domingo, abril 11, 2021

Gripen para o Brasil

Mais fotos dos Raptors no Alasca

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

As imagens mostram os caças stealth F-22 Raptor, da Ala (3rd Wing), da 11ª Força Aérea da USAF, que operam a partir da Base Aérea de Elmendorf, no Alasca. Na primeira, o F-22 aparece com tanques subalares, interceptando um avião de patrulha marítima russo Tu-95 Bear.

- Advertisement -

74 Comments

Subscribe
Notify of
guest
74 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
J Mitchel

Pelo visto, esta belezinha com tanques deve ter um RCS apreciável.
At
Joaca

LeoPaiva

Muito boas as fotos, nunca tinha visto um F22 com tanques auxiliares de combustível, sei que podem ser alijados imediatamente em caso de necessidade, mas, devem fazer o avião perder temporariamente a sua principal característica que é a furtividade. Para seguir os Ursos só mesmo com tanques extras.

Corsario-DF

Excelente foto!!! Concordo com vocês, nunca tinha visto os F-22 com tanques subalares, que pelo jeito devem ser visto até de Vladvostok… rsrsrsrs. Mas para acompanhar o velho Urso só assim mesmo.

Sds.

André de POA

Outro dia vi um especial sobre o bear (deve ter no youtube,sei lá) e rapaziada o avião é muuuuuuuito tosco! Ok, desempenho, alcance,bla bla.. Mas quando mostra a tripulação e os eqptos de bordo salve-se quem puder. O radar deve ser da década de 60, os headset daqueles antigos e com fiação com fita isolante(??), paineis só com ponteirinhos.. Para mim esses velhos ursos é só propaganda mesmo..

hms tireless

O Urso velho tem o maior RCS dos aviões de combate por causa das hélices contra-rotativas..podem ser detectados assim que levantam vôo..

Henrique Sousa

Bom, se a Sukhoi consegue tornar um monstro com o Su-35 uma aeronave semi-stelath por meio de materiais compostos, pintura e mais não sei o que como alguns dizem. Acho razoável supor que os norte-americanos, após gastar bilhões de dólares num avião stealh, não iriam colocar nele um tanque “luminoso”.

Muito bonitas as fotos, belo caça.

Henrique Sousa

putz, fui escrever rápido e errei os dois stealth acima…..:P

Brigadeiro... de chocolate

A décadas é a mesma coisa:
http://br.youtube.com/watch?v=NMb9OmXDj4g

Só muda os pilotos e os interceptadores.

LeoPaiva

O TU95 da foto, pelos canhões na cauda, deve ser da versão MS, nem sei se existem mais as versões anteriores. Realmente devem ser uma árvore de natal nos radares, dizem que seus motores são tão ruidosos que até submarinos podem detectá-los pelo barulho. Deve ter sido constrangedor ver esse monstro sobre os PAs americanos como aconteceu recentemente.

Douglas

Os tanques externos aumentam sobremaneira o alcance. Em missoes longas podem usar o combustivel nos primeiros 2/3 da ida, entrarem atacarem e e sairem supersonicos, depois um KC alimenta os bichinhos enquanto outro esquadrão faz a cobertura do REVO.

Madvad

Todos os vôos de interceptação em que o F-22 vem realizando, é utilizado os tanques subalares, justamente para ele se tornar visível aos radares dos Bears.

Isso evita que os russos verifiquem parâmetros de sua furtividade e criem contra medidas.

É notório o fato que depois que a Base de Elmendorf começou a usar Raptors, os Bears se tornaram muito mais “assanhados”, constantemente acionando os alertas para que os caças o interceptem.

Então, eles utilizam os tanques para evitar que os russos chequem parâmtros e outras coisas..

Raphael

Estes Bears devem estar recheados de sistemas para espionar tudo que se pode sobre os Raptors…

André de POA

Caro Raphael acho que os Ivanovich devem ter no máximo uma camera xereta para tirar foto da janelinha.

Corsario-DF

Madvad, concordo com sua opnião, em questões de “espionagem” tudo é possível.

Sds.

Hornet

André de POA em 13 nov, 2008 às 12:39

apesar de eu não concordar muito, mas a blague foi ótima e no tempo certo…hehehe

abraços

kaleu

Henrique Sousa em 13 nov, 2008 às 11:26

Amigo, como é bom “ouvir uma voz” sóbria, ponderada e inteligente sobre o aclamado SU!

Parabéns pelo comentário, abraço
Kaleu

LeoPaiva

André de POA,

Embora, como o Honet, eu também não concorde, mas a da câmera xereta na janelinha foi boa, essa câmera deve ser mais antiga ainda que o TU95.

Mauricio R.

A molecada no convoo do CVN sobrvoado pelos “Bear” deve ter pensado que haviam voltado no tempo, qndo o avistaram.

Wolfpack

Legal a qualidade das fotos…

Cinquini

Nossa, esse F-22 deveria estar mais iluminado que árvore de natal nos radares russos!

paulo costa

Existem relatos ,e filmes de cabeçeiras de aeroportos,em
que a quantidade de objetos que despreendem dos aviões
mais antigos,nos pousos e decolagens ,variando de pequenos
a carenagens de turbinas.
Imaginem um TU bear destes,que voam desde 1956,fizer uma
passagem em cima de um Nae e soltar uma peça?
Pode causar um incidente internacional.

Tiago Jeronimo

Muito bem lembrado pelos colegas aqui do blog, os tanques subalares não são por questão de autonomia e sim para os Russos não conseguirem paramentros sobre o real RCS do Raptor.

Bosco

Em situações onde não é necessário (ou não mais) a furtividade os cabides subalares podem ser usados para armas e tanques.

Nelson Lima

Um deles devia ser pilotado pela Sarah Pallin.Guerra na certa!

LeoPaiva

O argumento do MadVad é muito bom, procede pela lógica, faz sentido. Embora seja muito irônico os EUA gastarem bilhões para projetar e construir um avião furtivo, e depois terem que “disfarçar” ele com visibilidade.

Sds.

André de POA

A série dos TU surgiu para fazer frente aos convair B-36 o “pacificador” (alguem lembra?) que até tinha um estilo meio “soviético” como podem ver no link abaixo:
http://www.strategic-air-command.com/aircraft/b-36/b36-images/b36-home.gif
.
Para lembrar os tempos da guerra fria segue duas fotos tiradas em pleno voo, deem uma sacada na cara dos comunas!
http://img247.imageshack.us/img247/4974/tu95tail1os7.jpg
http://img205.imageshack.us/img205/7159/tu95tail2uf1.jpg
.
.
Para encerrar minha colaboração o Paulo Costa comentou sobre o TU95 derrubar algum pedaço sobre um Nae então segue uma foto do mesmo sobre o kitty Hawk, que perigo!!
.
http://img185.imageshack.us/img185/6673/tu95kittyhawkyt8.jpg
Abraço a todos.

Madvad

Não é bem assim…estes aviões, em suas versões atuais, são dotados de grande tecnologia em sensores e armamentos. Eles só não foram substituídos ainda nas funções em que ocupam, simplesmente pq a realizam com muita eficácia, não sendo necessária ainda sua substituição. Isso ocorreria se eles não dessem mais conta, o que não ocorre. Não se esqueçam que ele com 4 TURBO-HÉLICES, é tão rápido quando um B-52, que tem 8 turbinas a jato. Isso já mostra o quanto ele estava a frente quando foi lançado.Os B-52´s ainda são utilizados e ninguém fala que são velharias. Substituí-lo não seria problema… Read more »

welington

Madvad, voçe está certo, otima colocação parabens.

Vassily Zaitsev

Madvad,

TU-22 e Tu-160 não tem concorrentes???????????????????????

blá blá blá!!!!!!! o que me diz do B-2 Spirit?

Um TU-22 foi derrubado na Geórgia, e pior de tudo, por um S-200.

Vassily Zaitsev

Sou fã dos Su-30/35, mas a última foto tem aeronaves com poder suficiente para derrotar TODOS os 24 SU-30 do Chapolin Colorado.

LeoPaiva

Tem toda razão nobre Mauro, se formos comparar, os nossos F-5M são bem mais antigos. O problema é o projeto que data da década de 50, isso dá a impressão de velhice aos Ursos, mas a construção das unidades existentes é realmente recente como falou. Só por curiosidade o projeto do T-95 foi bastante inspirado no B-29 americano capturado/apreendido pelos russos durante a guerra. ( o velho CTRL-C e CTRL-V ).

Saudações.

André de POA

Saudações caro MADVAD, não sou piloto mas de eletrônica e aviônica eu entendo (até os anos 90 quando larguei as bancadas) e sei que aparencia não quer dizer eficiência e que uma valvula pode ter muito mais valor que qualquer semicondutor da moda. Dei uma furungada no “gógli” e consegui encontrar os cockpits do TU95 e do Blackjak, mesmo que os ursos sejam da decada de oitenta (saudades daqueles anos) acho que estão bem “raladinhos”, de qualquer modo foram as melhores fotos que obtive, caso o colega obtenha imagens demonstrando alta tecnologia nos ursos então vale a foto do amigo.… Read more »

Madvad

Vassily, aviões derrubados são consequência de inúmeros fatores…,tá um TU-22 foi derrubado por um SAM…e?

Na Guerra do golfo, quantos Tornados foram abatidos? vários, e até por ManPad´s como Stinger.

E ninguém duvida que um Tornado seja um puta avião, capaz de executar suas missões com eficiência.

centenas de Spitfires foram abatidos na WW2..e daí? Tem que ser analisados em que circunstância ocorreu o abate. Se os Ivans estivessem “dormindo no ponto”, iam ser derrubados mesmos.

Até um F-117 já foi derrubado sobre a Sérvia, por um SAM da década de 60…e o que vc me diz?

Madvad

Com relação aos concorrentes , o B-2 se enquadra em outra categoria…na verdade, é o único competidor na categoria em que core. Agora, o Tu-22M é bem superior ao Rockwell B-1B , em alcance, carga bélica,desempenho, isso é inegável. O Tu-160..bem, o Tu-160 é simplesmente uma das mais perfeitas máquinas voadora já criadas pelo homem. André, eu realmente nunca vi uma foto de cockpit de Tu-95 que não fosse quase totalmente analógica. porém ,os B-52 tbem são assim, e são bem eficientes. Creio que a aviônica destes planes sejam eficientes, porém não estão no estado da arte quanto a porrada… Read more »

robson

os tanques externos só seraõ usados com a certeza de que a superioiridade aerea naõ ser mais um fator preocupante !

francisco alves pereira

belas fotos, e durante muitos meses deverão ser as melhores, até o pak fa se mostrar em termos de igualdade, meus parabéns ao fotografo.

DAGGER

BELA FOTO,

LI SOBRE UM RELATO DE UM PILOTO AMERICANO QUE FOI ABATIDO NA 1² GUERRA DO IRAQUE ELE DIZIA QUE ESTEVE EM ISRAEL E QUE CHEGOU A PERSEGUIR UM SU-27 PROVAVELMENTE VINDO DA LIBIA COM DIREÇÃO AO IRÃ, NA EPOCA ELE PILOTAVA UM F-15 DISSE QUE FICOU ASSUSTADO COM A CAPACIDADE DE FUGA DO S-27… ALGUEM LEU OU SABE A RESPEITO?

J Mitchel

Pelo visto, esta belezinha com tanques deve ter um RCS apreciável.
At
Joaca

LeoPaiva

Muito boas as fotos, nunca tinha visto um F22 com tanques auxiliares de combustível, sei que podem ser alijados imediatamente em caso de necessidade, mas, devem fazer o avião perder temporariamente a sua principal característica que é a furtividade. Para seguir os Ursos só mesmo com tanques extras.

Corsario-DF

Excelente foto!!! Concordo com vocês, nunca tinha visto os F-22 com tanques subalares, que pelo jeito devem ser visto até de Vladvostok… rsrsrsrs. Mas para acompanhar o velho Urso só assim mesmo.

Sds.

André de POA

Outro dia vi um especial sobre o bear (deve ter no youtube,sei lá) e rapaziada o avião é muuuuuuuito tosco! Ok, desempenho, alcance,bla bla.. Mas quando mostra a tripulação e os eqptos de bordo salve-se quem puder. O radar deve ser da década de 60, os headset daqueles antigos e com fiação com fita isolante(??), paineis só com ponteirinhos.. Para mim esses velhos ursos é só propaganda mesmo..

hms tireless

O Urso velho tem o maior RCS dos aviões de combate por causa das hélices contra-rotativas..podem ser detectados assim que levantam vôo..

Henrique Sousa

Bom, se a Sukhoi consegue tornar um monstro com o Su-35 uma aeronave semi-stelath por meio de materiais compostos, pintura e mais não sei o que como alguns dizem. Acho razoável supor que os norte-americanos, após gastar bilhões de dólares num avião stealh, não iriam colocar nele um tanque “luminoso”.

Muito bonitas as fotos, belo caça.

Henrique Sousa

putz, fui escrever rápido e errei os dois stealth acima…..:P

Brigadeiro... de chocolate

A décadas é a mesma coisa:
http://br.youtube.com/watch?v=NMb9OmXDj4g

Só muda os pilotos e os interceptadores.

LeoPaiva

O TU95 da foto, pelos canhões na cauda, deve ser da versão MS, nem sei se existem mais as versões anteriores. Realmente devem ser uma árvore de natal nos radares, dizem que seus motores são tão ruidosos que até submarinos podem detectá-los pelo barulho. Deve ter sido constrangedor ver esse monstro sobre os PAs americanos como aconteceu recentemente.

Douglas

Os tanques externos aumentam sobremaneira o alcance. Em missoes longas podem usar o combustivel nos primeiros 2/3 da ida, entrarem atacarem e e sairem supersonicos, depois um KC alimenta os bichinhos enquanto outro esquadrão faz a cobertura do REVO.

Madvad

Todos os vôos de interceptação em que o F-22 vem realizando, é utilizado os tanques subalares, justamente para ele se tornar visível aos radares dos Bears.

Isso evita que os russos verifiquem parâmetros de sua furtividade e criem contra medidas.

É notório o fato que depois que a Base de Elmendorf começou a usar Raptors, os Bears se tornaram muito mais “assanhados”, constantemente acionando os alertas para que os caças o interceptem.

Então, eles utilizam os tanques para evitar que os russos chequem parâmtros e outras coisas..

Raphael

Estes Bears devem estar recheados de sistemas para espionar tudo que se pode sobre os Raptors…

André de POA

Caro Raphael acho que os Ivanovich devem ter no máximo uma camera xereta para tirar foto da janelinha.

Combates Aéreos

Força Aérea Indiana libera imagens do radar do AWACS dos combates de 27 de fevereiro

A Força Aérea Indiana (IAF) liberou imagens das telas de radar do AWACS A-50 Phalcon com as informações de...
- Advertisement -
- Advertisement -