sábado, novembro 26, 2022

Gripen para o Brasil

França confiante na escolha do Rafale pelo Brasil

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Rafale - foto via MBDA

Barra de Cinco Pixels

Informação foi dada por fonte do Palácio do Eliseu à Agência France Presse

Barra de Cinco Pixels

Nesta terça-feira, 18 de maio, a AFP informou que, conforme revelado por fonte do governo francês após conversas dos presidentes do Brasil e da França em Madri,  a França continua confiante que o Brasil irá anunciar que escolheu o caça francês Rafale para sua Força Aérea.

A “preferência” do Brasil pelo Rafale “deverá ser confirmada em breve”, disse à AFP a fonte da presidência francesa, “mas não cabe a nós dizê-lo, cabe ao Brasil”, adicionou a fonte. O presidente francês  Nicolas Sarkozy e o presidente brasileiro Luiz Inacio Lula da Silva reuniram-se em Madri, durante o encontro UE-América Latina.

Porém, um conselheiro de Lula disse a jornalistas que a questão da compra do Rafale não fez parte das conversas dos dois líderes.

Lula já disse anteriormente que a proposta do Rafale seria a mais vantajosa quanto à transferência de tecnologia para o Brasil. Sarkozy já expressou confiança em um acordo com o Brasil no mês passado, quando também se encontrou com Lula no encontro de segurança nuclear em Washington.

FONTE: AFP, via yahoo news

FOTO: MBDA

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

166 Comments

Subscribe
Notify of
guest

166 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alex

sera que o Brasil tem a capacidade de ser o primeiro a comprar esse avião….

ZE

Será que esse caça, que terá só 4 (4 é um número que vem depois de 3, e antes de 5) exemplares produzidos em 2013, irá desencalhar de vez ???

4 vetores ao ano, até que não é muito ruim. Dá uma “incrível” média de 1 Rafale construído a cada 3 meses !!!!!!

[ ]s

ZE

Quantidade de Rafale a ser construída:

2010 11 Rafale

2011 10 Rafale

2012 07 Rafale

2013 04 Rafale

Sua linha de produção, outrora podia produzir 33 Vetores ao ano.

Por falta de encomenda, ela teve que ser diminuída.

Agora ela pode produzir 14 vetores ao ano.

Como vocês podem ver, nem esse parco número de vetores eles estão conseguindo produzir.

Será que é dessa que o Rafale consegue desencalhar ??

Será que é dessa que os franceses conseguiram um otári…quero dizer, cliente ??

Vamos ver as cenas do próximo capítulo.

[ ]s

Paulo Andrade

Sr. ZE, talvez com a compra brasileira a média aumente. Só peço um favor ao caro colega, não “cole” mais uma vez sua argumentação sobre a questão da escala, por favor. Todos já a conhecemos. Com relação ao conteúdo da nota, acho mais do que compreensível que os franceses estejam otimistas, afinal é um excelente avião e conta com a preferência da FAB, do Ministério da Defesa e do Palácio do Planalto. Além disso estará ancorado numa parceria firmada entre os dois governos. Creio que o anúncio seja oficializado antes do final desse mês. Que venham os Rafales, ou qualquer… Read more »

Nick

Só faltava a França anunciar que nós escolhemos o Rafale…..

No mais, aguardando o anúncio da Jaca, ou o final do FX-2.

[]’s

ZE

Só de pensar que até 2015, vão existir mais de 629 Super Hornet/Growler. Só de pensar que o Gripen NG usa o mesmo motor do Super Hornet/Growler, o F-414. Só de pensar que 1000 (mil motores) já foram produzidos até hoje. E muitos mais serão. Só de pensar que esse mesmo motor é o favorito na concorrência para equipar os caças indianos HAL Tejas (atualmente, eles usam o antecessor do F-414, o F-404). Só de pensar que os indianos vão comprar cerca de 120 motores. Só de pensar que o Gripen NG tem cerca de 50% de comunalidade com o… Read more »

Paulo Andrade

O sr. ZE há de concordar que uma linha de produção pode ser ajustada exatamente de acordo com a necessidade. Basta lembrar que há poucos anos as indústrias de automóveis do ABC paulista reduziram suas linhas e hoje trabalham a todo vapor. Quem sabe com a compra do Rafale pelo Brasil não acabaremos vendo a escolha desse vetor por outros países do globo? Apesar de algumas professias destiladas aqui, creio que a França tenha experiência e capacidade para repetir com o Rafale o sucesso de alguns de seus caças. É claro que alguns desconfiarão, mas assim que deixarem suas perspectivas… Read more »

Antonio M

“…conta com a preferência da FAB,…”

Que preferência é essa se no relatório entre ao três aviões, ficou em terceiro ligar?

E vão pagar os 26000 euros a hora de voô ?!??!!?

Nick

Caro Paulo Andrade,

Se de fato assinarmos com os Franceses, eu sou Jaca desde pequenininho!

Teremos de torcer para que eles fechem com os EAU, SUIÇA, ÍNDIA….. Quanto mais Rafales estiverem voando melhor.

[]’s

ZE

Paulo Andrade disse: Paulo Andrade, O número de Rafale a ser comprado pelo Brasil é irrisório. São 36 vetores. Nada vai mudar acerca da falta de ESCALA crônica do vetor francês. Para a França será ótimo, pois eles vão dividir o prejuízo conosco. Para nós, será horrível. Eu não compartilho o seu ponto de vista, pois caça bom é aquele que vôa. Caça que não pode voar por ser caríssimo, não serve. Os pilotos necessitam de voar um número mínimo de horas para poderem se adestrar. A FAB precisa de peças de reposição. A FAB precisa que essas mesmas peças… Read more »

Paulo Andrade

Antonio M, abaixo segue um link para justificar a preferência da FAB.
Vc tem algum que confirme que o Rafale ficou em terceiro lugar? Claro que não me refiro à nota da Cantanhede.
Fico no aguardo.

http://www.estadao.com.br/noticias/geral,jobim-diz-que-fab-prefere-caca-frances-rafale,535133,0.htm

ZE

Antonio M disse: Tirando os defensores do Rafale (para eles, a hora de voo do vetor gaulês custa 9.800 Euros). A FAB (pelo que foi publicado e depois desmentido) acha que o vetor custa cerca de 20.000 Euros por hora de voo. Já vi falando em 26.000 Euros. Segundo consta, a FAB interpelou o Serge Dassault sobre o preço da hora de voo encontrada por eles: 20.000 Euros. Os Franceses foram veementes, e disseram que o cálculo da FAB estava errado. A FAB usou o mesmo cálculo para os 3 concorrentes. Dizem que o caldo quase entornou. O Serge Dassault,… Read more »

Paulo Andrade

Nick, penso exatamente como vc com relação aos outros dois competidores. ZE, pelo que consta a compra de 36 vetores será o primeiro passo de um plano que visa a futura aquisição de até 120 unidades. E vc sabe disso. A escala crônica do francês a que vc se refere seria a justificativa para que não compremos o Gripen NG. Pois vc sabe muito bem que, ao final do programa Rafale, apenas a França terá comprado mais Rafales do que todos os Gripens já produzidos ou encomendados. Se analisarmos sua preferência pela questão do motor, lembro que o Gripen das… Read more »

Paulo Andrade

Novamente o sr. ZE utiliza dois pesos e duas medidas.
Discute o custo do Rafale mas esquece que os holandeses e, se não me engano, os noruegueses mostraram que os custos do NG seriam muito maiores dos que os divulgados pela SAAB.
Mas discutir custos parece só vale para o Rafale….

ZE

A França se equivocou ao sair do projeto do Eurofighter. Ela quis bancar sozinha um caça caro. LEMBREM-SE, ELA É APENAS UMA POTÊNCIA MÉDIA. Ao contrário dos Estados Unidos, ela não é uma superpotência, mas apenas uma potência média, que será ultrapassada em um futuro não muito distante por outros países. Posição contrária tomaram os seus vizinhos, que ao vislumbrarem o montante que deveria ser gasto para o nascimento de um novo avião de caça, decidiram se unir. Desta forma, repartiram custos e criaram 4 MERCADOS CATIVOS PARA O SEU PRODUTO. O Rafale foi um EQUÍVOCO desde o seu nascimento.… Read more »

Paulo Andrade

Já que citou o sr. Saito, vou colar o que está escrito sobre ele no link que postei… “Jobim afirmou em audiência pública na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados que o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, apontou uma preferência pelo Rafale. Ele disse que pelos aspectos técnicos, todas as três propostas satisfazem, mas o Comando da Aeronáutica entende que o caça Rafale é o que mais corresponde à Estratégia Nacional de Defesa, não obstante os custos”, disse Jobim.” Isso foi dito pelo min. Jobim em audiência pública na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados… Read more »

Paulo Andrade

O Sr. ZE, poderia seguir o conselho dos editores e não postar com maiúsculas?
Grato

ZE

120 vetores ??? 120 vetores ??? 120 o quê ??? Vetores ??? Deixa eu ver. Nós mal temos dinheiro para manter os nossos caças no ar (o custo da hora de voo do F-5 é de cerca de 3.800 Dólares). Nós só temos 13% do orçamento para custeio. A marinha teve que fazer um exercício contabilístico para pagar a 1ª parcela dos submarinos comprados. Mas iremos comprar quantos ??? 120 vetores. Pôxa, tá que nem a proposta francesa de começar a “transferir tecnologia” a partir do 37º vetor. Alguma alma caridosa teve que ir lá bater um papo com os… Read more »

Pedro

Quanta notícia… eu não sei de mais nada, vou esperar os blogs anteciparem tal escolha, seja pelo fim ou pela escolha. É caro, masé bom, infelizmente damasiadamente caro.

Abraços.

RobsonMBr

ZE disse:
18 de maio de 2010 às 20:36

Comente o que o Sr. Paulo Andrade disse:
Você escreve textos grandes, mas sempre a mesma coisa.

Tenho quase certeza que seu posicionamento é político, pois suas razões técnicas….

marlos barcelos

Essa conversa de que serão poucos Rafales é irritante e não tem nada a ver com defesa aérea. Se isso realmente for importante os f-22 são uma grande porcaria, não prestam bem pra derrubar um xavante, porque só foram fabricados 137 e isso pela ,aior potêncoa do mundo, então pela lógica, se os EUA quiseram poucos f-22 é porque eles não prestam. A FAB tem uns 400 aviões voando, 100 amxs e f-5, mais 12 mirages, mais uns 100 tucanos, mais p-3, xavantes, 707, xingu, 50 bandeirantes, hercules, helicoteros de transporte, agora a pergunta, qual a principal função da FAB?… Read more »

marcos adriano

que venha o rafale para fab e marinha!!! que novela que não acaba nunca!!pensei que tinha levado a serio a defesa!!!nos estamos precisado desse caça para amanhã!!!com transferencia de tecnologia e fabricados no pais!!!!dizem que eua gasta bilhões e bilhões em defesa eu não quero saber não deles que com essa crise não sei como vão manter esses gastos!!!eu quero saber cadê programas da fab , exercito e marinha de investimentos e quando vão mandar para congresso para ser aprovado!!! que pena pensei que se tinha mudado pensamento sobre defesa mas insistem cortes no orçamento e depois colocam mais dinheiro!!como… Read more »

Vader

Paulo Andrade disse:
18 de maio de 2010 às 20:22

“Antonio M, abaixo segue um link para justificar a preferência da FAB.
Vc tem algum que confirme que o Rafale ficou em terceiro lugar? Claro que não me refiro à nota da Cantanhede.

Em quem confiar mais? Ó céus, que dúvida cruel! No patrocinador oficial do Rafake no Brasil, vulgo Nélson Lobim, ou na Eliana Cantanhede? Ó céus! Dúvida cruel…

Ah dá licença camarada… um processo complicado desses, notícias pra tudo que é lado, e o senhor me sai com essa???

Vader

marlos barcelos disse:
18 de maio de 2010 às 20:52

Essa conversa de que serão poucos Rafales é irritante e não tem nada a ver com defesa aérea. Se isso realmente for importante os f-22 são uma grande porcaria, não prestam bem pra derrubar um xavante, porque só foram fabricados 137 e isso pela ,aior potêncoa do mundo, então pela lógica, se os EUA quiseram poucos f-22 é porque eles não prestam.

Só duas observaçõezinhas sem importância nenhuma:

1. É o F-22, não o Rafail;
2. São os EUA, não o Brasil.

Sds.

Paulo Andrade

O fato da França ter se equivocado é sua opinião. Não creio que seja uma opinião francesa A França ser uma potência média mostra sua forma pessoal de “graduar” as nações. Não só eu como muitas instituições e publicações usam outras graduações. Mas vindo de alguem que busca somente desqualificar a França, nada surpreendente. Só para entender, na sua percepção há superpotências, como os EUA, potências grandes (?), médias e pequenas? Seria isso? Se a França é uma potência média, qual seriam as grandes? Ou não há grandes? Somente super e pulamos para as médias…Não dá para entender…. Para alguém… Read more »

ZE

Vader disse:

Amigo, não se irrite.

Veja bem, eu sou um cara mentiroso, mas se eu fosse uma pessoa séria, eu diria que tem gente aqui no blog com 3 nicks.

Mas como eu sou mentiroso…

Fique com a cabeça fria, pois nós sabemos o desfecho desse imbroglio.

[ ]s

Wolfpack

Fico imaginando o cocar da FAB nestes dois Rafales da foto. Belas fotos Nunão.
Talvez mantenham o mesmo padrão de cor destas duas aeronaves da foto na FAB.
E quem sabe com um falcão na fuselagem e um gancho de parada, quem sabe um dia, em um novo NAe.
[]s

Paulo Andrade

Sr. ZE, eu sinceramente acredito em 120 vetores, assim como acredito em vários projetos de reaparelhamento.
Sinceramente, se eu não acreditasse, preferiria acompanhar um site sobre futebol.
Essa é a diferença entre aqueles que acreditam, torcem e sonham com melhorias para as FA´s e aqueles que só torcem contra.

grifo

Isso foi dito pelo min. Jobim em audiência pública na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados e não li desmentidos até agora.

Caro Paulo Andrade, o Lobim não disse isso. Veja a transcrição da audiência pública, ou a gravação no site da Câmara.

Por sinal, nesta audiência pública sobre o FX-2 o Lobim se fez acompanhar não de um oficial da FAB, mas do general de exército Elito.

Paulo Andrade

Sr. Vader, não sou seu camarada. Longe disso.
Repito a pergunta ao sr.. Apresento um link com uma notícia. Será que o sr. tem algo semelhante a apresentar que não seja “notinha” que não revela a fonte?
É uma questão de acreditar no que se parece mais confiável.
Vc acredita no que quiser mas respeita a opinião dos outros, embora isso pareça não ser o seu forte.

Pedro

Eu acho que o Brasil já Fechou este contrato sim. Só não o divulga pelo simples fato, de estarmos em ano eleitoral e a oposição, com claro argumentos(pacote caríssimo e talvez a não transferência de tecnologia), vai usar isso para bater de frente contra DILMAnuncafuieleita. Caso DILMANUNCAFUIELEITA, seja realmente proclamanda Presidenta, aí sim no primeiro dia após ás eleições, em meio a toda festa e e notícias sobre a vencedora, a licitação sobre NOSSOS caças sejam finalmente publicada. Já caso os tucanos levem, acho que o mesmo será cancelado ou até mesmo voltemos mais ainda a antiga esfera dos E.UA.… Read more »

marlos barcelos

Vader O Brasil é tão pobre que não pode manter 36 caças de ponta? Orçamentos e mentalidades estão aí para serem mudadas, e devemos acreditar nisso. Se o Brasil tiver rafales não tenho dúvidas, vão voar, até porque se não voarem o escandalo é muito maior. Zé A hora de vôo dos f-5 são 7500 dólares a hora de vÔo, o Rafale seriam 18000 dólares, o f-18 sh 10000 dólares, o gripen 7500 dólares. 50 f-5 mais 50 amx mais 12 mirages 2000, pagam a hora de vôo dos rafales, é só substituir os caças atuais por 36 rafales que… Read more »

Gunsalmo

Esse negócio de que o Jobim disse isso… Jobim disse aquilo…
Não acredito em mais nada do que esse cara fala.
Pra mim o Jobim não tem mais credibilidade nenhuma.
E essa história de que o Saito teria dito que preferia o Rafale já foi desmentida.
Tem gente querendo colocar palavras na boca do Saito porque sabe que ele um dos poucos que se salva nessa história.
Lula, Jobim, Sarkozy… é tudo 171.

Vader

ZE disse:
18 de maio de 2010 às 21:00

“eu diria que tem gente aqui no blog com 3 nicks.”

Também suspeito disso meu amigo. E não é de um só um não.

É a maneira deles aparelharem a bagaça… A agenda em movimento, diretamente de um bunker mais próximo de você, rsrsrs…

Dá até vontade de sorrir diante de tamanha “trolice”, rsrsrsrs… Ai ai ai, se eu fosse editor, rsrsrs…

Abs.

ZE

“marlos barcelos disse:

A hora de vôo dos f-5 são 7500 dólares ”

Então a hora de voo do F-5 aumentou muito, mas muito, pois era de 3.800 Dólares.

robert

marlos barcelos disse: 18 de maio de 2010 às 20:52 Essa conversa de que serão poucos Rafales é irritante e não tem nada a ver com defesa aérea. Se isso realmente for importante os f-22 são uma grande porcaria, não prestam bem pra derrubar um xavante, porque só foram fabricados 137. A questão ai é diferente… eles tem f-15, f-16,f-18 a rodo! Eles usam o f-22 só em casos especiais. Eles podem escolher o vetor que querem, agente só vai ter um pra fazer tudo, e se for muito caro, vai dar problema de manutenção a treino dos pilotos. Já… Read more »

Wilson Giordani de Souza

Vader disse:
18 de maio de 2010 às 21:13

ZE disse:
18 de maio de 2010 às 21:13

Quem sabe o mal que se esconde nos corações dos homens? O Sombra sabe…

E os editores também, pelo menos o IP eles sabem… 😉

floresteiro

Se o Brasil não for de Rafale, Sarkozy e a Dessault vão ficar com a cara vermelha de vergonha, atém de muito preocupados.

Afinal, com tantas apostas do governo francês e a torcida do próprio governo, será uma propaganda contra enorme para o Rafale.

Vader

marlos barcelos disse:
18 de maio de 2010 às 21:08

“O Brasil é tão pobre que não pode manter 36 caças de ponta?”

Você não leu com atenção o que eu disse. O que quis dizer foi que não se pode comparar o F-22 com um Rafale nem por brincadeira.

E muito menos se pode comparar os EUA e sua capacidade econômica para manter, ainda que sem escala, um vetor caríssimo (sem paralelo na história dos preços de aeronaves), com a capacidade do Brasil, ou mesmo da França de fazer o mesmo.

Ou seja: sua comparação foi duplamente infeliz.

Saudações.

Vader

robert disse:
18 de maio de 2010 às 21:14

🙂 🙂 🙂

Sds.

ZE

“marlos barcelos disse: O Brasil é tão pobre que não pode manter 36 caças de ponta? Orçamentos e mentalidades estão aí para serem mudadas, e devemos acreditar nisso. Se o Brasil tiver rafales não tenho dúvidas, vão voar, até porque se não voarem o escandalo é muito maior”. Caro marlos barcelos, o Brasil pode ter 5.000 (cinco mil) aviões de caça de 7ª (eu disse 7ª geração). Para isso, há que existir dinheiro alocado para tal. Para darmos o 2º passo (comprar 36 caríssimos vetores. Caríssimos de se comprar e de manter). Temos que dar o 1º passo (aumentar o… Read more »

marlos barcelos

Prefiro crer que não somos um país mediocre, porque se formos acabemos com as forças armadas, porque manter forças armadas pra ficar voando bandeirantes xingus e xavantes , é melhor fechar. 36 Rafales é insignificante no orçamento da FAB, além disso somos um país que cresce a 5 %, e só receberemos rafales em 2014

ZE

robert disse:

Pô robert, eu estava comendo um bolo.

Você quase me matou de tanto rir.

A minha escrivaninha tá uma farofa de bolo só.

[ ]s

ZE

Wilson Giordani de Souza disse:

Você disse tudo, amigo.

[ ]s

Vader

Marlos, não crie polêmica onde não tem e não tente desviar o foco da besteira que falou. Ninguém está afirmando que o Brasil é pobre ou medíocre. O que estou afirmando é que foi infeliz sua comparação do F-22 com o Rafake sobre falta de escala. Infeliz, a uma porque o F-22 não é o Rafake, e a duas porque os EUA não é a França ou o Brasil.

Sds.

Paulo Rick

Caro Paulo Andrade, Não tem jeito, os caras estão cada vez mais desesperados e a partir daí só vemos isso, argumentos furados e nada lógicos, mas podemos dizer o seguinte. 1- O erro é o projeto do F-18E, esse é sem dúvida o único equívoco, ainda bem que não é nosso, e eles que fiquem com aquele coisa; 2- A hora de voo do F-18E não e inferior a 15.000 dólares, e com o EURA já quase a 1,25 dólar, a hora de voo do Rafale deve estar muito próxima a esse valor, mas eles pegam os custos ninguém sabe… Read more »

Hornet

um off topic só pra apimentar a discussão (já que barreiras de agricultura pode, então isso aqui pode mais ainda): “França dá pleno apoio a Lula em sua condução do tema nuclear Lúcia Müzell Direto de Madri O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, tiveram uma reunião bilateral na manhã desta terça-feira, após a cerimônia de abertura oficial da VI Cúpula União Europeia-América Latina e Caribe, que acontece em Madri (Espanha). Após o encontro, Sarkozy divulgou uma nota oficial em que afirmou que a França dá pleno apoio à Lula em sua condução do… Read more »

Galileu

Só digo o seguinte:

Os Franceses estão desesperados para vender a JACA, li uma matéria que toda a Europa (zona do Euro) vai apertar suas contas inclusive a França, para evitar chegar a situação de Grécia e companhia.

Isso significa que a Dassault vai ficar sem mesada, pra manter sua linha de montagem de uma duzia de Jaca.

Gunsalmo

O Brasil não é pobre, mas a FAB é…
O governo pode estar nadando em dinheiro mas as forças armadas sempre estarão com o pires na mão. Acho que isso é até de propósito, manter os militares numa condição de subserviência.
A FAB está certa em escolher o caça que está mais dentro do seu orçamento, pois ela sabe com quem está lidando (nossos políticos). Alem do mais o Gripen não deve nada aos outros dois, muito pelo contrário.

Paulo Rick

Vader, O que ele disse é bem claro, ele não estava comparando os caças, mas aplicando a mesma lógica. Quer dizer, a quantidade de caças produzidos nada tem haver com a qualidade ou não do caça, mas motivos outros. Por isso, temos o F-22 com insignificantes 187 unidades produzidas, e o Tijolão com mais de 500 unidades encomendadas, a US NAvy não tem escolha, mas a USAF preferiu dar prioridade ao F-35. O Rafale terá a produção condizente com o que foi planejado, cerca de 290 unidades, além das exportações. Enquanto o Gripen até agora teve um total de um… Read more »

Últimas Notícias

Russos dispararam mísseis de cruzeiro nucleares sem ogiva contra a Ucrânia

https://twitter.com/DefenceHQ/status/1596389927733927937 Aparentemente a Rússia está removendo as ogivas nucleares de antigos mísseis nucleares de cruzeiro e disparando as munições...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -