Home Acidente Aéreo Força Aérea de Autodefesa do Japão aterra sua frota de caças F-35A

Força Aérea de Autodefesa do Japão aterra sua frota de caças F-35A

14531
69
F-35A da JASDF
F-35A da JASDF

A Força Aérea de Autodefesa do Japão (JASDF) aterrou sua frota de aviões de combate F-35A, informou a corporação de radiodifusão NHK.

O ministro japonês da Defesa, Takeshi Iwaya, informou em 9 de abril que a frota de jatos furtivos mais novos será aterrada por enquanto, depois que um dos 13 caças F-35A, recentemente entregues, desaparecer durante o treinamento.

O ministro da Defesa do Japão, Takeshi Iwaya, disse: “Por volta das 19h27 de terça-feira, um F-35A da base aérea da Força Aérea de Autodefesa de Misawa perdeu o contato radar 135 quilômetros a leste da costa durante o treinamento”.

Iwaya disse que o piloto está desaparecido. Autoridades dizem que o jato estava voando com outros três aviões do mesmo modelo, e não houve relatos de problemas antes que o contato fosse perdido.

As Forças de Autodefesa e a Guarda Costeira enviaram aeronaves e navios de patrulha para procurar o jato.

Ao mesmo tempo, fontes locais informam que o avião caiu e agora estão procurando pelo piloto. Causas do incidente não foram relatadas. Este será o segundo F-35 perdido em um acidente. Em setembro de 2018, um F-35B dos Fuzileiros Navais dos EUA caiu perto do MCAS Beaufort (SC).

De acordo com o Defense News, o Japão ativou seu primeiro esquadrão de F-35A no final do mês passado, com o 302º Hikotai estabelecido em Misawa equipado com 13 F-35As após sua transferência de Hyakuri, ao norte da capital do Japão, Tóquio, quando operava o Mitsubishi F-4EJ Phantom II.

69
Deixe um comentário

avatar
23 Comment threads
46 Thread replies
4 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
48 Comment authors
MatheusAdriano MadureiraCarlos GallaniCoutinhoIgor Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Clésio Luiz
Visitante
Clésio Luiz

Depois da notícia do desaparecimento desse F-35 japonês, eu pensava que era a primeira perda de uma unidade operacional, mas na verdade é a segunda.

Enquanto aguardamos por notícias do piloto (preferencialmente vivo), aqui vai um vídeo espetacular, parte da comemoração da aposentadoria do F-4 operados pelo Japão. Merecia estar na página inicial do Poder Aéreo:

https://youtu.be/wfc7qBVplxQ

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Clésio, obrigado pelo link. Certamente serão os quase 9 minutos mais agradáveis que terei hoje, e provavelmente durante a semana inteira! Muito bom mesmo!

Jack
Visitante
Jack

Muito bom Clésio !!!

Beto Santos
Visitante
Beto Santos

Que lindo Clésio Luiz este vídeo, de emocionar.

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

Parabéns pela descoberta do vídeo Clésio! Sensacional mesmo!!
E não adianda, Japoneses são fogo! Mitsubishi é fogo!!!

Jofelix
Visitante
Jofelix

Ótimo vídeo

horatio nelson
Visitante
horatio nelson

belo video….valeu clésio…quero ver o q a fab vai fazer quando aposentarem-se os f-5 daqui a 40 anos…

marcus
Visitante
marcus

50 anos.

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

E as pinturas? Meu Deus!

PauloSollo
Visitante

Espetacular vídeo!!!

Chris
Visitante
Chris

Estamos no final do inverno no Japão… As águas estão pra lá de geladas….

Jacinto
Visitante
Jacinto

Caramba… só os japoneses mesmo para colocar (o que me parece ser) um daqueles cogumelos do Mario Bros de pelúcia no avião (1:06)

GUPPY
Visitante
GUPPY

Que vídeo espetacular! Congratulations, Clésio.

Paulo costa
Visitante
Paulo costa

Valeu colega…

Esse vídeo e demais pra que é entusiasta da aviação.

Arminius
Visitante
Arminius

Para quem é ou foi plastimodelista, os kits dos Phantoms japoneses da Hasegawa e Fujimi serão sempre inesquecíveis, com aquelas folhas de decalques enormes que davam diversas opções de acabamento. O Japão provavelmente tinha as pinturas e esquemas de cores mais bonitas da frota mundial de Phantoms. O vídeo dá também um aperto no coração, porque bate aquela sensação de passagem do tempo. Lembro de quando eu era pequeno e os Phantoms estavam operando em vários países e realizando as mais diversas funções: Alemanha, Israel, US Navy, USAF, Royal Navy, Espanha etc. Sem dúvida, um daqueles designs vencedores que cumpriu… Read more »

Joao Argolo
Visitante
Joao Argolo

Não diria que seja o caso, mas os sofisticados sistemas de hoje apresentam pegadinhas terríveis. Olha o caso do 737-Max. A inteligência artificial ainda tá devendo muito. Estranho o fato de o avião ter um comportamento diferente do esperado e o piloto não poder tomar para si o comando e ficar a mercê do computador que não fez a correta leitura da situação. Com a palavra os especialistas

Roberto F. Santana
Visitante
Roberto F. Santana

A primeira coisa que me ocorreu foi desmaio ou desorientação do piloto.
Porém, lembrei do collision avoidance system (AGCAS) dos F-16 avançados, que claro, o F-35 possui:

Roberto F. Santana
Visitante
Roberto F. Santana

Um sistema desses ( se existisse na época e na aeronave) salvaria o piloto daquele AMX que caiu no litoral do Rio de Janeiro décadas atrás.

GFC_RJ
Visitante
GFC_RJ

“Vai subir ninguém! Vai subir ninguém!” (Nascimento, C.)

Dodo
Visitante
Dodo

Kkkkkkkk

Dodo
Visitante
Dodo

Estarei aguardando(provavelmente eternamente) aqueles espertos que disseram que o A1 da fab caiu por ser “velho e sucata”, para falar que o f35 caiu pq é uma “lata velha”

marcus
Visitante
marcus

Mais um fazedor de viuvas para alegria do Big Richard.

Paulo costa
Visitante
Paulo costa

Caiu porque Tava voando … simples assim !!!

Qualquer avião esta sujeito a ter falhas em voo que podem levar a panes e quedas, seja o caça F-35 ou o jato AMX-A1 acidentes acontecem

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Clésio Luiz

Belo vídeo.

Impressionante o estado de conservação dos F 4.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Esse projeto apresenta muitas falhas.
Acho que só não é cancelado por causa da fortuna investida nele.
US$ 1 trilhão.

Chris
Visitante
Chris

Ta nessa ainda ?

Mais um pouco e vai ser mais facil contar é qtos países ainda não possuem o F-35…. heheh

Dodo
Visitante
Dodo

Na verdade é mais fácil contar quantos desses países não o colocaram no chão ou que o colocaram operacionalmente…

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Já contei os países que não possuem o F-35.
Todos, menos EUA, Japão, Coreia e mais meia dúzia na Europa.
E esses, por força de contrato.

Dodo
Visitante
Dodo

Eu nunca gostei muito do f35, por mim, mantinha só a produção do f22, esse sim um avião de 5 geração realmente operacional e eficiente (que adivinhem, foi interrompido por confeção de recursos para o projeto do f35). Esse avião é o clássico exemplo de um avião pato( tenta ser um monte de coisas e no final não consegue fazer nenhuma delas de forma eficiente)

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

falou u ispecialista…

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

mas essa é a vdd Xings, o F35 tá na frente de tudo que voa no mundo, foi difícil fazer e muito muito caro, não tem plano B, o F35 será corrigido e será o melhor caça nas próximas décadas.

Kemen
Visitante
Kemen

Por ser um caça novo, é um pouco estranho ter tido algum problema, pelo menos não é o que se espera, seria bom se conseguisem elucidar o que aconteceu para prevenir futuros acidentes. Foi uma atitude responsavel manter a frota no chão, espero que encontrem o piloto.

Chris
Visitante
Chris

Meses atras… 2 caças japaneses se chocaram em treinamento.

Esse ministro aí, ficou uma fera com a trapalhada dos pilotos.

Fabio
Visitante
Fabio

F35 e tão invisível que até os companheiros de Alá não perceberam ? F35 assemelha ao avião da mulher maravilha.

Rodrigo M
Visitante
Rodrigo M

Companheiros de Alá? Os japas viraram muçulmanos agora?

Fulcrum
Visitante
Fulcrum

“sumiu” e se o japa desertou e levou pro desmanche na china, russia, coreia?

Chris
Visitante
Chris

Pensei nisso tbem…. Mas o avião teria que ser mesmo invisível, pois ele precisaria dar a volta e passar pelo Japão de novo. Heheh

Ja que o contato foi perdido no pacífico, conforme a imprensa.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Deve ter sido na Coreia do Norte.
Tem um sujeito na foto que é a cara do Kim.

Delfim
Visitante
Delfim

Como o desertor do MiG-25, o Viktor Belenko ?

Rodrigo M
Visitante
Rodrigo M

Ah claro… Um piloto japonês tem todos os motivos do mundo para trocar o padrão de vida, família etc, do Japão por uma Rússia, China ou Coréia do Norte da vida.. Tá “Serto”
Como não pensamos nisso antes???

Fulcrum
Visitante
Fulcrum

Sou quis colocar uma lenha na fogueira tudo mundo pensou nisso também, mas o avião foi pro outro lado. Haha

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Não creio que seja o caso de deserção por dinheiro, visto que russos e chineses não precisam mais ‘colar’ o produto dos outros.
Agora, se fosse por dinheiro, viver com alguns milhões de dólares em Moscou, ou mesmo Pequim, não seria nada desagradável, né!?!?!?
Certamente teria muito mais coisas que sendo um simples piloto no Japão.

filipe
Visitante
filipe

O Gripen NG parecer ser o caça mais seguro… Ainda não caiu nenhum.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Ahahaha…. ^^, no chão é capaz de ser, ainda não passou de protótipos….

Matheus
Visitante
Matheus

Cair que jeito se nem unidades operacionais tem? Enquanto isso o F-35 deve ter uns 300 voando.

Jodreski
Visitante
Jodreski

Achei esse groundeamento meio precoce… quem sou para julgar, os japoneses estão sendo cautelosos ou eles já sabem de algo que não compartilharam com a mídia.
Por enquanto não li em nenhum lugar se o piloto comunicou ou não emergência antes de cair. Isso poderia nos esclarecer algumas coisas e eliminar algumas causas da queda.
Vamos aguardar… uma pena que as causas da queda de um avião militar não sejam transparentes como a dos aviões civis (mas eu entendo o motivo disso).

Junior
Visitante
Junior

Os japoneses fizeram o certo, um caça caiu, eles não sabem o motivo, botam todos no chão até descobrir o que aconteceu, evitando assim que outro caia, mas normal você pensar que é uma decisão precoce, afinal você vive no Brasil, aonde as autoridades brincam com a vida das pessoas e só se mexem para tomar uma decisão depois que as tragédias acontecem

jodreski
Visitante
jodreski

Amigo sem querer ser chato mas acho que vc não pensou muito bem antes de escrever… Sim um caça caiu e não sabemos qual foi o motivo da queda, porém aterrar todos os aviões por conta disso não é um procedimento padrão, a não ser que já se tenha uma suspeita e esse aterramento sirva inclusive para fazer uma verificação nos outros caças. Caso eles não tenham a mínima ideia do pq o caça caiu isso não faz o menor sentido, pela sua cabeça o correto então é aterrar a ala inteira até que as investigações sejam concluídas, correto? Mas… Read more »

carcara_br
Visitante
carcara_br

o avião passa os dados de telemetria durante o voo? Se passar, o pessoal da lockheed/JSDF já deve saber de alguma coisa…

DANIEL ALVES
Visitante
DANIEL ALVES

Amigos, pergunta de um leigo:
Se os chineses ou russos se empenharem em encontrar os “destroços” do f35 desaparecido. O que os EUA ou o Japão podem fazer legalmente? Os destroços são que quem encontrar primeiro?

teropode
Visitante

Sem chances , chineses já possuem 2 excelentes caças e a Rússia vive desdenhando do f35 , certamente possuem um bem melhor .👉🤔

J-20
Visitante
J-20

Se estão em águas territoriais do Japão, qualquer ação de outras nações não autorizadas pelo próprio Japão para procura seria uma violação do território japonês. Mesmo se outros países rivais encontrassem pedaços, duvido que eles divulgariam isso.

jodreski
Visitante
jodreski

Exato! Estando os destroços em águas territoriais japonesas não há como um país estrangeiro alegar que os destroços são seus pq os encontraram, é mais fácil (e de fácil não tem nada) içar os destroços e sair de fininho sem que ninguém perceba. Porém dúvido que a Marinha japonesa vai permitir qualquer meio de superfície se aproximar do local aproximado da queda sem averiguar embarcação por embarcação. Meios de vigilância eles tem e os EUA certamente ajudarão se necessário.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Não estava a espera que um piloto japonês fosse capaz de desertar.

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

Ele desertou para o meio do pacifico?

Hermes
Visitante
Hermes

Minha única preocupação sobre o Gripen ser nosso único caça é que em caso da descoberta de algum problema que enseje o groundeamento da frota não temos nada que cubra o vácuo deixado, nem sequer um esquadrão de outra aeronave.

Peter nine nine
Visitante
Peter nine nine

Modo irónico e humoristico: Calma Hermes, graças a Deus o Brasil tem uma Marinha com fetiche de força aérea. A mesma irá proteger os céus brasileiros com os seus seis AF1’s, dar uma sova na Aeronáutica e tomar as suas funções 😅👌. Todos querem ser força aerea no Brasil (todos querem avião supersónico e de asa fixa, tanque, heli, tudo, a força aérea está só ali para enfeitar e interoperabilidade é algo que não se conhece, nem se pode ouvir falar, orçamento de defesa é individual e “as coisas não funcionam mas é por causa dos outros dois, nunca minha”).

Humberto
Visitante
Humberto

Hermes,
É possível que isto aconteça, é ruim? Sim, mas faz parte de qualquer projeto moderno. O importante é uma rápida (na medida do possível) resposta ao problema pela fabricante. Em tese, teremos ainda o F-5 por vários anos mitigando este risco.
No mais, grounded é um estratégia para evitar um possível problema desconhecido, não é raro isto ocorrer por iniciativa da operadora e não por obrigatoriedade da agencia governamental. Então, mesmo que ocorra um indesejável grounded nos caças, em tese, os mesmos podem voar em caso de emergência.

Coutinho
Visitante
Coutinho

Quantos Gripens cairam desde que ele entrou “efetivamente” em serviço? Pelo que pesquisei somente 1 Gripen caiu na Suécia em Agosto de 2018.

Delfim
Visitante
Delfim

Já coloquei que um caça tão avançado como se diz, com qualidade, por apenas US$ 90 milhões, não desce.
São três qualidades mas só pode se ter duas. Então…

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Mas rapaz… Mal recebeu já começou perdendo os caças?!?

Gerrer Rebbe Sharllit
Visitante
Gerrer Rebbe Sharllit

Em 2017,comentei aqui que esta aeronave, pode ser redirecionada para qualquer outro local pelo darpa. Nao acreditem em acidentes. Pesquisem …

JuggerBR
Visitante
JuggerBR

De Phantom pra F35 é uma mudança bem radical… 40 anos de evolução.

DOUGLAS TARGINO
Visitante
DOUGLAS TARGINO

Foi encontrado os destroços do avião, e não encontraram ainda o piloto.

Luiz Floriano Alves
Visitante

Todos que trabalham ou trabalharam com manutenção de equipamentos sabem que: quanto mais sistemas se encontram, mais provável uma falha. E se altos níveis de energia são envolvidos a falha é, geralmente, catastrófica. O F-35, com seus múltiplos sistemas de bordo é candidato a desta. Segurança é sinônimo de simplicidade. Vale para F-35, 737 …etc.Advanced,

jodreski
Visitante
jodreski

Você só se esqueceu de dizer uma coisa, sistemas redundantes é sinônimo de segurança também, que diga a aviação civil. Aliás.. caças monomotores tem esse problema, se um motor apaga não tem mais o que fazer.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Seria improvável um apagão de motor ser o caso, o avião perdeu contato sem um mísero sinal, deve ter sido algo mais dramático, as vezes ate o piloto teve um mal súbito severo, não dá pra especular!

Igor
Visitante
Igor

Belíssimo Vídeo! Obrigado por compartilhar!

Adriano Madureira
Visitante
Adriano Madureira

Cadê o Leonardo Carvalho Alexandre Galante😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂⁉️