Home Comunicações China lança primeiro satélite com tecnologia ‘6G’ no mundo

China lança primeiro satélite com tecnologia ‘6G’ no mundo

2161
29

Satélite testará comunicação na frequência dos Terahertz, essencial para a próxima geração de redes de telefonia móvel

A China colocou em órbita no dia 6 de novembro o primeiro satélite com ‘tecnologia 6G’ do mundo. Operado pela Universidade de Ciência Eletrônica e Tecnologia da China (UESTC), em Chengdu, na província de Sichuan, ele tem como principal objetivo sensoreamento remoto do solo, com foco em áreas como construção urbana, agricultura e monitoramento florestal, e foi lançado a bordo de um foguete Longa Marcha 6 junto com 10 satélites de monitoramento terrestre NuSat, operados pela empresa argentina Satellogic.

O satélite também testará comunicação em uma faixa de frequências que é considerada crucial para a próxima geração da tecnologia móvel, a 6G. Ele é equipado com um um transmissor e receptor capaz de comunicação na faixa de frequência dos Terahertz, e servirá como uma plataforma de testes para aplicação da tecnologia no espaço. Esta faixa de frequências é cobiçada para a tecnologia 6G pois tem como vantagens uma abundância de espectro e alta taxa de transmissão.

Dificuldades no uso prático

Entretanto, comunicação na faixa dos Terahertz apresenta desafios como baixo alcance e a dificuldade de atravessar obstáculos, como construções. São os mesmos problemas que afligem as atuais redes 5G na faixa de frequências conhecida como “millimeter wave”.

Empresas chinesas como Huawei e MediaTek já trabalham no desenvolvimento da tecnologia necessária para as redes 6G. A Samsung espera que ela começará a ser oferecida comercialmente em 2028 e chegará aos consumidores em larga escala em 2030, com velocidades de download de até 1.000 gigabits por segundo.

FONTE: Gizchina, via Olhar Digital

Subscribe
Notify of
guest
29 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo
Fabio Araujo
2 meses atrás

Os chineses podem ter começado fazendo cópias, mas fizeram o dever de casa e faz tempo que estão desenvolvendo tecnologias próprias de ponta!

Luciano
Reply to  Fabio Araujo
2 meses atrás

A real é que na área de tecnologia é difícil alguém que não tenha copiado algo.

douglas
douglas
Reply to  Fabio Araujo
2 meses atrás

Normalmente é assim que começa, o Japão nos anos 30 e 40 eram do mesmo jeito, só faziam cópias

Jean Jardino
Jean Jardino
2 meses atrás

Alguem foi la ver se realmente eh oque diz ser?????? Jaja os americanos dizem que lancaram, um 7G rissssssssssssss

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Jean Jardino
2 meses atrás

Os americanos estão atrás no 5G, é por isso que estão tão desesperados para fazer os países banirem a Huawei.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Allan Lemos
2 meses atrás

Acontece que as sementes da amarga safra que estamos começando a colher aqui nos States foram plantadas a muitos anos atrás. Enquanto a China fazia imensos planos e investia todo o possível na paridade e eventual domínio, aqui a mentalidade de exportar toda a capacidade industrial para lá, assim como deixar de investir em R&D se tornou o modelo. E para que? Para que os endeusados CEOs podessem meter até o último centavo no bolso. Foi embora a base industrial, o R&D começou a perder campo, etc etc.

Last edited 2 meses atrás by Joao Moita Jr
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Joao Moita Jr
2 meses atrás

Perfeito.
Ontem estava assistindo um documentário sobra a cidade de Shenzen e é algo realmente inacreditável.
Está difícil de segurar a China

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Joao Moita Jr
2 meses atrás

Tem uma HQ do personagem Groo, de comédia e muito engraçado, feito nos states mesmo, que conta de forma bem humorada essa história e as consequências.

Antoniokings
Antoniokings
2 meses atrás

Eu havia alertado que os chineses já estavam desenvolvendo a rede 6G.
Só não sabia que estavam tão avançados.
Será fatal para o País que tentar bloquear as empresas chinesas do setor, como a Huawei.
Os processos industriais estão se interligando e se a China já está bem na frente com cidades inteiras interligadas con o 5G, imaginem com o 6G.

Skyraider
Skyraider
Reply to  Antoniokings
2 meses atrás

É a tecnologia a serviço do controle do cidadão, a necessidade é a mãe de todas as motivações.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Skyraider
2 meses atrás

Acho que eles estão mais ocupados controlando a indústria mundial.
E estão fazendo um ótimo trabalho.

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Antoniokings
2 meses atrás

Acho que eles são tantos e com tanto dinheiro que querem controlar tudo ao mesmo tempo.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Antoniokings
2 meses atrás

A chance dos EUA, é o StarLink

Luciano
Reply to  Carlos Campos
2 meses atrás

Creio que são projetos com propósitos diferentes, vejo o Starlink mais como um protótipo de internet no espaço já que hoje a comunicação feita com Marte por exemplo ainda é via rádio. Outro detalhe á a velocidade de transmissão, enquanto o 6G chinês pode trabalhar com 1.000 Gbps, o Starlink trabalha com velocidades de 150Mbps.

Suterminator
Suterminator
Reply to  Carlos Campos
2 meses atrás

China tem projetos para Lua e Marte, 6G no espaço heim rsrsrs

Allan Lemos
Allan Lemos
2 meses atrás

Enquanto isso, uma certa república de bananas só consegue lançar foguetinhos de São João.

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Allan Lemos
2 meses atrás

Mas os salários que essa tal república paga para uma cambada de arigó corruptos e incompetentes de Brasília, junto a uns sangue sugas vestidos a caráter de vampiros e de igual e ainda piores, é muito melhor que dos melhores doutores e engenheiros dos xingling.

Marcos10
Marcos10
2 meses atrás

A China avança rapidamente em várias áreas.
Outra busca relevante que muitos países vem trabalhando é em reatores para fusão nuclear. Enquanto isso o Brasil contempla o nada.

Matheus S
Matheus S
2 meses atrás

Algumas imagens já aparecem na internet dos satélites experimentais, como esse em anexo. Incrível o nível de desenvolvimento da China.

satelite.jpg
Charles Mattioda
Charles Mattioda
2 meses atrás

Senhores, nessa faixa frequência em se tratando de comunicação com satélite e feito por parábolas com sinal altamente direcional. Só fico pensando qual e a potência dos transmissores. Belíssimo desafio.

Agressor's
Agressor's
2 meses atrás

É melhor jair se acostumando, viu pessoal.

Jacinto
Jacinto
2 meses atrás

Outra dificuldade técnica é que as moléculas de água absorvem as radiações na faixa dos terahertz, o que dificulta a utilização desta faixa de frequências em baixas altitudes.

Gabriel BR
Gabriel BR
2 meses atrás

“Ain a China não desenvolve tecnologia , só copia ”
Ah tá !

Frederick
Frederick
2 meses atrás

“Sput-Lee”

PauloR
PauloR
2 meses atrás

O desespero americano só aumenta com esse avanço chines. Vai chegar o momento que terão que se conformar com o domínio chines e não poderão fazer nada. Felizmente o Trump esta ajudando nesse processo jogando a credibilidade do país no lixo.

Cristiano GR
Cristiano GR
2 meses atrás

Bem no momento 00:13 p o 00:14 do vídeo um objeto se aproxima, rapidamente, pela direita do foguete e faz uma curva acentuada e rápida em direção à câmera. Assisti várias vezes tentando ver se era um pássaro ou caça, o que seria uma loucura, mas não consegui identificar. Então classifiquei-o, p mim kkkkkk, como um ovni. Mas é interessante os amigos darem uma olhada e tirarem suas conclusões.

Dionisio
Dionisio
2 meses atrás

Brasileiro não acha nem o ponto G

francisco
francisco
2 meses atrás

É muita propaganda. Ninguem sabe o quanto de verdade e de mentiras tem nisso.

Alison
Alison
Reply to  francisco
2 meses atrás

Acho que os EUA pensou a mesma coisa anos atrás sobre o 5G…