Home Sistemas de Armas Muito perto para lançar um míssil, mas no momento exato para usar...

Muito perto para lançar um míssil, mas no momento exato para usar o canhão

335
35

F-16 HUD

A simbologia do HUD (head-up display) de um F-16 num “dogfight”, mostra o instante exato em que o “pipper” do canhão fica sobre o caça oponente. Na barra vertical à direita, o sinal de maior ao lado do 180 indica que a distância é muito curta para o emprego de um míssil guiado por infravermelho (IR). Nessa situação, só o canhão embarcado resolve.

SAIBA MAIS:

Subscribe
Notify of
guest
35 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Joaca
Joaca
10 anos atrás

Senhores
E tem gente que acha que canhão é desnecessário.
Gostaria de lembrar, que mísseis acabam, que bombas acabam e que as vezes somente um bom e velho 30mm é suficiente para apresentar alguém a são pedro.
At
Joaca

Adrik
Adrik
10 anos atrás

Joaca,

Vc tbm tem que lembrar que a munição do canhão também acaba… rs

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

Claro que o canhão ainda é importante, se não fosse não faria parte dos equipamentos dos caças de 4ª e 5ª geração. A cadência de tiro é espantosamente rápida, o que dá , no máximo, uns poucos segundos para esgotar o cofre de minução, mas, o estrago é grande, imaginem, 20, 27, 30 mm chovendo em cima de vc!!!

BrazilNation
10 anos atrás

Os pilotos de Super Tucano não precisam mais do que canhão para intimidar e, se necessário, abater os traficantes mais ousados e teimosos (propósito que dispensa supersônico).

O caça A-29 Super Tucano da FAB possui 2 metralhadoras FN Herstal M3P de calibre .50 polegada (12,7 mm) intaladas no interior das asas.

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

Beleza BrazilNation (essa não é a sua foto verdadeira é? rsrsrs) mas o ST não tem canhão e sim, metralhadoras. Canhões no jargão aéreo é quando têm calibre acima de 20 mm.

Sds,

Bosco
Bosco
10 anos atrás

E quando acabar a munição?
Abalroamento.
rssrsr…..

Joaca
Joaca
10 anos atrás

Senhores
Na MB, canhão é acima de 40mm! Já na FAB acima de 20mm.
At
Joaca

Dalton
Dalton
10 anos atrás

lembrando um pouco da historia…os famosos “zeros” japoneses tinham apenas 60 rounds para cada um de seus canhões de 20mm
ou seja, terminavam rapidinho e nem sempre havia um piloto que fazia a “diferença” a bordo para dar um bom fim a tão limitado estoque.

abraços

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

Dalton, deve ser por isso que eles inventaram os Kamicases, acabou o canhão joga o avião mesmo!!rsrsrsrsrsrsr

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

Quanto esta notícia aí, só acredito vendo, este Claudio Humberto não é confiável, foi ele que disse que o Sarkozy ficou chateado pela Patrulle de France não poder evoluir sobre Brasília, porque o EDA tb não pode evoluir sobre Paris.

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

Vídeo com Tomcat dando apoio de fogo com o canhão ao pessoal em terra no Iraque.

http://www.apacheclips.com/media/10932/F-14_Close_Air_Support_Iraq,_HUD_Footage/

Jorge
Jorge
10 anos atrás

MARCELO TADEU QUE NOTÍCIA VOCÊ ESTÁ FALANDO, NÃO ACHEI NENHUMA???

Alexandre Galante
Alexandre Galante
10 anos atrás

Já apaguei, era off-topic.

LBacelar
LBacelar
10 anos atrás

Sobre o comentário de quando a munição acaba…

Na guerra entre URSS X Afeganistão, um piloto de MIG-23 voltando de uma missão avistou um comboio de camelos transportando armas para os mujaheedins (Qual é o coletivo de camelos? rsrs)

Como o piloto estava sem munição, ele fez um sobrevôo rasante utilizando o pós combustor da aeronave em full…

Os camelos debandaram deixando os insurgentes desesperados

Acho que depois dessa deve ter camelo até na argentina rsrsrs

adrik
adrik
10 anos atrás

Sei que é off topic, mas respondendo a dúvida do amigo acima, o coletivo de camelos é Cáfila.

Jonas Rafael
Jonas Rafael
10 anos atrás

O coletivo de camelos é cáfila. Essa eu nunca esqueci do ensino fundamental (agora não me pergunta porque ensinavam o coletivo de camelos). Deve ter levantado um areial dos infernos também… 😀

Nunão
Nunão
10 anos atrás

Dalton, hehehe Já “abati” muito Wildcat e ainda voltava com munição de 20mm nos tambores dos “meus” Zeros, nos simuladores. É só não jogar fora em tiros de longa distância e socar os 20mm a queima-roupa. O que funciona bem também com os Bf-109E. É claro que, mais pra frente, com o aumento da quantidade de munição nos zeros, ajudou um pouco ter mais sobra pra sobreviver aos enxames de Corsairs e Hellcats, quando é muito mais difícil ficar no ar nos simuladores (nos modos realistas, é claro). Nessa fase eu sempre voltava com os tambores vazios, apesar da quantidade… Read more »

Erich Hartmann
10 anos atrás

Canhões jamais serão aposentados e ainda mais tipo “gatling” de 20(m61A1) a 23mm* com cadência de 100 a 166 disparos por segundo “trucidam” uma aeronave quase instantaneamente e nem precisa um tiro direto(só por deflexão).

* http://www.kbptula.ru/eng/str/cannons/gsh6_23.htm

cmte.felix
cmte.felix
10 anos atrás

Na minha terra canhão é mulher feia. rsss

Aviãozinho
Aviãozinho
10 anos atrás

nunão que simulador você jogava isso?

André Castro
André Castro
10 anos atrás

tenho uma duvida ,ano passado nos portões abertos tinha do DCTA ,tinha um caravan da FAB,parecia que tinha uma metralhadora na asa do tipo do super tucano ,isso procede ou eu vi demais ?

Ronaldo
Ronaldo
10 anos atrás

mas essa mira ai sera que acertava mesmo? tinha que ser com o bico do caça um pouco pra cima por causa do angulo da bala ate acertar eu acho.

Almeida
Almeida
10 anos atrás

Quando acaba a munição começam os xingamentos pelo rádio rsrsrs

Bosco
Bosco
10 anos atrás

Ronaldo,
o HUD cria uma simbologia para o ponto de impacto já computando a trajetória balística tendo em vista uma série de dados incluindo a distância real do alvo fornecida pelo radar.
Se o ‘pipper’ está sobre o alvo é sinal que o computador balístico já fez as correções é há grande probabilidade de um grande número de projéteis atingirem o alvo.

Mateus_LB
Mateus_LB
10 anos atrás

Eu acho que é coveniente postar aqui o que eu não consigui no post do rafale porque caiu a net do pc. Falram sobre a turbina Snecma m88-3, bom, ela não virá, aliás parece que o projeto dela pelo menos por enquanto foi cancelado, o que está em desenvolvimento é a turbina m88-2 eco, que terá de 10% à 15% a mais de potência e de quebra é 5% ou 6% mais econômica, ale´m de reduzir as emições de gases do efeito estufa. Voltando ao tópico mas relacianando ambos,com essa nova turbina o rafale poderá ter cerca de 85kn de… Read more »

Roberto
Roberto
10 anos atrás

Mateus_LB

Essa M88-2 ECO não é o ideal mas pelo menos diminui um pouco a diferença em relação EJ-200 do Eurofighter Typhoon , o problema é que esse consórcio já está desenvolvendo uma versão mais potente do mesmo. Ou seja a diferença continuará nas versões futuras. O ideal seria a França produzir e instalar sob licença o GE414-G (+ de 20% de potencia com ctz) e a Thales os APG-79 ao invés dos RBE-AESA nos Rafales Brazucas 😀

[]’s

Mateus_LB
Mateus_LB
10 anos atrás

É incrível como esse blog consegue facilmente chegar a 150 posts quando o assunto é alguma coisa com relação ao fx-2, muito show , eu acho que esse é um dos blogs mais postados da internet, desde o começo foi assim, e agora tá cada vez maior, parabens ao pessoal do blog.

alvespereira
alvespereira
10 anos atrás

Quando acaba tudo até tanques sub-alares servem como bomba e o próprio avião como míssil. Valeu a dica de dogfight Galante.

Saudações a todos.

Alexandre Galante
Alexandre Galante
10 anos atrás

Ronaldo, o nariz do avião na foto do HUD está em direção à cruzeta lá em cima. O pipper está sobre o alvo, ou seja, o computador já está calculando a deflexão do tiro.
Na Segunda Guerra Mundial, por exemplo, o piloto tinha que calcular a deflexão no olhômetro.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
10 anos atrás

Bem colocado, Galante e Bosco. Só lembro que, bem ao final da II GM, as miras norte-americanas de caças como o P-51, já tinham um dispositivo mais elaborado para marcar a posição “correta” para a deflexão. Isso, junto com os primeiros trajes anti-G, fez muito piloto mediano combater quase “de igual para igual” nas raras situações (para alguns estudos, nem tão raras assim) em que a disparidade de números não era tão grande e se encontravam em quase igualdade de condições com os relativamente poucos ases alemães ainda na ativa (desde que os primeiros não fizessem muita besteira, é claro,… Read more »

Ronaldo
Ronaldo
10 anos atrás

Bosco em 22 out, 2009 às 13:51
&
Alexandre Galante em 22 out, 2009 às 15:33

É verdade, muito obrigado pelas explicações, é que eu achei meio estranho porque brincando no ace combat do ps2 eu nunca consigo acertar uma boa salva de tiros com o canhão, eu imagino a habilidade monstruosa dos pilotos que conseguiram esse feito.

Mateus_LB
Mateus_LB
10 anos atrás

Roberto Eu tabém falar dessa nova versão de turbina para o typhoon, ela poderá ter empuxo vetorado. Imagina só o typhoon com empuxo vetorado?=( Eu também não acho que o o ECO seja o ideal,mas dá pra quebrar o galho,hehe,eu queria mesmo é tipo assim, um m88-3 eco vetorado, só de inveja,kkkkkkk,mas como o governo da frança tá cansado de gastar com o rafale e ele não mais nem um cliente por enquanto, vai continuar assim por um bom tempo, acho difícil a frança deixar seu caça na mão dos americanos como o gripen. Só descordo de você com relação… Read more »

G-LOC
G-LOC
10 anos atrás

Galante a cruzeta é ondeo o canhão está apontado. Fica apontado alguns graus para cima para facilitar o combate aéreo, mas dificulta os ataques terrestres. Não costumam mostrar onde aponta o nariz da aeronave e sim o vetor velocidade que é para onde a aeroanve está realmente indo. É uma bolota com uma cruz sem a parte inferior.

Challenger
Challenger
10 anos atrás

Gostaria que os colegas postassem reportagens, links ou noticias de Kills reais com canhão.

trackback
10 anos atrás

[…] combate aéreo aproximado, quando não há distância mínima para o disparo de míssil, é a habilidade do piloto e o canhão que contam. Por isso, a maioria das forças aéreas ainda […]