domingo, junho 20, 2021

Gripen para o Brasil

Bolívia estuda comprar 6 caças do Brasil ou da China

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

super-tucano

O governo do presidente da Bolívia, Evo Morales, analisa a compra de seis aviões de combate que poderiam ser da China ou do Brasil, informou o ministro da Defesa, Walker San Miguel, cujas declarações foram publicadas no jornal “La Razón”. “Podem ser os chineses ou podem ser os Super Tucano do Brasil”, avaliou. Segundo ele, o país também comprará armas russas para substituir peças obsoletas do arsenal boliviano.O Super Tucano é uma aeronave para ataques ligeiros, ataques contra insurgentes e treinamento de piloto. O modelo é usado principalmente pela Força Aérea Brasileira e pela colombiana. Sobre as armas, San Miguel disse que serão “convencionais, são reposição de armas convencionais, por exemplo fuzis que todos os militares usam”.

O reequipamento de armas estava previsto em um crédito de US$ 100 milhões concedido pelo governo russo, dos quais US$ 30 milhões serão para a compra de um avião presidencial Antonov.

San Miguel explicou que o Brasil também ofereceu três modelos de avião presidencial de primeira classe. Além disso, propuseram financiar a aeronave pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), afirmou ele. A proposta russa, porém, incluía uma central de manutenção dos aviões Antonov na Bolívia.

O presidente boliviano, Evo Morales, afirmou no dia 7 que a compra se aviões será da China ou da Rússia, caso os EUA não autorizem a venda para a Bolívia de seis aeronaves de fabricação checa, com tecnologia norte-americana. A Bolívia anunciou em março a compra das aeronaves checas por US$ 57,8 milhões, mas ainda não há uma resposta dos EUA. O ministro ressaltou que a Bolívia “é um Estado pacifista”.

FONTE: Estadão

SAIBA MAIS:

- Advertisement -

40 Comments

Subscribe
Notify of
guest
40 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bruno Rocha

“… caso os EUA não autorizem a venda para a Bolívia de seis aeronaves de fabricação checa, com tecnologia norte-americana…”. Não é a toa que eu dizia que seria melhor para a Embraer trabalhar com empresas fornecedoras nacionais ou de outro país que não seja os EUA. Os EUA sempre vetam os armamentos para países não consideram amigos(contrário às idéias “DEMO-cráticas” americanas). *** Lol em 01 set, 2009 às 18:18 Você tem razão nesse sentido. Temos que nos firmar em nosso prpprio terreno (AL). *** Paulo Renato em 01 set, 2009 às 18:54 Os nossos Xavantes já estão mortos. Esses… Read more »

Martini

Pode ser que os EUA não boicote a venda, pela concorrencia no F-X2!
Pode ser…!

Pura especulação minha!

Abraço a todos!

karlus73

Também andava a ler e a pesquisar e para tentar encontrar o desenho… são vários concepções… tens razão Bosco é esse o desenho e não é assim tão parecido… sorry Neste artigo que tenho diz que o projecto do PAK começou em 2007… se for verdade já tem 2 anos de desenvolvimento e que o governo russo prometeu uma verba que nem dá para os 3 protótipos que são necessários. Os riscos são grandes, relembro que a próprio Sukkoi tinha um projecto SSBJ que nem sei o que foi feito… parou no tempo. Espero que este PAK russo não seja… Read more »

F/A-18E Super Hornet

Calote à vista.

Lol

Essa é uma ótima oportunidade para o Brasil, Pra embraer quero dizer. Na verdade nossos avioes ST deveriam estar em todas as forças aereas sa américa do sul. Sao só 6 mas podem aumentar no futuro.

Alessandro

Calote à vista. (2)

Tiago Jeronimo

Quais as chances dos EUA boicotar a venda do Super Tucano pra Bolivia? Se não me engano o mesmo já aconteceu com os AMX-T numa venda pra venezuela?

RJ

Esse Evo é um palhaço. O mesmo equipamento que foi vetado à Bolívia no L-159 está presente no Super Tucano.
Adivinha se ele não vai ser vetado pelos EUA?
Só porque um é jato e o outro turbo-hélice?

Paulo Renato

Esses L-159 poderiam assumir o lugar dos Xavantes que já estão já no seu final de vida.
Acho que seria uma boa para a FAB.

Abs.

RL

Tb acho que os ST deveriam estar presentes em todas as FA´s do continente..

Más..

Ricardo

Que vetem, vender algo que pode ser usado depois contra nós não tem sentido…

O Cara ja se mostrou um “pilantra” com o caso da Petrobras, vão querem vender armas pra ele ?!!!!

Harry

Caros
Acho melhor para Evo M. esperar liberação do EUA do ST,
trazer o balquinho de volta e aguardar sentado se não cansa.
He, He,

Ducca

Acredito que o Evo esteja a serviço do Huguito.
Amanhã ou depois essas aeronaves poderão ir parar na Venezuela.

Depois de tudo que Bolívia e Equador aprontaram eu não depositaria confiança no Governo desses paíse tão cedo. Ou melhor, não confiaria enquanto estivessem como seus presidentes o Evo e o Correia, súditos do Huguito.

Asimov

Ele expulsou o embaixador do Grande Satã e quer adquirir armas recheadas de equipamentos do Grande Satã? Pura palhaçada.

Ele vai comprar da Rússia ou China de qualquer jeito.

A Venezuela comprou da Rússia, Su-30 e não foi porque o Brasil não vendeu Super Tucano ou AMX. Isso é falácia. No lugar desses a Venezuela comprou o K-8 Karakorum.

Felipe Cps

Ahahaha, até parece que estamos falando de outro Tio Sam, hahaha… Muito engraçado, rsrs… Esse Evil Cocalero é um completo palhaço. Ele não quer expulsar embaixador americano? Não quer ser bolivariano “mucho macho”? Não quer fazer “la revolución” cocalera? Agora arque com as conseqüências, se é que tem “cojones”… Tio Samuel simplesmente dirá pra ele: “NO FUCKING WAY”! Que sua Força Aérea fique voando de… humm, de… sei lá que porcaria tem a Bolívia, deve ter apenas pirocóptero (além de alguns aviões das “Aerolíneas Cocaleras”)… 🙂 E não venha depois falar mal da Embraer, que nós não temos nada a… Read more »

Rafael

Amigos, algumas considerações se me permitem: 1ª – Também não confiaria em países tipo Venezuela, Bolívia, Equador, Paraguai e talvez nessa lista eu incluiria a Argentina, simplesmente por que seus respectivos presidentes não são confiáveis, já deram mostras disso, são populistas e jogam para a torcida como costumamos dizer, vide caso Petrobrás na Bolivia, Odebrecht no Equador, Itaipu no Paraguai, e não cumprimento de contratos e acordos no Mercosul por parte dos Argentinos, na Venezuela estamos aos sabores e devaneios do Sr Chavez e suas megalomanias. 2ª – No Brasil não temos cultura militar organizada a nível de Estado,estamos kilometros… Read more »

André Castro

A Embraer também esta oferecendo à Bolívia três tipos de aviões VIP, Legacy e outras duas versões VIP dos E-Jets ,A Russia ofereceu AN-148,Mas a Embraer esta em vantagem porque é possível achar peça de reposição em qualquer pais da região (eu não recomendaria peças paraguaias, rsrss)além disso o financiamento seria feito pelo BNDES.

Acho se a Bolívia resolvesse ir de ST ela seria favorecida, já que um veto americano em plena reta final do F-X poderia influenciar em alguma no processo . Lembrando “eu acho”

Marcelo L.

A Bolivia não está mal das pernas em termos de grana, muito pelo contrário está com orçamento equilibrado.

Coloco abaixo um site contrário ao Evo…apesar das críticas fala que tem reservas cambiais.
http://www.hidrocarburosbolivia.com/bolivia-mainmenu-117/analisis-y-opinion/21354-ihacia-donde-va-la-economia-boliviana.html

Felipe Cps

Lógico que a Bolívia está com as contas equilibradas, cada vez que enchemos o tanque de gás ou andamos de táxi no Brasil estamos contribuindo pra “equilibrar as contas” deles…

Lol

essa questão é delicada, esses safados desses bolivianos, vao se danar, esses caras tao juntos(equador, venezuela, bolivia e argentina)todos se armando, e os bolivianos acham natural cultivar coca para mascar,(que façam gasolina com isso)!!!!

Patriota

O ideal para os bolivianos seria adquirir umas 18 unidades do
L-15 chines

julio

Concordo quando os colegas dizem que o Super Tucano deveria ser utilizados pelos paises da America do Sul. Talvez outros armamentos que fabricamos também deveriam ser utilizados. Mas, o grande problema é fazer vendas para países como Paraguai e principalmente Bolivia que está alinhada ao projeto Bolivariano, que no fundo tem apoio de Lula Celso Amorim e MAG entre outros. Financiar armamentos com o risco de nunca receber é loucura. Recebi recentemente um email com relação das dividas que o Lula perdoou, vão desde países africanos a latino americanos é dinheiro nosso arrecadado com impostos que foi emprestado para investimentos… Read more »

julio

correção: onde constei chineses, leia-se russos

Lol

Ninguém perdoa as dividas externas do brasl ai o lulinha perdoa a divida dos outros para dar de bonzinho, eles tem que comprar eh da china mermo.

Francisco AMX

Vai ser mais um ST melhor que os nosso? como os da Colombia que são mais equipados que os nossos???
NÃO TEM QUE VENDER NADA DE EQUIPAMENTO MILITAR DESTA CLASSE PARA NENHUMA FA DA AMÉRICA LATINA, PRINCIPALMENTE VENEZUELA, EQUADOR E ARGENTINA! INVEJOSOS DE PLANTÃO!

Bruno Rocha

Gostaria que o nosso KC-390 fosse como o AN-148 Antonov. Com ele, na versão militar, os venezuelanos, bolivianos e banana com café, seriam muito mais poderoso que o nosso 390. Temos que nos preocupar em nos armar AGORA!. Essa política pacifista só vai levar o Brasil a se tornar (ou já é) um país acostumado a tomar tapa na cara e ainda pedir desculpas. Seria muito melhor, se quando os bolivianos invadissem nossa Petrobras, eles tivessem sido recebidos a míssil e bomba. Se o Brasil tivesse uma posição mais dura politicamente com países engraçadinhos (Bolívia, Argentina, Venezuela, etc. etc. etc.)… Read more »

karlus73

Bruno Rocha:

Isso é mais um dos desenhos do famoso e desconhecido PAK Russo… o que chamo um pseudo-avião. Só acredito quando o ver… a não ser que seja tão Stealth que nem os criados o conhecem. (desculpem da piada) Também se aprende a rir

karlus73

criados = Criadores

Edmar

Caros Amigos.:

A Bolívia disse que pode também adquirir aviões “Russos” ou aviões “Chineses”.
Eu li em outro Blog (pode ser que seja uma especulação), que a China teria oferecido a “Evo Morales” 8 aviões caças “Jian J-10”.
Seriam 6 aviões monoposto e 2 biposto, e seria a primeira vez na história que a Bolívia iria operar caças supersônicos.
A própria China iria financiar esses caças a Bolívia e pelo que tudo indica, “A longo, longo prazo”.
Isso porque a “China” quer espandir seu mercado de caças para o Mundo.

Abraços.

Bosco

Bruno,
esse ‘caça’ é só um exercício de imaginação para um futuro caça brasileiro feito no site DefesaBr onde eles fazem uma simulação de como nossas forças armadas poderão vir a ser.
O desenho sem dúvida foi baseado no conceito do F-19 que foi imaginado nos anos 80 e que depois foi sabido ser o F-117.
(http://hyperscale.com/features/2002/images/f19da_1.jpg)
Um abraço.

karlus73

Bosco
esse desenho também é do FAK, ou então muito parecido… tenho uma revista ao meu pé e é muito igual.

Bosco

Karlus,
como o avião russo não existe eles fazem um monte de esboços, mas o F-19 (que nunca existiu) foi o primeiro a ter essa forma ‘arredondada’ e o site DefesaBr já tem esse desenho de longa data, bem antes desses desenhos do Pak-Fa estarem por aí.
Esse deve ser o que você tem:
(https://14.media.tumblr.com/NAJN8JTZ6qomgjc9WThLztQBo1_500.jpg)
Um abraço meu amigo.

Flavio

Por mim, pode vender os 6, e ate mais 6 se quiserem

É negócio, dinheiro, só isso. não vai ser com 6 ou 12 ST que vão achar que podem atacar o Brasil.

Temos que pensar em ganhar grana, e não ficar pensando em ideologia barata.

Se querem comprar, vamos vender, vamos por pressão nos americanos para que liberem.

Quanto mais dependerem de nós, melhor será. Não podemos esquecer que não é só a venda, tem o pós-venda, a manutenção. Empregos no Brasil

BRASIL!!!

Jonas Rafael

Não contaram pra ele que o ST tem componentes americanos também? Só resta pra ele comprar na China ou na Rússia. O que pras necessidades Bolivianas está mais do que bom, convenhamos…

Bruno Rocha

FORA DO TOPICO!

Quais países latinos (principalmente) e do mundo demonstraram interesse em adquirir o nosso KC-390?
Há alguma probabilidade de algum(s) componente(s) dele ser americano?

Jonas Rafael

Com certeza vai ter MUITA coisa americana nele. Isso é invevitável…

Adler Medrado

Calote à vista. (3)

Roberto CR

Falando sério povo, quem é que pode levar a sério essa conversa de invasão bolivariana? Estes países mal tem recursos pra se manterem, são dependentes economicamente de monoculturas, tem processos de desenvolvimento tecnologico pouco expressivos e lentos, e tem gente que acha que estão se armando pra invadir o Brasil? E pior, com suporte de Super Tucano, Urutus e Cascavéis!?!?!?! Isso é que seria uma bela invasão. Mas nem a Bolívia se quisesse teria condições de ter o Acre de volta. Alguns ainda não estão enxergando, ainda, que o Chile se arma agora principalmente por causa do Peru. O que… Read more »

CosmeBR

Brincadeira. Se o L-39 foi vetado o ST vai ter o mesmo destino! Se o ST fosse nacional tínhamos que vender mesmo, afinal 6 aeronaves não fazem diferença num conflito conosco, ainda mais sendo estas aeronaves pilotadas por bolivianos.

BRASIL ACIMA DE TUDO!!!

Felipe Cps

“ainda mais sendo estas aeronaves pilotadas por bolivianos”

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA… sacanagem, rsrsrsrs 🙂

Reportagens especiais

‘Se é bonito, voa bem’ – o Dassault Mirage

Mirage é um nome dado a vários tipos de aviões a jato projetados pela empresa francesa Dassault Aviation (anteriormente...
- Advertisement -
- Advertisement -