Home Combate a incêndios Turquia freta dois aviões russos Be-200ES para combate a incêndios

Turquia freta dois aviões russos Be-200ES para combate a incêndios

1974
66

Dois aviões anfíbios russos Be-200ES chegaram à Turquia e, a partir de 16 de junho, começarão a trabalhar para suprimir a propagação de incêndios florestais na República da Turquia.

A assinatura do contrato de serviço de combate a incêndios florestais e a implantação de aeronaves foram organizadas pela United Aircraft Corporation (PJSC UAC da Rostec State Corporation) com a assistência do Ministério da Indústria e Comércio da Federação Russa, o Ministério da Defesa Civil , Emergências e Ajuda em Desastres da Federação Russa e o apoio ativo do Escritório de Representação da Corporação Estatal Rostec em Ancara.

O pedido de ajuda no controle de incêndios florestais na próxima estação quente veio do Ministério da Agricultura e Florestas da República da Turquia. Aviões anfíbios Be-200 com tripulações russas estarão de prontidão para ações de combate a incêndios nas proximidades de Antalya, Izmir e Bodrum por 4 meses.

“Hoje vemos os primeiros resultados da cooperação construtiva entre a Rússia e a Turquia no campo da aviação. Conforme os resultados dos acordos entre os países, com a assistência de nossa Representação Comercial na Turquia, que esteve na vanguarda do processo de negociação durante todo o período, durante os próximos 4 meses, poderemos observar como os aviões do complexo técnico-científico da aviação de Taganrog na G.M. Beriev, com equipes de voo russas, ajudará no combate a possíveis desastres naturais nas proximidades de Antalya, Izmir e Bodrum.

“A Rússia possui competências únicas na indústria aeronáutica, o que permite a criação de complexos aeronáuticos exclusivos. O Be-200 é um avião anfíbio projetado para salvar pessoas, animais selvagens e objetos de infraestrutura. A missão desta máquina multifuncional é estar na vanguarda, para ajudar nas situações mais difíceis. Estamos satisfeitos que nossos parceiros turcos possam apreciar plenamente o potencial dessa tecnologia altamente eficiente”, enfatizou o vice-ministro da Indústria e Comércio da Federação Russa Oleg Bocharov.

“O Be-200 é ideal para regiões com clima quente e para trabalhar em áreas de difícil acesso. Anunciou-se enquanto lutava contra incêndios não apenas na Rússia, mas também em muitos países do mundo, incluindo França, Portugal, Itália, Grécia, Indonésia, Israel. Este ano, prontamente ajudamos nossos parceiros turcos. As questões organizacionais foram resolvidas o mais rápido possível, graças ao trabalho coordenado das autoridades russas e locais, o escritório de representação da Rostec State Corporation na República da Turquia”, observou o diretor de cooperação internacional e política regional de Rostec Victor Kladov.

“O Russian Be-200 é um avião anfíbio com características únicas e alta eficiência. A aeronave se comprovou durante as operações de combate e salvamento de incêndios na Europa e no Sudeste Asiático. O Be-200ES é um produto orientado para a exportação, que provoca grande interesse entre clientes estrangeiros. O trabalho conjunto com parceiros turcos mostra que podemos ter um bom potencial para o desenvolvimento da cooperação, inclusive no fornecimento de aeronaves, com o objetivo de aumentar a frota turca de combate a incêndios”, afirmou Yury Slyusar, diretor geral do PJSC UAC.

A aeronave anfíbia Be-200 foi demonstrada durante o show aéreo MAKS 2019, com a presença de líderes russos e turcos. Em 2019, participou do programa de voos do Teknofest 2019 Aerospace and Technology Festival em Istambul e, após o término do fórum, o Be-200 demonstrou suas características únicas para situações reais.

Em 2019, a delegação turca liderada pelo Ministro da Agricultura e Florestas da República da Turquia Bekir Pakdemirli e o Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário da República da Turquia na Federação Russa Mehmet Samsar visitou a PJSC “Beriev” (parte da UAC), local de fabricação onde o Be-200 é montado, um centro de manutenção e um simulador de voo para treinamento de pilotos.

O jato anfíbio multiuso Be-200ES produzido em série é projetado para combate a incêndios, fornece assistência em situações de emergência, implementa missões de busca e salvamento em transporte de água, carga/ambulância e monitoramento ecológico.

O Be-200ES é o único avião a jato anfíbio do mundo, que oferece vantagens inegáveis ​​em velocidade no combate a incêndios. O Be-200 pode levar até 12 toneladas de água. O avião oferece alta capacidade de combate a incêndio em termos de número de quedas de água por hora. Com o aeródromo a uma distância de 100 km do incêndio e 10 km do corpo de água, o avião pode soltar até 270 toneladas de água no fogo.

Em 2003, o avião foi certificado pelo IAC Aviation Register de acordo com os requisitos de aeronavegabilidade AP-25. Em 2007, foi recebida uma adição ao certificado de tipo, permitindo que o Be-200ES fosse usado para transportar 43 passageiros em rotas de médio curso com base em aeroportos e água. Em 2010, foi emitido um certificado de tipo europeu da AESA para o avião.

FONTE: United Aircraft Corporation

Subscribe
Notify of
guest
66 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo
Fabio Araujo
4 meses atrás

Esse é um excelente avião para combates a incêndio, foi um bom negócio.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
4 meses atrás

Será que agora a mídia cairá em cima como foi com a Amazônia brasileira?
Macron, Angela Merkel e Cia, darão um ultimato a Erdogan como fez com Bolsonaro?

Last edited 4 meses atrás by Vinicius Momesso
Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Naquela época também houve incêndios na África, na Austrália e na Rússia, os incêndios na África ( em vários países ) e o da Sibéria atingiram áreas maiores que os da Amazônia e ninguém falou. Inclusive as fumaça dos incêndios da África e da Austrália chegaram no Brasil.
https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2019/09/09/maceio-recife-joao-pessoa-e-natal-enfrentam-a-fuligem-vinda-da-africa.ghtml
oglobo.globo.com/sociedade/fumaca-de-incendios-florestais-da-australia-chega-ao-brasil-24175956
 

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Existe uma diferença gigantesca entre incêndios florestais naturais e incêndios realizados por fazendeiros, madeireiros e garimpeiros para atividades , normalmente, irregulares ou mesmo ilegais.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

E não existem fazendeiros, madeireiros, irregulares ou mesmo ilegais também nesses países?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Vinicius Momesso
 
Poupe-me.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

A sua justificativa tambem vale para corruptos e traficantes tambem? Sim, porquê seu argumento é que nós não devemos combater um ou vários crimes pois ele tambem e cometido em outros países.
E ainda quer que, sigamos o exemplo de comportamento da Russia e de países africanos ao invez de seguirmos os exemplos da europa e dos EUA. Sim dos EUA meus amigos, tenta queimar ou derrubar uma arvore sem autorização do governo, vender madeira sem pagar impostos e ocupar e vender terras que não te pertence lá para você ver o que te acontece.

Last edited 4 meses atrás by Cristiano de Aquino Campos
Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Claro que existem, calhordas existem em todo os cantos do mundo.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Não é defesa desse incompetente que está no poder e muito menos do bando de ladrões que o antecediam. Mas não dá para entrar na onda ser analisar os numeros dos ultimos 30 anos… você irá se surpreender. Esse incompetente pode não ter ajudado, mas a média se manteve. Palavras comovem, numeros convencem.

PACRF
PACRF
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Um erro não justifica outro erro.

Marcos10
Marcos10
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

1) Muitos desmatamentos são legais.
2) Outros são em terras particulares, feitas ilegalmente, simplesmente porque o cidadão lá não tem dinheiro para bancar um projeto.
3) Outros ainda trata-se de queimadas em pastos, nada a ver com desmatamentos.
4) É possível ver as áreas que estão sendo desmatadas ilegalmente? Sim , é possível. Ocorrem dois problemas: a) o Ibama, PF, etc, chega no local e não encontra ninguém; b) o cara é preso, pega um advogado, e a “justiça” manda soltar.

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Meu caro, na Amazônia TODOS são ilegais e o ministro do meio-ambiente revogou a portaria que permitia destruir o maquinário que desmatava, então virou festa, a PF chega, os caras se escondem, a PF vai embora, os desmatadores voltam pro mesmo lugar recomeçando de onde pararam. Virou festa cabocla. Não deve ter conversa, na Amazônia tem que mandar o EB destruir TUDO, TODAS as madeireiras (100% ilegais) tem que ser explodidas, todos os invasores e desmatadores tem que levar bala, só assim para salvar o ecosistema, depois q tudo virar carvão e pasto não adianta chorar pelos filhos e netos.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Rival Sensor
 
É isso mesmo.
Aplausos.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Observação: ilegal que não paga impostos e que gera muito dinheiro que você não vê nada em beneficio da população local, que só ganha uma merreca de dinheiro trabalhando em derrubada das matas e trabalhando em fazendas ilegais quase como escravos. Só quem ganha com isso e o fazendeiro e o madereiro que ganham uma fortuna sem pagar impostos.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
4 meses atrás

E porque são em terras protegidas pela questão da biodiversidade ou dos povos indígenas.
O IBAMA, quando fazia uma inspeção, queimava todo o material dos desmatamentos ilegais.
Só que o Governo Federal proibiu essa prática.
Já viu, né?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Em tempo:
Material seriam as máquinas e equipamentos dos desmatadores.

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Rival Sensor,
 
Isso mesmo! Sem dó, explodir tudo!

J R
J R
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

o PT foi o maior desastre que já teve na política brasileira. PONTO. Este é o pior ministro do meio ambiente que este país já teve. Até a Ministra da Agricultura é mais consciente que este senhor.

MGNVS
MGNVS
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Rival Sensor
Exatamente.
Coloca o EB para tomar conta da Amazonia e acabar essas malditas madeireiras ilegais e grilagem de terras. A Amazonia tem muito a oferecer na pesquisa da flora, no desenvolvimento de novos medicamentos vindos do estudo da farmacologia das ervas que geraria bilhoes em patentes.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Me dá o numero da portaria, quero ler…
 

EVERTON SBRISSE
EVERTON SBRISSE
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Marcos 1) Não me lembro exatamente a porcentagem, mas a parte legal no desmatamento da amazônia não chega a 8%. 2) Na verdade se fomos analisar com cuidado, o que existe é mais uma pratica criminosa, do que falta de conhecimento ou grana. 3) E muito comum as áreas desmatadas virarem pastos para os animais, e as queimadas serve para renovar esses pastos, mas como é feita de modo descontrolado, acaba atingido áreas florestais. 4) Não e só possível, mas se tornou visível, tanto para nos, quanto por qualquer pais no mundo. A) Normalmente, quando não encontra pessoas, encontra equipamentos,… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Pior e que ainda querem que se aumente o rigor das penas para crimes ambientais que coŕrompem e movimentam tanto dinheiro ilegal quanto o tráfico de armas e tem gente que reclama.

2Hard4U
2Hard4U
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

E é tão somente na tua restrita cabecinha que incêndios criminosos só ocorrem no Brasil. Vira-lata!!!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Que aliás ainda perduram. O pessoal e contra a pressão para que o governo faça algo contra essa queimadas e derrubadas que no fim das contas são ilegais, que em nada beneficiam o pais pois a madeira e vendida sem pagar imposto, de terras que são ocupadas ilegalmente e tambem não pagam impostos, e é muito dinheiro sem fiscalização que paga corruptos e e lavado porquem lava para traficantes e politicos corruptos tambem.

Last edited 4 meses atrás by Cristiano de Aquino Campos
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Primeira vez que concordo com o Antoniokings! Vivas!!!

fewoz
fewoz
Reply to  FABIO MAX MARSCHNER MAYER
4 meses atrás

Haha, é verdade. Eu mal vejo o nome do kings e já vou negativando! Mas nessa está corretíssimo. É inacreditável que ainda exista gente tão ignorante neste país a ponto de apoiar as queimadas.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Incêndios em florestas é incêndios. Mas comparar incêndios em restos de florestas com as que acontece na Amazônia é um total descabimento. Os incêndios na Amazônia dão muito mais prejuízos ao bioma mundial do que nesses países. E por favor… Muda a fita… Tudo é a imprensa, é a Globo… Até parece que nos outros governos não era assim e nesse querem a todo custo deixar isento! Um absurdo isso!

J R
J R
Reply to  Luiz Trindade
4 meses atrás

O pior prejuízo é nosso, a Amazônia manda umidade para o Sudeste e Centro-Oeste, sem a Amazônia diga tchau para o agronegócio brasileiro, só os fanáticos não aceitam isso.

JS666
JS666
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Oras, como se o problema não fora o governo não fazendo nada e ainda dando declaração maluca que eram os ambientalistas que tavam tacando fogo na Amazônia.

Paulo Maffi
Paulo Maffi
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Meu Deus, não acredito que li isso! São duas coisas diametralmente opostas. Na Turquia, em regiões mediterrâneas, durante esta época do ano (Verão no hemisfério norte) o clima por lá é muito seco, portanto facilitador de incêndios na vegetação ressequida. O mesmo ocorre no sul da França, Espanha, Portugal e na Califórnia, pois é uma condição natural potencializadora. Já na região amazônica, cujos meses de ‘seca’ chove-se mais do que um ano todo na Turquia, os incêndios florestais são fruo de uma ação deliberadamente antrópica, os dados científicos estão aí, em qualquer lugar sério, bem como imagens de satélite para… Read more »

Mano Jô
Mano Jô
4 meses atrás

O período de incêndios na região Norte/Centro-Oeste daqui a pouco começa denovo no Brasil.
 
Será que no Biroliro vai esperar a situação ficar tão ruim como o ano passado para fazer alguma coisa? Ou vai esperar a mídia internacional iniciar o mimimi?
 
Lembrando que esse ano provavelmente não terá a Austrália para abafar a situação.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Mano Jô
4 meses atrás

É so´colocar o IBAMA com a ajuda da PF ou Exército para patrulhar e, se for o caso, prender quem fica ateando fogo na floresta para desmatar.

Marcos10
Marcos10
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Mesma solução dos crimes nas cidades. É só colocar um policial em cada esquina.
É tão fácil!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Facil séria a corregedoria, policia federal e receita federal pegar no pé de familiar de traficante, policial e agente penitênciário, com carro de luxo importado do ano sem ter como pagar de forma legal.

LUIS CLAUDIO MALLORCA NATAL
LUIS CLAUDIO MALLORCA NATAL
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

O último servidor que realizou uma ação semelhante foi exonerado!

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  LUIS CLAUDIO MALLORCA NATAL
4 meses atrás

O atual governo é cúmplice, sou bolsomínion, mas reconheço que o governo está ERRADO, tem que mandar destruir tudo mesmo, mandar bala nos invasores, os desmatamentos são monstruosos, são fáceis de localizar, ainda mais via satélite, o EB e a PF tem que chegar destruindo tudo mesmo, se o governo continuar permissivo as florestas não vão aguentar.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  LUIS CLAUDIO MALLORCA NATAL
4 meses atrás

E teve um lugar no Pará em que os fazendeiros combinaram de atear fogo em uma reserva florestal e tentaram incriminar o ICMBio da região.
E a Polícia, não sei por qual motivo, estava aceitando a versão dos fazendeiros.
Precisou a televisão publicar tudo, inclusive o grupo de Wapp deles combinando as queimadas, no que ficou conhecido com o ‘Dia do Fogo’.
Isso é Brasil!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Com satelites e drones e mais facil ir no certo do que patrulhar gastando dinheiro rodando quilometros para só conseguir patrular no máximo 10% da area.

LUIS NATAL
LUIS NATAL
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
4 meses atrás

Cristiano, concordo totalmente com você, no entanto te pergunto se o último diretor do INPE não foi exonerado por divulgar estes dados (fotos de satélite mostrando a evolução do desmatamento nos últimos meses)? Temos as ferramentas!

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

O melhor seria o presidente declarar madeireiros ilegais/caçadores como terroristas e deixar a cargo do EB/IBAMA a patrulha da Amazônia.

Dúvido que isso não intimidaria e muito a astúcia desses terroristas, mas tal decreto seria derrubado como tudo que o homem decreta.

Marcos10
Marcos10
Reply to  Mano Jô
4 meses atrás

Esse Birolo, igualmente os anteriores, não vai fazer nada.

EVERTON SBRISSE
EVERTON SBRISSE
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

e vai tentar impedir quem faz.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Esses mesmos países que “ajudam” a salvar a Amazônia, são os compradores do que sai ilegalmente dela. Fato!

J R
J R
Reply to  Mano Jô
4 meses atrás

Até agora não se ouve e nem se vê nada a respeito, para se preparar, para o período das queimadas.

Tallguiese
Tallguiese
4 meses atrás

Vamos combinar né? Que aviãozinho bacana esse!

BrunoFN
BrunoFN
4 meses atrás

Mais cedo ou mais tarde a FAB vai ser obrigada a ter aviões do tipo (n sei como ainda n o tem) .. um esquadrão destinado pro papel de combate a incêndio na região norte do Pais .com aviões especializados . e n meramente aviões adaptados e de recarga demorada como são os KC-390 (futuramente ) e os C-130.. a pressão sobre a amazônia brazuca so tende a aumentar
Joe Biden ofereceu 20 bi como candidato .. aproveita …na verdade o próprio gov brasileiro poderia propor como uma ajuda internacional financiar tal ”projeto” aproveita o ”G7′ pra propor …ue …

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  BrunoFN
4 meses atrás

Amigo, quem tem que ter esse avião são os bombeiros, não a FAB! Isso é papel de bombeiro, a FAB não tem nada com isso, ela pode ajudar fornecendo meios para levar água, mas criar esquadrões pra isso não tem cabimento.

2Hard4U
2Hard4U
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Concordo contigo, mas imagina o chilique que a FAB iria dar se isto viesse a acontecer no futuro.

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  2Hard4U
4 meses atrás

E com razão. Iria subir nas tamancas!!
kkkk

BrunoFN
BrunoFN
Reply to  Rival Sensor
4 meses atrás

Se nem o EB pode ter aviões .. quem dirá bombeiros….temos q aprender a jogar o jogo deles.. se estão tao preocupados , q financiem soluções tb….alem do q , vai se criar uma narrativa positiva , efetiva e midiático …em relação as queimadas no Brasil .. Quanto a FAB operar aviões do tipo ..vai ser uma alegria so (brinquedo novo,destaque midiático nacional e internacional.. uma festa ) . melhor ainda sendo anfíbios … como o proprio BE-200 ou mesmo o CL-415(ainda e produzido ?)…8 a 12 aviões do tipo n e pedir mt ^^ .alem de um aporte financeiro… Read more »

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
Reply to  BrunoFN
4 meses atrás

comment image
 
 
Eu acho que a obtenção de aeronaves anti-incêndio deveria ser do interesse dos estados amazônicos,eles que deveriam ser os mais interessados na aquisição de tais aeronaves…
 
Acho que não seria difícil nove estados se unirem e comprarem uma aeronave que custa RUB1BI de Rublos (USD14.282.000.000 milhões ),certamente poderia ser usado até Real para adquirir tal aeronave,já que o Brics aprovou o uso de moeda comum no comércio.
 
 
 comment image
 
 

Last edited 4 meses atrás by ADRIANO MADUREIRA
Tallguiese
Tallguiese
Reply to  BrunoFN
4 meses atrás

Se a Fab optar um dia em escolher um anfíbio para a função combate à incêndios acredito que o canadense CL-145 seria o ideal.

LUIS NATAL
LUIS NATAL
Reply to  Tallguiese
4 meses atrás

Concordo. Um CL-415 vai custar em torno de 150 milhões de reais! Mas deve-se pensar macro e com planejamento: incorporar a aeronave na FAB para missões de transporte na amazônia legal e, sempre que necessário, deslocar pelo país para auxiliar o enfrentamento à incêndios. Se não me engano o último anfíbio da FAB foi o Albatroz.

Italo Souza
Italo Souza
4 meses atrás

Lindo e eficiente, bom negócio.

Mauro
Mauro
4 meses atrás

Parabéns aos nossos irmãos turcos. Força total, Erdogan.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
4 meses atrás

Enquanto aqui no Brasil se queima as florestas amazônicas com aval do governo ao invés de combater os incêndios. Brasil sendo mais Brasil!

Coutinho
Coutinho
4 meses atrás

Pois é. 80% dos comentários não tinham nada a ver com a materia. Realmente trágico.
Aviãozinho interessante. Gostei do design.

JuggerBR
JuggerBR
4 meses atrás

O Be-200 pode levar até 12 toneladas de água.” “Com o aeródromo a uma distância de 100 km do incêndio e 10 km do corpo de água, o avião pode soltar até 270 toneladas de água no fogo.”
 
Tem algum erro na redação ou tradução da matéria, até helicópteros pesados carregam mais de 12 toneladas de água…

Tomcat4,2
Tomcat4,2
Reply to  JuggerBR
4 meses atrás

Ao que parece a capacidade do avião é esta de 12 t mesmo.

JuggerBR
JuggerBR
Reply to  Tomcat4,2
4 meses atrás

Deve ser mesmo, pois este link mostra que o gigante 747 solta ‘apenas’ 76 toneladas de água…
 
https://ifronline.blogspot.com/2009/07/boeing-747-bombeiro-o-maior-aviao-anti.html

LUIS NATAL
LUIS NATAL
Reply to  JuggerBR
4 meses atrás

A desvantagem do 747 é a mesma do C-390, C-130…..aeronaves que precisam reabastecer os tanques de água para cada perna em aeródromo……já os anfíbios BE-200 e CL-415 abastecem seus tanques em toque sobre a água, aumentando substancialmente o numero de surtidas possíveis (logicamente se o corpo de água estiver próximo).

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
4 meses atrás

Uma maravilha da engenharia russa, que bem poderia estar no Brasil salvando florestas.
 
A FAB (ou o exército, sei lá) poderia operar uns 4 ou 5 destes tranquilamente… demanda por trabalho e operações há aos montes num país de gente arrogante, desonesta, individualista e gananciosa, como o nosso, em que entra governo e sai governo, não se consegue combater o desmatamento ilegal.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
4 meses atrás

Que tenham sucesso na empreitada!!

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
4 meses atrás

comment image

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
4 meses atrás

comment image

Salomon
Salomon
4 meses atrás

Uma pergunta de leigo, peço perdão pela obviedade: ele se abastece de água pousando e decolando? Qual seria a extensão necessária?