sábado, abril 17, 2021

Gripen para o Brasil

Jobim confirma reexame da proposta russa para o FX-2

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

su-35bm

Durante o seminário “Estratégia de Defesa Nacional e a Indústria Brasileira”, organizado pelo jornal Valor Econômico e a Comissão de Relações Exteriores e Defesa da Câmara, o ministro Nelson Jobim disse que o projeto F-X2 deverá ser mantido sem mudanças no cronograma, já que os desembolsos são progressivos e podem começar apenas em 2010.

Questionado sobre a proposta russa, o ministro reconheceu a possibilidade de reexaminar os caças Su-35 da Sukhoi, desqualificados na primeira seleção feita pela Aeronáutica. Jobim disse ter sido procurado por representantes do país, mas deu pouca esperança à Sukhoi de recolocá-la na lista de concorrentes, embora não tenha descartado a hipótese. “Os russos me pediram para reexaminar (a oferta). Estamos olhando os documentos, mas a dificuldade deles é com a transferência de tecnologia, que é a condição básica”, esclareceu.

O presidente da Associação das Indústrias Aeroespaciais do Brasil (Aiab), Walter Bartels, considera indispensável a negociação pela FAB da abertura do software operacional dos caças que forem adquiridos. Isso permitirá, segundo ele, que evoluções tecnológicas e atualizações dos equipamentos sejam feitas pela indústria nacional. É o que tem ocorrido, lembrou Bartels, com a modernização dos aviões AM-X pela Embraer. Eles estão recebendo, por exemplo, novos radares. “Isso só é possível com o domínio do software”, afirmou.

Para o presidente da associação, não é uma tarefa fácil. Ele citou o caso de Israel, que não teria conseguido a abertura do código-fonte dos caças F-16 negociados com os Estados Unidos. Bartels elogiou, porém, a postura da Aeronáutica nas discussões com os fornecedores. “O governo brasileiro está atuando muito fortemente nessa questão”, avaliou.

FONTE: Valor Econômico

NOTA do BLOG: O Poder Aéreo já tinha informado com exclusividade, em fevereiro, sobre os detalhes da nova proposta russa, que não é igual à anterior, que fez o Su-35 ser eliminado do páreo. A nova proposta cobre as lacunas existentes na primeira e ainda abre a transferência para várias tecnologias sensíveis, que antes eram negadas. Para completar, sabendo da desconfiança brasileira sobre seu serviço pós-venda, os russos oferecem sólidas garantias contratuais para a área logística, com o trinômio qualidade, operacionalidade e garantia.

- Advertisement -

118 Comments

Subscribe
Notify of
guest
118 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
YANK

o texto em ingles detalhes mas agudos dese tema reportado na defesanet We are discussing with the well-known Brazilian company Embraer the transfer of technology and the construction of facilities for the future licensed production of the aircraft, including the fifth-generation fighter,” said Alexander Fomin, deputy director of the Federal Service on Military-Technical Cooperation. Russia’s advanced multirole fighter is being developed by the Sukhoi aircraft maker, part of Russia’s United Aircraft Corporation (UAC), along with India’s Hindustan Aeronautics Limited (HAL), under a preliminary intergovernmental agreement signed in October 2007. The first prototype is scheduled to make its maiden flight before… Read more »

Rodrigo

Galera eu sou fã do su35bm queria esse avião na Fab, mas já foi eliminado, chega, basta esse papo dele voltar já deu no saco, isso não vai acontecer.

Felipe Cps

AHAHAHAHAHAAHAHAHA CHUPA VIUVADA LOUCA AHAHAHAHAHHAHA…

Marlos Barcelos

Acho que para cpmra do fx-2 é impossível, mas para futuras compras, pode ser.

Marine

Cade o pessoal que vivia dizendo que os russos iam repassar tecnoligia e os americanos nao?! Hehehehe….

Desculpem mas nao resisti!

Felipe Cps

Aahahahaha, Mauro, eu rio muito com as trapalhadas da viuvada, só quem conhece a Rússia e redondezas que consegue entender o quanto eles são palhaços, ahuahuahuahua, aquela notícia saiu num raio dum tablóide russo e neguinho aqui, brasileiro macaquinho, compra a notícia como se fosse verdade, ahuaauhahauhuahuahau…

EU RIO MUITO COM A VIUVADA… TERCEIRA VEZ!!!!

AHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHU…

Felipe Cps

E mais Mauro, ele vai dizer que vão vender SU-35BM em cada esquina, vai custar US$1,00 e qualquer um vai poder comprar, ahahahaha…

Meu, num consigo parar de rir, ahuahauhauhuahua…

Eita viuvada loca da porra…

Saulo

Off topic! FAB inicia concorrência para compra de aeronave não-tripulada REUTERS – Via Estadão (Reportagem de Eduardo Simões) A Força Aérea Brasileira iniciou nesta quarta-feira os procedimentos para a compra de veículo aéreo não-tripulado (Vant) e, nos próximos dias, pedirá informações a nove fabricantes –sendo duas brasileiras. Nessa primeira etapa, conhecida como RFI –sigla em inglês para Request for Information (pedido de informações)– serão contatadas as brasileiras Aeroeletrônica e Avibras; as israelenses Elbit e IAI; a sul-africana Denel; a norte-americana Boeing; a russa Irkut; a européia EADS-Casa; e a italiana Galileu Aviônica. “O Comando da Aeronáutica ressalta que este projeto… Read more »

Saulo

Off topic! off topic! Embraer deve anunciar distribuição da KC 390 à FAB durante a LAAD 2009 Fonte: Redação AgoraVale Durante evento direcionado a profissionais de mídia, realizado na manhã desta segunda-feira, 6, o vice-diretor executivo de Defesa e Governo da Embraer, Orlando José Ferreira Neto afirmou que o acordo para a distribuição da aeronave KC 390 à Força Aérea Brasileira (FAB) está próximo de ser concretizado. Segundo informações do repórter fotográfico do AgoraVale Lucas Lacaz Ruiz, que esteve presente no evento, o anúncio da fabricação da aeronave para a FAB será anunciado durante o evento Latin America Aerospace and… Read more »

Hornet

Não sei se os amigos concordam, mas pra mim estas 2 últimas notícias sobre o FX2/Flanker/Pak-Fa etc., derrubam de vez dois mitos com uma paulada só (desde ontem, quando li a matéria na versão em inglês do Ria Novosti, fiquei com esta opinião). Os dois mitos seriam: 1 – que a Russia estaria desde o início do FX2 empenhada e disposta a transferir tecnologia para o Brasil; 2 – que a desclassificação do SU-35 do FX2 deveu-se a pressão dos EUA (isto foi veiculado pela imprensa brasileira de forma irresponsável, na minha opinião – mesmo tendo a FAB desmentido logo… Read more »

J Roberto

O texto em português A Rússia pode permitir que Brasil produza seus caças da quinta-geração sob licença no futuro,disse um oficial sênior do governo russo disse em entrevista a RIA Novosti. “Nós estamos discutindo com a companhia brasileira, conhecida Embraer a transferência de tecnologia e a construção das facilidades para a produção licenciada futura dos aviões, incluindo o caça de 5 geração,” disse Alexander Fomin. O caça multirole avançado de Rússia está sendo desenvolvido pelo fabricante dos aviões Sukhoi, junto com a aeronáutica de Hindustan de India limitada (HAL), sob um acordo intergovernamental preliminar assinado em outubro 2007. O primeiro… Read more »

welington

A meu ver tudo esta como antes, porem se confirma possibilidade da reavaliação do vetor Russo Sukhoi SU-35 BM. Bom vejo um cidadão que não entende nada sobre o assunto e acha que a maioria torce para a vitoria de um vetor como se fosse de um time, mas não é o que ocorre acho que muitos vêem as melhores opções, outros vêem somente seus gostos e preconceitos que os cegam, mas mesmo ocorrendo estas situações são aceitáveis por pessoas “instruídas” sobre o assunto, mas de um cidadão que não sabe o básico do básico do básico… Marine um abraço… Read more »

Virtualxi

O SU-35 é o melhor e mais letal caça dentre todos que estão na disputa pela vaga de futuro caça da FAB. Porém a vantagem do SU-35 é poder migrar para um vetor de quinta geração, em projeto conjunto com participação da indústria nacional, e o melhor, sem a interferência dos abutres americanos. O SU-35 vai permitir a FAB o domínio dos céus da América do Sul e até mesmo do Sul da África, em parceria com a África do Sul, criando assim um corredor do sul, impedindo o crescimento dos arrogantes ingleses transgênicos australianos. Reativado o SU-35 e, com… Read more »

Marcos T.

Continuam as escaramuças.
O Su-35 é tão bom que até o “chavito” ta querendo trocar os seus, pelo Mig.

Carlinga Carenada

Por que a FAB é tão enganada com essa história de Programa FX ? Será mais viável a aquisição de F-5 usados para recompletar a frota ideal de caças ou o retrofit de outro caça, tipo F-15 ou F-16 para ser o novo caça padrão da FAB até a 5ª geração, que poderá ter participação direta da Embraer. O comportamento do Ministro da Defesa beira a irresponsabilidade em matéria de defesa aérea do Brasil, pois não quer decidir da mesma maneira que decidiu em prol do programa de submarinos franceses ou da aquisição dos 50 helicópteros pesados para as FFAA.… Read more »

RL

Eu sou fã de carteirinha do SU-35, más como muitos aqui dizem e eu concordo. Ja era. Esta novala já deu no que tinha que dar.

Russo é mal de negócios mesmo né. Ao invés de ficarem direcionando forças para o que já esta perdido, pq não partem com força total para outro campo, como por exemplo na defesa aérea.

SS-300.

Marcus

Agora que a Sukhoi tá peitando de frente a concorrência de jatos civis com a Embraer acho que seria muito difícil mesmo eles liberarem o código-fonte das aeronaves de combate…
Esperemos o caça de 5a geração 🙂

edilson

Acho que as palavras do ministro são claras. pelo geito os russos não estão dispostos a transferir tec, raazão pela qual o su-35 está fora do pário. não haverá inclusão do Su-35 no FX II se assim o fosse ele estaria na lista dos aviões a serem avaliados. e isso independe se ele é o melhor, o segundo melhor, o terceiro melhor, o último da lista. pois pelo geito a sukhoi não atendeu ao pedido da FAB. pronto. quanto 5G a FAb não anunciou se e quando vai levar o projeto adiante isto é uma previsão para o futuro e… Read more »

gaspar

e tem gente que ainda acha que os yankees irao tranferir tecnologia, que irao abrir os codigos fontes… e povinho…

deem uma olhada nesse link…
http://www.aviapedia.com/fighters/su-35bmt-10bm-the-last-flanker

MARAVILHA…

evandro

Esse Ministro Jobin ta tirando onda com a nossa cara. Como ele fala em reavaliar a proposta russa se os russos não querem transferir tecnologia? Sendo que é condição básica do Fx2? No ano de 2008 o Governo Brasileiro gastou $1.97 milhão de reais com propaganda, e agora pra comprar 36 caças fica com essa novela. Olha apesar de eu ser fã do F18 e achar que o vencedor do FX2 vai ser o Rafale, no final acho que o Brasil vai acabar ficando com o Gripen.

Marlos Barcelos

eu era fã dos sukkois, mas depois de tudo que já li, deixei de cre nesse caça, não pela tecnologia empregada nele, mas pelo seu processo de montagem, a india teve problemas com o sistema de navegação dos su-30, e pelo que sei as peças dos sukkois são fabricados por micro e pequenas empresas, com baixíssimo controle de qualidade, por isso sou contra os su-35 para o Brasil, mas trata-se de um poderoso caça, pena que as peças que colocam nele nem sempre são peças de qualidade, se os su-35 fossem fabricados no ocidente ou no japão, seria o caça… Read more »

Marine

Marlos,

Esse “problema” russo na producao de cacas e conhecido mundialmente por especialistas e pilotos. Se um dia tiver oportunidade converse com alguem da Jane’s ou algum piloto que ja participou de testes avancados sobre os cacas russos.

O projeto deles e excelente mas a construcao sempre foi assim, faz parte da mentalidade russa de rusticidade e de facilidade de maior producao. Isso ja vem desde a 2GM ou seria a “Grande Guerra Patriotica”? Hehehe…

Wellington,

Abracao meu caro!

gaspar

Marine,

ce nao acha que esses problemas de construcao o qual vc mencionou nao seriam “sanados” se os mesmos fossem fabricados aqui no Brasil ????

Mauricio R.

“Nessa primeira etapa, conhecida como RFI –sigla em inglês para Request for Information (pedido de informações)– serão contatadas as brasileiras Aeroeletrônica e Avibras; as israelenses Elbit e IAI; a sul-africana Denel; a norte-americana Boeing; a russa Irkut; a européia EADS-Casa; e a italiana Galileu Aviônica.” Tá faltando mais gente que entende do riscado, aí nessa lista. Irkut??? Os caras tão comprando UAV de Israel, pq o produto nacional deles lá, é no monímo sucata. Avibrás??? Eles tem produto ou é proteção??? E então kd a Flight Solutions???? Eles tem mto produto, prá mostrar!!! Aeroeletrônica???? Mas a “dona”, a Elbit já… Read more »

Rodrigo Marques

Poxa Marlos,

Até que enfim concordamos em algo aqui!!! 🙂

Gaspar,

Para construí-lo aqui, somente com a criação de uma planta completa aqui no Brasil, mas pelo visto a FAB só quer a tranferência dos códigos fonte dos aviônicos. ( que são defasados em relação aos ocidentais, visto que a India adotou de Franceses e Israelenses pra seus SU30-MKI).

Acho que pra esquadrilha da fumaça está bom demais! Ia ser a “serpente de pugachev” mais cara da história.

Abraços!!!

lucas lasota

eu ainda tenho esperancas. eu acho mais facil o programa inteiro ser adiado do que essa proposta nao ser avaliada firmemente.

estudo na russia e minha paixao e a industria de defesa brasileira. os russos sao bons em transferencia de tecnologia. vide as parcerias com china e india.

sem duvida uma relacao mais estreira com a russia nos alavancaria para um outro patamar tecnologico, mesmo com todo o histerismo daqueles que falam que os russos sao ruins fornecedores.

abracos

gaspar

Rodrigo Marques

mas se nos montassemos uma planta aqui, teriamos a America do Sul como cliente… mas o pessoal pensa pequeno…

Marco

Olá a todos aqui no blog, gostaria de fazer uma pergunta concreta sobre o SU-35BM vs Rafale. Qual dos dois é melhor, Rafale ou Su-35 BM ?
Gostaria que ao responderem a esta pergunta referissem factos e não tratassem a questão como se de futebol se tratase.
Faço esta pergunta porque nos vários sites que visitei, referem que o Su-35 é melhor, contudo segundo vários especialistas o melhor caça é aquele que tem melhor electronica, logo o Rafale deveria ser melhor certo?! Enfim gostava que me tirassem esta minha duvida…
Um grande abraço para todos aki no Blog.

Pedro Rocha

Olá senhores! A questão fundamental é a transferência tecnológica! Nenhum dos três finalistas está claramente comprometido na transferência do software (algo imprescindível para integração de novos hardwares ou mesmo nacionalização de componentes). Senhores os fabricantes ganham muito mais dinheiro não com a venda em si, mas as manutenções pós venda! Como temos uma cultura e capacidade fabril de nacionalizar componentes os três finalistas querem alguma salvaguarda para que isso não ocorra! Queria esclarecer algumas coisas que no meu ponto de vista estão erradas: Os Su 30 indianos tem parte de sua aviônica fornecida pelos franceses, o que eu sei são… Read more »

joao terba

Dos trez finalista o Brasil só tem acôrdo de parceria com a França,depois vem a Rússia por fora, eu me refiro acôrdo de governo para governo,não temos parceria nem com os americanos nem suécos,daí podemos tirar várias conclusões.um abraço.

Claudio

Marco, O Rafale já está voando, ele é um ótimo caça, ele só perde para os caças de 5º geração, o seu problema é o preço de compra e custo de manutenção, sendo que até o momento só leva armamento frances (salvo as bombas Paveway). O Su-35 apesar de descender de uma família de sucesso (Su-27), ainda não está em produção, só há meia duzia de modelos que estão fazendo os testes, mas acredito que também será um ótimo caça. Os caças russos só aceitam armamento russo ou descendente direto deles, tipo China ou India, não me lembro de nenhum… Read more »

Rodrigo Marques

Pois é Gaspar,

Nisso eu concordo 100%…

Marco

Falta chegar o wellington para as coisas ficarem mais equilibradas para fazer o contraponto, mas obrigado pela sua opinião Claudio. Um abraço.

Marine

Gaspar,

Eu nao acho nada, eu so lido com fatos. Nao tenho tal luxuria e nem perco meu tempo com “what ifs…”. Se isso, se aquilo, por acaso, quem sabe…nao cabe a minha profissao ou a minha analise.

O fato e que o que o Marlos citou e verdade os russos sao conhecidos por ter producao de pecas de baixa qualidade. Seus projetos sao excelentes mas quando saem do papel e vao pras fabricas e outra historia.

Henrique

Senhores, A crise internacional está aí e este é o momento do Brasil (se realmente tiver bala na agulha – lembram da expressão “marolinha”?) ser firme em qualquer negociação. As indústrias internacionais estão preocupadíssimas com seu próprio futuro, os EUA falam em desmobilizar 300 caças ou mais da USAF além de cancelar outros projetos, os Russos já não tem mais aquela marra toda com o preço do petróleo no patamar atual…. então cabe agora os nossos “estrategistas” avaliarem um bom pacote de equipamentos de defesa para o país! Para manter uma postura de seriedade e profissionalismo perante a comunidade internacional,… Read more »

Marlos Barcelos

Marco

Su-35 x Rafale, se tudo funcionasse perfeito nos 2 caças ninguém teria vantagem, estudos mostram que seria 1 rafale destruído para cada su-35 destruído, dependeria muito do treinamento, mas em combate próximo os su-35 levam vantagem, mas os combates BVR acho que os rafales, por terem menor rcs, mas são caças equivalentes.

welington

Marlos Barcelos interessante é que não se vé Sukhois caindo, estas peças são boas mesmo. Sobre os sistemas de orientação do SU-30 MKI ele é Israelense assim como vários outros sistemas que foram implementados para a incorporação por opção de armamentos ocidentais. Sobre a linha de montagem realmente ela não se compara a linha de produção ocidental, mas sobre os testes de qualidade são iguais no mundo todo, digo as técnicas… Marco o SU-35 BM é um caça pesado ao nível do F-15, não é só o quesito eletrônica que define a superioridade de um vetor, mas não se compara.… Read more »

Edmar

Essa coisa de “Sukhói SU-35” vai, “Sukhói SU-35” vem..,

Isso é tudo armação dos Russos.., na primeira etapa, eles negaram a transferencia de tecnologia.., e agora.., estão tentando estragar o “FX2” da FAB. Eles são bem traiçoeiros.

É coisa de Russo!!!
…………………………………………………………

Mesmo os Americanos.., prometem o fundo e o mundo, mas na hora da transferencia de tecnologia.., eles não vão passar o código fonte.
Eles são bem traiçoeiros.

É coisa de Americano!!!
…………………………………………………………

Por isso é que digo, mais uma vez.:

Para o Brasil é “Dassault Rafale F-3” ou “Saab Gripen NG”.

Edmar

Essa coisa de “Sukhói SU-35″ vai, “Sukhói SU-35″ vem..,

Isso é tudo armação dos Russos.., na primeira etapa, eles negaram a transferencia de tecnologia.., e agora.., estão tentando estragar o “FX2″ da FAB. Eles são bem traiçoeiros.

É coisa de Russo!!!
…………………………………………………………

Mesmo os Americanos.., prometem o fundo e o mundo, mas na hora da transferencia de tecnologia.., eles não vão passar o código fonte.
Eles são bem traiçoeiros.

É coisa de Americano!!!
…………………………………………………………

Por isso é que digo, mais uma vez.:

Para o Brasil é “Dassault Rafale F-3″ ou “Saab Gripen NG”.

Zero Uno

È meus amigos… Os Russos brincam de proteger o seu país. Os aviões, tanques, fuzis e outros são tudo porcaria. Agora, nossos “irmãos” do Norte só fabricam maravilhas. O resto, não vale nada, não presta… Os aviões supersônicos dos Russos não pode passar de 600 Km/h senão começam a se despedaçar no ar… Abaixo: (1) – Japão suspende vôos de caças F-15 após acidente Decisão foi tomada pelo Ministério da Defesa devido ao acidente registrado nos Estados Unidos Tokyo – Efe Caça japonês explode durante testes em Nagoya O Japão suspendeu os vôos de seus caças F-15 por causa de… Read more »

Marco

Muito obrigado a todos pelos esclarecimentos, confesso que fiquei impressionado com determinados posts, wellington tenho a dizer que o sr. realmente mandou bem ;), contudo fiquei com algumas duvidas, isto porque li ( infelizmente ja não me recordo as fontes) que em uma red flag foram testados f 22 contra rafale, eurofighter e su-30 mki. Nos exercicios todos os aviões foram derrotados pelo f22 porque tinham muita dificuldade em fazer lock on. Ora se for assim de que serve o Su 35BM ter maior alcance de radar se não puder fazer lock on… além disso como Marlos Barcelos disse, o… Read more »

Cantarelli

Cansei dessa novela.

welington

Marco no caso do F-22 ele é superior por ser um steath ao nível VLO, ele leva suas armas internamente, o F-22 só e detectado pelo F-22 a 90 km de distancia, DETECTADO para um luck esta distancia é bem reduzida, já oF-22 detecta o SU-35 BM e pode atacar o mesmo no limite do alcance do seu míssil que é atualmente de 105km desta forma podendo efetuar um ataque até a 100km normalmente contra o Flanker, mas não quer dizer que va acertar, desta forma talvez trazendo o combate par um aérea mais próxima aonde todos tenham a mesma… Read more »

Francisco AMX

Caro Marco: Vou colocar minha análise, resumida, sobre o Rafale e o SU-35BM. Sem preconceitos e “lendas”, somente baseados em artigos, matérias e testes de especialistas, forças militares e governamentais, além de constatações hipotéticas feitas por especialistas militares. 1 – Estes são vetores de categorias diferentes, um em serviço e evolutivo e outro um up-grade full de um conceituado vetor dos anos 80. 2 – Para serem analisados, mais precisamente, eles devem estar num contexto operacional da força. porém tua pergunta foi geral: qual o melhor, alltime, allespect, anywhere? Neste contexto considero o SU-35BM o mais versátil, podendo atender todo… Read more »

Marcelo Tadeu

O SU-35 é tão bom que nem os russos compraram ainda. Viva o Rafale o resto é “banheirão”!!!!

Zero Uno

Gostaria de saber onde está a matéria que diz que o F22 entrou em combate dissimilar com o Su30 e/ou Su35…

Alguém pode postar?

Abraços.

Zero Uno

Olhem essa matéria… EUA x Russia ——————————————————————————– Os militares americanos começam a admitir, que os caças russos são superiores aos americanos em todos os aspectos. Anteriormente uma revista especializada americana já havia publicado uma reportagem com a conclusão de uma simulação entre os F-15C e Su-30, com o resultado: Os Su-30 poderiam vencer os F-15 todo o tempo em qualquer condição. Agora com a entrevista do general norte-americano Hul Homburg, a publicação “USA Today” onde se relata os incríveis êxitos da Força Aérea da Índia registados contra os aviões americanos F-15C/D “Eagle”. Os indianos pilotavam os caças multifuncionais russos Su-30MK… Read more »

Zero Uno

Mais matérias… Sobre a extraordinária performance dos SU-30 indianos no Red Flag Publicado em 01/02/2009 por Clavis Prophetarum No exercício “Red Flag”, realizado recentemente nos EUA, os Sukhoi SU-30MKI da IAF não empreenderam combate 1v1 nem usaram o seu impulso vectorial em Nellis. Os combates 1v1 ocorreram apenas em Mountain Home AFB. Em nenhum dos dois encontros os SU-30 se revelaram vulneráveis ou foram abatidos. Em Mountain Home, os SU-30 demonstraram capacidade virar com impulso vectorial 20 graus por segundo, um valor impressionante e não muito distante dos 28 graus por segundo do F-22A, que não participou do “Red Flag“,… Read more »

Marco

Realmente fiquei convencido em definitivo, su-35 ganha nas horas. Estes ultimos três posts foram extremamente esclarecedores, obrigado a todos por me tirarem todas as duvidas. Um grande abraço para todos.

Baschera

Zero-Uno, A acrescentar em seu post, que no caso dos SU-30 Indianos não contavam com Data-Link operacional(para omitir dados) e seus radares operaram em modo degradado proposital, por motivo óbvio. O que não me agrada nos caças russos é, ainda, sua maneira quase artesanal de construção, onde, por exemplo, a carlinga de um não encaixa em outro, etc. Nos demais quesitos, há ganhos e perdas normais. Mas asseguro, a FAB não comprará nada mais russo até que os helis MI-35 tenham rodado algumas milhares de horas de vôo. Será uma espécie de teste de quipamento e assistência técnica e operacional.… Read more »

Reportagens especiais

Visita ao National Naval Aviation Museum – parte 2

Continuando a visita à parte externa do National Naval Aviation Museum em Pensacola-FL, pudemos fotografar várias aeronaves que marcaram...
- Advertisement -
- Advertisement -