terça-feira, agosto 3, 2021

Gripen para o Brasil

Faleceu o major-brigadeiro Lauro Ney Menezes, primeiro piloto de caça supersônico do Brasil

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Major-Brigadeiro do Ar Lauro Ney Menezes

Pilotou P-47, F-8, Mirage III e F-5B/E, atingindo 7.900h de voo

O Major-Brigadeiro do Ar Lauro Ney Menezes morreu no domingo (29/03) no Hospital de Força Aérea do Galeão (HFAG), no Rio de Janeiro (RJ). O velório foi realizado nesta terça-feira (31/03), no Memorial do Carmo. A cerimônia de cremação do corpo estava programada para as 18h.

Nascido no dia 8 de janeiro de 1928, aos 17 anos, ele ingressou na Força Aérea Brasileira. No dia 18 de dezembro de 1947, foi declarado Aspirante a Oficial Aviador da terceira turma do Estágio de Seleção de Pilotos de Caça, juntamente com alguns veteranos de guerra da Itália. Depois de 32 anos de serviço, foi promovido ao posto de Major-Brigadeiro até seguir para a reserva.

Mirage IIIEBR em meados dos anos 1970
Mirage IIIEBR em meados dos anos 1970

 

Durante a carreira militar, o Major-Brigadeiro Menezes conquistou grandes feitos dentro da Aviação de Caça, tendo voado nas seguintes aeronaves: P-47, F-8, Mirage III e F-5B/E. Com 7.900 horas de voo, carregava o título de primeiro piloto de Caça Supersônico no Brasil.

O oficial-general desempenhou diversas funções, entre elas, Comandante da Academia da Força Aérea, da Base Aérea de Santa Cruz e do Esquadrão Pacau. Foi também presidente da Infraero e da Associação Brasileira de Pilotos de Caça (ABRA-PC), tendo sido o primeiro presidente e sócio benemérito.

Mirage IIIEBR preservado em Anápolis-GO

FONTE: FAB

- Advertisement -

3 Comments

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto Lopes

A aviação de caça da Força Aérea Brasileira perde um de seus chefes mais enérgicos e dedicados. Conheci pessoalmente o brigadeiro reformado Lauro Ney Menezes, no escritório de representações que ele mantinha no centro do Rio, bem perto do prédio da Assembleia Legislativa. Eu, repórter da revista Época, e ele representante da indústria aeronáutica israelense. Amigo e admirador do então comandante da Aeronáutica, brigadeiro Carlos de Almeida Baptista, o brigadeiro Menezes quase conseguiu que a FAB adquirisse uma pequena quantidade de caças Kfir C-10, que poderiam chegar ao Brasil pelo sistema de leasing. Corria o ano de 2000, e a… Read more »

Claudio Moreno

Boa noite Senhores!
Lamento profundamente mais esta perda insubstituível de um valoroso brasileiro patriota, compromissado com o Brasil. Pai de família exemplar e amigo.
Deixa mais que saudades! Deixa exemplo de como ser um MILITAR e Brasileiro!
CM

Franco Ferreira

MENSAGEM DE DESPEDIDA* COMPANHEIROS DE ARMAS Ao ter vivido mais de 80 anos dos quais 40 dedicados no serviço ativo da Força Aérea Brasileira, tenho plena certeza de lhes haver apontado, o valor da disciplina consciente, da perseverança na conquista dos objet[iv]os, da lealdade inquestionável, do indispensável respeito aos outros para podermos ser respeitados. E a honrar o passado para ter direito ao futuro. E a prezar os amigos com A maiúsculos… Estou ainda seguro de haver demonstrado que o verdadeiro profissional-das-armas é aquele que nada teme. Nem mesmo e, principalmente, uma nova idéia. Entretanto, fiquem certos de que –… Read more »

Últimas Notícias

Pilotos russos usaram receptores GPS feitos nos EUA durante missões de combate na Síria

Pilotos militares russos usaram receptores comerciais GPS de navegação por satélite durante suas operações de combate na Síria, de...
- Advertisement -
- Advertisement -