Home Indústria Aeroespacial Enquanto isso, na linha de montagem da Boeing…

Enquanto isso, na linha de montagem da Boeing…

379
100

super-hornet-australiana-na-linha-montagem-foto-boeing-p-george

…os Super Hornets encomendados pela Austrália estão adiantados no cronograma

Na foto acima, os painéis exteriores do primeiro F/A-18F Super Hornet da Real Força Aérea Australiana (RAAF) são montados na seção anterior da fuselagem, na linha de montagem da Boeing em St. Louis. A fabricação da aeronave, que está adiantada em três meses em relação ao cronograma original, deverá ser finalizada para entrega em julho deste ano.  A Austrália encomendou 24 Super Hornets, e as entregas deverão se estender até 2011.

Fonte e foto (Peter George): Boeing

Nota do Blog: reparar numa coincidência curiosa, de conotação naval: a sigla no adesivo colado na fuselagem…

100
Deixe um comentário

avatar
100 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
24 Comment authors
Super Hornet australiano faz primeiro vooPauloViníciusZorannNunão Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Flamenguista
Visitante
Flamenguista

Opa… será que eles não querem trocar pelo nossos, esses sim, os “originais”?

Flamenguista
Visitante
Flamenguista

Opa… será que eles não querem trocar pelo nossos, esses sim, os “originais”?

Hornet
Visitante
Hornet

E sem falar que os nossos já estão montados…hehehe

Hornet
Visitante
Hornet

E sem falar que os nossos já estão montados…hehehe

Almeida
Visitante
Almeida

Impressionante a capacidade de produção dos ianques!

Quanto ao adesivo, é uma profecia macabra: quando este avião der baixa da RAAF, ele será comprado pela MB pra substituir os Skyhawks hehehe…

Almeida
Visitante
Almeida

Impressionante a capacidade de produção dos ianques!

Quanto ao adesivo, é uma profecia macabra: quando este avião der baixa da RAAF, ele será comprado pela MB pra substituir os Skyhawks hehehe…

Edmar
Visitante
Edmar

O Correto não seria a compra de 36 vetores e sim de 42 vetores, sendo 36 monoposto e 6 biposto.

12 monoposto para a base aérea em Canoas RS.
12 monoposto para a base aérea em Santa Cruz RJ.
12 monoposto para a base aérea em Anápolis GO.
6 biposto para a base aérea em Natal RN, para treinamento de pilotos.

São poucos aviões, mas pelo menos poderia ser assim.

Edmar
Visitante
Edmar

O Correto não seria a compra de 36 vetores e sim de 42 vetores, sendo 36 monoposto e 6 biposto.

12 monoposto para a base aérea em Canoas RS.
12 monoposto para a base aérea em Santa Cruz RJ.
12 monoposto para a base aérea em Anápolis GO.
6 biposto para a base aérea em Natal RN, para treinamento de pilotos.

São poucos aviões, mas pelo menos poderia ser assim.

Ronin
Visitante
Ronin

Putz Almeida, imagina? hahaha.. Credo!
A gente faz um MLU nos A4 e fica com eles mais uns 20-25 anos! Reforma o Opalão, fica mais uns 30-35 anos com ele e depois chegam os Super Hornet! Ou quem sabe alguns Rafales?

Ronin
Visitante
Ronin

Putz Almeida, imagina? hahaha.. Credo!
A gente faz um MLU nos A4 e fica com eles mais uns 20-25 anos! Reforma o Opalão, fica mais uns 30-35 anos com ele e depois chegam os Super Hornet! Ou quem sabe alguns Rafales?

Marcelo Brandão
Visitante
Marcelo Brandão

Acho que teremos o F5M em Canoas e FX em Anapolis e Sta Cruz… os F5M do ultimo lote a ser modernizado (Jordanianos que estão chegando)vão para o nordeste. Após a chegada do FX no Rio, poderiamos deslocar as celulas do F5M para Manaus… assim teriamos cobertura total do territorio brasileiro com aeronaves capazes de combate BVR. Agora dizem que poderiamos fazer como o Chile que comprou unidades usadas do F16 da Holanda e padronizou a frota… existe a possibilidade de via FMS a FAB adquirir celulas usadas do F/A-18 A/B, mas diante do nosso bom desempenho com os F5M,… Read more »

Marcelo Brandão
Visitante
Marcelo Brandão

Acho que teremos o F5M em Canoas e FX em Anapolis e Sta Cruz… os F5M do ultimo lote a ser modernizado (Jordanianos que estão chegando)vão para o nordeste. Após a chegada do FX no Rio, poderiamos deslocar as celulas do F5M para Manaus… assim teriamos cobertura total do territorio brasileiro com aeronaves capazes de combate BVR. Agora dizem que poderiamos fazer como o Chile que comprou unidades usadas do F16 da Holanda e padronizou a frota… existe a possibilidade de via FMS a FAB adquirir celulas usadas do F/A-18 A/B, mas diante do nosso bom desempenho com os F5M,… Read more »

Marcelo Brandão
Visitante
Marcelo Brandão

Parece que o “papo do KC-X” é sério… diante da dificuldade de manter os KC-137 em condições de voo. O KC-767 parece ter vantagem na briga, pois é uma aeronave de menor porte e mais economica na manutenção que os KC-30. Parece que a briga entre americanos e franceses vai além do FX.

Marcelo Brandão
Visitante
Marcelo Brandão

Parece que o “papo do KC-X” é sério… diante da dificuldade de manter os KC-137 em condições de voo. O KC-767 parece ter vantagem na briga, pois é uma aeronave de menor porte e mais economica na manutenção que os KC-30. Parece que a briga entre americanos e franceses vai além do FX.

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

O Engraçado é que a Austrália não fica por aí “mendigando” códigos-fonte e transferência de tecnologia. Por que será ? Eles não precisam ? Depois que falaram pro Jobim que ele não pode aceitar compras de prateleira, ele agora fica peitando todos os fornecedores de arma querendo abertura total da tecnologia em função da compra de apenas 36 aeronaves. Meio ridículo, não acham ? Mais ridículo ainda é acreditar que os caras obedecerão as oredens do Jobim por achar que o Brasil merece ser respeitado. Uma coisa não ficou clara para mim nessa aquisição australiana. Eles vão operar a versão… Read more »

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

O Engraçado é que a Austrália não fica por aí “mendigando” códigos-fonte e transferência de tecnologia. Por que será ? Eles não precisam ? Depois que falaram pro Jobim que ele não pode aceitar compras de prateleira, ele agora fica peitando todos os fornecedores de arma querendo abertura total da tecnologia em função da compra de apenas 36 aeronaves. Meio ridículo, não acham ? Mais ridículo ainda é acreditar que os caras obedecerão as oredens do Jobim por achar que o Brasil merece ser respeitado. Uma coisa não ficou clara para mim nessa aquisição australiana. Eles vão operar a versão… Read more »

Mabill
Visitante
Mabill

Que vença o melhor (Gripen ou Rafale), SH-18 NÃO !!!

Mabill
Visitante
Mabill

Que vença o melhor (Gripen ou Rafale), SH-18 NÃO !!!

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Tailhooker. Será que os Australianos são menos inteligentes do que nós? RE.: Não. Eles já possuiam um contrato de off-set e transferência de tecnologias quando compraram um lote de F18 A/B em 1985. Ao comprar o F18F (esta é a versão que vão operar), apenas fizeram complementar o Off-set. São aviões diferentes, sabemos disso. Más se a RAAF não quer os códigos fontes (uma “mendingância” como vc mesmo diz), o problema é deles não é mesmo? Se você acha que estamos errados em querer operar COM MAIS INDEPENDÊNCIA o FX2, exigir off-set’s e transferência de tecnologia para gerar mais emprego… Read more »

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Tailhooker. Será que os Australianos são menos inteligentes do que nós? RE.: Não. Eles já possuiam um contrato de off-set e transferência de tecnologias quando compraram um lote de F18 A/B em 1985. Ao comprar o F18F (esta é a versão que vão operar), apenas fizeram complementar o Off-set. São aviões diferentes, sabemos disso. Más se a RAAF não quer os códigos fontes (uma “mendingância” como vc mesmo diz), o problema é deles não é mesmo? Se você acha que estamos errados em querer operar COM MAIS INDEPENDÊNCIA o FX2, exigir off-set’s e transferência de tecnologia para gerar mais emprego… Read more »

Getulio - São Paulo
Visitante

Nós ainda não percebemos que no hemisfério sul, a maior potência militar não é o Brasil e, sim a Austrália.
Vejam que bela foto dos F-18 da Austrália, imaginem quando chegarem os super F-18 que estão no forno.
http://noticias.uol.com.br/album/09032008olho_album.jhtm?abrefoto=5

Getulio - São Paulo
Visitante

Nós ainda não percebemos que no hemisfério sul, a maior potência militar não é o Brasil e, sim a Austrália.
Vejam que bela foto dos F-18 da Austrália, imaginem quando chegarem os super F-18 que estão no forno.
http://noticias.uol.com.br/album/09032008olho_album.jhtm?abrefoto=5

VirtualXI
Visitante
VirtualXI

Podem ficar com todos eles, Austrália.
Por aqui quero ver mais é SU-35.

VirtualXI
Visitante
VirtualXI

Podem ficar com todos eles, Austrália.
Por aqui quero ver mais é SU-35.

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

01 Confesso que ando um pouco cansado de ler as discussões sobre assunto abertura de códigos fonte e transferência de tecnologia. Tenho experiências que me permite ter uma visão bem clara sobre esse assunto, mas não pretendo pregar e converter o pessoal do blog. Para ser sincero, como muito bem o amigo CETEANO abordou em outro post, se o contrato for bem escrito e negociado, o que não é o forte dos brasileiros, creio que poderíamos aproveitar bem alguns off-sets. Uma montagem sob licença é o mais tradicional deles, muito utilizado pelos países que consomem equipamentos militares americanos. Mas acredito… Read more »

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

01 Confesso que ando um pouco cansado de ler as discussões sobre assunto abertura de códigos fonte e transferência de tecnologia. Tenho experiências que me permite ter uma visão bem clara sobre esse assunto, mas não pretendo pregar e converter o pessoal do blog. Para ser sincero, como muito bem o amigo CETEANO abordou em outro post, se o contrato for bem escrito e negociado, o que não é o forte dos brasileiros, creio que poderíamos aproveitar bem alguns off-sets. Uma montagem sob licença é o mais tradicional deles, muito utilizado pelos países que consomem equipamentos militares americanos. Mas acredito… Read more »

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Desconsiderem , por favor os erros de grafia, pontuação e acentuação da mensagem acima. Ela foi escrita a toque de caixa e não sofreu revisão !!

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Desconsiderem , por favor os erros de grafia, pontuação e acentuação da mensagem acima. Ela foi escrita a toque de caixa e não sofreu revisão !!

bandeira
Visitante

Descupe VIrtualX, mas parece que você não gosta de nada que voe.Se não tem nada para acrescentar, va dormir

bandeira
Visitante

Descupe VIrtualX, mas parece que você não gosta de nada que voe.Se não tem nada para acrescentar, va dormir

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Tailhooker. Entendo o que você diz. Más sejamos sinceros: Os EUA várias vezes se viraram contra seus próprios aliados pelo mundo afora. E você pode ter CERTEZA ABSOLUTA (vide o IRAQUE), que se uma nação for contra os seus interesses, os EUA não exitariam em invadi-la (até mesmo criando um pretexto), nem que a ONU baixasse uma resolução contra! Isso é fato. Não queremos e nem devemos nos alinhar com ninguém. Isso também tem sido levado à êxito pela nossa diplomacia. Afinal, você deve se lembrar que em 1976, se não me engano, queríamos comprar um lote a mais de… Read more »

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Tailhooker. Entendo o que você diz. Más sejamos sinceros: Os EUA várias vezes se viraram contra seus próprios aliados pelo mundo afora. E você pode ter CERTEZA ABSOLUTA (vide o IRAQUE), que se uma nação for contra os seus interesses, os EUA não exitariam em invadi-la (até mesmo criando um pretexto), nem que a ONU baixasse uma resolução contra! Isso é fato. Não queremos e nem devemos nos alinhar com ninguém. Isso também tem sido levado à êxito pela nossa diplomacia. Afinal, você deve se lembrar que em 1976, se não me engano, queríamos comprar um lote a mais de… Read more »

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Bandeira…

Pega leve brother. Cada um tem a sua opinião. Na boa ok?

Abração.

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Bandeira…

Pega leve brother. Cada um tem a sua opinião. Na boa ok?

Abração.

Francisco AMX
Visitante
Francisco AMX

“Engraçado”, a Austrália começa a receber os SH este ano, e nós, se escolhermos o “bicho” começaremos a receber em 2015, 6 anos depois?? eles estão recebendo os primeiros em 2009 contratando 2 anos atrás, o Brasil fala em contratar em 2009 para receber 6 anos depois??? é isso?? se for… que piada!

Abraços

Francisco AMX
Visitante
Francisco AMX

“Engraçado”, a Austrália começa a receber os SH este ano, e nós, se escolhermos o “bicho” começaremos a receber em 2015, 6 anos depois?? eles estão recebendo os primeiros em 2009 contratando 2 anos atrás, o Brasil fala em contratar em 2009 para receber 6 anos depois??? é isso?? se for… que piada!

Abraços

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Francisco AMX.

Se não me engano, Canadá e Suiça estão na frente. Se não me engano…

Abraços.

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Francisco AMX.

Se não me engano, Canadá e Suiça estão na frente. Se não me engano…

Abraços.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

O f-18 já está muito uktrapassado, o Rafale é muito mais poderoso, a revista força aérea deste mês tem uma reportagem sobre os Rafales, o único dos três que tem o radar passivo (PESA), com alcance de 100km, além do radar ativo AESA que já está em testes, sistema RWR, OSF (sistema Optônico do setor frontal), totalmente passivo e incapaz de ser detectado, com capacidade de engajar alvos aéreos e terrestres, o sistema OSF conta com o IRST e câmeras CCD, e na versão oferecida ao Brasil será capaz de engajar navios. NOs sistemas de defesa o rafale tem o… Read more »

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

O f-18 já está muito uktrapassado, o Rafale é muito mais poderoso, a revista força aérea deste mês tem uma reportagem sobre os Rafales, o único dos três que tem o radar passivo (PESA), com alcance de 100km, além do radar ativo AESA que já está em testes, sistema RWR, OSF (sistema Optônico do setor frontal), totalmente passivo e incapaz de ser detectado, com capacidade de engajar alvos aéreos e terrestres, o sistema OSF conta com o IRST e câmeras CCD, e na versão oferecida ao Brasil será capaz de engajar navios. NOs sistemas de defesa o rafale tem o… Read more »

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

esqeci de dizer que o sistame spectra possui 4 sistemas de flare/chaff e é capaz de lançá-los para proteger o caça.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

esqeci de dizer que o sistame spectra possui 4 sistemas de flare/chaff e é capaz de lançá-los para proteger o caça.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

exocet é míssil anti-navio.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

exocet é míssil anti-navio.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

esqueci de dizer que os rafales forame testados em combate e ainda estão lá no Afegenistão.

Marlos Barcelos
Visitante
Marlos Barcelos

esqueci de dizer que os rafales forame testados em combate e ainda estão lá no Afegenistão.

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Marlos Barcelos

Em que combate os Rafales foram testados ? Contra o atual Taliban ??? Pelo que sei, não lançaram sequer uma bomba de exercício com fumígeno por lá. Isso é ser provando em combate ? Sendo assim, vou sugerir à FAB que desloque os seus F-5BR para voar algumas sortidas ou dar serviço de alerta a partir de Kabul ou Kandahar e poderíamos dizer que nossos bicudos foram provados em combate.

Como funciona essa fusão de dados ? Poderia ampliar ?
O corte e cola da revista foi bom, hein

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Marlos Barcelos

Em que combate os Rafales foram testados ? Contra o atual Taliban ??? Pelo que sei, não lançaram sequer uma bomba de exercício com fumígeno por lá. Isso é ser provando em combate ? Sendo assim, vou sugerir à FAB que desloque os seus F-5BR para voar algumas sortidas ou dar serviço de alerta a partir de Kabul ou Kandahar e poderíamos dizer que nossos bicudos foram provados em combate.

Como funciona essa fusão de dados ? Poderia ampliar ?
O corte e cola da revista foi bom, hein

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Francisco AMX, O envolvimento da U.S Navy no contrato possibilitou que algumas unidades que seriam destinadas para a fleet fossem remanejadas e passadas para os australianos. A data de aposentadoria do F-111 na RAAF foi determinante, pois a RAAF precisava já de um vetor que o substituisse em 2011. Quanto optaram pelo Rhino como soução tampão, já previam que o JSF não ficaria pronto a tempo para substituir o F-111. A Boeing sugeriu e a U.S Navy aceitou para não perderem o contrato. Zero Uno, Canadá e Suiça não encomendaram o Super Hornet. O único cliente externo até agora foi… Read more »

Tailhooker
Visitante
Tailhooker

Francisco AMX, O envolvimento da U.S Navy no contrato possibilitou que algumas unidades que seriam destinadas para a fleet fossem remanejadas e passadas para os australianos. A data de aposentadoria do F-111 na RAAF foi determinante, pois a RAAF precisava já de um vetor que o substituisse em 2011. Quanto optaram pelo Rhino como soução tampão, já previam que o JSF não ficaria pronto a tempo para substituir o F-111. A Boeing sugeriu e a U.S Navy aceitou para não perderem o contrato. Zero Uno, Canadá e Suiça não encomendaram o Super Hornet. O único cliente externo até agora foi… Read more »