jadson Cabral
Jadson Cabral
13 dias atrás

Acho que nós, como brasileiros, devemos estar tão ou mais ansiosos que os portugueses para ver essa aeronave na FAP

Hcosta
Hcosta
13 dias atrás

Uma questão muito importante: Braga em Portugal ou no Brasil?

Marquês de São Vicente
Marquês de São Vicente
Reply to  Hcosta
12 dias atrás

Lendo a matéria, o que você acha?

Hcosta
Hcosta
Reply to  Marquês de São Vicente
12 dias atrás

“…avalia o consultor brasileiro Alexandre Galante, que mora em Braga.”
Isto não tem nada a ver com o artigo, mas achei interessante um dos editores morar em Portugal, isto se for Braga em Portugal.
E ainda dizem que não há coincidências.

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Hcosta
12 dias atrás

Como assim coincidências?

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  peter nine nine
12 dias atrás

O Galante, que ate tem diminuído a participação portuguesa no KC390, inclusive ja disse que eram umas pequenas peças, mas na mente de alguns brasileiros deveria ter escrito isto porque esta a sofrer tortura, por isso esse senhor achar “coincidencia” … sinceramente… ja perderam uma oportunidade para terem uma FAL da Boeing no brasil por serem uns doentes ultranacionalistas pejados de complexos… morei la, e a ideia deles é essa, é estrangeiro é inimigo… quando vem um estrangeiro bajulam, mas a seguir so nao tramam se nao poderem… sao uns doentes… veja-se o que fazem com os treinadores de futebol… Read more »

Last edited 12 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Hcosta
Hcosta
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Sinceramente, escrevi que era uma coincidência porque em vários artigos apareceram alguns comentários, tantos portugueses e brasileiros, com a intenção de denegrir ambos os países e pensei que seria algo de bom em ter um editor em morar em Portugal para demonstrar a ligação entre os dois países.
Eu não sou como o senhor que confunde algumas pessoas com as restantes e, até mesmo, com países. Isso é típico de pessoas com algum atraso civilizacional, qualquer que seja o país que vivem.
Daqui a pouco vai dizer que o meu país é um atraso civilizacional.

FernandoEMB
FernandoEMB
12 dias atrás

Esse papinho Portugal x Brasil é ridículo. Dizer que Portugal (e a OGMA) não são importantes para a Embraer é simplesmente desconhecer as operações da Embraer em Portugal e as capacidades da OGMA, principalmente em MRO de aeronaves militares e comerciais. Portugal é sim importante para a Embraer e acredito sim que essa importância irá crescer ainda mais no futuro. Ufanistas brasileiros fiquem quietos. Agora dizer que Portugal (ou a OGMA) são a salvação da Embraer, que sem as operações em Portugal a Embraer iria a falência e que isso e aquilo… também é um exagero. Como disse no outro… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  FernandoEMB
12 dias atrás

creio que ninguem disse que sem as operaçoes em Portugal a Embraer nao sobrevivia, o que eu digo, e reitero é que Portugal e a OGMA sao parte da salvaçao da Embraer… digo e repido, mas claro os brasileiros, ou grande parte nunca aceitarao

FernandoEMB
FernandoEMB
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Estamos de acordo. Portugal e a OGMA são parte das operações da Embraer e terão seu papel na recuperação da empresa.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Como você sabe a opnião de TODOS os Brasileiros (ou grande parte)? Seria o mesmo que dizer que TODOS os Portugueses são preconceituosos com relação aos brasileiros. São? Ambos os Paises só perdem com esses pensamentos. Está faltando humildade.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  MSomoz
12 dias atrás

eu morei la tres anos e posso-te dizer que sim, os que conheci sao preconceituosos em relaçao a portugueses… tanto que faz parte da cultura brasileira a piada de portugues, conotando os portuguess com burrice

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

E eu já morei em Portugal…
E posso dizer o mesmo. Existem portugueses muito preconceituosos e rancorosos com os brasileiros.
Mas tanto lá como cá daí umas minoria.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Fernando EMB
12 dias atrás

sim, existe, ate é uma natural reaçao, mas ha 20 anos nao eram…

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Fernando EMB
12 dias atrás

Sou português e não acredito no que dizes. Apenas te digo que conheço um cara que comprou um sítio no Espirito Santo com dinheiro enviado de Portugal e que deu o salto depois de ter comprado e ficou uma família portuguesa a pagar ao banco o desfalque, isto que por confiança avalizou o empréstimo, Podes também procurar na wikipédia “Mães de Bragança”. Também conheço um português que imigrou com a família e num dos primeiros dias de escola, voltou nu para casa. Agora podes ouvir muitos brasileiros a protestar com a ação da polícia mas Em Portugal não existem “Engenheiros… Read more »

FernandoEMB
FernandoEMB
Reply to  Carlos Bernardo
12 dias atrás

Morei… e conheci pessoas lá que não iam muito com a cara de brasileiros.

Mas acredita quem quer não é… da mesma forma posso nem acreditar que você seja português.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Sou filho de Espanhóis. Morei na Espanha muito tempo.
Mais que os seus 3 anos. Mas todos sabem que sou Brasileiro.
Conheço Portugal, ficava perto de onde morei. Tenho amigos portugueses.
Tive problemas trabalhando com portugueses.

MAS não posso generalizar que todos são ruins ou bons.

A impressão que tive é que como tem muito brasileiro indo para Portugal, o preconceito é crescente.

Eu também vejo que foram melhor recebidos no Brasil do vice-versa. Minha experiência.

Lembre-se: preconceito, geralmente, surge do medo.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  MSomoz
11 dias atrás

eu sou portugues e cigano, e no meu pais os ciganos sao tratados com discriminaçao, mas nada que se compate a forma de como os portuguess sao tratados aí… eu sou licenciado em Direito,(graduado em Direito) e os tres primeiros anos do curso fiz em sao paulo e terminei aqui, la fui o melhor aluno do curso, porque a minha vida era muito difícil ate um palhaço de um professor falou piada de português numa aula para explicar um raciocínio ilógico… nunca mais voltei ao brasil, mas uma certeza tenho a vossa arrogância vos destroe … so por curiosidade na… Read more »

Last edited 11 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

os portugueses bem tratados no brasil???? nao brinque comigo!!!!, olhe voces ate tem a legislaçao de imigraçao de 1980, altamente protecionista… os Portugueses que foram ha uns 50 anos, fugiam de uma ditadura, e comiam e calava, desde piadas preconceituosas, ate todo o tipo d maus tratos, depois os da minha geração ja nao tiveram para vos aturar, e poucos portugueses com formação que imigraram pro brasil nos últimos 15 anos por la ficaram… enquanto voces consideram normal o preconceito e o antilusitanismo nunca evoluirão

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

Então coloque praticamente todos os outros povos também, porque tem piada de todos.(Eu ouço mais as de alemão)E outra muitos brasileiros fazem piadas, para não ter que ficar sempre olhando as desgraças que ocorrem ao redor.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

Mais uma vez. Na minha experiência foram bem tratados aqui.

O brasileiro gosta de tirar sarro com todo mundo.

Fica tranquilo.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

Amigo. Sinto muito. Supera.
Mais uma vez retardados existem em todos os lugares.

Helio Val
Helio Val
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Se tivesse dito desde o início que eras xenófobo, estariam todos poupado desta discussão.
Jamais eu perderia meu tempo denegrindo a imagem de outro povo ou país, como deve ter percebido em meus posts.

Cadillac
Cadillac
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

Seus comentários só fazem é piorar essa visão sobre os portugueses.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  MSomoz
12 dias atrás

A discussão não é comigo mas “humildade” é algo que nunca vi nos comentários dos brasileiros. Desde a queda do império que os governantes brasileiros tentam denegrir a imagem de Portugal e dos portugueses e a imagem que os brasileiros têm dos portugueses é muito desfasada da realidade e por isso os portugueses sabem mais do Brasil do que o inverso. Isto é tão verdade que apesar de existir um lugar da história do Brasil se chamar “Cais do Valongo” os brasileiros preferiram importar a palavra americana (inglesa) pier

MSomoz
MSomoz
Reply to  Carlos Bernardo
12 dias atrás

Eu sou brasileiro e estou humildemente expondo MEU ponto de vista. Minha experiência.

Repito vejo falta de humildade de brasileiros e portugueses.

Nesse discussão infantil, os dois povos perdem.

E pra mim chega desse papo. Um abraço.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  MSomoz
11 dias atrás

já perderam. A minha vontade de novas parcerias acabaram quando li comentários de brasileiros sobre o facto (fato) do presidente português ter falado no interesse dos indianos no KC-390, quando da sua visita à India, comentários esses tão infames que a minha vontade de parcerias fugi. Vê três vídeos de um cara brasileiros sobre o ensino no Brasiil tendo como base um artigo escrito por um jornalista português Carlos Fino, e os vídeos têm os seguintes títulos; “E o Brasil continua a desprezar o “pai”? Relações Portugal x Brasil e a EDUCAÇÃO antilusitana no BR”, “Relações Portugal x Brasil e… Read more »

Last edited 11 dias atrás by Carlos Bernardo
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Carlos Bernardo
11 dias atrás

grande parte sao uns complexados, a forma como eles nos tratam justifica qq animosidade de nossa parte… mas eu por mim ficava tudo bem, e poderíamos caminhar junto se eles tivessem outra postura, com este comportamento serao sempre tratados por mim sob o principio da reciprocidade. Comigo nao fazem farinha, ja fizeram, mas hoje acabou

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

eles ate deviam ter vergonha vejo aqui comentarios de perfeitos idiotas, fazem lembrar aquele imbecil do marco vargas quando o jorge jesus foi ensinar-lhes taticas do futebol moderno, onde um cavalo qq considerou o nosso campeonato “a porcaria do campeonato portugues” enfim, agora ta la o abel, o sa pinto pra ver se evoluiem alguma coisa… nos portugueses temos humildade e competência, eu guardo o trofeu de ser o melhor aluno do meu curso na Mackenzie em Sao Paulo… la o curso era de 5 anos aqui 4 eu fiz o 3º la, quando voltei e terminei o curso em… Read more »

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

Não justifica nada.

Isso apenas vai perpetuar um ciclo de ódio que só aumentará e nunca terá fim.

Lembre-se sempre, uma minoria tagarela se passa por maioria e uma maioria quieta se passa por minoria, se quiser realmente conhecer um povo, não será vivendo 3 anos no País ou discutido na internet que fará isso.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
11 dias atrás

E se eu te contar que minha amiga PORTUGUESA sobre preconceito em Portugal?

De novo gente ruim tem em todo lugar.

Um abraço.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  MSomoz
11 dias atrás

A questao nao é de bombade ou ruindade, parte dos brasileiros que aqui dizem verdadeiras insanidades nao acredito que sejam más pessoas, o problema é cultural de complexos, essa mentalidade triste leva os brasileiros a terem dificuldades de socializarem com estrangeiros, portugueses principalmente, reparo nestes comentários, mesmo elogiando insultam-nos, e demostra, perfeira ignorância sobre a realidade portuguesa, tem dificuldades em entender as dimensoes de nosso pais, ficam comparando o incomparável, e acima de tudo demonstra uma visao pouco racional.

Nostra
Nostra
12 dias atrás

Kind of related, rumours are IAF might acquire 5 more ERJ-145 for use as Netra AEW&CS. ( ERJ-145R maybe )

Possibly it will be a government to government deal. As of now officially it has not been confirmed, though both chief of Air staff and deputy chief of Air staff had hinted at the same at different occasions ( during webinars ).

Last edited 12 dias atrás by Nostra
Teropode
Reply to  Nostra
12 dias atrás

Seria uma boa opção para a Índia , uma versão AEW&CS do KC390 , equipado com eletrônica israelense ou indiana .

André Sávio Craveiro Bueno
André Sávio Craveiro Bueno
Reply to  Teropode
11 dias atrás

Uma melhor opção seria uma aeronave da família E2.

Conan
Conan
Reply to  Nostra
12 dias atrás

I would´t count on that unless they are thinking about buying 145 second-hand.The production line for that aircraft in Embaer plant in SJC was closed more than14 years ago.

Alexandre
Alexandre
12 dias atrás

Bonito demais esse kc390

Gustavo
Gustavo
12 dias atrás

infelizmente o Brasil está no nivel amador em relações exteriores fazem dois anos. Isso mina nossa vitrine.

Adriano RA
Adriano RA
Reply to  Gustavo
12 dias atrás

Verdade, nossa atual política externa é uma lástima. Temos nos contentado em sermos papagaio de pirata de Donald Trump.

JCMM
JCMM
12 dias atrás

Boa Tarde;

Eu gostava de fazer uma pergunta sem entrar nesta discussão ridícula de nacionalismos,

O pagamento adiantado significa entrega do primeiro aparelho mais cedo?

Se sim para que data foi atualizada a entrega?

Obrigado.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  JCMM
12 dias atrás

A resposta é não. Deve haver um artigo no contrato que diga que a antecipação do pagamento haverá um bónus e aproveitando o cambio das moedas, a antecipação do pagamento em cinco meses dá ao governo português uma poupança de 3,5 milhões de euros

André Sávio Craveiro Bueno
André Sávio Craveiro Bueno
12 dias atrás

Off Topic para o Galante: tenho duas pessoas amigas que moram aí em Braga, ambos ex repórteres da Globo, César Filho e Luciana DeMichelli, e seus filhos Arthur e Cora.

André Sávio Craveiro Bueno
André Sávio Craveiro Bueno
12 dias atrás

Eu não duvido que a entrada em operação do KC-390, tanto no Brasil como em Portugal, será uma vitrine para a aeronave. Neste caso, Portugal está um passo à frente por conta de suas operações sob a OTAN. Isso é um fato. Porém, como todos sabemos, há, entre outras, questões políticas [e econômicas] que podem ser traduzidas pelas pressões de governos para que operadores adquiram aeronaves que não sejam de seu interesse. Caso bastante exemplar dos Estados Unidos com o Hércules e seu FMS. Nos resta torcer para que vendas ocorram e alavanquem tanto a produção como a cadeia de… Read more »

nonato
nonato
12 dias atrás

Sobre os comentários do colega português. Alguns falaram que ele teria feito comentários em outras matérias sem humildade. Não acompanhei isso. De qualquer modo, independente de ele ou outros estarem equivocados, de ele ou nós não termos humildade, acho que há alguns pontos interessantes nos comentários dele. Sem dúvida, já antes da covid havia uma nova situação no mercado de aviões comerciais. A Airbus entrou no nicho da Embraer e, no segmento superior já vinha se sobressaindo em relação à Boeing. A covid trouxe outro baque para o setor. Sem dúvida a Embraer precisa se reinventar e se colocar no… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  nonato
12 dias atrás

Lamento informa.lo mas esta completamente errado na relaçao entre á Airbus com Portugal, primeiro Portugal é o setimo pais da Europa onde a Airbus tem unidades industriais probrias, depois dos fundadores Espanha, França, UK e Alemanha, surgem investimentos industriais e tecnológicos da Airbus na Polonia, Romeenia e Portugal… O item que alavancara no futuro o cluster aeronautico portugues é a Airbus, ora veja caro senhor: “Airbus vai investir 600 milhões em Portugal até 2018 Divisão para a indústria aeroespacial e de defesa da Airbus já concretizou projectos de 350 milhões de euros com empresas portugueses” “Investimento da Airbus é um… Read more »

pampapoker
pampapoker
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Cara estamos em 2020, investir até 2018,…escreveu alguma coisa errada no seu comentário, parei de ler nesta parte.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  pampapoker
11 dias atrás

o que ta errado?muitos investimentos foram feitos outros estao em curso, como é o caso da fabrica da Airbus, fabrica que faz com que portugal seja o setimo pais na europa com unidades industriais da Airbus.
hecer/noticias/noticia/investimento-da-airbus-e-um-dos-mais-importantes-de-sempre-para-santo-tirso

Last edited 11 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
nonato
nonato
12 dias atrás

Com todo respeito, esse título não faz sentido.
O adiantamento é util para que Portugal se torne uma vitrine para a Embraer.
Não é o adiantamento que será uma vitrine.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  nonato
12 dias atrás

Caro Senhor, sobre os investimentos da Airbus em Portugal Lamento informa.lo mas esta completamente errado na relaçao entre á Airbus com Portugal, primeiro Portugal é o setimo pais da Europa onde a Airbus tem unidades industriais probrias, depois dos fundadores Espanha, França, UK e Alemanha, surgem investimentos industriais e tecnológicos da Airbus na Polonia, Romeenia e Portugal… O item que alavancara no futuro o cluster aeronautico portugues é a Airbus, ora veja caro senhor: “Airbus vai investir 600 milhões em Portugal até 2018 Divisão para a indústria aeroespacial e de defesa da Airbus já concretizou projectos de 350 milhões de… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Mas nao pense que porque a Airbus esta a investir forte em Portugal a Embraer sera desprezada, nos nao somos brasileiros, nao andamos no mundo a mal tratar quem nao massage nosso ego nacionalista, entao o gato seja pardo ou branco interessa e que caçe o rato… por isso todos sao bem vindos se agregarem riqueza

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

no outro dia parti do sul de portugal ate ao norte e fui de comboio, trem pra voces entenderem… achei uma maravilha, ver a fabrica da Lauak em grandola, um forneecedor da Airbus, chegeui a Porto vi em santo tirso a construçao de uma fabrica da propria Airbus com 70.000 metros quadrados… e eu conheço a Embraer, fui algumas vezes ao museu casimtro monteegro em sao jose dos campos,,, conheço a Airbus Miitary, em sevilha… e ainda assim fiquei impressionado com os investimentos da Airbus… e tenho de levar com as bujardas de um brasileiro que vive nos convins da… Read more »

Last edited 12 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
12 dias atrás

Este aviao nao vai vender e explico porque… O Brasil esta a se isolar diplomaticamente e compras militares tem um componente diplomático importante… ja os israelitas consideravam o brasil um anao diplomático, o brasil tem por tradição ser conflituoso a nivel diplomático, nunca soube ser flexível, no tempo da esquerda privilegiavam os regimens bolivarianos, hoje privilegiam os EUA, sem trump vao ter problemas… nunca souberam ser flexiveis, neutros… sao muito complexados para tal… esse é o problema, e se Portugal promove a aeronave ficam ofendidos porque os portugueses estariam a dizer que tambem participavam no programa e os brasileiros querem… Read more »

Bosco
Bosco
12 dias atrás

Perdão pelo off topic, mas é muito curioso a Trilogia noticiar qualquer maquete chinês como se fosse uma conquista aeroespacial militar extraordinária e se calar em relação, por exemplo, às conquistas da Space X, que inclusive irá inaugurar hoje as missões tripuladas regulares para a ISS, com tecnologia 20 anos à frente da “concorrência”.

Mabeco
Mabeco
12 dias atrás

Muito estranha e extemporânea essa querela inútil entre portugueses e brasileiros. A quem interessa este acirramento? Certamente, não a brasileiros e portugueses. Não desmereço as razões dos comentadores, mas não podemos desconsiderar que os algorítimos lidam com medos e emoções, uma forma moderna do “divide et impera”.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Mabeco
11 dias atrás

Bem pensado… Realmente estranho um indivído falar tão mal de brasileiros em um site que a maioria é brasileiro… Estou parando de responder a ele.

Fernando EMB
Fernando EMB
11 dias atrás

E cadê a moderação que deveria moderar!?!
Posts que não tratam do assunto e ficam nessa guerra ridícula Tugas x Brazucas.
Muito chato. A discussão que poderia ser interessante fica sem sentido e não agrega nada.
Então vou parar de acompanhar.
Amanhã é outro dia. Serão outros desafios, e muito trabalho no desenvolvimento de aeronaves com um time super competente de brazucas. Isso aqui é só perde perda de tempo.

MSomoz
MSomoz
Reply to  Fernando EMB
11 dias atrás

Entendo e concordo.
Eu errei em dar corda.

Mas voce deixar de acompanhar/comentar pode ser vitoria para os radicais.
Para não falar outra coisa.

Obrigado pelos seus comentários.