quarta-feira, outubro 20, 2021

Gripen para o Brasil

Acidente em show aéreo na Inglaterra com um jato Hawker Hunter

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Pelo menos sete pessoas morreram hoje após um jato Hawker Hunter cair em uma rua movimentada no sudeste da Inglaterra.

O jato Hawker Hunter estava tomando parte em um show aéreo em um aeroporto perto de Shoreham, em Sussex.

“Os serviços de emergência declararam um incidente grave e helicópteros foram mobilizados para o local a fim de evacuar vítimas para o hospital”, informou a polícia de Sussex.

O avião caiu no que a polícia descreveu como “uma estrada principal” ao lado do aeroporto. O avião atingiu veículos na estrada, sem relatos de ferimentos a qualquer pessoa no aeródromo onde o show estava ocorrendo, disse o comunicado.

FONTE: CNN

- Advertisement -

31 Comments

Subscribe
Notify of
guest
31 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Emerson R.B

Que tragedia em.
Ao que parece o piloto não atingiu altura suficiente pra poder fazer essa acrobacia.(n sou especialista no assunto)

Andrei

Nossa o piloto errou a manobra por metros!
Custou muito caro… realmente terrível…

Clésio Luiz

Uma tragédia realmente, especialmente aqueles que estavam no solo, longe do show aéreo.

É por essas e outras que se evita fazer manobras acrobáticas em cima de qualquer alma viva nesses eventos.

Delfim

Os Hunters nunca foram bons de recuperar em mergulhos, pois não possuem profundor integral.

Bosco

Uma pena!
Eu pessoalmente nunca gostei de show aéreo e acho que avião de guerra e militares não são pra ficar fazendo isso.
Nunca curti nada parecido, incluindo a Esquadrilha da Fumaça.
Onde tem eu me mando!
Querem fazer acrobacia, entre pro circo ou então faz tipo sobre a Baia da Guanabara!

Delfim

Bosco.

Uma vez nos Afonsos, durante uma exibição, um T-6 (devia ser o Cel. Braga pilotando), fez um mergulho em direção à multidão, e eu lá. Gelei de pensar no motor falhando, um cabo rompendo, ou o Cel. Braga tendo um piripaqui, e a patuléia ao meu redor adorando.

Acho que exibições aéreas são um bom aditivo a patriotismo da população, mas em cima do público, nem pensar.

Rafael M. F.

Teve um F-5 da FAB que se acidentou de modo semelhante há 20 anos atrás:

https://www.youtube.com/watch?v=q6U1EGurn1I

Andrei

Neste tipo de acidente é muito comum o piloto nem tentar ejetar, deve ser um decisão difícil quando a diferença entre acertar e errar a manobra são apenas alguns metros…

Fábio

Eu sei que nos Estados Unidos, em todo show aereo, os pilotos tem que respeitar os limites de uma zona chamada ‘box’ que é para justamente nao ter o risco de em caso de acidente, o avião não cair sobre a plateia ou sobre uma zona urbana, sendo que o piloto mesmo que por distração passar os limites dessa zona, é severamente punido, podendo ficar um bom tempo impedido de voar. A minha pergunta é se esse ‘box’ é regra somente nos E.U.A ou em qualquer lugar do mundo? Uma vez eu vi uma apresentação do E.D.A bem no centro… Read more »

Rodrigo Schimidt Miranda

Respeito muito as opiniões, tanto do Incrível Bosco, quando a do Grandioso Santana. O problema é que pessoas adoram shows aéreos e se aglomeram próximos ou nas redondezas. Gosto muito deste tipo de apresentação, mas sempre tenho pé atrás, pois sabemos que as variáveis e restrições de se realizar um simples voo já são muitas, pior realizar acrobacias. Realmente fico muito triste de ver imagens de acidentes assim, pois sempre me coloco no lugar das vítimas ou dos entes. Quanto ao acidente em si, observado muito superficialmente, não me parece que o piloto tenha cometido o erro (de cálculo); algo… Read more »

Renan

Fato interessante, no video acima, de 1995, referente ao Capitão Naumann, o repórter menciona que o F-5 “é um caça antigo, fabricado há 20 anos…”

edcarlos

O piloto não morreu no acidente, um verdadeiro milagre!

http://www.correiodoestado.com.br/brasilmundo/aviao-de-combate-cai-na-inglaterra-e-mata-sete-pessoas/255762/

O risco de acidentes sempre vai existir para este tipo de apresentação, claro que medidas para minimizar o risco de vitimas, caso aconteça, devem ser tomadas. No entanto, a única regra que uma aeronave descontrolada obedece é a lei da gravidade.

Minhas condolências!

ME 109

Se foce na Russia teria gente aqui dizendo um monte de porcarias,kkkkkkkk nosso inimigo mais letal hoje é interno, e é conhecido como pete

joao.filho

Realmente, se fosse na Russia haveriam ao redor de 75 comentarios focados nas porcarias que eles voam, pilotos mal treinados, Putin malvado, e tal.

Alex

Meu caro ME 109, decolar é opcional, pousar é obrigatório. Não estamos aqui discutindo a qualidade do equipamento, seja ele britânico (como é o caso), russo ou até mesmo extraterrestre. Estamos lamentando por uma tragédia.

joao.filho
Carlos Crispim

No Rio de Janeiro, se não me engano no Campo dos Afonsos, estavam demonstrando os novos aviões de combate a incêndio dos bombeiros, um infeliz teve a idéia luminar de jogar água em cima nos visitantes, o avião fez uma manobra e soltou água em cima das pessoas, esqueceu que a água estaria na mesma velocidade do avião, uma tromba d’agua desceu como uma muralha de tijolos, 1 pessoa morreu e várias ficaram gravemente feridas. Conclusão: os aviões foram aposentados com 1 dia de “serviço”, dinheiro público jogado fora, o piloto não sei o que houve, mas pela tradição brasileira… Read more »

Eron

Carlos Crispim Não foi bem assim. Nunca me pronunciei neste blog que leio há pelo menos 2 anos mas vamos aos fatos. Eu estava neste trágico dia nos afonsos, a metros da menina que faleceu. Antes da tragédia acontecer o avião dos bombeiros fez diversas passagens sobre o público, umas 15 mais ou menos, sem problema algum, mas ocorreu um erro em uma passagem, que por sinal foi baixa demais, o que acarretou no fato. O avião em questão continuou sendo usado para apagar focos de incêndio no RJ. No momento com o corte no orçamento do estado não sei… Read more »

Roy

Me fez lembrar o Hawker Hunter da Embraer. Que fim levou?

Bosco

Fatalidade seria se a água tivesse caído do avião e a menina assustada tivesse tropeçado e batido com a cabeça. Se ela veio a falecer por impacto de água, não foi fatalidade e sim imprudência. Sem falar que jogar aguá nas pessoas foi uma péssima ideia. O responsável pela ordem e quem a cumpriu tinha que ter imaginado que lá embaixo poderia haver velhinhos frágeis e crianças recém nascidas. Aqui no Brasil não tem esse tal de “box” não. Eu acho que passagem de avião militar em formação a baixa altitude muito legal, já acrobacia pra mim é a maior… Read more »

Rinaldo Nery

O caso do Naumann foi uma estupidez em permitirem que ele fizesse tal demonstração. Na realidade, nao era ele quem fazia, era o Alvaro ” Neguinho” , da turma dele. Servi com o Naumann na AFA, e com o irmao dele, aviador naval, em São Pedro da Aldeia (também falecido num acidente de carro no Rio). Era um excelente oficial e companheiro de armas. E, infelizmente, faleceu na frente da família. Seu pai era General, comandante da Brigada Paraquedista.

Eron

Bosco Vc leu onde disse que foram umas 15 passagens mais ou menos? Todas foram realizadas perfeitamente. Em uma ocorreu o acidente, por isso que eu disse que foi uma fatalidade. Infelizmente não vou aos Afonsos mais por 2 motivos. Primeiro, grande público aliado a falta de exibições aéreas. Na maioria das vezes ficamos até horas sem alguma apresentação. Segundo, evento realizado em outubro com calor ultrapassando os 40º, por isso as passagens daquele avião jogando água no público. Estava tudo muito lindo, até acontece o acidente. Em fim, não irei julgar o piloto, ele não teve nenhuma intenção em… Read more »

Clésio Luiz

Rinaldo, não sei se você poderia esclarecer, mas a rotina da apresentação era aquela mesmo, uma subida na vertical acompanhada de estol? Porque eu só vi isso nas apresentações de caças com muito mais potência, como o Su-27 e o F-22.

Rinaldo Nery

Sim, era. Ele não tinha atingido a velocidade prevista quando cabrou a aeronave. Não atingiu a altura necessária para o estol. Ao comprometer o nariz embaixo deveria ter ejetado. E o sucesso da ejeção não estava garantido.

Wolfgangus Mozart

Já eu adoro espetáculo aéreo e acho o mesmo imprescindível como entretenimento, orgulho nacional ou propaganda da academia da Força Aérea.
Quanto ao acidente, infelizmente foi imperícia do piloto. A acrobacia é pensada levando em conta a limitação da aeronave.
Até o F4 já fez circo nos Angels.

Sds

Carlos Crispim

Eron, me desculpe qualquer coisa que escrevi que não foi a realidade, eu não me lembrava direito, eu não fui ao evento, mas meu tio foi, ele já faleceu por isso não pude perguntar pra ele, esse negócio de dizer que foi fatalidade pra mim não cola, é por isso que o Brasil está assim, tudo é culpa dessa tal de “fatalidade’, as pessoas puxam uma arma e matam uma pessoa numa briga de bar e foi fatalidade; bebem, dirigem e matam e foi fatalidade; bala perdida é fatalidade… Ora, faltou ensinamentos básicos de física, o piloto não sabia que… Read more »

Silvio

eitaaaa no ocidente tb caindo aviao?3x em 5meses?Ou eh russo ou tinha peca da china nele pq os aparelhos ocidentais sao Fooooooooodas,alta tecnologia,confiaveis

Hamadjr

Um acidente com vitima sempre será uma tragédia, babaca é aquele que torcedor de aeronave que presta e a que não presta, é uma vida que se foi, um piloto não entra em uma aeronave para morrer, salvo o copiloto Andreas Lubit que resolveu suas nóias levando consigo os passageiros, da arrepio, imagina para quem esta dentro do cockpit.

Jorge Tadeu

Tragedia…

Glock

Notei que o piloto fez a manobra com alguns graus de flap e olhando outras apresentações do mesmo modelo de aeronave percebe-se que a manobra é feita sem flap.

Aldo

Bom dia.

No caso do Hunter, podemos falar em stall de velocidade? Turbilhonamento na área de escape do extradorso?

Últimas Notícias

ADEX 2021: SAAB propõe o GlobalEye para o requisito AEW-2 da Força Aérea da República da Coreia

O sistema de vigilância aerotransportada multifuncional GlobalEye da Saab está sendo proposto pela empresa sueca para atender ao requisito...
- Advertisement -
- Advertisement -