Home Noticiário Internacional Rússia realiza seu primeiro ataque aéreo na Síria, dizem EUA

Rússia realiza seu primeiro ataque aéreo na Síria, dizem EUA

519
39

stability2008-1

ClippingNEWS-PAA Rússia realizou seu primeiro ataque aéreo na Síria nesta quarta-feira (30) próximo à cidade de Homs, informou uma autoridade americana à emissora CNN.

A ação militar ocorre logo após o Parlamento russo ter autorizado, a pedido do presidente russo, Vladimir Putin, o uso da Força Aérea Russa na Síria para dar suporte ao regime do ditador Bashar al-Assad.

Os russos teriam informado os Estados Unidos sobre a operação com antecedência para que aviões americanos que realizam bombardeios contra posições da facção radical Estado Islâmico (EI) não sobrevoassem a Síria.

Segundo a autoridade, os ataques aéreos americanos prosseguem normalmente.

A operação é limitada a Força Aérea como relatado pelo chefe de gabinete Sergei Ivanov. A última vez Câmara Alta da Rússia aprovou o envio de militares foi há um ano, com a movimentação militar na Criméia. As informações são do jornal El País.

“O Conselho da Federação apoiou por unanimidade a pedido do presidente, com 162 votos a favor”, disse Ivanov, segundo a agência de notícias russa Tass. Ivanov disse que a Rússia vai usar apenas a força aérea na Síria para atacar as posições do Estado Islâmico (EI) e que representa um pedido do regime presidido por Bashar al-Assad. “O presidente sírio dirigiu-se à liderança de nosso país para pedir ajuda militar, para que possamos dizer que o terrorismo deve ser combatido, e que os esforços devem ser combinados, mas ainda precisa respeitar as regras do direito internacional” Ivanov disse a repórteres depois de falar ao Senado em nome do Putin.

stability2008-3

Segundo o jornal espanhol, Putin reforça a estratégia apresentada ao presidente americano Barack Obama na segunda-feira (29/9) durante seu encontro na Assembléia Geral da ONU em Nova York, e que difere do presidente dos Estados Unidos. Enquanto Putin é a favor do reforço para Assad atacar o Estado Islâmico, Obama acredita que o ditador deve deixar o país. Durante semanas, a Rússia foi reforçar a sua presença militar na Síria. Há apenas duas semanas, Moscou admitiu a presença de especialistas militares russos no Iraque, que sofre uma guerra civil desde 2011.

Em um comunicado, o Kremlin disse que os aliados foram informados da decisão de quarta-feira (30/9) pelo Senado. No seu pedido de autorização para a câmara alta do parlamento, Putin tem protegido sua decisão de enviar forças militares para a Síria “nos fundamentos dos princípios e normas reconhecidas no quadro do direito internacional”, segundo a RIA Novosti.

Rússia, Irã, Iraque e Síria têm criado um centro de informação em Bagdá para coordenar as operações de contra-ataque ao Estado Islâmico, com dados como o número de militantes dentro da organização, suas armas e seus movimentos.

FONTE: Jornal do Brasil / com informações do jornal El País

39
Deixe um comentário

avatar
39 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
17 Comment authors
IvanMSGGaleão CumbicaMauricio R.Augusto Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Claudio Moreno
Visitante
Member
Claudio Moreno

Bom dia Senhores!

Sei que vai soar ruim o que direi, mas eu adoro a funcionalidade das bombas clusters tal como as despesadas acima.

Houve um tempo que “forças do mal” dentro e fora do Brasil, queriam banilas de nosso inventário! Graças a Deus isto não ocorreu e melhor ainda, nossa industria segue fabricando-as.

CM

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Na verdade é um tratado internacional, nos moldes daquele outro que baniu(?) a fabricação, venda e o uso de minas terrestres.
Somente que este teve menos adesões, que o anterior.
Agora um amplo tratado p/ o banimento do politicamente correto, nem pensar!!!

Guilherme Poggio
Editor
Famed Member

Se não houver coordenação entre o que a OTAN está fazendo na Síria com as forças russas isso pode terminar em combates ar-ar.

Rogério
Visitante
Member
Rogério

“Agora um amplo tratado p/ o banimento do politicamente correto, nem pensar!!!”

kkkk boa Mauricio

Augusto
Visitante
Augusto

Acabo de ver na CNN que os EUA foram avisados com 1 hora de antecedência pelos russos que os ataques iriam se iniciar e ainda foram advertidos a manter em solo todos os seus meios aéreos.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Quais os alvos dos Russos?
Vão atacar preferencialmente o ISIS?
Vão atacar preferencialmente o Jabhat al-Nusra?
Ou será que vão se concentrar nos Rebeldes mais centrados?
Que áreas pretendem retomar?

Precisamos ver o mapa deste esforço aéreo.

Entretanto uma coisa é quase certa:
Muitos civis, mais do que antes, vão morrer, pois as regras de engajamento russas devem ser menos restritas que as ocidentais, bem como a experiência deles em uma ataques “cirúrgicos” muito menor.

Sds.,
Ivan.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2015/09/1688315-russia-realiza-seu-primeiro-ataque-aereo-na-siria-diz-autoridade-dos-eua.shtml

Nesta matéria da Folha de São Paulo há um mapa interessante, com a distribuição territorial dos diversos grupos em conflito.

Não é apenas Assad de um lado e ISIS do outro.
É um emaranhado de facções, um retalho sem fim.

Sds.,
Ivan.

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Amigos, A situacao na Siria e preocupante. Hoje os russos disseram para os Americanos sairem do espaco aereo porque iriam bombardear. A USAF disse que nao, e que continuria sua campanha contra o ISIS. Os russos vieram com a desculpa de que iam combater os ISIS, mas estao bombardeando Homs, uma cidade habitatada por “rebeldes” opositores ao regime de Assad, e as vitimas sao os civis. Entao temos o potencial para uma confrontacao aerea entre Russia e os EUA, e se o caldo entornar, assim que os iranianos recomecem a enviar armas ao Hezbolah no Libano via territorio sirio, Israel… Read more »

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Surpresa!!! Os russos NÃO estão bombardeando o EI/ISIS coisa nenhuma, estão bombardeando a oposição ao Assad!!!

Augusto
Visitante
Augusto

Exatamente!

Os russos estão atacando apenas Homes, que é uma cidade sem presença alguma do ISIS, mas apinhada de rebeldes anti-Assad.

Traduzindo: até aqui, fica claro que o objetivo prioritário é salvar o pescoço de Assad, e não, atacar os terroristas.

Augusto
Visitante
Augusto

Ou seja: os russos estão atacando o chamado Free Syrian Army, que está sendo apoiado militarmente pelos EUA.

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Preparem pra entender o verdadeiro significado de “danos colaterais”.

MSG
Visitante
MSG

E os Raptors? Ainda estão realizando missões na regiao?

Groo
Visitante
Member
Groo

Se as barrel bombs chocavam, agora a imprensa vai descobrir a palavra termobárica.

Joner
Visitante
Joner

Enquanto os russos não enviarem um número considerável de Mig 29 e SU27/30, não colocam em risco as operações da OTAN.
As missões dos SU25 a OTAN vai assistir de camarote, agora, caças russos de auta performace começaria a encomodar a coalisão.
A raça humana volta a repetir erros, era para somar forças para o fim desses conflitos, e não aumenta-lo, e olha que a China esta a caminho deste teatro….

Rinaldo Nery
Visitante
Member
Rinaldo Nery

Alta, não ¨auta¨.

Juarez
Visitante
Juarez

Realmente, a picaretagem Russa não tem limites, estão dando um miguelaço na OTAN e batendo nos contra Assad.
Agora vamos ver o negão é macho e tem testiculos para aguentar o tranco, e as estas alturas, depois da Ucrânia, ele já deve ter aprendido que com os Russos tem que falar curto, grosso e cumprir a risca a estratégia de intimidação militar, porque se não o Putin, chuta o portão, pisa, cag…. em cima e ainda dá uma cuspida na saída.

G abraço

Rinaldo Nery
Visitante
Member
Rinaldo Nery

Um é ex agente da KGB, o outro é advogado. Taí a diferença.

Edimur
Visitante
Edimur

vai fazer oque atacar os urso nao tem c…. pra isso mais sancoes oque muda .E pele visto o mundo vai esquenta e nao pensa que a China nao esta doida para testar suas forcas,ate agora os EUA pegaram filho sem pai sem irmao maior agora o menino tem um porrete grande e amigos forte .Sinto muito pelo Brasil medilcre pois a 3 guerra mundial esta as portas estamos f……

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Groo, Eu nao tenho conhecimento de que a Russia possua bombas termobaricas (air fuel bomb). Voce esta se referindo a Russia ou aos EUA? Por aqui, o governo do Obama esta em estado de choque. O Premio Nobel da Paz (kkkkk…) Obama, nao tem a menor ideia de como desarticular a Russia. Ele (Obama) em parte ganhou as eleicoes, porque prometeu tirar as tropas americanas do Iraque. Conclusao: Os russos e iranianos estao tomando conta do galinheiro. Mas o pior de tudo, a coisa pode realmente ficar pior, muito pior, que 1962 com a crise dos misseis em Cuba, e… Read more »

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Tadeu,
Russos têm sim as bombas termobáricas.
Na verdade os russos têm de tudo e vão usar tudo: napalm, bombas termobáricas, dispersoras de submunição (cluster), bombas de alta fragmentação, fósforo branco e se brincar, até agentes químicos letais.

Galeão Cumbica
Visitante
Galeão Cumbica

Pelo que eu entendi o Putin nunca escondeu que apoia o Assad e primeiro vai lutar contra os rebeldes sirios e depois, mas bem depois vai atras do EL!

Sds
GC

Dexter
Visitante
Dexter

Bela análise Tadeu, concordo com vc,mas essa confusão só esta cada vez maior pq o Obama é um banana…. Se tivesse tomado atitude no começo de tudo, nem teria dado espaço pra nada… E como ele tem o nobel da paz, foi deixando e deixando… Agora a arapuca está armada e tudo que ele fizer será muito pior do que se tivesse tomado a ação desde o inicio…
USA, França, UK,etc, de um lado e: Russia, Iran e China?! (parece que sim) de outro… E ainda tem Israel no meio disso tudo??? O que pode sair de bom nisso?

Dexter
Visitante
Dexter

Ninguém esta alí pra salvar inocentes e refugiados….
O xadrez está complicado…

Juarez
Visitante
Juarez

Dexter 1 de outubro de 2015 at 2:07 # Bela análise Tadeu, concordo com vc,mas essa confusão só esta cada vez maior pq o Obama é um banana…. Se tivesse tomado atitude no começo de tudo, nem teria dado espaço pra nada… E como ele tem o nobel da paz, foi deixando e deixando… Agora a arapuca está armada e tudo que ele fizer será muito pior do que se tivesse tomado a ação desde o inicio… USA, França, UK,etc, de um lado e: Russia, Iran e China?! (parece que sim) de outro… E ainda tem Israel no meio disso… Read more »

Alfredo Araujo
Visitante
Member
Alfredo Araujo

“Galeão Cumbica 1 de outubro de 2015 at 1:42 # Pelo que eu entendi o Putin nunca escondeu que apoia o Assad e primeiro vai lutar contra os rebeldes sirios e depois, mas bem depois vai atras do EL!” . . . Boa Galeão !! Estava lendo todos os comentários pasmo por ninguém ter comentado isso ! O Putin nunca escondeu isso de ninguém ! Não entendo o pq da surpresa !!!! Os objetivos são claros… primeiro liberar as forças leais ao governo Assad e depois cair dentro do Estado Islâmico ! O melhor q os EUA tem a fazer,… Read more »

Augusto
Visitante
Augusto

Galeão, primeiro os russos atacam o Free Syrian Army, mas resta claro que depois irão confrontar o EI, até por que não faria sentido Putin abandonar Assad para combater uma força irregular poderosa e perigosa como o EI, após esmagar seus oposicionistas. Na guerra de informações, os EUA sabiamente estão aproveitando esse “meio-tempo” para dizer que os russos não estão combatendo o EI e que na verdade estão na Síria para ajudar seu aliado Assad a se manter no poder. Mas esta é somente mais uma das questões de pano de fundo do jogo. O ponto principal é: os russos… Read more »

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

O Iraque passou a ser periferia americana o dia que invadiu um país aliado dos EUA.
Eu concordo em grau, gênero e número com a posição russa, apesar de saber do potencial da situação degringolar.
Mudando de pato pra ganso, essa será uma boa oportunidade para ver se os Stingers são mesmo tão bons quanto dizem, contra aeronaves de alto desempenho, mesmo porque, como os russos usam muitas armas burras, se tornam alvos de mísseis manpads.

Augusto
Visitante
Augusto

A estratégia russa é a mais lógica, já que não faz sentido simultaneamente bombardear dois grupos que já se enfrentam: enfraquecer o Free Syrian Army, para que o EI termine de fazer o serviço por terra. A partir daí, o alvo é somente o EI. Isso mostra o pandemônio que se tornou aquele país: Assad ao mesmo tempo contra o EI (apoiado discretamente pela Arábia Saudita) e os rebeldes (apoiados pelos EUA). Simultaneamente, o EI enfrenta os rebeldes e Assad (apoiado pela Rússia e pelo Irã). Ao mesmo tempo, o Free Syrian Army tenta combater Assad e o EI. No… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Ontem fiz as seguintes perguntas: Quais os alvos dos Russos? Vão atacar preferencialmente o ISIS? Vão atacar preferencialmente o Jabhat al-Nusra? Ou será que vão se concentrar nos Rebeldes mais centrados? Que áreas pretendem retomar? As respostas que os fatos estão nos dando, demonstra que as perguntas faziam sentido… Mas vamos aos mapas, sempre os mapas: Este link acima, bem como o link que postei ontem, mostram a ocupação territorial da Síria pelos muitos grupos no TO. Observando com atenção é possível perceber que os ‘Rebeldes’ (os opositores mais sensatos ao Assad) estão concentrados próximo a fronteira com Israel e… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Mestre Bosco,

Vc escreveu:
“uma boa oportunidade para ver se os Stingers são mesmo tão bons quanto dizem…”

Infelizmente entregar Stingers a qualquer grupo (por mais confiável que seja) na Síria é uma temeridade sem tamanho.

Provavelmente… não, certamente alguns exemplares iria parar nas mãos de algum ‘doido’ que usaria tal arma contra os ocidentais.

Assim sendo, deixa os AAM de ombro nos paióis da Otan.

Grato,
Ivan, que tem amigos voando no mundo ocidental. 🙂

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Contudo sistemas antiaéreo mais pesados, motorizados ou sobre carretas, poderiam ser entregues aos ‘Rebeldes’ amigos.

Alguns Vulcan de 20mm (M167 Vulcan Air Defense System – VADS) ou Bofors 40mm L70, ambos montados em carretas que podem ser rebocadas por pequeno caminhão, seriam uma opção interessante para criar uma ameaça contra atacantes aéreos que voem baixo.

Outra ajuda importante é criar um controle aéreo sobre a região combinado com um sistema de informação confiável com os ‘Rebeldes’ amigos. É caro, mas ajuda muito saber quando vai ser atacado.

Melhor é combinar as ações.

Entretanto, SEM manpads… por favor!

Abç.,
Ivan.

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Até ai os “manpads” podem ser adquiridos de terceiros, como os americanos já fazem c/ ATGW:

(http://www.janes.com/article/54773/analysis-un-document-shows-us-bought-610-fagot-missiles)

Galeão Cumbica
Visitante
Galeão Cumbica

A America deveria deixar a Siria pros russos, e tirar o time de campo, todo mundo sabe q os russos nao tem equipamento igual e armamento de primeira linha, so ver o que eles tao usando la, mas empurrar o pais pra uma outra guerra seria um suicidio pro Obama. Com o andar desta ofensiva russa, depois dos rebeldes, Hezbolah, tem o braço do al qaeda, o Estado Islamico e depois tem os curdos, estes ultimos ninguem esta lembrando, mas agora estao armados e nao vao ser faceis, pois agora mais q nunca vao querer o pedaço de terra deles… Read more »

MSG
Visitante
MSG

Mas a Russia nao está quebrada?
Tem ela $$$ para sustentar uma operaçao desse tamanho no exterior?
Por quanto tempo?
Yuans surgirão para ajuda-la?
Suprimentos chineses talvez

Realmente acho q putin nao tem grana e essa é uma cartada arriscada, nao necessariamente “jogada de mestre”.

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Caças russos podem começar a cair de forma “inexplicável”.
rsrsss

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Dexter Obrigado pelo elogio. Tambem concordo com a sua opniao. O Obama deixou a Russia tomar conta. Se a Russia quiser fazer alguma coisa mais arriscada, os EUA nao irao interferer. Essa e a oportunidade de ouro antes que modem a presidencia Americana. Com o Obama na presidencia a Russia tem o passo livre. Aqui esta correndo o boato de que no Pentagono varios militares de alta patente estao irados com o Obama banana, por causa da humilhacao que a Russia esta impondo aos EUA. Mas isso tudo o que esta acontecendo (e que fique bem claro que eu nao… Read more »

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

OFF TOPIC…

…mas nem tanto!!!

“Frogfoot” abatido??? Já???

(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2015/10/russian-piloted-su-25-shotdown-in-syria.html)

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Tadeu, A Guerra de 5ª Geração (5GW) seria uma combinação de ações assimétricas com o uso ou não de forças especiais disfarçadas (‘homenzinhos verdes’ por exemplo) com ações convencionais, tudo isso coordenado em rede e combinado com ações de biotecnologia e/ou digitais. Assim sendo, você tem razão. Os russos ainda não dominam todo o potencial de uma 5GW, mas eles tem estudos doutrinários sobre uso combinado de ações não militares e militares desde a década de 30. Destaque para o Brigadeiro Comandante Georgy Isserson com os trabalhos: The Evolution of Operational Art, em 1932, e The Fundamentals of the Deep… Read more »