domingo, fevereiro 28, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Turquia também fecha espaço aéreo a aviões civis da Síria

Destaques

Defesa aérea da Sérvia atingiu outro F-117 durante a Operation Allied Force

A história de como um jato de ataque stealth F-117 Nighthawk da Força Aérea dos Estados Unidos foi abatido...

HENSOLDT: Sistemas antidrone e de proteção de áreas críticas e estratégicas

Nos últimos anos, a venda de drones cresceu muito no mundo. Esses objetos voadores, cada vez mais comuns em...

FAB coordena Operação Escudo Antiaéreo

Operação aconteceu de forma conjunta entre a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira No período...
Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Segundo o ministro das Relações Exteriores turco, decisão foi tomada porque o regime sírio tem ‘abusado’ dos voos civis para transportar equipamento militar

O ministro das Relações Exteriores da Turquia, Ahmet Davutoglu, afirmou neste domingo, 14, que o país fechou seu espaço aéreo para aviões civis sírios. Segundo o ministro, a Turquia tomou a decisão porque o regime sírio, que está em conflito com insurgentes, tem ‘abusado’ dos voos civis para transportar equipamento militar. Ele informou que o governo sírio foi informado da decisão neste último sábado, 13.

A Síria informou, também no sábado, que decidiu fechar o espaço aéreo do país para aviões comerciais de origem turca, conforme informou a agência estatal de notícias Sana com base em um comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

A decisão síria foi “baseada no princípio da reciprocidade”, tomada em retaliação à decisão turca de interceptar um avião de passageiros sírio que fazia um voo de Moscou para Damasco na quarta-feira, concluiu a agência estatal síria.

Depois de interceptar a aeronave, a Turquia confiscou o que declarou ser equipamentos militares a bordo da aeronave. A Síria denunciou o ato como pirataria aérea e a Rússia disse que a carga era composta de peças de radares que não violavam as leis internacionais. As informações são da Associated Press.

FONTE: Estadão

FOTO: Força Aérea Turca

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

3 Comments

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos

Os turcos vão acabar fazendo o que a UE já deveria ter feito.
Os europeus não conseguiram aprender com seus próprios erros.

Marcos

Pergunta aos especialistas:

Se fosse o Brasil, com os atuais equipamentos, teríamos com fechar o espaço aéreo?

Soyuz

Depende Marcos Se fosse uma porção restrita do espaço aéreo, algo como; Impedir que aeronaves que sobrevoem o Brasil se dirijam ao Paraguai ou que aeronaves que saíssem do Paraguai entrem no Brasil. Sem problema algum, o mesmo valeria para Bolívia, Uruguai por exemplo. Seria uma parte restrita do espaço aéreo e alguns caças em uma base próxima da fronteira apoiados por 2 ou 2 R-99 fariam isto com relativa facilidade. Porem fechar TODO o espaço aéreo brasileiro é muito difícil com a quantidade de caças disponíveis e na pratica não existe situação assim. Salvo um conflito de muito alta… Read more »

- Advertisement -

Combates Aéreos

Caças F/A-18 Hornet da Finlândia treinam com Mirages 2000 franceses

A cooperação internacional aprimora a capacidade de defesa da Finlândia e faz parte das atividades diárias da Força Aérea Em...
- Advertisement -
- Advertisement -