quarta-feira, abril 21, 2021

Gripen para o Brasil

Array

UH-1Y declarado operacional

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

O USMC anunciou que o programa UH-1Y atingiu todos os parâmetros previstos (IOC – Initial Operating Capability) e está pronto para ser embarcado em janeiro de 2009. As três aeronaves passaram por um período de mais de um ano sob intensa avaliação no Marine Light Attack Helicopter Training Squadron, HMLAT-303.

A Bell Helicopter assinou um contrato de 137,4 milhões de dólares em julho de 2006 para a produção inicial (LIRP) de sete aeronaves dentro do programa “H-1 upgrade” (que envolve os UH-1N e os AH-1W), um simulador, e quatro treinadores de manutenção. O programa de atualizaçao da frota de H-1 envolverá um total programado de mais de 100 células da versão UH-1N e 180 da versão AH-1W. As aeronaves receberão um rotor principal totalmente novo com quatro pás no lugar do antigo de duas pás, substituição do rotor de cauda por outro de quatro pás e painel estilo “glass cockipt” para uso de NVG.

Na foto abaixo aparece a dupla H-1 durante testes a bordo do USS Bataan. Observar o novo rotor principal dobrado.

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Cinquini

Será que essa modernização não poderia ser feita nos nossos UH-1D??

Paulo Costa

Interessante o sistema de recolhimento das pas do rotor,
existem varios modelos,mas este são as pas que dobram.
Li um informe que alem do upgrade,o motor fica com potencia
maior,de 1800shp,para 2200shp.Quem sabe podemos fazer
um upgrade nos nossos.

Marine

Mais uma vez o USMC mostra que entre as FA americanas eles fazem mais com menos, modernizando aeronaves “antigas” ao inves de gastar montantes astronomicos como fez o US Army com os helicopteros “Comanche”. Sao realmente a bagatela ao contribuinte americano…

Baschera

Pois é senhores,
Mas não temos dinheiro para “modernizar” os nossos “sapões”.
O dinheiro, raspa do tacho, nos próximos dias vai para a compra de 02 Legacy e mais uns 09 Phenon 300 novinhos para o GTE.
É, para os filhos da viúva passear no bem-bom tem……..nem que falte papel higiênico!!
Sds.

tomas

Bem que os “sapões” da FAB poderiam passar por esta modernizada igual…

Alfredo_Araujo

Interessante as saidas das Turbinas… ficou com uma aparencia de “adaptado” !!

FD

Sapão envenenadasso!!!

Jonas Rafael

Caramba, e não é que estão usando o UH-1 ainda? Eu pensei que a essa altura tivesse trocado tudo por UH-60, em todas as forças…
Alguém sabe se o CH-46 ainda é utilizado?

Jorge Lee

Interessante notar que nem para o padrão Huey II temos verbas…

Paulo Costa

Do lado do Huey,tem um Cobra dos marines,tempos atras foi
feito uma consulta a eles para que pudessemos usar o Cobra
no Exercito,ou CFN.Eles usam ate hoje o Cobra,e estão fazendo
um upgrade neles tambem.

Marine

Jonas,

o Ch-46 Sea Knight ou “Frogs” ainda sao utilizados nos USMC, eu mesmo ja voei muito neles, inclusive foi nele que voei de Fallujah a Base Aerea de Taqqadum. O USMC esta lentamente comecando a troca-los pelo V-22 Osprey.

Jonas Rafael

Blz Marine, o Osprey é um conceito muito interessante de aeronave de transporte, mas eu me pergunto como ele se sai içando cargas. Sempre me passa a impressão de que ele não tem a mesma flexibilidade de um helicóptero pra essas coisas…

Vassily Zaitsev

Será que o SAPÃO ianque vai continuar com o som característico de seus rotores? Aquele barulho é indescritível, você sabe de longe que é um UH-1H.

Marine

Jonas, Nao sei te dizer com certeza sobre o Osprey icar carga, ainda nao observei nenhum fazendo isto mas a intencao do Osprey e expedicionaria, quer dizer ele foi feito para aumentar a capacidade operacional no sentido de “range”, “speed” e “stand-off distance” para operacoes. Sendo um exemplo perfeito foi a invasao das MEU(SOC) no Afeganistao em 2001 partindo do Oceano Indico ate o Afeganistao, um pais sem costas maritimas. Pena que O Osprey nao era operacional na epoca mas e esse tipo de missao que o USMC tem visao de uso para o Osprey. Vassily, nao o som caracteristico… Read more »

Paulo Costa

Ban,Ban,Ban, outro dia tinha aqui na região,fez um sobrevoo
procurando algo.Nas patrulhas do Exercito,os Huey ficavam
sobrevoando,lançando petardos de cal,quem chegasse manchado
pagava 50 de cara.Na Alemanha na decada de 90,em certas regiões
tinha combate aereo direto,o céu ficava cheio de F-18,Tornado,F-4 ,
Mirage,era sentar e ver,depois apareciam os Huey no SAR,
procurando os ejetados,ban,ban,ban,ban….

[…] três primeiros helicópteros Bell UH-1Y “Yankee”, integrantes do esquadrão HMM-163 do USMC, acabam de retornar de uma comissão de […]

Cinquini

Será que essa modernização não poderia ser feita nos nossos UH-1D??

Paulo Costa

Interessante o sistema de recolhimento das pas do rotor,
existem varios modelos,mas este são as pas que dobram.
Li um informe que alem do upgrade,o motor fica com potencia
maior,de 1800shp,para 2200shp.Quem sabe podemos fazer
um upgrade nos nossos.

Marine

Mais uma vez o USMC mostra que entre as FA americanas eles fazem mais com menos, modernizando aeronaves “antigas” ao inves de gastar montantes astronomicos como fez o US Army com os helicopteros “Comanche”. Sao realmente a bagatela ao contribuinte americano…

Baschera

Pois é senhores,
Mas não temos dinheiro para “modernizar” os nossos “sapões”.
O dinheiro, raspa do tacho, nos próximos dias vai para a compra de 02 Legacy e mais uns 09 Phenon 300 novinhos para o GTE.
É, para os filhos da viúva passear no bem-bom tem……..nem que falte papel higiênico!!
Sds.

tomas

Bem que os “sapões” da FAB poderiam passar por esta modernizada igual…

Alfredo_Araujo

Interessante as saidas das Turbinas… ficou com uma aparencia de “adaptado” !!

FD

Sapão envenenadasso!!!

Jonas Rafael

Caramba, e não é que estão usando o UH-1 ainda? Eu pensei que a essa altura tivesse trocado tudo por UH-60, em todas as forças…
Alguém sabe se o CH-46 ainda é utilizado?

Jorge Lee

Interessante notar que nem para o padrão Huey II temos verbas…

Paulo Costa

Do lado do Huey,tem um Cobra dos marines,tempos atras foi
feito uma consulta a eles para que pudessemos usar o Cobra
no Exercito,ou CFN.Eles usam ate hoje o Cobra,e estão fazendo
um upgrade neles tambem.

Marine

Jonas,

o Ch-46 Sea Knight ou “Frogs” ainda sao utilizados nos USMC, eu mesmo ja voei muito neles, inclusive foi nele que voei de Fallujah a Base Aerea de Taqqadum. O USMC esta lentamente comecando a troca-los pelo V-22 Osprey.

Jonas Rafael

Blz Marine, o Osprey é um conceito muito interessante de aeronave de transporte, mas eu me pergunto como ele se sai içando cargas. Sempre me passa a impressão de que ele não tem a mesma flexibilidade de um helicóptero pra essas coisas…

Vassily Zaitsev

Será que o SAPÃO ianque vai continuar com o som característico de seus rotores? Aquele barulho é indescritível, você sabe de longe que é um UH-1H.

Marine

Jonas, Nao sei te dizer com certeza sobre o Osprey icar carga, ainda nao observei nenhum fazendo isto mas a intencao do Osprey e expedicionaria, quer dizer ele foi feito para aumentar a capacidade operacional no sentido de “range”, “speed” e “stand-off distance” para operacoes. Sendo um exemplo perfeito foi a invasao das MEU(SOC) no Afeganistao em 2001 partindo do Oceano Indico ate o Afeganistao, um pais sem costas maritimas. Pena que O Osprey nao era operacional na epoca mas e esse tipo de missao que o USMC tem visao de uso para o Osprey. Vassily, nao o som caracteristico… Read more »

Paulo Costa

Ban,Ban,Ban, outro dia tinha aqui na região,fez um sobrevoo
procurando algo.Nas patrulhas do Exercito,os Huey ficavam
sobrevoando,lançando petardos de cal,quem chegasse manchado
pagava 50 de cara.Na Alemanha na decada de 90,em certas regiões
tinha combate aereo direto,o céu ficava cheio de F-18,Tornado,F-4 ,
Mirage,era sentar e ver,depois apareciam os Huey no SAR,
procurando os ejetados,ban,ban,ban,ban….

[…] três primeiros helicópteros Bell UH-1Y “Yankee”, integrantes do esquadrão HMM-163 do USMC, acabam de retornar de uma comissão de […]

Reportagens especiais

Na década de 80, o jato binacional AMX era destaque nas revistas aeronáuticas

O avião de ataque AMX, projeto ítalo-brasileiro produzido pelas empresas Aeritalia, Aermacchi e Embraer foi muito badalado pelas revistas...
- Advertisement -
- Advertisement -