quarta-feira, outubro 20, 2021

Gripen para o Brasil

Base Aérea de Nellis recebe seu primeiro F-35 para a Escola de Armas da USAF

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Primeiro F-35 da Escola de Armas de Nellis - foto USAF

As fotos acima e abaixo, divulgadas na semana passada, mostram a chegada do primeiro caça F-35A Lightning II destinado à Escola de Armas da USAF (Força Aérea dos EUA) da Base Aérea de Nellis, no estado de Nevada. A aeronave pousou na base em 15 de janeiro, pilotada por um dos instrutores do 16º Esquadrão de Armas, capitão Brent Golden, que a trouxe diretamente da linha de montagem da fabricante Lockheed Martin em Fort Worth (Texas).

Primeiro F-35 da Escola de Armas de Nellis - foto 2 USAF

Na chegada a Nellis, o F-35 foi acompanhado por um caça F-16 do mesmo esquadrão. Inicialmente, essa unidade da USAFWS (U.S. Air Force Weapons School) empregará a aeronave para que seus pilotos ganhem experiência no Lightning II e comecem a desenvolver táticas para a criação do currículo de seu primeiro curso de F-35, programado para  janeiro 2018.

Primeiro F-35 da Escola de Armas de Nellis - foto 3 USAF

A Base Aérea de Nellis é mais conhecida por abrigar esquadrões “aggressor” e apoiar a realização de exercícios “Red Flag”. O primeiro exercício deste ano (Red Flag 15-1) deverá começar nesta segunda-feira, 26 de janeiro. Esta primeira edição inclui aeronaves de 21 esquadrões da USAF, assim como aviões C-130J e P-3 da Força Aérea Real Australiana e caças Typhoon da Força Aérea Real Britânica, entre outros tipos. Neste ano, será comemorado o 40º aniversário do exercício Red Flag.

ONTE / FOTOS: USAF (tradução e edição do Poder Aéreo a partir de original em inglês)

- Advertisement -

6 Comments

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
HMS TIRELESS

Essa mesma unidade opera caças F-15, F-16 e F-22. A meu ver os dois últimos (F-16 e F-22) irão influenciar decididamente na doutrina de emprego do F-35.

Clésio Luiz

Falando em USAF, eis um interessante vídeo sobre o pessoal que faz manutenção nos tanques de combustível de aeronaves de grande porte. Seria interessante mais reportagens sobre o pessoal responsável por manter nossos objetos de admiração voando:

https://www.youtube.com/watch?v=2ALHwJsIHYE

Kojak

HMS TIRELESS

Creio que será uma doutrina que contemplará todos vetores.

Abraços

Kojak

“Clésio Luiz
25 de janeiro de 2015 at 20:19 #”

Verdade.

eparro

Clésio Luiz 25 de janeiro de 2015 at 20:19 #

Pô Clésio Luiz, “mas nem que a vaca tussa”! Bem, melhor mudar, pois além de tossir ela também mente.

Mas nem em sonho faria um servicinho deste aí.

Saudações.

Oganza

Clésio,

putz meu… Dirty Jobs era muuuuito bom… mostrava os trabalhos que nos permitem viver em “um estado de conforto” … 🙂 .

Não recomendo ver os episódios que envolviam algum tipo de alimento… e tiveram muitos deles, vc pode acabar deixando de comer um monte de coisas… ,imha esposa não come mais abalones. kkkkkkk

Grande abraço.

Últimas Notícias

Acompanhe a estreia do 1º episódio da websérie Colaboração Real 4 no YouTube

Em 21 de outubro, às 11h, estreia o primeiro episódio da quarta temporada da websérie Colaboração Real no canal...
- Advertisement -
- Advertisement -