Primeiro F-5E do mundo voa no Brasil…

    1794
    72

    … e o segundo também

    vinheta-especialTalvez muitos entusiastas não saibam, mas o primeiro F-5E Tiger II construído pela Northrop voa com as cores da FAB. O F-5E de matrícula norte-americana 71-1417 foi construído em 1972 e apresentado em junho daquele ano (foto acima) nas instalações de Hawthorne.

    A aeronave seguiu para a Base Aérea de Edwards, onde realizou o seu primeiro voo no dia 11 de agosto, dando início ao programa de ensaios da aeronave.

    Em 1988 a FAB adquiriu um lote de 22 caças F-5E usados da USAF (além de outos quatro F-5F). Estas aeronaves pertenciam aos esquadrões “Aggressors” baseados em Willians e Nellis. As aeronaves estavam entre os F-5E mais antigos do mundo, sendo que 15 deles faziam parte do primeiro lote de 30 unidades produzido pela Northrop. Um deles era exatamente o “1417”. No Brasil o “1417” recebeu a matrícula FAB-4856. Além dele, foi recebido também o segundo F-5E produzido pela Northrop, matriculado como FAB-4857.

    FOTO: Northrop

    Subscribe
    Notify of
    guest
    72 Comentários
    oldest
    newest most voted
    Inline Feedbacks
    View all comments
    Caio
    Caio
    10 anos atrás

    que beleza hein!!!

    RenanZ
    RenanZ
    10 anos atrás

    Esse é um que eu gostaria de ter na minha garagem !!!

    Alex Nogueira
    Alex Nogueira
    10 anos atrás

    Que legal….. muito interessante, mas, ao memso tempo nos mostra como é que temos vivido do descarte dos americanos….

    Alex Nogueira
    Alex Nogueira
    10 anos atrás

    **mesmo**

    Rogério
    Rogério
    10 anos atrás
    igor
    igor
    10 anos atrás

    e nos adquirimos os mais antigo da época c______

    M1
    M1
    10 anos atrás

    igor em 06 mar, 2010 às 16:27,

    “e nos adquirimos os mais antigo da época c_________”

    É o nosso opalão de cada dia.

    Robson Br
    Robson Br
    10 anos atrás

    É um dos caças mais bonitos.

    Nick
    Nick
    10 anos atrás

    Realmente um dos caças mais belos já produzidos…
    Projeto tão bem sucedido, que inspirou o YF-17 e o F-18 …

    []’s

    Baschera
    Baschera
    10 anos atrás

    Queriam o quê…… com a grana só dava pra isto….. Chevetão 72, mas com aro de alumínio !!!

    Sds.

    Clésio Luiz
    Clésio Luiz
    10 anos atrás

    Essa unidade com certeza será uma das que deverão ser preservadas quando eles forem desativados. Se não fizerem isso será um sacrilégio.

    Rogério
    Rogério
    10 anos atrás

    Clésio Luiz essa unidade merece um museu só dela.

    []s

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Que coisa linda. Não deixa de ser um motivo de orgulho pra nossa FAB.

    Sds.

    Galileu
    Galileu
    10 anos atrás

    Nas mãos da FAB a vida util triplica….. deveríamos vender essa “capacidade” para os gringos.

    brincadeiras a parte é uma bela aeronave

    Paulo Sa
    Paulo Sa
    10 anos atrás

    Alguém pode me dizer o que este F5-E pode fazer?
    Qual é a capacidade dele se tivermos que interceptar um Su 30 venezuelano, um f15, f16, chinelenos, ou f-15, f16, f22 ou f35 americanos, ou Thiphon inglês, Refale frances, Gripen sueco e outros que tem por ai?
    Já falaram que é opalão, chevetão etc. Mas o que ele pode nos dar pra FAB ter investido na atualização deles?

    Fábio Mayer
    Fábio Mayer
    10 anos atrás

    Jána época nossos políticos mantinham a FAB à míngua.

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Será que o amigo ricjam poderia me tirar uma dúvida?
    Essas modificações nos F-5M são tanques conformais, ou é outra coisa?
    https://www.patricksaviation.com/uploads/photos/19427.jpg
    https://www.patricksaviation.com/uploads/photos/19426.jpg
    https://www.patricksaviation.com/uploads/photos/19425.jpg

    Um abraço a todos.

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Paulo Sa em 06 mar, 2010 às 18:52: Paulo, o F-5EM é uma aeronave bastante capaz em termos de cenário sul-americano, sendo a ponta de lança do sistema de defesa aérea da FAB, e operando via datalink com aeronaves de alerta antecipado R-99 (Embraer). Já provou seu valor diversas vezes em exercícios (CRUZEX, no qual bateu Mirage-2000 do Armeé de L´Air e Red Flag, no qual jogou de igual para igual com F-15 e F-16 Agressors da USAF), sendo uma aeronave bastante manobrável e extremamente confiável e robusta. Por conta de sua integração com AWACS e do ótimo nível técnico… Read more »

    Lobo
    Lobo
    10 anos atrás

    Fábio Mayer, já na época “os políticos” que mantinham a FAB à mingua eram os Generais Presidentes, que tinham como regra de orçamento:

    A+M=E

    Aeronáutica + Marinha = Exército.

    Aquilo, deu nisso!

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    JACUBAO em 06 mar, 2010 às 19:03:

    Nossa, não tinha notado isso, parecem mesmo tanques conformais. Será?

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Aliás, salvo melhor juízo SÃO TANQUES CONFORMAIS! Nossa, ou eu estou muito por fora ou essa é uma notícia e tanto!

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Galante meu fio, tá hora de investigar esse F-5M da FAB com tanques conformais. Será um bom post para discutirmos no aereo.

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Droga, acabo de ver que é fake… Pombas ricjam vc mata a gente do coração assim meu camarada, arrêgo, rsrsrs… Powta raiva, rsrsrs…

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Mas que ficou com uma “cara-de-mau” monstra, ah isso ficou, rsrsrs… Parece uma cobra. Um F-5EM com tanques conformais seria viável? Aumentaria quanto na autonomia? De fato, um ótimo post pro Aéreo…

    Parabéns ao cabra que fez a “arte”, apesar da raiva que passei quando descobri o “fake”… 🙂

    Sds.

    Nautilus
    Nautilus
    10 anos atrás

    Esses tanques conformais são fakes. Puro Photoshop.

    Fabio
    Fabio
    10 anos atrás

    Jea que o Brasil fala tanto em desenvolvimento… porque o governo brasileiro não assume de vez este prjeto do F5 junto aos americanos e desenvolvem a partir dele um caça nacional ? com tecnologia atual ? O F5 poderia ser o nosso “Gripen”. o avião já temos.

    CorsarioDF
    CorsarioDF
    10 anos atrás

    Concordo com o Felipe Cps ficou muito bonito os “tanques” conformais, que pena que é um fake… Mas um ótimo assunto para ser discutido no blog.

    Sds.

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Iria ficar bem legal e amenizaria a curta altonomia dos “bicudos”.

    Alex Silva
    Alex Silva
    10 anos atrás

    Olá pessoal, esse video é do esquadrão Adelphi (FAB)
    http://www.youtube.com/watch?v=81uXzbwcpYE

    Lucas Duarte
    Lucas Duarte
    10 anos atrás

    #
    Fabio em 06 mar, 2010 às 21:39

    Jea que o Brasil fala tanto em desenvolvimento… porque o governo brasileiro não assume de vez este prjeto do F5 junto aos americanos e desenvolvem a partir dele um caça nacional ? com tecnologia atual ? O F5 poderia ser o nosso “Gripen”. o avião já temos.

    Que eu saiba já foi tentado isso um tempo atrás,mas os americanos negaram a transferência de tecnologia do F-5.

    Ronaldo
    Ronaldo
    10 anos atrás

    E isso é motivo de orgulho?

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Lucas Duarte em 06 mar, 2010 às 22:23: Lucas, que eu saiba cogitou-se de a FAB adquirir apenas o PROJETO do F-20 e não do F-5E. Mas não houve continuidade no interesse brasileiro e a idéia foi abandonada. Nem se cogitou de ToT, até porque jamais houve uma planta de F-20 (projeto abandonado pelos EUA logo após a fase de protótipos: não havia muita tecnologia a transferir além do projeto). Americano não é mal, mal, mal… 🙂 A pergunta é: se queremos projetar um caça nacional, porque não embarcar num que transfira de fato tecnologia, posto que ainda não está… Read more »

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Ops, penitencio-me: “mau, mau, mau”.

    Carlos Augusto
    Carlos Augusto
    10 anos atrás

    Observação inteligente!
    Alex Nogueira em 06 mar, 2010 às 16:21

    Francisco AMX
    Francisco AMX
    10 anos atrás

    Bonito avião, hipnótico avião! tanto que faz com que alguns achem que ele ainda pode fazer frente a caças como o SU-30 ou F-16B50 ou MLU…. Paulo Sa O SU-30 detecta nosso R-99 a 250km de distancia, é sabido que o cahveco tem o R-27 – que apesar de não muito moderno tem alcance efetivo de uns 120km -, se é que não tem o R-77… tenho quase certeza que sim, e um major do 14 também tem esta quase certeza… mas o R-27 já seria uma ameaça séria ao Bicudo, pois os R-99 poderiam ser abatidos sem que os… Read more »

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Cruz credo.

    ricjam
    ricjam
    10 anos atrás

    Amigo JACUBAO isso foi uma bricadeira que saiu do brasil e ja esteviateem revistas americana italiana ucranianas russas israelenses dentre outras

    Abraço amigo

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Então tá na hora da EMBRAER começar a desenvolver uma versão AEW&C do EMB-195 com maior altonomia, maior alcance radar e com uma sofisticadíssima suite eletrÔnica de defesa, para contrapor a “ameaça” SU-30 da venezuela e F-16 do chile, e para ficar ainda melhor, adquirir os SU-35 como caça tampão e depois o PAK-FA como caça definitivo.
    Que tal? 😀

    Christiano
    Christiano
    10 anos atrás

    Segundo consta os vezuelanos estão com isso tudo e estão enfrentando problemas com seu su-30,e os chilenos vão ter que atravessar toda a cordilheira,guerra aérea não são,só números,se fosse o Iraque e o Afeganistão teria sido um passeio para os americanos.

    Inquiridor
    Inquiridor
    10 anos atrás

    Para que FAB? Porque o Brasil não acaba com as forças armadas que são um sorvedouro de recursos e cria uma guarda nacional? Porque não faz isto e delega nossa defesa pros EUA? Acredito que alguma bases americanas aqui seria de bom grado. Já pensaram F-15, F-16, F-20, porta aviões nucleares baseados aqui, fragatas modernas… já pensaram no dia 7 de setembro, assistir o rasante destes aviões? Assistirmos a passagem de helicpteros como o Apache… enfim, o que de mais moderno existe. Com um detalhe, estariamos sempre recebendo equipamentos de linha. Fora AMX, F5, Xavante, fora esta velharia! Acabaria com… Read more »

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Paulo Sa: Paulo, me desculpe, o Francisco AMX tem toda a razão e eu estou completamente equivocado. Penitencio-me: O F-5EM é uma autêntica “bomba voadora” e se os pilotos do Hugo Chaves atravessarem o Planalto das Guianas com seus poderosos SU-30MKV a FAB inteira deverá ficar groundeada e escondida como a Força Aérea Iraquiana na Guerra do Golfo, sob pena de ter todos seus aviões abatidos a 300 km de distância. O R-99 é um maldito lixo brasileiro-sueco que não enxerga nada além do alcance visual, mesmo com seu datalink funcionando em rede. E nossos pilotos extremamente mal-treinados e incapazes… Read more »

    Inquiridor
    Inquiridor
    10 anos atrás

    Descupem o meu post acima, mas tem horas que dá muita raiva. ninguem quer aviões modernos para atacar ninguem. ficam dizendo que o Chile tem isto, a venezuela tem aquilo, o Peru tem daquilo, como se fosse uma corrida para ver quem tem o melhor! a guerra meus amigos é o que há de mais assustador, pensem em amigos que podem ser dilacerados, aviões escolhidos pelos amigos como se escolhe um carro para colocar na garagem e mostrar pros amigos, serem abatidos e desintegrados no ar. Façam o seguinte, quando estourar a futura guerra com a venezuela, Chile, peguem seus… Read more »

    lucas lasota
    lucas lasota
    10 anos atrás

    Comparar os nossos f-5 com qualquer caça de quarta geraçao é puro ufanismo cego e exagerado.

    Mas que esses tanques conformais seriam otimos, seriam.

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Inquiridor em 07 mar, 2010 às 9:36:

    “Porque não faz isto e delega nossa defesa pros EUA?”

    Inquiridor, eu acho que o Brasil deveria fazer isso, mas delegar a defesa para a nossa gloriosa parceira e aliada França. Eles já são nossos vizinhos mesmo neh? Assim ganharíamos um novo estado-membro (Guiana Francesa)! Ou será que os franceses é que ganhariam um novo “departamento ultra-marinho”? (ich, me confundi agora).

    Afinal de contas, americano é tudo bobo, feio e chato: só sabem querer furar nosso pré-sal, sugar nosso aquífero, derrubar nossa amazônia e pegar nossas mulatas…

    Berkut
    Berkut
    10 anos atrás

    uahuahuahuha….. Felipe, Sarcasmo pouco é bobagem. Impagável! uahauhuah

    JACUBAO
    JACUBAO
    10 anos atrás

    Ôpa!!!! As nossas mulatas não!!!!!

    Ronaldo
    Ronaldo
    10 anos atrás

    A verdade é que o Franscisco AMX expôs os dados corretos e colocou o Felipe CPS na parede, o R-99 não faz milagre, sem ter um vetor decente e um missei BVR decente também.
    Outra coisa que não entendo é considerarem validos os resultados dos exercícios quando é conveniente e descartar os demais, certa vez no chat quase me comeram vivo porque eu citei o exercício ATLC, mas quando se tratado Brasil o resultado da Red Flag com os F-5M é inquestionável, fiel representação de um campo de batalha.

    Francisco AMX
    Francisco AMX
    10 anos atrás

    Felipe, não adianta espernear! mas ficou bem “humorado” seu post, mas totalmente.
    Tu sabe que eu sei que chances de conflito na AL são praticamente nulas, o comparativo é apenas como medida! se realmente nunca vamos precisar… nem F5M seria necessário!
    Para R-99 e F-5M sobrepujar o SU-30 teríamos que ter um míssel BVR de maior ou igual alcance do que o R-27… simples assim…
    Só coloquei fatos, fatos estes dispostos várias vezes nos argumentos do Bosco!

    Sds!

    Felipe Cps
    Felipe Cps
    10 anos atrás

    Ronaldo em 07 mar, 2010 às 10:17: Poxa Ronaldo, já me penitenciei pela minha ignorância, que mais preciso fazer? A guerra é assim mesmo como o Chicão falou, simplesmente uma comparação de números e dados do fabricante ou usuário: treinamento, moral, doutrina de emprego, conhecimento do terreno e das capacidades do inimigo, espionagem e sabotagem, radares em terra que integram via datalink a consciência situacional do piloto, falhas de equipamento e de sua utilização, fator climático, além do imponderável, nada disso vale nada no combate, oras. Por isso que me desculpei. Mea culpa, mea maxima culpa… Aliás, ninguém precisa entrar… Read more »