quarta-feira, dezembro 1, 2021

Gripen para o Brasil

Jobim foi aos EUA discutir transferência de tecnologia

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

O ministro da Defesa, Nelson jobim, esteve nos EUA na semana passada e passou por Washington e Nova York. Em Washington Jobim reuniu-se com altos funcionários do Governo Obama como o subsecretário de Defesa, Tecnologia e Logística, Ashton Carter, com o Chefe do Estado-Maior Combinado, Almirante Michael Mullen e com o assessor de Segurança Nacional, General James Jones Jr.

Um dos principais pontos foi a discussão das questões relativas à transferência de tecnologias de empresas americanas ao Brasil e operações comerciais na área de defesa.

- Advertisement -

148 Comments

Subscribe
Notify of
guest
148 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Paulo

Num falei.
O saito pode até querer o Gripen. Mas vai ter que engolir o Hornet.

Caipira

Não acredito que essas reuniões do MD tenham tido como ponto principal o FX2, mas com certeza o SH estava na pauta…

Pedro

Na Final Best Offer eles vão trocar o F18 pelo F35 pra levar de vez! ahahahaha!

Esdras

Se ele vai lá para isso, significa que a pressão para engolir o SH é grande só que ele precisa negociar para ter a justificativa técnica.
Amigos……duvido muito m as muiiiittto mesmo que o SH não leve essa.
Agora creio que pode haver um premio de consolo para os franceses nessa…..

FLIGHTER

Ele foi para os EUA é daí!!!, para min ele foi barganhar, para ter resultados melhores na concorrência com os outros, trasferência de técnologia pelos americanos, JAMÉ, rsrsrs

Clêuber

Acho que o Brasil mais uma vez esta a fazer papel de pateta!Os EUA não farão transferência integral de tecnologia para o Brasil nem tão cedo!Isso eu garanto.O super hornet vai ser uma furada para o Brasil por vários motivos já expostos aqui no blog.Rezo para que haja sensatez no alto escalão da defesa do Brasil!Espero que possamos contar com os Rafales F3 e na pior das hipótese prefiro infinitamente o Gripen NG ao F-18 SH que já são caças em fim de carreira de produção…Por que ter de mendigar transferência dos americanos quando os franceses nos oferecem, é só… Read more »

Marcelo Tadeu

Pessoal, vcs já pensaram na seguinte hipótese: E se forem 2 ganhadores com encomendas do 2 tipos!!

Os vencedores seriam o Rafale e o Gripen:

– O rafale para defesa áerea e o Gripem para ataque, ou,

– F-18 para ataque e o Gripen para Defesa Aérea, pois os dois usam o mesmo motor!!!

Quem falou que a concorrência é para adquirir um modelo?

Será que eu viajei muito?

sds

Paulo renato

Caro Clêuber,
Concordo com seu comentário apenas acho que o Gripen NG não é a pior da hipótese, acho um bom vetor.

Claro e sabido que os Americanos não passam tecnologia alguma a ninguém e não vai ser agora que eles vão passar para o Brasil…
O Jobim pode ter ido tentar outras coisas mas não isso novamente.
Como foi dito o Hornet já é um vetor antigo, além do mas precisamos msm é de um vetor de 5 geração, aí sim ficaria ótimo.

F35, é apenas um sonho bem distante …..

Abs.

gaspar

caso o Gripen venca, o Brasil tera de negociar com os yankes a transferencia de tecnologia sensivel…
torco pelo Rafale

Alecsander

Vou repetir o que já disse em outra pagina, o F/A-18E/F Super Hornet entrol na final do FX-2, só para encher lingüiça ( e no lugar de caças mais promissores, como o Eurofighter Typhoon). Se ele for o grande vencedor do FX-2, vou ficar muito surpreso.

SxMarcos

Independente quem ganhe. Nós vamos sair ganhando.
Todos aqui imaginavam que não teríamos renovação de frota, que o FX-2 não decolaria.
Ao que parece, a novela terá um desfecho e, independente quem leve, sairemos ganhando.
Tendo a transferência de tecnologia, qualquer um destes aviões vai nos servir bem.
Claro que gostaria que fosse o Rafale. Pelo histórico frances, negociações e por não serem megalomaniacos. Mas, saindo definitivamente o FX-2 com transferência, tanto o Gripen quanto o SH serão muito bem vindos.

Wolf

Meu entendimento sobre o FX2:

Foi fechado com a França a aquisição de Helicópeteros, Submarinos Nuclear e Convencional e construção de Base Naval

Com a Russia os Helicópteros MI 35

Os caças deverão ser fechados com os EUA

Ou os Gripem que tem muita tecnologia americana

Brujhar

Boa Gaspar

Será que o nosso ministro não foi garantir a transferência de tecnologia ou venda dos motores dos gripens?

Fernando Cabral

Pra nós o Gripen é a melhor escolha por razões de custo operacional, ele é monomotor, o que significa menor custo por hora voada. Em termos de tecnologia embarcada todos se equiparam embora o Gripen leve uma pequena vantagem por ter capacidade supercruise, inclusive com comfiguração ar-ar (segundo uma publicação especializada – revista Asas).

Felipe TP

Algum de vocês já pararam para se perguntar se realmente franceses e suecos colocaram no pepel tudo aquilo que eles falam na mídia? A maioria acham russos, franceses e agora suecos como os deuses das transferências de tecnologia. Mas na hora de por no papel, podem não ter sido nenhum deus, muito abaixo do que aparentam e/ou dizem por aí. Talvez franceses e suecos não estão tão abertos assim e barganhar o F-18 tenha que ser feito. É fácil ficar fazendo especulações em rótulos criados como EUA não transferem tecnologia e os Russos transferem tudo. Mas a questão é, será… Read more »

zocca

desde que este FX2 não vire um FX3-4-5-6—– o que vencer sera biem venido, mas estou torcendo pelo RAFALE.

Hornet

Mas como o Jobim gosta de viajar para os EUA, não? Acho que é por causa da Disneylândia…hehehe Não me lembro de ter visto ele viajar até a Suécia ou até a França tantas vezes assim… Das duas uma: ou a FAB quer de todo o modo o Super Hornet e o Jobim está tentando convencer o Obama a transferir até a senha do cofre da Casa Branca pra nós; ou então é tudo jogo de cena para botar pressão nos franceses e suécos…e com direito, a cada viagem aos EUA, a uma visitinha ao castelo da Branca de Neve… Read more »

Dalton

Hornet !

Pare de escrever improperios aqui!

Vc se diz “historiador” ?

E escreve que o castelo é da Branca de neve ? Um absurdo !

sds

Fabio

Com o Gripen NG, o Brasil poderá se tornar um parceiro de seu programa de desenvolvimento e uma plataforma para o desenvolvimento de futuros programas tecnológicos. Em combinação com o programa de Cooperação Industrial, o programa do Gripen, especialmente desenvolvido para a FAB, a Defesa e o setor industrial do Brasil, tornará o País, até 2020, totalmente independente da necessidade de adquirir aviões de combate de outros países, transformando-o em um exportador de aeronaves como a Suécia. O COMAER e a indústria brasileira seriam parceiros da Força Aérea Sueca e da Saab no projeto, desenvolvimento e integração de futuros programas… Read more »

Sérgio

Pissoal, Já ki tá nas HHIIppOOtteessees, mais uma pulga:

Dialogo havaino no Capitólio>>
Carter (cão-guia army do Kobahna): “Mr. Nelson, Ustede get uns F-18 e Weós get Uns A-29. Ustede fabrica lá e nówe fabrica Ki”

Mr. Nelson: “Ki KI eu levo, além?

Carter : “One shoe in your seat”.

Mr. Nelson: “Sorry!! I don’t understand you.

Carter : ” La mema chouse q o Evo deu pro LULA, Pergunte a ele.

Hornet

amigo Dalton,

opa! Desculpa, desculpa…

O castelo é da Cinderela…

Troquei os moradores e a fábula também…hehehe

Bem observado!

abração

Fred

Hornet,

Acho que não é por aí não… nos EUA não tem só Disneyland… você não está considerando Las Vegas, por exemplo! hehehe…

Agora voltando ao assunto, minha opinião é:

1) a escolha da FAB seria o Gripen NG;
2) não haveria barreira nenhuma dos americanos em relação à tecnologia americana no Gripen, e o Jobim foi lá para garantir isso.

Ainda assim, acalmem-se: a decisão só será comunicada em Agosto! Até lá, é tudo “achismo”…

Hornet

Fred,

pois é…mas essa parte de Las Vegas, jogatina e tal, é vc que está dizendo, hein?

Já imaginou o Jobim no caça-níquel? Juntando umas moedinhas….kkkkkk

Eu ainda acho que ele foi na Disney…e só na Disney. Na pior das hipóteses deve ter dado uma passadinha, rápida (bem rápida), no East Village em NY e tomado uma cervejinha (uma só) com a rapaziada de lá… mas se ele fez esse sacrifício foi apenas para manter as boas relações da política internacional entre Brasil e EUA….hehehe

abração

Marcelo Tadeu

Poxa! Fui solenemente deixado de lado!!!

Dalton

Hornet…

o castelo é da bela adormecida…rs

Bom, poderia ter sido pior e na segunda tentativa vc ter escrito como sendo da pequena sereia !

abraçao !

Hornet

Dalton,

da Bela Adormecida? Tem certeza?

E a Cinderela? Virou uma sem-teto?…hehehehe

abração

Hornet

Marcelo Tadeu, só agora é que eu vi seu post mais acima…(a culpa pela minha distração é da Bela Adormecida…hehehe) Então, eu acho que será apenas um vetor o escolhido no FX2. A idéia é padronizar a frota com um caça de quarta geração e depois disso desenvolver um caça de quinta ou sexta geração aqui no Brasil (com a participação da Embraer), tendo como parceiro o país/empresa vencedor do FX2. Neste sentido, não vejo como poderiamos fazer isso em parceria com duas empresas de países diferentes (que podem, inclusive ser concorrentes), não vejo como o Brasil poderia participar de… Read more »

Tiago Jeronimo

Queremos o F-15 Silent Eagle com os AIM-120D, Tomahawks e Harpoons Block III!

Ou nada feito 😛

flavio berte

tambem concordo com essa opinião: o mais provável é que Jobim tenha ido aos EUA para garantir algo em relação ao Gripen, que deve ser o escolhido, até para agradar um pouco aos norte-americanos…

Marcelo Tadeu

Valeu Hornet, já estava me sentindo excluído!! hehehe!!

Marlos Barcelos

Tiago Jeronimo

prefiro rafale, meteor (que tem empuxo ramjet, mais moderno que o aim-120 D) pode ser o Tomahawk eo exocet Block III ou RBS.15, o exocet tem a vantagem de ser um míssil que com um único impacto afundou um navio, não precisa mais que 1.

Felipe Cps

Felipe TP: Ow Xará, os russos não transferem nada, o negócio deles é vender de prateleira mesmo, pra troxa comprar e depois ter de ficar mandando turbina pra Rússia pra revisão… Já que é pra achar, acho que o NJ e seus asseclas PeTralhas do MD devem ter decidido que vai ser o SH (malgrado a FAB ter escolhido o Gripen NG e/ou Rafale) e foi lá pedir a benção (pra não falar outra coisa) dos “aspones” e “sub-subs” do Obama, de chapéu na mão pra pedir transf de tecnologia… E pau na FAB, que quem manda mesmo é a… Read more »

marujo

Hornet, Marcelo Thadeu e demias companheiros,respondam-me por favor: caso o escolhido for o Gripen NG, ele tem condições de peitar o SU MK-30 venezuelano.É bom negócio este caça ser operado só por um país, no caso, o Brasil?

Roberto CR

Marcelo Tadeu

Esta hipótese já havia sido comentada por aqui várias vezes. Eu sou um dos que acredita nela, mas com a dupla Rafale/Gripen já que não tem Sukhoi (buaaaa…. rsrsrs)

Abraços

Goiano

Quem apita o fim do jogo é o presidente da republica independente da escolha da Fab.

Douglas

Se prevalecer a ótica do partido do mensalão, dará Rafale, que custa até 50% mais que os demais concorrentes e pode ser que venha uma “comissão” junto”; e esse papo de transf de tec para uma encomenda de 36 aviões é sonho de uma noite de verão. neste aspecto, não importa o vencedor, a transferência será marginal. como foi a do Esquilo, que passados 25 anos continua sendo 50% importado. Será assim também com o Super Puma do séc. 21 o EC 725, a ser fabricado por uma subsidiária integral da Eurocopter europeia. Um helo, para atender ao “mercado latino-americano”… Read more »

Hornet

Marujo, eu não consigo analisar caça contra caça, porque os caças não entram em combate de forma isolada…o que eu posso dizer é que a FAB é superior a FAV, e com o FX2 (qualquer um deles) pode se contrapor aos 24 SU-30 da Venezuela ou aos 24 F-16 do Chile, ou qualquer coisa deste tipo tranquilamente. A América do Sul, de um modo geral, não possui forças aéreas, possuem no máximo uns poucos caças (que são coisas diferentes). Acho que a que mais se aproxima de ser chamada de Força Aérea é a FAB mesmo. Nem Chile, nem Venezuela,… Read more »

Douglas

engraçado é que o marketing oficial fica falando de transferencia todo o tempo.

Bosco

Tiago,
o Tomahawk não tem versão lançada por aeronaves e o Harpoon Block III foi cancelado infelizmente.
Quanto ao AIM120D eu acho que ele não vem não. Devemos ficar com o C5 que já estará de bom tamanho.

gaspar

torcia pelo rafale, mas acho que o Brasil vai bonificar a SAAB e vamos de Gripen NG…
lembro que a Africa do Sul utiliza Gripens, e nos temos misseis em desenvolvimento com os africanos… isso conta… um cliente potencial para fazer um up grade no Brasil…

Felipe TP

Hornet,

Não é a rapumzel que tem um castelo? Também pode ser um deputado ou senador brasileiro…

Hornet

Mauro,

foi o que eu falei pro Dalton…mas ele insiste em dizer que a Branca de Neve está morando debaixo da ponte, que a Bela Adormecida tem direito de uso-capião no Castelo e tal…hehehehe

abração

Noel

Observação: existem duas formas de serem adquiridos equipamentos bélicos yankees: por meio do “Foreign Military Sales – FMS”, gerenciado pela Defense Security Coorperation Agency do Departamento de Defesa, ou por compra direta no fabricante; no primeiro caso, a aquisição é feita com custo bem menor, pois o Departamento de Estado adquire o equipamento na indústria, deles, com o valor de aquisição menor(descontos de impostos)e repassa ao cliente, só que não há financiamento bancário; no segundo caso, a compra sendo feita direta na empresa, tem-se o financiamento, a longo prazo, porém o equipamento sai pelo valor de mercado. Os dois casos… Read more »

Hornet

Felipe TP,

agora está tudo explicado…nem Rapunzel, nem Cinderela e nem nada…o castelo da Disney fica em Minas Gerais…bem lembrado!…hehehe

abração

Hornet

Felipe TP e Mauro,

esqueci do Mauro no meu último post…

o meu comentário sobre o castelo mineiro era para os dois.

abração de novo

Juarezj

Srs.

O }F 18 só vai adiante no Fx se conseguiem resolver um “inbróglio” criado pelos americanos, onde dois ítens estão pesando frotemente:

Integração de armas

Contrapartidas comerciais

Grande abraço

Dalton

Mauro,

seja bem-vindo!

Aos demais,

Admito que existem dois castelos…o da bela Adormecida, fica na California, sendo mais antigo, e o da Cinderella localizado na
Florida.

Castelo da Branca de neve…definitivamente nao!

Devido a importancia do assunto, estou a disposiçaos dos senhores para maiores esclarecimentos.

sds

bandeira

Como diria um parente, “Bueno se a se a tal da Tranferência, for nos moldes da do FOCH, nóis tamo ferrado e mal pagos”
Alguèm saberia informar quanto tempo de navegação o “Opalão” têm na MB?

Hornet

Dalton

aha! Eu sabia que tinha um castelo da Cinderela também…hehehe

abração

Vovódka de Ho Chi Min

Nao tem castelo pra veia aqui nao????!! To eu aqui no vietnan treinando sete pilotinhos Ho Chi Min no Sukhoi Su30 que ta’ aqui escondido e a veia aqui ta’ se sentindo a Branca de Neve porque tava na Siberia sem sol e aqui ta’ um calor de lascar e a vodka ta’ acabando e os Rosoboronexportes amigos nao dao as caras pra trazer mais pra vovo’ veia aqui nao!!!! E como tem mosquito nessa terra!!! Agora a veia vai levar um dos sete anoes Ho Chi Min que sao pequenininhozinho mesmo de tanto que os pais deles andaram nos… Read more »

Últimas Notícias

Atech levará tecnologia brasileira a eventos internacionais de Defesa e Segurança

Reconhecida como uma 'System House' brasileira, a empresa estará presente na EDEX e  ExpoDefensa 2021 A Atech, empresa do Grupo...
- Advertisement -
- Advertisement -