sábado, novembro 27, 2021

Gripen para o Brasil

Embraer inicia programa de ensaio de voo de motor dos E-Jets E2

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

E-Jet E2 - foto 3 Embraer

O motor PW1900G PurePower® Geared Turbofan™ (GTF), da Pratt & Whitney, que vai equipar os jatos E190-E2 e E195-E2, completou com sucesso o primeiro voo, iniciando assim o programa de ensaios de voo do motor. O modelo do motor PW1900G, que foi montado no Centro de Motores da Pratt & Whitney’s em Middletown, Connecticut, voou no avião de ensaios 747SP, no campo de voo de testes da empresa, em Mirabel, na província de Quebec, no Canadá. A Pratt & Whitney é uma empresa da United Technologies Corp. (NYSE: UTX).

“O início da campanha de ensaios em voo do motor é um marco importante para nós, no momento em estamos trazendo a segunda geração do E-Jets do conceito à realidade”, disse Paulo Cesar Silva, Presidente & CEO da Embraer Aviação Comercial. “A adição de motores PurePower em nossas aeronaves de desempenho comprovado e com uma cabine premiada oferece uma proposta de valor atraente para nossos clientes.”

“Estamos muito animados por ser parte do programa E-Jets E2, da Embraer, fornecendo os benefícios do motor Geared Turbofan, líder da indústria, incluindo reduções significativas de ruído, emissões e consumo de combustível”, disse Greg Gernhardt, Presidente da Pratt & Whitney Commercial Engines. “Este é um momento histórico para nós, em que começamos o programa de ensaios em voo para o nosso quarto cliente do PurePower.”

A família de motores PurePower já completou mais de 23 mil horas de testes e 40 mil ciclos.

O programa E-Jets E2 é um dos dois em que a Pratt & Whitney trabalha juntamente com a Embraer. A Pratt & Whitney é parte do consórcio que também fornece o motor V2500-E5 para a Embraer KC-390, que está em campanha de certificação. A Pratt & Whitney é ainda a responsável pelo sistema de potência auxiliar para o programa dos E-Jets E2.

A Pratt & Whitney é líder mundial na concepção, fabricação e serviço de motores de aeronaves e unidades de potência auxiliar. A United Technologies Corp. (UTC), com sede em Farmington, Connecticut, fornece sistemas e serviços de alta tecnologia às indústrias de construção e aeroespacial. Para saber mais sobre a UTC, visite o site em www.utc.com, ou siga a empresa no Twitter: @UTC.

A Embraer S.A. é uma empresa líder na fabricação de jatos comerciais de até 130 assentos e uma das maiores exportadoras brasileiras. Com sede em São José dos Campos, no Estado de São Paulo, mantém escritórios, instalações industriais e oficinas de serviços ao cliente no Brasil, China, Estados Unidos, França, Portugal e Singapura. Fundada em 1969, a Embraer projeta, desenvolve, fabrica e vende aeronaves e sistemas para os segmentos de aviação comercial, aviação executiva e defesa e segurança. A Empresa também fornece suporte e serviços de pós-vendas a clientes em todo o mundo.

O motor V2500 é oferecido por meio da IAE Internacional Aero Engines AG, consórcio multinacional de motores aeronáuticos cujos acionistas incluem a Pratt & Whitney, Pratt & Whitney Aero Engines International GmbH, Japanese Aero Engines Corporation e a MTU Aero Engines.

Este comunicado de imprensa contém declarações prospectivas relativas a futuras oportunidades de negócio. Os resultados reais podem diferir materialmente daqueles projetados como resultado de certos riscos e incertezas, incluindo, mas não limitados, a mudanças nos níveis de demanda na indústria aeroespacial, em níveis de viagens aéreas, e no número de aeronaves a serem construídas; desafios no design, desenvolvimento, produção e suporte de tecnologias avançadas; bem como outros riscos e incertezas, incluindo, mas não limitados aos detalhados de tempos em tempos nos arquivos da United Technologies Corp. depositados na Securities and Exchange Commission (SEC)

FONTE: Embraer

- Advertisement -

6 Comments

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Melky Cavalcante

Falando em EMBRAER, será que há a possibilidade da mesma vir a desenvolver um jato de passageiros tendo como base o projeto do KC-390 ?

Marcos

O correto é P&W inicia os ensaios.

Marcos

Kc de paasageiros?
Mais facil partir do zero, q é o q a Emb pretende para o novo jato exe de longo alcance.

eparro

Marcos 3 de novembro de 2015 at 20:30

Mas o motores da Pratt & Whitiney não serão “colocados” nos E-jets E2?

Se sim, o programa envolve testes tanto da P&W como da Embraer ou não?

Marcos

eparro

Pelo menos por enquanto os ensaios envolvem apenas a P&W. Quando os motores forem remetidos à Embraer para instalação na aeronave, ai sim pode-se colocar “e Embraer”. De qualquer modo isso deve ocorrer logo, pois as asas já foram instaladas no protótipo do E2 e o ritmo de instalação do cabeamento e sistemas segue acelerado.

Rinaldo Nery

A Azul vai substituir tos os seus E190 e E195 pelo modelo E2. Isso se a crise não quebrar todas a companhias aéreas antes…

Últimas Notícias

Mais fotos dos primeiros caças Gripen E de série para a Suécia e o Brasil

A Saab divulgou mais imagens dos primeiros caças Gripen E de produção em série apresentados essa semana para a...
- Advertisement -
- Advertisement -