sábado, maio 15, 2021

Gripen para o Brasil

Ele ficou de fora do F-X2 desde o início, mas ainda é um caça que impõe respeito

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

mig-35a

O MiG-35, evolução do MiG-29, participa do F-X da Índia. O caça tem boas chances, já que a Marinha indiana está recebendo o MiG-29K. Comparar a capacidade de mísseis com o nosso F-5M

mig-35b

- Advertisement -

112 Comments

Subscribe
Notify of
guest
112 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Zero Uno

A Índia certamente vai de MiG35. É um bom caça sim, naval ou não. O problema foi a fama que ele ganhou pelo mundo a fora quando foi abatido na guerra do Iraque com facilidade. Seus sistemas não eram os mesmos usados pelos Russos. Até mesmo o Mirage F1 eram superiores em aviônicos e sistemas aos MiGs de Saddam. Os americanos sabiam do potencial de todos os caças da Força Aérea Iraquiana. Até mesmo os Russos entregaram para os americanos as capacidades de seus aviões vendidos para este país. Franceses, idem. Afinal, pertencem à OTAN, têm obrigações. Já o MiG35… Read more »

Erich Hartmann

Esse mig35 penso que não deve ser menosprezado,pois o seu antepassado o mig-29 equipado com os aviônicos Russos quando confrontados em Red Flag Alemães contra Norte-Americanos no início dos anos 90 deram um “Banho” nos caças norte-americamos (há vários artigos na internet sobre episódios sobre foi algo como 30/40:1 similar no caso recente com o SU-30 Indianos…) mesmos os valorosos F15C/E.

CDF

Olá para todos, esse Mig-35 tem mesmo muitos aperfeiçoamentos. Na minha opinião ele está para as primeiras versões do Mig-29 assim como o Super Hornet está para as primeiras versões do F-18. Se for escolhido pelos indianos, deverá ser o primeiro caça russo de produção equipado com radar AESA e seu raio de ação foi bastante aumentado, segundo informações, ficando comparável ao Su-27! Um abraço.

Tikuna

Erich Hartmann,

Cuidado com o que você lê, nem tudo é como parece escrito na net. A estória dos Su-30 é cheia de pequenos detalhes que a maioria não presta atenção.

Abraços

Tiago Jeronimo

É um belo caça, mas nessa configuração com 8 misseis, ele decola e já tem que fazer a aproximação para pousar porque o combustivel já era.

Manfred Von Richthofen

Tiago, não se preocupe, o MiG-35 tem sonda pra REVO. Nossos F-5 também têm um alcance ridículo e estão aí até hoje.

Virtualxi

Querer comparar uma máquina de guerra como o Mig 35 com uma sucata voadora da FAB aí é dose…

Aluisio

Zero Uno,acho que você se confundiu,França e Rússia são membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU,não da OTAN (a França já foi,mas se retirou em 1966).

Zero Uno

Aluisio.

Eu disse que somente a França é membro da OTAN. Talvez tenha conjugado o verbo erradamente quando dissem pertencem. Pertencem serve para EUA e França ok? Me desculpe.

Abraços.

Zero Uno

Virtualxi.

A sucata voadora em questão – o F5M – deu provas de seu bom desempenho em todas as operações em que participou. Até mesmo na Red Flag.

Abraços.

JMRC

Ele é muito lindo !!! (Beleza não ganha Guerra !?!?!?)

Francisco AMX

Erich Hartmann, este caso (Mig-29 vs F-16) foi em relaçao a dog-fight e combate aproximado, e teve 2 razões principais, a primeira de maior relevância foram os mísseis IR mais avançados russos aos AIM9-L, além do mais o mig 29 contava com capacete HMD+ IRST, e a facilidade que o mig-29 tem em direcionar o “nariz” do caça fazia com que o inimigo perdesse terreno no campo de manobras “ousadas” e , com isso, tendo que ficar “ligado” na capacidade “estra’ da pontaria dos canhões do mig-29, vou colar um texto do site campo de batalha: “De cara, o caça… Read more »

Leandro Furlan

Não há como comparar a capacidade de mísseis do MiG-35 com o F-5M… Em primeiro lugar, são aeronaves de classes diferentes. Seria como comparar a capacidade de carga do Su-35 com a do F-16..

Zero Uno

MiG35 OVT – Possuem empuxo vetorados. É o único que possui esse sistema na concorrência indiana.

madvad

esse novo vetor baseado no 29 é simplesmente fantástico…é uma máquina de guerra formidável!

RJ

Para quem não acredita no Gripen NG, basta comparar o Mig-29 com o Mig-35.

É possível, sim, tranformar um caça de defesa de ponto em um caça de defesa de área.

Walderson

Galera,

outro sistema muito elogiado nele é o radar. Dizem que tem um alcance excepcional.

Caro amigo Francisco AMX,

calma não vim discordar, muito pelo contrário, concordo plenamente contigo. Parabéns pela lembrança. Um abraço.

Francisco AMX

errata: Extra! fica melhor

Francisco AMX

Ah Walderson! tinha que vir para discordar! uhauhauhsu

“se ay cobierno, soy contra!” 🙂 – bricaderinha

Francisco

Edilson

para um país como a índia que opta pelo Hi Lo, o mig-35 será o complemento do Su-30 MKI, no entanto é importante que eles sanem os problemas que tiveram com a manutenção e que possam fazer tudo no solo indiano.
agora francamente, respeito muito o Mig-35, mas creio que não seria a melhor hipotese para o Brasil.
penso o mesmo do F18 e não se trata de duvidar das suas capacidades

Henrique Sousa

A famosa “Pulga das Estepes”.

Marlos Barcelos

O F-5 É UM BOM CAÇA, POSSUI BAIXISSIMO RCS,E É DIFÍCIL DE SER ABATIDO NO DOGFIGHT, UMA VEZ VI UM COMENTÁRIO DE UM PILOTO DE F-15 DIZENDO QUE ELE DISPARA MÍSSEIS CONTRA OS F-5 SEM TRAVAR, PORQUE NÃO CONSEGUE ENQUADRÁ-LOS PORQUE É MUITO PEQUENO E RÁPIDO, SEM CONTAR QUE ELE É MUITO ÁGIL, EM UM DOS REDS FLAGS PILOTOS CHILENOS VENCERAM 10/1 OS AMERICANOS USANDO F-5 III, O PEQUENO TAMANHO DEFICULTA BASTANTE O TRAVAMENTO CONTRA OS F-5, POR ISSO VENCERAM A MAIORIA DOS COMBATES NO RED FLAG E NOS TREINAMENTOS EM NATAL E FORTALEZA ESTE ANO, LÁ TINHAM MIRAGE 2000… Read more »

Storm

Caro Virtualxi, todos sabemos que as células do F-5E, agora denominado F5EM depois da modernização já tem decadas de uso na FAB, mas chamar de sucata voadora um vetor que trouxe a FAB para o século 21 é muito exagero !!! São poucos os paises nomundo que dominam a arena BVR e o Brasil é um deles graças ao F5EM e os R99, Sabemos também que os caças F-5 da FAB são completamente revisados no PAMA em São Paulo, a revisão obrigatória para o F-5 B/E Tiger é a cada 1.200 horas de voo. Quanto a comparar a capacidade bélica… Read more »

Marlos Barcelos

IMAGINE NOSSOS F-5 COM RADAR AESA, IRST, E MÍSSEIS DE LONGO ALCANCE COMO O AIM-120, SERIA UM FANTÁSTICO AVERSÁRIO.

Aluisio

Só uma coisa: botar AESA,IRST,AIM-120 no F-5?! Só eu achei no mínimo estranho? É mais fácil comprar um avião moderno com essas capacidades do que instalar num vetor de 40 anos…

Wladimir

Fantástica máquina mesmo. Li que o Mig-35 OVT é o mais manobrável da atualidade.

Erich Hartmann

#
Tikuna em 28 jan, 2009 às 11:37

Erich Hartmann,

Cuidado com o que você lê, nem tudo é como parece escrito na net. A estória dos Su-30 é cheia de pequenos detalhes que a maioria não presta atenção.

Abraços

Tikuna agradeço pelas observações ,mas você poderia nos informar mais meandros desse red flag,pois há um artigo inclusive postado pelo nosso amigo Zero Uno (que por sinal tem nos brindado com excelente informações e contribuições) que demonstraram grande exito desse vetor.

dumont

Eu acho q as veses o pessoal é pura emoção, legal, mas um pouco de razão vai bem tb. O q o Brasil conseguiu modernizando seus F5 é louvavel, ganho tecnologico, economia de recursos por multiplas vias, etc… Agora, querer que este seja considerado um vetor adequado de superioridade aérea, ai é dificil. O F5 é um vetor de 3a geração, foi um vetor de 2a linha no seus bons tempos. Tem defeitos que não tem jeito, alcance, carga (no de misseis), potencia, só pra começar. Acho que ganhamos muito modernizando os nossos, afinal se houver um conflito teriamos o… Read more »

Erich Hartmann

Bem lembrado Francisco AMX,mas só desejo reiterar que foram de fato red flags contra F15 também veja : “MiG-29 in German service MiG-29 in German black-red-gold colors The German Democratic Republic bought 24 MiG-29s (20 MiG-29As, four MiG-29UBs), which entered service in 1988–1989. After the fall of the Berlin Wall in November 1989 and reunification of Germany in October 1990, the MiG-29s and other planes of the Luftstreitkräfte der NVA were integrated into the Luftwaffe. After upgrades by DaimlerChrysler Aerospace (now EADS) for NATO compatibility, they were designated MiG-29G and MiG-29GT. In March 1991, one of the MiG-29s in German… Read more »

Erich Hartmann

Infelizmente de acordo com o post acima ainda não achei informações link sobre red flags contra F15 só a declaração da tal Federation American Scientists.

Ricardo

Aluisio imagine se tudo isso fosse no F20?

Francisco M. Xavier

Erich, que eu me lembre, o artigo, ao qual havia relato de pilotos americanos e alemães é de que se tratava de combate aproximado entre Mig-29 e F-16B25, ainda versão A…. mas posso estar com problema no HD…:)

Abraço
Francisco

Francisco M. Xavier

Marlos Barcelos, vc precisa parar de acreditar em Papai Noel, Coelho da Páscoa, no Lula e nas capacidades extra-super-hiper-max do F5M! 🙂 Já viu que o F-5M é pouco menor que um F-16/M2000???? Como o F-15 dispara mísseis sem travar???? mísseis IR, RA, GR???? Se for IR, num dog-fight, então o F-5 não emite calor, ele deve estar planando, não, suspenso no ar, pois se estiver voando vai gerar calor! e um AIM9-M busca um cigarro aceso em 30/40mts não vai travar um F-5 a 500mts???? por favor amigo! E se for RA, em combate a media distancia, (um AMRAM… Read more »

Almeida

Alguem desliga a tecla CAPS LOCK do Marlos por favor! Ou entao apaguem os comentarios dele, por falta de educaçao online.

Wolfpack

Aumentem a autonomia e coloque eletrônica israelense (jammers, datalink,etc) e um bom radar, e não precisa de mais nada. Pena que os Russos não cumprem contratos.

fabio

eu gostaria de saber por que meu comentario nao foi publicado

Marlos Barcelos

Francisco M. Xavier Nunca disse que o f-5 não emite calor, emite igual a qualquer caça, pode ser destruído por um mica ir a 60km de distância, já que este tipo de míssil não precisa ser travado nem de radar para disparar e destruir. vamos as dimensões de cada um: f-15 19,43 metros de comprimento Altura (5.69 meters). largura 13,06m f-5 comprimento 14,68 largura 8,13m altura 4,06m 5 etros de comprimento menor, 5 metros de largura menor, 1,5 metros de altura menor, acha pouco? calcule isso e vc verá a real diferença de tamanho. quanto a não enquadramento do caça,… Read more »

Marlos Barcelos

foi assim que os chilenos derrotaram os poderosos f-14 e f-15 no Red Flag, vencendo 62 combates e tendo 6 perdas,ou seja, ganhou 90% dos combates aéreos.

Erich Hartmann

Eu já li coisa similar acerca dos F-5(os “migs” do Filme Top Gun oops desculpe a nostalgia!)nos combates aproximados,alta manobrabilidade,baixa assinatura no radar (RCS) e IR e se for mesmo o perfil ideal para os combatentes/pilotos nacionais certamente o Gripen NG seria a escolha ideal por possuir características semelhantes não?

Francisco AMX

Marlos, não é a toa que a galera pega no teu pé! Leia antes para depois replicar amigo!!!! Falei que o F-5 é pouco menor que um f-16 ou M2000!!!! entendeu!? quem falou em F-15?!?!?!? aliás foi só vc que citou o F-15 comparando com o F-5, dizendo que o tal chileno detonou o F-15…. Sabe quando começou, de fato combates BVR de alta performance???? na primeira guerra do golfo! o F-15 já era operacional nos anos 70 e usava o sparrow, aquela bosta de míssel, o F-5 era um caça da década de 60 e operava somente mísseis IR… Read more »

Thiago Sala

Lindo caça mas com essa configuração ele não vai de São Paulo até Pirapora sem precisar de um Revo.

Bosco

Mais essa pra minha coleção. Os Mig 29 dos alemães e os F-5 do Brasil deram um pau nos F-15. Eu chego a ter pena do povo americano. Sem dúvida devem ser os mais burros do planeta. Uma nação de fracotes. Seus porta-aviões vivem sendo afundados nos exercícios. E os aviões então? Verdadeiras porcarias. Todos vão lá e dão o maior pau nos gringos. Eu não tenho a mínima idéia do por que estamos querendo melhorar alguma coisa aqui nas forças armadas brasileiras se temos todo o equipamento necessário para dar um banho na maior potência do planeta. Maior potência… Read more »

Dalton

Este blog deveria chamar-se Poder Hilário e nao aereo…rs

abraços

Francisco AMX

Bosco, concordo contigo que ao ler alguns posts aqui, realmente se tem esta impressão, mas tem algumas coisas com fundamento também, não dá para generalizar, o caso dos Mig-29 em exercícios, se não me engano em 90 ou 91, é super conhecido e confirmado no meio, mas certamente tem embasamento, diferente dos casos do F5M do F5III, do AMX que são coisas sem explicação plausível, coisas totalmente atípicas ao compararmos aeronaves e seus sistemas, mas voltando aos Mig alemães, vejamos: 1 – O Mig 29 é um avião com desempenho similar ao F-16 em termos gerais, e inferior ao F-15… Read more »

Francisco AMX

Mauro, vc colocou fotos do Typhoon, SH e Gripen, me diga agora no que um caça com TVC, HMD, IRST, Radar AESA, R-73 e R-77 autonomia similar aos da foto, possa perder para o SH ou Gripen???
O Typhoon é outro papo, mas, principalmente no caso do SH, acho muito improvável que o Ágil (na vedade o avião mais ágil da atualidade), com maior razão de subida, com maior rolagem, envelope de combate mais “rico”, venha perder em alguma coisa para o SH!

Abraço
Francisco

welington

Para alguns só os equipamentos Americanos e Europeus é que prestam para estes os equipamentos Russos não podem de maneira alguma ser superior a algum equipamento Américo europeu, o que não ocorre, mas mesmo demonstrando as capacidades os mesmos continuam cegamente acreditando que só porque é americano é superior, isto é que é preconceito. Só uma ressalva no caso do F-18 SH e do MIG-35, não consigo enxergar como um caça mais manobrável, mais rápido, com alcance similar, capacidade de transporte de armas similares, RCS similar, um radar AESA(Lembrando que todos radar AESA funciona por ecaneio eletrônico ativo em qualquer… Read more »

welington

Ressalva esqueci-me de complementar que o Radar do MIG-35 Phazotron Zhuk-AE/FGA35 tem um alcance de 200km contra 180km do Raytheon AN/ APG-79.

Leonardo

É o equipamento russo é tão ruim que os americanos gastam bilhões de dólares para desenvolverem aeronaves stealth e com isso evitar um combate direto, pois como o colega Welington citou, não há nenhuma superioridade em armamentos BVR e de Curto alcance americanos frente aos russos, pelo contrário o russos tem mísseis com envelope de engajamento superiores aos seus similares ocidentais, quanto ao radar somente o F22 deve tem alguma vantagem, mesmo assim pouco se sabe sobre este, estão falando do alcance do Mig 35, mas ninguém está se lembrando a pouco tempo os dois F22 que interceptaram TU-95 Bear… Read more »

Francisco AMX

Momento “paixão” acrobática!:)

Amigos, se por uma razão, os mísseis não funcionarem ou não forem efetivos, e o negócio ter que ser resolvido a moda antiga, na “bala”, coitado do piloto que tiver que enfrentar um Mig-35 (conhecido no youtube pelo “codinome” – demonstrador – mig-29 OVT) neste ponto, e depois de engajados em combate, um-contra-um, ou 2-contra-2, nem mesmo o F-22 ou SU-35BM poderão se garantir! o que este médio (tamanho) caça faz no ar é brincadeira!

Abraços
Francisco

Dalton

Mauro !

Muito ponderado o que vc escreveu, só nao entendi vc ter escrito sobre o mig 15 ter dado um show na Coreia.
Acho que tivemos informaçoes diferentes, pois o que sei é que os avioes em si, nao tinham tanta diferença assim e o que contou mesmo foi a maior experiencia dos pilotos da USAF.
Um numero muito maior de migs foram derrubados , entao que show foi este ?

abraços

Reportagens especiais

Poder Aéreo visita o ‘The National WWII Museum’ em New Orleans

Nova Orleans, cidade no estado americano de Lousiana, foi o lar do historiador e autor Stephen Ambrose, que escreveu...
- Advertisement -
- Advertisement -