domingo, junho 20, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Caças Mirage 2000-5 foram para a Suíça

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

 

Calma, os suíços não resolveram comprar Mirages usados ao invés de caças novos – trata-se apenas de um exercício conjunto da Força Aérea Suíça com a Força Aérea Francesa

 

De 16 de abril até a última sexta-feira, dia 27, caças Mirage 2000-5 da Força Aérea Francesa participaram de um exercício conjunto com os F-18 Hornet suíços, na base suíça de Payerne. Seis Mirages do esquadrão de caça 1/2 “Cigognes”, apoiados por um C-160 Transall, partiram da base aérea francesa de Luxeuil para participarem do exercício  “Epervier”, nome de uma ave de rapina que se alimenta de outros pássaros.

O comandante do “Cigognes”, tenente-coronel Laurent Rosevicz, declarou que “as missões do nosso esquadrão (no exercício) são de policiamento aéreo e defesa aérea. Nossos Mirage 2000-5F são projetados exclusivamente para essas tarefas.” No total, os franceses deslocaram 12 pilotos e mais 35 integrantes do pessoal de apoio para o exercício.

Do lado suíço, participam 15 pilotos e seis F/A-18 Hornet da Ala Aérea 11, além de pessoal de apoio da Base Aérea de Payerne. O comandante da Ala 11, tenente-coronel Jérôme d’Hooghe, disse: “Estamos aqui para treinar cenários complexos com até nove aeronaves.” Por exemplo, há missões em que um Transall seja escoltado por quatro aeronaves e o outro país atacará a formação com outros quatro caças. As funções de defensores e atacantes são revezadas.

Segundo os pilotos envolvidos no exercício, os F/A-18 e os Mirage 2000-5 são comparáveis tecnologicamente nas missões de policiamento aéreo e defesa aérea. Em 2013 deverá haver outro exercício “Epervier”, desta vez em território francês.

FONTE / FOTO: Força Aérea Suíça

- Advertisement -

2 Comments

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto F Santana

Foto maravilhosa.
Mostra um dos lados mais belos da aviação de caça, o companheirismo.
O ala, que antes dava a proteção a seu líder, agora lhe deposita toda sua confiança e lhe entrega a precisão do pouso, oberva atento seu amigo e espera que seu caça seja o primeiro a tocar o asfalto do campo.

Mauricio R.

OFF TOPIC…

…mas nem tanto:

O poder aéreo se tornou uma miragem.
Não, não tem nada a ver c/ este blog!!!

(http://livefist.blogspot.com.br/2012/04/grounded-for-50-days-air-power-becomes.html)

Em uma outra notinha no Livefist, diz que os M-2000 indianos vão voltar a voar:

“IAF Mirage 2000 fleet begins phased flying after 54 days of grounding.
Dassault and Snecma teams still assisting with crash inquiries.”

Reportagens especiais

Parafuso sem controle

Relato de Gustavo Adolfo Franco Ferreira (tenente-coronel da reserva da FAB) O Cessna T-37 foi chamado, aqui no Brasil, de...
- Advertisement -
- Advertisement -