quarta-feira, outubro 27, 2021

Gripen para o Brasil

Marinha dos EUA recebe caça tático adversário F-5N modernizado

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

NAVAL AIR SYSTEMS COMMAND, PATUXENT RIVER, Md – O escritório do programa Specialized and Proven Aircraft da Marinha dos EUA (PMA-226) recentemente entregou a primeira aeronave F-5N à Naval Air Station Patuxent River, Maryland.

Para iniciar o teste de solo e de voo do projeto de protótipo de atualização da frota de F-5. Alinhados com o imperativo estratégico da Marinha de aumentar a capacidade e aumentar a letalidade, os caças táticos reprojetados incluirão recursos encontrados em aeronaves modernas que melhoram a segurança e a prontidão.

A aeronave F-5, atuando por muitos anos como um caça tático de alta altitude e alta velocidade usado pela Marinha e pelo Corpo de Fuzileiros Navais como um agressor adversário, carece de sistemas de segurança modernos, aviônicos e capacidades táticas comuns encontradas em aeronaves modernas. Esta aeronave F-5N é um dos três F-5Ns que serão usados ​​como protótipos da cabine modernizada, aviônica e arquitetura de apoio da aeronave. Essas atualizações melhoram a segurança, a capacidade e a confiabilidade, ao mesmo tempo que resolvem os crescentes problemas de obsolescência.

Após a conclusão bem-sucedida do teste, o escritório do programa usará essas atualizações como um elemento principal na conversão dos 16 caças F-5E e seis F-5F que a Marinha adquiriu recentemente da Força Aérea Suíça. O escritório do programa converterá essas 22 aeronaves de acordo com o programa de Reconfiguração de Aviônica e Aprimoramento/Modernização Tática para Padronização de Estoque (ARTEMIS). O PMA-226 concluiu com êxito a avaliação de logística independente para o Programa ARTEMIS em junho e prevê alcançar uma decisão Milestone C no início do ano fiscal de 2022.

“A colaboração construtiva com nossos parceiros, a frota e a equipe PMA-226 levou ao sucesso da missão, apesar dos desafios técnicos, de cronograma e de gerenciamento de integração da tecnologia do século 21 em uma estrutura da década de 1970 durante a pandemia”, disse Boyd Forsythe, que lidera a equipe adversária do PMA-226.

A aeronave F-5 que receberá as modificações do protótipo de atualização da frota será designada como F-5N+/F+. O risco potencial de perda de um piloto e/ou aeronave será reduzido com a adição de instrumentação necessária que forneça avisos ar-solo, proteção contra condições climáticas severas e avisos de nível de combustível. Esta atualização também adicionará capacidades táticas projetadas para melhorar o treinamento ar-ar da força “amiga”.

Dado o uso significativo de componentes comerciais prontos para uso com manutenção bem definida e requisitos de equipamento de suporte para a aeronave configurada como protótipo de atualização em bloco, a estratégia de suporte ao produto será de nível organizacional (nível O) para o fabricante do equipamento original. A manutenção preventiva de nível O de atualização de bloco consistirá em inspeções, limpeza e tarefas de manutenção programadas. Além disso, os mantenedores de nível O carregarão o software do sistema usando auxiliares de manutenção eletrônicos portáteis disponíveis no mercado atualmente em campo.

“Este programa fornecerá aeronaves modernizadas com aviônicos excepcionais e capacidades táticas que são necessárias para permitir que os pilotos pratiquem as táticas e técnicas empregadas contra uma ameaça semelhante. A entrega dessas melhorias garantirá um treinamento tático realista e relevante que os pilotos precisam para vencer em combate”, disse o capitão Ramiro Flores, gerente do programa PMA-226.

O PMA-226 é responsável pelo gerenciamento do ciclo de vida do berço ao túmulo de várias aeronaves e motores legados e fora de estoque, atribuídos pelo Naval Air Systems Command e serviços aéreos contratados. As plataformas e serviços atribuídos incluem: Aeronave adversária (F-5, F-16); Serviços de aeronaves contratadas; U.S. Naval Test Pilot School/Naval Postgraduate School T-38, H-72, X-26, U-6, NU-1B, O-2, OH-58C; e aeronaves T-2, H-2, H-3, A-4, fora do inventário da ativa da Marinha, em apoio à Naval Aviation Enterprise e nossos parceiros internacionais.

FONTE: NAVAIR – Naval Air Systems Command

- Advertisement -

28 Comments

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nilo

vida longa aos F-5 rsrsrsr

Jadson Cabral

Eu acho engraçado a estrela vermelha na fuselagem, deixando claro que o inimigo mais provável é sempre a Rússia e a China kkkkkk

737-800RJ

Isso só me faz pensar sobre quão longa seria a vida do F-20 Tigershark se tivesse ido pra frente, afinal, se o F-5 ainda tem valor hoje em dia, imagine uma versão mais veloz e com maior alcance…

ZamZam Pampa

O Gripen é o F-20

Flanker

Desenvolva o raciocínio, por favor.

Luiz Trindade

Teria ajudado muito mais a US Navy como caça oponente… Mas F-5N já dá um caldo legal!

Camargoer.

Olá Colegas. O F5 é um vencedor. Fiquei curioso com o novo painel deste F5N.

Jefferson Henrique

Pensei a mesma coisa Camargoer. O F-5 é lendário. Vejam bem o quão válidos ainda são estes meios, como o F-5E/F e os A-4 Skyhawk. Você percebe isso quando os esquadrões Agressors da US Navy e várias empresas privadas pelo mundo, adquirem e modernizam estes vetores para cumprirem a missão de treinamento contra as forças principais. Claro, não sejamos ingênuos, são vetores muito limitados e no final de suas vida úteis, mas somente um ignorante não iria concordar que ambas as modernizações do F-5EM da FAB como dos AF-1B/C da MB os colocaram (mais uma vez, dentro de suas limitações)… Read more »

Rafael

Os vetores são limitados ou estão em pé de igualdade? Não entendi.

E se as várias aeronaves de quarta geração fizerem REVO ou operarem com um AWACS, como fica? Ou só a FAB tem essa capacidade?

Incrível como se abraça contradições para defender o indefensável das forças armadas brasileiras.

Maurício.

Camargoer, acho que ficou + ou – assim:

Screenshots_2021-09-23-14-27-57.png
Flanker

Maurício, note que o HUD não está presente (tanto na imagem que tu postou, como na imagem do início do tópico). Acho que esses F-5N modernizados vão usar a mesma solução utilizada nos F-5AT Tiger II da TacAir, que substituiu o HUD pelo visor no capacete, modelo Scorpion, da Thales.

Luiz Guilherme

Todo mundo sabe que esse é o saudoso Mig-28.

Phenix

O F 5 é o Mig 21 que deu certo ao longo do tempo. Continuarão voando por muitos anos ainda.

Last edited 1 mês atrás by Phenix
Joao Moita Jr

Ué, o Mig 21 não deu certo não??? Que eu saiba, foram ao redor de 11000 unidades produzidas, e ainda estão dando muito trabalho a caças muito mais modernos, abatendo até F-16…

Last edited 1 mês atrás by Joao Moita Jr
RenanZ

Dureza que pra cada F-16 ou equivalente que eles abatem, muitos outros de seus próprios pilotos morrem

Last edited 1 mês atrás by RenanZ
soldado imperial

Já solucionou a dúvida se o mig abateu o f16 paquistanes mesmo? Desde já agradeço se puder esclarecer. Não estou sendo irônico, estou em dúvida mesmo.

Rafaelsrs

Se os EUA quiserem tem mais uma unidades novas aqui no Brasil, governo vende baratinho, inclusive faz até uma troca de seminovos hein, só chamar que a FAB da aquele rolé no AMARG atrás de umas pechinchas.

Rodrigo Maçolla

O bicudo realmente é incrível sempre se reinventando

Adriano Madureira

Os lendários MiG-28…

Alexandre Cardoso

F5 Forever, kkkk

DanielJr

esquadrão de mig-28

RenanZ

Percebe-se que o custo-benefício do F-5 o coloca como um dos projetos de maior sucesso da aviação militar, junto do B-52 e alguns outros

Heinz Guderian

O bicudo está sempre no páreo.

Luis Carlos

O velho e bom F-5 osso duro, Esse é eterno rsrsrsrs.

angelo

Muito bonito esse caça, esse design longilíneo…No TopGun, na cor preta, se passou por Mig….

Gabriel

Os F-5 tiveram não só os aviônicos modernizados com os kits Israelenses, mas também toda parte estrutural foi refeita do zero, não dava mais para ficar metendo bacalhau na fuselagem. Com isso os F-5 serão uma ótima transição para os Gripen.
Esses mesmos aviônicos estão nos A-29, AMX e Skyhawk modernizados.

Evandro Villas Boas Scarpa

Talvez o melhor projeto de modernização dos F5 seja exatamente o nosso, realizado pela EMBRAER… / Alongar a vida útil desses ícones deixou de ser coisa terceiromundista….rs …veja o exemplo do B52…

angelo

Esse design longilíneo é muito bonito…agulha voadora.

Últimas Notícias

Saab iniciará a fase de entrega do Gripen E

Em novembro, a Saab dará início a fase de entrega de aeronaves operacionais, com quatro aeronaves Gripen E para...
- Advertisement -
- Advertisement -