sábado, maio 8, 2021

Gripen para o Brasil

Acionamento involuntário de assento ejetável do Tucano provocou morte de militar da FAB em 1987

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Em 1987 piloto da FAB faleceu após acionar involuntariamente o assento ejetável do T-27

No dia 21 de julho de 1987 o capitão aviador da FAB Ronaldo Rui Lobo César faleceu em São José dos Campos, vítima de fraturas múltiplas e graves ferimentos. Segundo nota da FAB divulgada na época o acidente que resultou na morte do então capitão Lobo foi “provocado pelo acionamento involuntário do assento ejetável” da aeronave T-27 Tucano. Lobo taxiava a aeronave na pista do aeroporto de São José dos Campos quando ocorreu o acidente.

O capitão Lobo havia ingressado na Academia da Força Aérea em 1974 e sua promoção ao posto de major deveria ocorrer no mês seguinte ao acidente. Piloto de caça com mais de duas mil horas de voo, Lobo pertencia à Divisão de Ensaios em Voo do CTA, onde era responsável pela Comissão de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos.

- Advertisement -

33 Comments

Subscribe
Notify of
guest
33 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
JuggerBR

O assento do T-27 não era o mesmo mk10 usado nos A-29?

Leandro Costa

Salvo engano era diferente sim, Jugger. Lembro que inclusive foi uma das alterações feitas no Shorts Tucano.

Paulo

MK4. Esse é o Modelo usado no T27 da FAB.

Rinaldo Nery

Mk8 BR-LC

Clésio Luiz

Salvo engano é um Martin Baker, mas um modelo mais simples sem capacidade zero-zero (zero altitude-zero velocidade).

Leandro Costa

O que faria mais sentido, visto que o militar perdeu a vida.

Só ainda não entendi como um piloto experiente comandou a ejeção por engano.

Marco

Leandro o Cap. Av. Lobo estava utilizando um T-27 equipado com um equipamento no manche utilizado para medir os esforços sobre o mesmo. Quando foi regular a altura do assento este equipamento chamado de manchimetro enroscou e puxou acidentalmente a alça provocando sua ejeção.

Leandro Costa

Marco, obrigado pela resposta. O FernandoEMB havia respondido mais abaixo, mas de qualquer maneira agradeço pelas informações.

Clésio Luiz

Após uma pesquisada, é um Martin Baker Mk8S, com capacidade zero altitude, porem com velocidade mínima de 70 nós/ 130 km/h.

http://martin-baker.com/products/mk8-ejection-seat/

Aparentemente é igual a um Mk10 porem com explosivos no lugar de foguetes, para baratear o equipamento, daí ele perder a capacidade de funcionar a zero velocidade.

Maurício Veiga

Acredito que o T-27 sempre foi equipado com assentos ejetaveis 00, era um requerimento da FAB !!!

Rinaldo Nery

0/70

Flanker

O assento ejetável do T-27 é um Martin-Baker Mk8L. Ele não é zero-zero como o Mk10.

JuggerBR

O assento era diferente dos A-29?

JuggerBR

mk10?

Marcos10

O assento do A29 é do tipo zero-zero.
No caso do T27 em questão havia um dispositivo para medir esforços do manche. Ao ajustar o banco o cabo de ejeção enroscou no tal dispositivo, o que levou ao acionamento.

Fernando EMB

Era um voo de ensaio… Havia um equipamento, um dinamômetro eu acho, para medir forças nos comandos… Parece que o dinamômetro enrroscou na alça de ejeção e…

Leandro Costa

Ahhhh isso sim responde minha principal dúvida. Obrigado, Fernando!

Fabio

Essa passagem tem em um fascículo da abra-pc, da qual não me recordo o número da publicação, mas lá o fato é narrado em maiores detalhes.

Fernando EMB

Logo vão negativar o post…

Andrigo

Não se preocupe com os espíritos de porco, pois eles estão em todo lugar, aqui não seria diferente.

E as pessoas de bom senso, que creio eu ainda são a maioria, pode ter certeza que se sentem agradecidas por você compartilhar suas histórias e conhecimento.

Saldanha da Gama

Onde assino? Já pedi ao editor que informe quem deu os deslikes, estão dando , não sei se é pra tumultuar ou por infantilidade mesmo. Gostaria muito de saber quem o faz. Saber quem está impregnado com este ” espírito de porco”

Nilo Rodarte

Eu confesso, podem me negativar, mas tem um determinado comentarista que frequenta o fórum que eu normalmente dou dislike nele sem ler o que ele escreveu (que normalmente é bobagem). Dias desses eu dei dislike nele e depois que li o comentário era um raro comentário que fazia sentido, mas pelo conjunto da obra eu mantive o dislike.

Leandro Costa

Fernando, é normal receber negativos mesmo quando se está dando uma informação oficial e corriqueira, então nada mais me surpreende faz algum tempo, mas acredite que essas informações são bem apreciadas por aqueles que gostam do assunto.

nonato

Agora é oficial. Rs.

Caloro

Muita sacanagem de vocês colocarem um título assim! Sem especificaram o ano!

JuggerBR

Caloro, que nome mais adequado… não conseguiu ler 1987 no título ou desistiu antes do fim?

Caloro

Falo do titulo da pagina inicial! Veja la para ver se nao tenho razão!

Leandro Costa

Tem as reticências (se não sabe o que significam os três pontinhos, deveria ter prestado mais atenção nas aulas), passando o mouse em cima você consegue ler o título completo, e ainda por cima, logo abaixo da manchete em si você consegue ler o início da matéria, que começa já falando de 1987.

Se você não sabe navegar na internet, ainda vai se decepcionar muito por aí, mas não é culpa do site. Acho melhor você navegar mais pela internet para ir se acostumando com certos padrões.

Leandro Costa

Hein? Não serve o ano de 1987?

Marcelo Danton

Por favor envie minhas mais sinceras condolências aos familiares e amigos.
FIQUEM BEM!

Sergio

Isto é o que importa. O cuidado com a família…..

Fred

Não entendi porque pinçaram essa tragédia com o Lobo do nada.

Reportagens especiais

Cavanaugh Flight Museum – parte 3

O CFM mantém vários “warbirds” em condições de voo que fazem apresentações em ocasiões especiais e eventos comemorativos. Nesta terceira parte de nossa visita...
- Advertisement -
- Advertisement -