sábado, maio 15, 2021

Gripen para o Brasil

China revela novo caça de 5ª geração

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Qualquer semelhança com o F-22 Raptor não é mera coincidência

 

Fotos feitas ontem na fábrica de aeronaves AVIC Shenyang Aircraft Corporation na China revelam outro caça “stealth”. Esta aeronave, externamente semelhante ao Lockheed Martin F-22A Raptor, traz a matrícula “31001”.

Diz-se que Shenyang pretende que seu projeto (conhecido como J-31/F-60) seja uma alternativa ao Chengdu J-20, na futura seleção da Força Aérea do Exército de Libertação Popular (PLAAF). Como alternativa, ele pode também ser posicionado para uma opção de futuro para a Marinha do Exército de Libertação Popular (PLAN), para equipar seu porta-aviões, que deve inicialmente usar o J-15 (cópia do russo Su-33), também construído pela Shenyang.

SAIBA MAIS:

Previous articleHeroísmo ou milagre
Next articleF/A-2 ‘Super AMX’
- Advertisement -

19 Comments

Subscribe
Notify of
guest
19 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Daglian

De fato, extremamente parecido com o F-22.

E aí vai uma pergunta que talvez ninguém concorde: estaria a Lockheed Martin ou algum setor do governo americano passando informações sobre o F-22 para os chineses?

aldoghisolfi

Lembro que muito pouco tempo atrás, aqui mesmo, como era ridicularizada a indústria bélica chinesa. omo mudou o tom dos comentários. Inveja…

Clésio Luiz

Daglian, informações confidenciais (mas limitadas) sobre o F-22 e sobre o F-35 já foram roubadas por hackers, em duas ocasiões distintas. Isso foi admitido publicamente por autoridades americanas. Mas mesmo assim, qualquer engenheiro aeronáutico experiente pode olhar para fotos de uma aeronave e tirar muitas conclusões. Não informações 100% exatas, mas idéias para onde seguir. Mas voltando ao novo caça chinês, ele é evidentemente menor que o J-20, mas ainda não é um caça de tamanho médio como o J-10, Typhoon ou MiG-29. Mas vamos ter que esperar as primeiras fotos em alta resolução para ter uma noção mais exata… Read more »

Daglian

Clésio Luiz,

Não sabia disto. Isso explica as semelhanças.

Quem sabe a China não está disposta a exportar estes vetores? Uma concorrência com o PAKFA e o F-35 seria bom para quem adquirisse qualquer um dos mesmos.

uitinaxavier

Hum até esses dias uns camaradas viviam fazendo chacota e piadinhas dos Chineses “Solta Pecinha” .

E agora tão aí fazendo navios de guerra a Ritmo da segunda guerra mundial, apresentando aviões Steathl, Helicopteros de ataque, eles podem não ter a tecnologia de ponta ocidental, mas se viram como podem.

Como um Camarada Chines disse:

“Triunfam aqueles que sabem quando lutar e quando esperar”
Sun Tzu

Groo

Impressionante!

Outra coisa, o Mitt Romney disse que vai comprar mais F-22 se eleito. A linha de produção foi fechada mas mantida de um jeito que é possível a retomada da produção.

Nick

J-31? Não seria J-21? Praticamente um cópia do F-35, com as derivas do F-22. 🙂

De qualquer forma, talvez ele não concorra diretamente com o J-20.

Poderiam compor muito bem exercendo tipos de missões e atribuiçoes diferentes, junto com o J-10B.

J-20: Caça bombardeiro pesado, para missões de interdição e anti-naval

J-31(21?): Caça Médio de Superioridade Aérea/Ataque (mais multimissão)

J-10B: Caça Médio-Leve Multi-missão para TOs menos exigentes.

[]’s

Mauricio R.

Bastante parecido c/ um antigo design da Sukhoi, chamado “Big Ears”.

Baschera

É… chinês já foi sinônimo de porcaria….. mas hoje em dia, porcaria é o nosso… governo…. precisamos de um governo xing-ling….. Compra de caças não será este ano Para Amorim, a preocupação com o fortalecimento das Forças Armadas vem crescendo no país, mas ainda “há muito a ser feito” para que o Brasil tenha capacidades de cooperação e dissuasão satisfatórias. Ele antecipa que a compra dos caças, tida como prioritária pela Aeronáutica, não deve mais ocorrer este ano. A melhora no orçamento da Defesa começou a ser sentida a partir de 2007, mas aumentou nos últimos dois anos o comprometimento… Read more »

Optimus

Ué… Mas não era o Raptor uma porcaria, um lixo imprestável e só propaganda… por que chineses estão gastando dinheiro pra fazer um caça igual a ele???

carvalhomtts

kkkkkkk,copiaram o F22 e este avião tem motores russos,kkkkkkk,nada se cria tudo se copia.

rafadesign3d

A entrada de ar é muito parecida com a do F35, ele esta sendo chamado de F60 nessa página:
http://chinadefense.blogspot.com.br/2012/01/shenyang-f-60-another-chinas-fifth.html

rafadesign3d

O motor dele não parece ter vetoração. alguém sabe me dizer se o motor do J20 tém ventoração de empuxo?

alphasr71a

rafadesign3d, muito provavelmente deve ter vetoração multi-direcional, tal qual Typhoon. Não acho que os chineses iriam instalar motores com bocais “simples” em um avião tão supostamente avançado!

Vader

Isso aí é uma mistura de F-35 com F-22. Será que solta as pecinha? 🙂

edcreek

OLá,

Bom se ele se aproximar do F-35 já está bom, o custo certamente é menor, já estou até “vendo” um esquadrão de caros F-35/Tyhpoons/Rafales/F/A-18 Super Hornet enfrentando uma horda de dezenas de J-22/J-31, vai ser tipo o Vietinã, os custos da guerra para o ocidente serão muito maiores…O JAS-39 não entra na briga já que é um caça de outra categoria mas leve…

Abraços,

Marcelo

o tamanho parece ser muito próximo ao do F-22. As entradas de ar são muito parecidas com as do F-35, mas as do J-20 também são.
é…parece que os EUA deveriam mesmo reativar a linha do F-22. O F-35 não é um caça de superioridade aérea e o desempenho cinemático dele fica devendo (Mach 1.6 máximo). Os chinas não estão para brincadeira. Uma alternativa aos EUA é acelerar o programa de 6a geração, que terá versão naval também para substituir o F/A-18E/F, já que o F-22 não opera embarcado.

alphasr71a

Nosso caça de quinta gelação é mais balato, mais lapido, mais invisível e mais moltal. Nenhum adivelsalio selá capaz de deter o glande impélio chinês!

Reportagens especiais

Poder Aéreo nos Estados Unidos: CAF AIRSHO – parte 2

Como dissemos na primeira parte desta reportagem, no nosso primeiro show aéreo nos EUA não pegamos um tempo muito...
- Advertisement -
- Advertisement -