Home Aviação de Caça A Bulgária pagará US$ 48,6 milhões à RSK MiG pela revisão de...

A Bulgária pagará US$ 48,6 milhões à RSK MiG pela revisão de 15 MiG-29s

3986
16
MiG-29 da Bulgária

O Ministério da Defesa da Bulgária informou que pagará 81 milhões de Levs búlgaros (US$ 48,6 milhões) para reparar 15 aviões de combate MiG-29 da Força Aérea à companhia russa MiG. A informação foi apresentada no site da Agência de Compras Públicas.

O termo “suporte logístico integrado” é de 4 anos, e o reparo deve restaurar a aeronavegabilidade dos caças.

Este ano o Ministério da Defesa da Bulgária informou que tinha aceito apenas dois dos 10 motores novos e revisados dos caças MiG-29, ​​por falta de informação sobre o equipamento utilizado.

A Bulgária projeta gastar 1,5 bilhão de levs (US$ 902,5 milhões) no processo de aquisição de jatos de combate. O relatório do comitê interdepartamental de peritos analisado pelo gabinete de manutenção Gerdzhikov, no início de 2017, classificou a oferta do Gripen como a melhor por motivos financeiros e técnicos.

No entanto, uma comissão parlamentar especial nomeada por iniciativa do GERB disse que encontrou deficiências no processo que levou à apresentação deste relatório ao gabinete conselheiro. A Assembléia Nacional votou para aprovar este relatório, para recomendar que o Ministério da Defesa volte ao ponto de pedir aos concorrentes que apresentem ofertas novamente.

16
Deixe um comentário

avatar
16 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
11 Comment authors
SoldatScudBWalfrido StrobelArariboiaGonçalo Jr. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
donitz123
Visitante

É melhor fazer esse tipo de serviço com a fabricante do que essas gambiarras israelenses, ucranianas e polonesas.

Diego
Visitante
Diego

Gambiarra? Os israelitas são superiores a seus vizinhos com ela, que sejam bem vindas as gambiarras ao Brasil, notoriamente é importante ressaltar que a Rússia usa inúmeros componentes ucranianos e esses detém a expertise em material russo.

XFF
Visitante
XFF

A Bulgária acordou para a realidade. È melhor fazer com o fabricante do que com os terceiros. Melhor acabar com essa birrinha de ameaça Russa e receber serviço de qualidade do fabricante do que essas gambiarras israelenses, ucranianas e polonesas fazem.

Claudio Moreno
Visitante
Claudio Moreno

Novela do cacete! Igual ao FX brazuca. Se não fosse na época a URSS fornecerem estes MIG29 capaz que ainda estavam de biplanos de madeira + tecido.

NOTA: mais um eventual usuario de Gripen que desiste …

CM

Fabio Jeffer
Visitante
Fabio Jeffer

Diego

Hj as indústrias de defesa da Rússia consegue produzir tudo o que a Rússia precisa ou seja não depende da Ucrania pra nada, salvo contratos de manutenção de alguns itens, ja dizer que a Ucrania detem a expertise dos produtos russos é dmais né

Gabriel2
Visitante
Gabriel2

O Gripen é o que cabe no bolso deles…

Gonçalo Jr.
Visitante
Gonçalo Jr.

As “gambiarras” israelenses derrotaram todas as forças aéreas do oriente médio que entraram em guerra com eles e a grande maioria dessas forças árabes operavam equipamentos russos.

Diego
Visitante
Diego

A Rússia deixou de lado os motores de origem ucraniana, os armamentos de seus caças dessa fonte? Já abandonou seus Antonov? Não é um desprestígio ter que usar tecnologia de outra nação em seus projetos, tanto que os russos encomendaram navios franceses, ou o caso dos europeus de modo geral. Qual o motivo da Ucrânia não ter condições de dar manutenção ou realizar atualizações em aeronaves russas? Boa parte da indústria soviética ficava na Ucrânia e boa parte dos caças russos são da época ou são projetos da URSS.

Arariboia
Visitante
Arariboia

A Russia já substituiu a maioria dos equipamentos de origem Ucranianos. Esses muitas vezes feitas na Ucrânia como forma de descentralizar, como muitos componentes eletrônicos eram feitos nos Bálticos … Como Airbus faz na UE com linha de produção na Espanha.
Se eu me lembre nem chegava aos 10% e ficavam em regiões de maioria russas.
A tempos os Ucranianos não fazem algo descente, tanto próprio como gambiarra da época URSS.
Grande maioria dos projetos eram tecnologia russa e dinheiro russo… Acabou os dois e a Ucrânia se fufu…

Walfrido Strobel
Visitante

O Ex-Comandante da Força Aérea e atual Presidente Gen.Radev do Partido Comunista sempre defendeu a ideia de modernizar os Mig-29, ou pelo menos manter voando com suporte russo enquanto decidiam com calma a compra dos novos. O atual 1° Min. General Boyko Borisov, um Gen. de Polícia que era do Corpo de Bombeiros e formado engenheiro, do Partido Conservador de centro-direita pro ocidente, preferiu deixar o Mig-29 completamente desatualizado buscando motores usados de terceiros sem procedencia. No final não conseguiram comprar rapidamente caças ocidentais e agora tiveram que revitalizar, mesmo sem modernizar os Mig-29, pois mesmo que decidam por um… Read more »

fabio jeffer
Visitante
fabio jeffer

Diego Não diga o que vc não sabe, o pib da Ucrânia é menor até que o da Colombia, então ja pensou se boa parte da industria soviética ficasse na Ucrania, que besteira. A Ucrania nunca produziu caças, os Antonovs são aviões de transporte e tiveram sua origem na Rússia onde Oleg Antonov, um russo, projetou seus primeiros aviões, ademais a Rússia possui empresas como a Tupolev, Illiushin e outras que produzem aeronaves semelhantes. Em termos de armamentos é ainda pior seu comentário pois a Ucrânia não produz nada nesse sentido, a não ser alguns tipos de armas leves. Os… Read more »

Diego
Visitante
Diego

Bem foi uma revolução de 2014 para cá, realmente devo me informar mais.

http://www.aereo.jor.br/2014/04/07/a-dependencia-russa-em-relacao-a-equipamentos-militares-de-origem-ucraniana/

XFF
Visitante
XFF

Diego, A Ucrânia e a Rússia eram como irmãos. A Ucrânia produzia muitos componentes e motores para a Rússia. Não era porque a Rússia não tinha capacidade para fazer isso, mas era gesto de amizade e como forma da Rússia diversificar os seus produtos e dar empregos para os Ucraniano, principalmente no Leste da Ucrânia. Quem tinha a tecnologia era a Rússia. As indústria Ucranianas trabalhavam para a Rússia. Manutenções de aviões, foguetes, mísseis e fabricação de muitos componentes eram fabricados na Ucrânia. Depois que a Ucrânia mudou de lado, a Rússia rompeu a parceria e passou a produzir tudo… Read more »

Walfrido Strobel
Visitante

As indústrias da Ucrânia tem que fazer como a Aero da Rep. Checa que estão participando de vários programas fabricando componentes.
. http://www.aero.cz/en/cooperations

ScudB
Visitante
ScudB

So completando a informação do colega XFF : os motores RD-33/93 (para MIg-29 e aviões da China e Pakistan FC-1/JF-17 ) a Russia faz em Moscovo(MMP Chernysheva) e Ufa (UMPO).
A Ucrânia esta planejando fabricar um motor parecido – AI-322F para uma versão a-la Mig-29
(um “frankenstein” com aviônica de fora e planador ucraniano).
Um grande abraço!

Soldat
Visitante
Soldat

E isso ai Bulgária fecha com o Urso que voces ganha muito mais…