domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Futuro caça PCA pode custar três vezes mais que o F-35

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Concepção inicial do PCA – Penetrating Counter Air

WASHINGTON – Um jato de superioridade aérea da próxima geração para a Força Aérea dos Estados Unidos (USAF), conhecido como Penetrating Counter Air, pode custar cerca de US$ 300 milhões em dólares de 2018 por avião, informou o Escritório de Orçamento do Congresso (CBO) em um novo estudo.

A esse preço, o PCA teria o custo de mais de três vezes o do jato F-35A, que é definido em cerca de US$ 94 milhões.

Esse valor, embora não seja uma estimativa de custo oficial do Pentágono, representa a primeira vez que uma entidade governamental avaliou o preço potencial para o PCA.

O CBO estima que a USAF precisará de 414 aeronaves PCA para substituir os atuais F-15C/D e F-22, atuais caças da Força Aérea voltados para o combate ar-ar. Também supõe que a primeira aeronave entrará em serviço em 2030, com base no desejo declarado do serviço de começar a colocar em campo o PCA em torno desse período de tempo.

A razão para o preço enorme seria o custo das novas tecnologias. Segundo o CBO, “a aeronave PCA provavelmente teria uma maior autonomia e capacidade de carga, além de recursos stealth e sensores aprimorados, do que o F-22 de hoje; essas características ajudariam a operar na presença das defesas aéreas de alto nível que o DoD acredita que a China, a Rússia e outros adversários em potencial podem ter no futuro”.

FONTE: Defense News

- Advertisement -

95 Comments

Subscribe
Notify of
guest
95 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
carcara_br

2030? Esse negócio já deve está voando escondido por ai rsrsrsrs

Tomcat4.0

Com certeza!!! O F-117 que o diga hein, já existia a mais de 10 anos antes de seu aparecimento no Golfo !!!

Agnelo

E o Silent Hawk q, se não caísse na missão do Bin Laden, ainda não saberíamos dele.

Tomcat4.0

Pois é, nunca mais se ouviu mencionar a máquina.

carcara_br

Estou muito curioso pra ver a manobrabilidade desta nova geração sem estabilizadores verticais. Pena que vai demorar um pouco pra sair.

JPC3

Talvez estejam utilizando lasers e armas de microondas e nem precisem mais manobrar.
É uma das coisas que eles pretendem, não sei se conseguirão em dez anos.

Antoniokings

Até lá, os russos usarão torpedos fotônicos e os chineses terão uma nave klingon.
Quanta baboseira.

JPC3

Pesquisa um pouquinho então antes de escrever.

Vai pesquisar um pouco, chega de opiniões vazias. Vai pesquisar sobre as capacidades dos caças de 5° geração e das futuras capacidades do caça de 6°.

Até lá a Rússia vai estar comprando Mig-35 para salvar a Mikoyan da falência.

Lucio Maia Pinheiro

Os chineses terão um unicórnio também, terror do PCA

Edson Parro

carcara_br
Mas o B-2 Spirit já não tem estabilizadores verticais.

carcara_br

O detalhe é que agora é um caça, por isso a curiosidade!

Lucio Maia Pinheiro

Sim, já deve estar voando ao menos de forma experimental, e um bando de fanático que o viu achando que na realidade, viu um OVNI

Flamenguista

Nada como uma Gerra Fria para alavancar o conhecimento humano!!

Joao

E encher os bolsos de muitos $$

Victor Filipe

2030… praticamente 11 anos de desenvolvimento e fabricação… isso é um tempo relativamente curto… Haja grana em…

JPC3

Mas é difícil que não hajam atrasos e aumentos de custo.

Augusto L

11 anos não é pouco não.
Caças legados tem um ritmo de 7-5 anos.

Ricardo Bigliazzi

Estou descrente com a humanidade

DOUGLAS TARGINO

Deve voar a uns 50 km de altura, só pode! kkkkkkkkkk

Tomcat4.0

Se ficar tão belo quanto a ilustração já será uma evolução em relação ao F-35 em matéria de design/beleza(sei que isso não tem nada a ver com capacidades ok) e somando a toda uma evolução em relação ao F-22 vai ser show e pra se manter na vanguarda a frente dos demais o preço é foi e continuará sendo beeeeem mais alto.

andrepoa2002

Hummm.. pelo prazo apontado, as pesquisas devem estar bem adiantadas, quem sabe tem um demonstrador de tecnologia voando na madrugada do deserto americano. Chinas e russos que se cuidem.

Lotorio

300 milhões pra ser derrubado por um s300

JPC3

Deve ser, até hoje o S-300 não serviu nem para avisar a força aérea russa que os F-22 estavam se aproximando.

Inclusive o F-22 conseguiu se aproximar de formações russas sem ser percebido diversas vezes, mesmo com S-400. Em uma das ocasiões os sukhois só perceberam a presença do Raptor porque os RWRs das aeronaves localizaram o APG-77 a 3 km de distância.

JPC3

Evento que foi chamado pelos russos de “contato com aeronave não identificada”.

Lotorio

Ahã…. Que nem o f117 que peaozinho comum mudou a frequência do radar e sepultou o projeto fodástico do f117 com um míssel antigo kkkkkkk…. Isso aí é pra enganar otários se governos afora….

JPC3

Cara, contra fatos não há argumentos.

Aqui mesmo saiu a notícia de que os Su-35 só interceptaram os F-22 depois deles terem feito várias manobras no alcance visual de outras aeronaves russas.

Só pesquisar um pouquinho.

JPC3

Um F-117 abatido depois de 1000 missões não é nada. E só foi aposentado 5 ou 8 anos depois porque tinha furtividade de primeira geração.

JPC3

https://www.aereo.jor.br/2017/12/09/caca-su-35s-russo-colocou-f-22-para-correr-na-siria/

Como você pode ver a interceptação realizada pelos Sukhois só aconteceu depois do Raptor ter contado visual com outras aeronaves russas. Ou seja, o F-22 teve tempo de atirar em todas.

E a fonte é russa.

_RR_

Prezado,

O abate do F-117 no Kosovo foi muito mais complexo que isso… Envolveu uma combinação de fatores, que vão desde falhas cometidas pelos americanos até um planejamento sem par dos sérvios para que ocorresse.

Mesmo hoje, abater uma aeronave como aquela iria requerer uma combinação de sistemas de detecção e ELINT que poucos detem, e menos ainda tem condições de operar a contento.

ScudB

Desculpe amigo _RR_!
Mas aldeia Budanovci (onde foi abatido F-117) fica do outro lado da Servia. Por tanto não seria correto falar “O abate do F-117 no Kosovo”.
E sim, concordo com o resto do seu comentário.
Um grande abraço!

_RR_

Caro ScudB,

Obrigado pela correção.

Saudações!

Eduardo

Resumindo, o abate do F117 foi uma cagad… ops! golpe de sorte que não se repetiria em nenhuma outra vez até sua aposentadoria.

Por anos o F117 passou incólume pelo espaço aéreo inimigo concluindo suas missões e trazendo sua tripulação de volta e esse povo ainda quer usar essa cagad… ops 2! golpe de sorte como argumento kkk é muita cara de pau!

Wagner

Ele foi derrubado por causa de um erro no projeto do sistema de lançamento de mísseis, durante um curto período de tempo o mecanismo deixava o avião visível aos radares, o soldado em terra aproveitou a oportunidade e é só. Posteriormente a falha foi corrigida, o soldado em terra operador da arma terra-ar e o piloto do f117 se tornaram amigos.

Willber Rodrigues

300 milhões a unidade.
Nem deus sabe quantos bilhões ( trilhões?) custarão P&D disso. Me pergunto quem vai entrar em parceria nisso. Quase foi um parto pra cada um dos associados do programa F35 pagarem suas partes, com o custo aumentando a cada novo problema encontrado.
O Tio Sam vai ter grana pra fazer isso, a nova geração de submarinos nucleares e o B21 Raider? Lembrando que o sub e o Raider serão usados apenas pelos EUA…

Beto Santos

Willber se for na mesma concepção de uso do F 22 os americanos não vão ter parceiros neste projeto e se tiver acredito eu que sará muito restrito e não esta festa que que foi o F 35 .

Willber Rodrigues

Se for na mesma linha do F22, B2 e F177, que é exclusivo pra uso americano, então cada programa vai pra casa do trilhão de dólares fácil fácil.
Sei não….quando começarem a botar os custos desse caça na ponta do lápis e descobrirem que é um saco sem fundo, duvido muito que os EUA não mudem de idéia e comecem a ir atrás de parceiros.

Tomcat4.0

O mesmo alto preço da supremacia militar que se pagou na época do F-22 só que agora bem mais salgado devido às evoluções tecnológicas que se pretendem incorporar na aeronave. Farão com certeza sozinhos e na miúda.
Creio realmente que corre risco de até haver protótipo já sendo testado .
Só do F-35 estar a todo vapor já garante que o trunfo está bem guardado na manga.

André Zanatti

É muito dinheiro jogado no lixo, os EUA estão a beira da falência, e vão arrastar o mundo com eles, aí vão criar a 3 Guerra Mundial, pra ferrar com todo mundo, é lástimavel, ver tanto dinheiro sendo usado pra raça humana se auto destruir 😔😔😩😢!!!

Afonso Henrique Caetano de Sousa

Incrível. O armamento em si e toda a estrutura de pesquisa e industrial que levam ao equipamento.

Rommelqe

Acredito que boa parte dos recursos contabilizados como gastos no programa do F-35 ja tenham sido, na realidade, empregados no PCA. Seria uma forma “camuflada” (stealth) de desenvolver esse outro programa sem chamar muita atenção…Faz sentido?

WVJ

Faz sentido pra mim.
Os americanos não devem ser os trouxas que às vezes parecem aos olhos sino-russos.

Lucio Maia Pinheiro

Faz o mais completo sentido. Nós é que não fizemos isso no passado, para compensar a falta de investimentos no setor pelo governo.

ODST

É melhor aumentar esse tempo de desenvolvimento em mais uns 10 ou 15 anos, caso o contrário corre-se o risco de terem um Natimorto-35 v2.0…..

Rinaldo Nery

Penetrating? Lembra outra coisa… Avião x rated? Rsrsr
Desculpem. Não resisti. Lembra aquele avião do filme, com inteligência artificial, que conversava com o piloto.

Cbamaral

Sthelt Ameaça invisível

F-37 talon com piloto humano vs su-37 terminetor biplace ( sim biplace no filme) Vs Avião de inteligencia artificial

Tomcat4.0

Filme muito legal e a Jéssica Biel lindíssima pra melhorar então.rs

Fulcrum

Amanhã a China aparece com um proposta equiparada pra não perder o ímpeto.

Gonçalo Jr.

US$ 94 milhões por unidade com o F-35 tendo uma carteira de mais de 4 mil unidades previstas. Isso foi considerado? Ou fizeram a conta como alguns que criticam o Gripen NG pelo preço unitário que a FAB vai pagar por 36 caças mais os 60 que a Suécia encomendou?

Lotorio

Pois pois…. Os radares também eram 1 geração … Tudo relativo….

JPC3

Todas as forças aéreas do mundo estão comprando ou fazendo aeronaves furtivas, incluindo Rússia e China. Só os russos tem uns 3 projetos de aeronaves Stealth, os Chineses tem 5 ou 6.

Ninguém vai acreditar que as 20 forças aéreas mais modernas do mundo estão erradas.

William Munny

Mais um futuro elefante branco soltador de pecinha…

Antoniokings

Pois é. Americanos são otimistas.
O atual nem funciona direito e já estão projetando o próximo.
E nem sabe a quantas andará o Mundo por esses tempos.
Vai saber”

Bezerra(FN)

O atual se chama F-22 Raptor, e funciona muito bem a 15 anos. Seu substituto provavelmente o será também. Ele será um caça de Superioridade Aérea, não um Multifuncional como o F-35, que por sinal, já tem 4000 encomendas. 😉

Pursuit

Os “gastos” a mais com F35 explicado.
Já deve estar voando por ai e comentárista de internet se “achando o máximo” criticando os valores do F35.
Sabe de nada inocente.

Tomcat4.0

Ótima colocação, e faz sentido gritantemente.

Almeida

Acho difícil, por diversas vezes os custos do F-35 quase causaram o cancelamento do programa, não acho que esse seja o melhor projeto para embutir outro projeto dessa magnitude.

A Lockheed enfiou a faca no contribuinte americano mesmo.

Baschera

A USAF não perde tempo no desenvolvimento e pesquisa para esta nova aeronave.
Requereu Us$ 147 milhões para 2018, Us$ 504 milhões para 2019….seguindo até Us$ 3,1 bilhões para 2022.

Sds.

Maurício.
Hawk

Nâo sei de nada, não sou militar, não sou estrategista. Mas acho que ninguém vai gastar uma quantia dessa sem saber o que está fazendo, e quem faz pela “metade do preço” sempre esconde parafusos sobrando na hora da entrega.

JT8D

A única certeza é que será mais caro do que o previsto e também demorará mais a ser desenvolvido

_RR_

É por essas e outras que penso que cada vez mais ganhará importância o conceito de Prompt Global Strike. Manter forças convencionais distribuídas pelo globo, tal como se faz hoje, será cada vez mais difícil para os americanos, quer seja pelas quantidades que haverão de serem mais reduzidas ou pelos custos crescentes… As formas assimétricas de se lutar também fazem com que se multipliquem os alvos de curta exposição, que estão muito além da capacidade de resposta das armas atuais, praticamente exigindo esse tipo de empreendimento. Essa também é uma verdade para os russos e as demais potencias europeias, todos… Read more »

Carlos Campos

Realmente cadê os helicópteros stealth que os fizeram? o B 2 passou um tempão desde que surgiu ao público, vai saber a quantas anda o projeto desse avião.

Kemen

Bonito é, vamos esperar que esteja disponível e analisar como alguns paises que disporão de verba para compra a análize do custo/beneficio e, se o senado dos norte americanos aprovar a venda na ocasião. Espero que seja um sucesso apesar de preço salgado previsto!

Tadeu Mendes

Já vão mais de cinquenta anos que a USAF emprega as mais variadas, e as mais avançadas aeronaves de combate engenhadas pelas empresas americanas.

Muita Ciência e tecnologia para se manter na vanguarda.

JT8D

Impressionante, quase 50 comentários e ninguém ainda sugeriu que a FAB compre esse caça para fazer um “mix hi-lo” com o Gripen

Tomcat4.0

Aleluuuuuuuia!!!rs

Lotorio

Não foi o que vi, diretamente do operador do radar, entrevista com ele, que foi uma simples mudança de freq, inclusive hoje o que abateu o f117 é amigo do piloto que ejetou …
Ficção científica é diferente de realidade…

JPC3

Você tem direito a sua opinião, mas isso não muda o fato de todas as grandes forças aéreas do mundo estarem correndo atrás de aeronaves stealth, principalmente a força aérea chinesa.

Goste ou não o mundo inteiro segue o caminho dos EUA.

Alessandro

é quem pode, pode, quem não pode COPIA, ou tenta roubar a tecnologia rsrs..

Tomcat4.0

Precisa gritar???rs

Luiz Trindade

ZZZZzzzzzzzzzz

TeoB

Bem não achei o custo do F-35 tão alto assim, pesando da seguinte forma, a versão da USAF e da USN são praticamente o mesmo avião, muda o trem de pouso e umas outras coisas…
Mas agora o f-35 b, esse é outro avião!
Motor diferente, estrutura diferente, só o cockpit é o mesmo… Então se pensarmos que o custo foi para projeto do dois aviões de 5° geração, bem eu acho q deu na média… Pois não sabemos quanto custou o J20 e o Su57

Thiago Telles

Se fizerem funcionar direito dessa vez pode custar ate 4 vezes mais q o f35 q vai valer a pena.

Farroupilha

300 milhões, e no futuro, só isto? Salve engano, o F-22 saiu por cerca de 330 milhões de doletas. Quem pode, pode! – Quanto a configuração sem estabilizador vertical é algo que os americanos já tem experiência com o B-2, não será nenhuma grande novidade para eles. Mas, ainda assim é muita grana num só aparelho… Seu porte realmente deverá ser bem maior que o do F-35. Para carregar muito mais equipamentos. Quem sabe dois, três, drones irmãos menores linkados (transportando radares, voando afastado dele, na hora mais próxima do inimigo), além do armamento em si. Certamente, vai ser para… Read more »

Tomcat4.0

Cossacos e formigas,hauhauhauhauhau!!!

Dennys

Essa estratégia americana de lançar qualquer ideia aleatória sobre futuros caças, para tentar confundir adversários sob desenvolvimento tecnológico já não funciona mais há uns 20 anos, isso só serve para alimentar “fantasia” de leitores de blogs.

Mauricio R.

Tem um papo na internet que a próxima geração de caças será algo entre o G-550 e o próprio B-1 recauchutado, conhecido como B-1R.
E que poderão ter de 4 a 6 tripulantes.

Baschera

Uma “arte” sobre este projeto.

https://youtu.be/Lnz704hHT28

Sdsm

andrepoa2002

Não dá para negar que é muito interessante!

Lotorio

Concordo contigo em partes, mas não é só opinião, foi o que li de uma entrevista diretamente da pessoa envolvida, faz anos, se tivesse colocaria o link aqui, mas se der uma busca acha, eachei bem legal o fato de terem se tornarem amigos.
E nada disso muda o fato de que propaganda é a alma do negócio e convenhamos, nisso os americanos são mestres.

_RR_

Creio que o conceito stealth vai muito além de propaganda… Se vai continuar a ser eficaz ou não, isso é discutível frente aos avanços recentes. Mas a sua efetividade até aqui não pode ser negada. O F-117 mesmo realizou milhares de missões muito bem sucedidas, tendo apenas esta perda registrada. Não há aeronave de ataque no mundo com tal histórico. — Não foi só uma “mudança de frequência” a causa do abate do F-117… Houve, isso sim, o emprego correto de radares de baixa frequência. Já é fato conhecido que radares de baixa frequência operam fora da faixa de efetividade… Read more »

Anderson

Falta aos americanos, uma segunda linha de aeronaves modernas concebida do zero. Não essas atualizações de F18, F16 e F15.

Além disso, os americanos poderiam inovar com projetos como esse com um custo mais baixo. Sei que dinheiro pra eles não é problema (há controvérsias), porém os custos estão estratosféricos. Até o tio Sam estranha tamanhos gastos. Mas é claro, ser o líder em armamentos militares não tem preço.

Paulo Costa

Eu nao sou especialista em aviação mas pergunto que Sera que não seria muito mais barato reabrir uma linha de montagem para uma nova versão melhorada (tipo Super-Raptor rs) do caça F22 Raptor ao invés de começar do zero um novo caça de superioridade aérea.

Afinal, o caça F-22 Raptor ta quase novo e parece estar desempenhando seu papel ao que muito bem então esses gastos exorbitantes me parecem sem necessidade imediata e só favorece a bilionária industria de defesa americana.

Negrão

Será que até 2030 já conseguiram resolver todas as broncas do F35 e do SU 57?
Ou será que esse novo avião vêm cheio de problemas, igual ao F35?

pgusmao

Quando aparece na mídia, o avião já deve estar voando há algum tempo!! Imagina o que deve ser essa “máquina”, quando o SR-71 apareceu para o mundo já existia há um bom tempo.

Filipe Prestes

Será que não seria mais vantajoso (financeiramente) construir uma nova versão encima do F-22 algo tipo um Super Raptor? Afinal, nenhuma outra aeronave stealth de nenhum outro país chegou ao estágio de qualidade do F-22. Será que não é exagero (pra não dizer sacanagem com o contribuinte americano) embarcar num projeto estratosfericamente caro e sugador de recursos maior que o Vazio de Böotes? A ver…

HMS TIRELESS

É uma das possibilidades por agora…

Harold

Sexta geração e por este preço deveria ser algo como o XWING FIGHTER, ou aqueles caças da GALÁCTICA.

Moises

Parece que esse negocio de falra de dinheiro é somente para alguns rssss!!

Vinicius

Lembro nessas horas do projeto Aurora que a mais de 10 anos era comentado e que supostamente foi abandonado pelos EUA, será mesmo que abandonaram ou é já tecnologias desenvolvidas nele que vai originar esse novo caça? Ou melhor, o Aurora é esse novo caça a 10 anos já sendo desenvolvido, 25 anos depois do F-15, veio o F-22, o F-22 já está perto de fazer 25 anos, então não duvido do novo caça já estar sendo desenvolvido e voando por ai

Rodrigo M

414 unidades é o que a USAF pede para no final ficar com bem menos, como aconteceu com o F-22.
Ainda mais com essa previsão de preço.
Eu acredito que esse vai ser bem grande, maior que o Raptor, para também ter uma autonomia bem maior.
O mar da China é muito grande..

Mauricio_Silva

Olá. 400 aeronave ao custo unitário de US$ 300 milhões dá um total de US$ 120 bilhões. Considerando a infraestrutura necessária para operação/manutenção do aparelho, não seria de estranhar que os custos envolvidos alcancem cerca de US$ 250 bilhões. Isso para um modelo de aeronave. Se for levado em conta os gastos com os demais sistemas e forças militares, o custo total pode chegar na casa dos trilhões de dólares. Só para efeito de comparação, o PIB do Canadá em 2018 é de US$ 1,8 trilhões. Creio que ficaria “mais barato” para os EUA “comprar” seus inimigos do que guerrear… Read more »

Giovani

Sinceramente os Norte Americanos tem uma superioridade militar sem igual, muito acima de Rússia e China. Dificilmente haverá algo Made In Rússia ou China que possa superar o F-22 e o F-35 nos próximos 20 anos. Para adversários menos relevantes os F-15 modernizados e F-22 dão conta do recado. Acho um desperdício investir tanto dinheiro numa nova geração de Caça de superioridade Aérea.

Reportagens especiais

20 anos da Operação Tigre II em Natal

Em 1995 Natal sediou um exercício aéreo de grande importância para a FAB, mas que ficou marcado por uma...
- Advertisement -
- Advertisement -