sábado, abril 17, 2021

Gripen para o Brasil

Paraguai e Uruguai podem fabricar peças para a Embraer

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

O governo do Uruguai negocia junto ao Paraguai a possibilidade de fabricar peças e acessórios para a Empresa Brasileira de Aeronáutica, a Embraer, informaram nesta quarta-feira fontes oficiais de Montevidéu.

A iniciativa já foi discutida pelo secretário-geral do Ministério da Indústria do Uruguai, Adalberto Fried, e pelo vice-ministro de Indústria do Paraguai, Walter Bogarin, que agora pretendem levar sua proposta à empresa.

“O Uruguai tem capacidade para colaborar em algumas áreas, como a provisão de acessórios ou peças”, disse o diretor nacional de Indústria do Paraguai, Roberto Kreimerman.

A expectativa dos dois governos é que as negociações vinguem porque a Embraer tem a intenção de reduzir custos por causa da crise econômica internacional. Neste contexto, adquirir insumos de países do Mercosul seria uma opção mais viável.

Caso a parceria saia, o Paraguai espera obter inclusive linhas de financiamento para incrementar seu parque industrial e criar 10 mil postos de trabalho. Segundo Kreimerman, o Uruguai, por sua vez, tem interesse em participar na fabricação de produtos com alto conteúdo tecnológico e que exija mão-de-obra qualificada.

FONTE: ANSAlatina

- Advertisement -

44 Comments

Subscribe
Notify of
guest
44 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marco

E o Piaui e o Maranhão também podem fabricar peças para a Embraer ?

Noel

O Maranhão não, pois a família do Sarney vai superfaturar tudo.

Roberto CR

Bem lembrado Marco e Noel. Não é hora de querer reduzir custos às custas de empregos que podem ser gerados dentro do Brasil. O problema é, como disse o Noel, que velhos piratas ainda atuam por aqui.

Abs

Vassili Zaitsev

10 mil postos de trabalho com o possível financiamento. Se o dinheiro que eles esperam receber do BNDS for para outros setores, pode até ser que consiga criar esse elevado nº de empregos. Mas, dizer que o Paraguai vai empregar 10 mil pessoas somente na fabricação de peças para a Embraer, digo que o vice ministro da indústria do Paraguai está fora da realidade.

abraços.

Zero Uno

Uruguai pode até ser. No paraguais essas peças serão falsificadas e vendidas em camelôs, rsssssss.

Brincadeiras à parte, no Maranhão e no Piauí os Sarney e o Sen. Mão Santa, respectivamente, irão querer levar as suas “comissões” para fazer o negócio andar…

Tem razão o Noel…

Abraços.

celio andrade

Depois eles metem o pau….

joao terba

Será que a Embraer globalizada tem 10 mil empregos.

Jacubão

Não pode ser. Logo o Paraguai? Putz…

Carlos Augusto

Que legal heim, até o Paraguai quer uma ajudazinha da Embraer e do BNDES.

Ulisses

Paraguai?Uruguai?Eles não sabem fabricar uma dobradiça de porta! KKKKKKKKKKKK

COMANDANTE MELK

Senhores,

oque acontece é que a coisa ta complicada “mesmo´´, (vide os americanos) sepultando projetos que já consumiram bilhoes de dolares, e que precisariam de outro tanto para serem finalizados mas do jeito que a coisa esta “até para eles´´ o jeito é sepultar ou diminuir “bemmm´´ as encomendas.

A Embraer ciente do jogo do qual participa, esta procurando achar uma forma de diminuir custos, logo assim sendo, a mão de obra de paises como o Paraguai e Uruguai são muito atraentes nestes tempos de vacas magras…

RJ

Deve se estar pensando em offsets comerciais.
Mas não consigo ver Paraguai e Uruguai consumindo um volume muito grande de qualquer coisa, sendo isso por conta do PIB desses países, como pelo próprio tamanho deles…
Devemos ter surpresas no mercado em breve…

gaspar

agora esses paises querem de todo jeito a grana do BNDES…
primeiro metem o pau no Brasil, depois querem investimentos brasileiros…
a Bolivia ta pianinho agora ja que produzimos praticamente todo gas utilizado pelo Brasil…
a Venezuela nao vai honrar o contrato da refinaria em Peranbuco(acho eu), sera 100% Petrobras…
sou contra financiamentos brasileiros para esses paises…

Baschera

Só se forem 10.000 uraguaios e paraguaios que sabem fabricar aviãozinho de papel.
Esta imprensa só sabe criar barrigas, e tem gente que ainda paga para ler jornal.

Sds.

Marcelo

Uma pergunta: você voaria num avião fabricado com peças feitas no Paraguai? e na Bolivia? E no Uruguai? E na Etiopia?
Só pode ser brincadeira de 1 de abril atrasada.

RLobo

Concordo com o Marcelo.
Só pode ser brincadeira de 1 de abril atrasada!

Cassio

Bom dia a todos

Isso só pode ser piada, deve ser uma maneira de conseguir dinheiro do BNDES.
Depois que conseguir os financiamentos o paraguai vai criar problemas com Itaipú.
O (des)governo brasileiro deveria incentivar novas empresas fornecedoras de peças no Brasil, ou então fazer parcerias com países sérios, que possuam capacitação tecnológica para isso.

RL

No caso do Paraguai eu vejo uma certa condição obscura de compensação de uma certa Hidrelétrica chamada Itaipu. É como compensar o não acordo de aumento no pagamento da energia comprada deles e investir em postos de trabalho lá que estejam garantidos por uma empresa que tem demanda, com ou sem crise. A Embraer.

No caso do Uruguai, sei não.

Carlinga Carenada

Por favor, essa notícia foi checada mesmo? Parece notícia de 1º de abril… Não dá pra acreditar em uma linha do que está escrito… Paraguai ? Uruguai ? Fabricam aeropartes ? Dá licença que vou tomar Dramin, estou com enjoo…

Flamenguista

Eu não entendo uma coisa. Como um país que não fabrica NADA como o Paraguai vai fabricar peças de avião?? Quem já foi ao Paraguai sabe que lá, até o sabão em pó é fabricado no Brasil.
Não estou querendo menosprezar nosso vizinho mas devo me ater à realidade dos fatos.

bandeira

Uruguai, até não duvido, mas Paraguai? êles manipulam muito bem iodo e alcool, e apelidam de uisque.

Vassili Zaitsev

Mauro,

Putz, essa “garantia” seria das boas.

abraços.

Marco

E o Piaui e o Maranhão também podem fabricar peças para a Embraer ?

Noel

O Maranhão não, pois a família do Sarney vai superfaturar tudo.

Roberto CR

Bem lembrado Marco e Noel. Não é hora de querer reduzir custos às custas de empregos que podem ser gerados dentro do Brasil. O problema é, como disse o Noel, que velhos piratas ainda atuam por aqui.

Abs

Vassili Zaitsev

10 mil postos de trabalho com o possível financiamento. Se o dinheiro que eles esperam receber do BNDS for para outros setores, pode até ser que consiga criar esse elevado nº de empregos. Mas, dizer que o Paraguai vai empregar 10 mil pessoas somente na fabricação de peças para a Embraer, digo que o vice ministro da indústria do Paraguai está fora da realidade.

abraços.

Zero Uno

Uruguai pode até ser. No paraguais essas peças serão falsificadas e vendidas em camelôs, rsssssss.

Brincadeiras à parte, no Maranhão e no Piauí os Sarney e o Sen. Mão Santa, respectivamente, irão querer levar as suas “comissões” para fazer o negócio andar…

Tem razão o Noel…

Abraços.

celio andrade

Depois eles metem o pau….

joao terba

Será que a Embraer globalizada tem 10 mil empregos.

Jacubão

Não pode ser. Logo o Paraguai? Putz…

Carlos Augusto

Que legal heim, até o Paraguai quer uma ajudazinha da Embraer e do BNDES.

Ulisses

Paraguai?Uruguai?Eles não sabem fabricar uma dobradiça de porta! KKKKKKKKKKKK

COMANDANTE MELK

Senhores,

oque acontece é que a coisa ta complicada “mesmo´´, (vide os americanos) sepultando projetos que já consumiram bilhoes de dolares, e que precisariam de outro tanto para serem finalizados mas do jeito que a coisa esta “até para eles´´ o jeito é sepultar ou diminuir “bemmm´´ as encomendas.

A Embraer ciente do jogo do qual participa, esta procurando achar uma forma de diminuir custos, logo assim sendo, a mão de obra de paises como o Paraguai e Uruguai são muito atraentes nestes tempos de vacas magras…

gaspar

agora esses paises querem de todo jeito a grana do BNDES…
primeiro metem o pau no Brasil, depois querem investimentos brasileiros…
a Bolivia ta pianinho agora ja que produzimos praticamente todo gas utilizado pelo Brasil…
a Venezuela nao vai honrar o contrato da refinaria em Peranbuco(acho eu), sera 100% Petrobras…
sou contra financiamentos brasileiros para esses paises…

RJ

Deve se estar pensando em offsets comerciais.
Mas não consigo ver Paraguai e Uruguai consumindo um volume muito grande de qualquer coisa, sendo isso por conta do PIB desses países, como pelo próprio tamanho deles…
Devemos ter surpresas no mercado em breve…

Baschera

Só se forem 10.000 uraguaios e paraguaios que sabem fabricar aviãozinho de papel.
Esta imprensa só sabe criar barrigas, e tem gente que ainda paga para ler jornal.

Sds.

Marcelo

Uma pergunta: você voaria num avião fabricado com peças feitas no Paraguai? e na Bolivia? E no Uruguai? E na Etiopia?
Só pode ser brincadeira de 1 de abril atrasada.

RLobo

Concordo com o Marcelo.
Só pode ser brincadeira de 1 de abril atrasada!

Cassio

Bom dia a todos

Isso só pode ser piada, deve ser uma maneira de conseguir dinheiro do BNDES.
Depois que conseguir os financiamentos o paraguai vai criar problemas com Itaipú.
O (des)governo brasileiro deveria incentivar novas empresas fornecedoras de peças no Brasil, ou então fazer parcerias com países sérios, que possuam capacitação tecnológica para isso.

RL

No caso do Paraguai eu vejo uma certa condição obscura de compensação de uma certa Hidrelétrica chamada Itaipu. É como compensar o não acordo de aumento no pagamento da energia comprada deles e investir em postos de trabalho lá que estejam garantidos por uma empresa que tem demanda, com ou sem crise. A Embraer.

No caso do Uruguai, sei não.

Carlinga Carenada

Por favor, essa notícia foi checada mesmo? Parece notícia de 1º de abril… Não dá pra acreditar em uma linha do que está escrito… Paraguai ? Uruguai ? Fabricam aeropartes ? Dá licença que vou tomar Dramin, estou com enjoo…

Flamenguista

Eu não entendo uma coisa. Como um país que não fabrica NADA como o Paraguai vai fabricar peças de avião?? Quem já foi ao Paraguai sabe que lá, até o sabão em pó é fabricado no Brasil.
Não estou querendo menosprezar nosso vizinho mas devo me ater à realidade dos fatos.

bandeira

Uruguai, até não duvido, mas Paraguai? êles manipulam muito bem iodo e alcool, e apelidam de uisque.

Vassili Zaitsev

Mauro,

Putz, essa “garantia” seria das boas.

abraços.

Combates Aéreos

Falso canopy

A pintura do falso canopy é um tipo de camuflagem, usada em algumas aeronaves de caça com o objetivo...
- Advertisement -
- Advertisement -