Home Noticiário Internacional China consegue 100% de nacionalização em turbina inglesa

China consegue 100% de nacionalização em turbina inglesa

751
13

A mídia chinesa anunciou que a turbina WS-9 Qinling atingiu 100% de nacionalização em relação à original Rolls & Royce Spey Mk.202. A turbina é usada no jato de ataque JH-7, visto abaixo.

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Harry
Harry
10 anos atrás

Caros

Nacionalização desenvolve e capacita meios industriais mais fica longe de desenvolver e capacitar centros de pesquisas

Mais já um passo a mais em montar peças fabricadas fora.

Melhor ainda seria parceria, desenvolvimento conjunto, como forma de capacitação e desenvolvimento de centros técnicos de pesquisa.

Abs

Fernando Sinzato
Fernando Sinzato
10 anos atrás

Ainda bem que os chineses não são avançados em engenharia genética… Se não, eles iriam nacionalizar (leia-se clonar) Pele, Maradona, Elvis, etc…

Esses chineses…

SABRE
SABRE
10 anos atrás

Parabens aos Chinas, deve ser animador ser um entusiasta do poder militar Chines, Cada mergulho um flesh! Toda semana novidades em todos os campos, logo logo, eles equilibram o jogo com os EUA!

Nick
Nick
10 anos atrás

Infelizmente o AMX não conseguiu atingir a meta de nacionalização das turbinas Spey que equipam os A-1. O que faz pensar que apesar de tecnologicamente defasadas, é um grande mérito da indústria chinesa. E nem pensar em um prazo curto médio nacionalizar turbinas como a M88-2 ou GE-414. temos um longuíssimo caminho a trilhar nessa área.

[]’s

lavand
lavand
10 anos atrás

Ei, não parece um AMX super anabolizado?

MARCELO
MARCELO
10 anos atrás

esses chineses sao os bicho……

Vader
Vader
10 anos atrás

Lembra o Tornado…

Icaro
Icaro
10 anos atrás

Concordo contigo vader, tah mais pra tornado que pra A-1 Pombo Magro…

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás

Quem sabe agora se resolvam os problemas da Taihang e os russos fiquem mais p… da vida, do que já se encontram.

skywalker
skywalker
10 anos atrás

Os chineses tem investido muito em pesquisa e desenvolvimento, mas as demandas de grandeza que a pujança econômica impõe, os faz copiar, nacionalizar, piratear… Pena que a Embraer tenha caído nesta armadilha… vão fazê-la sair de lá e, em pouco tempo soltam um Ching Ling 145 para competir com o próprio…

Biel
Biel
10 anos atrás

Um grande passo para a independência tecnologica , agora a China é
livre para equipar seus caças com motores nacionais e ainda desenvolver outros mais modernos com base neste .

Os indianos estão caminhando para a mesma direção , pena que o Brasil
continua a ser o mais mediocre dos BRIC na area militar .

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

A matéria é muito vaga, o que significa nacionalizar neste contexto? Roubaram a tecnologia, em mais um caso de pirataria? Os ingleses não reclamaram? Tinham contrato de transferência de tecnologia?

mellen
mellen
10 anos atrás

Concordo, qual é exatamente o desempenho, durabilidade, confiabilidade de qualquer coisa vinda da China? Eles sabem o que eh Patente/registro??? Parece até aquela propaganda da pegeout onde um indiano amassa um carro pra ficar parecido com o 207 (nada contra mas nao faz meu gosto) risos…Enfim, acho que até dará certo, vide Japão pós-guerra, coreia etc..