Home Noticiário Internacional Taiwan vai acelerar a produção de armas ‘standoff’ Wan Chien

Taiwan vai acelerar a produção de armas ‘standoff’ Wan Chien

3165
16
Wan Chien

A Up Media de Taiwan informou em reportagem exclusiva que Taipei pretende acelerar a produção da arma “standoff” Wan Chien, levada pelo caça IDF (AIDC F-CK-1A/B Ching Kuo).

A reportagem disse que Taiwan tomou a decisão após os recentes jogos de guerra de Han Kung, que concluiu que o Wan Chien é necessário para manter as forças militares chinesas à distância.

A produção do Wan Chien foi reduzida sob o ex-presidente Ma Ying-jeou para menos de 100 armas. O novo governo pretende restaurar a produção para mais de 100.

Enquanto isso, também haverá uma atualização para aumentar seu alcance e ter melhores contramedidas eletrônicas.

O Wan Chien é um missil de cruzeiro movido a jato, tem alcance de 200 km e é guiado por GPS. É semelhante ao AGM-154 Joint Standoff Weapon americano.

O Wan Chien sob as asas do IDF

16 COMMENTS

  1. “Semelhante ao AGM-154 JSOW” . Nem tanto!
    O JSOW não é motorizado mas apenas apenas plana, com 120 km de alcance. Uma versão motorizada, da JSOW, a JSOW-ER, foi desenvolvida e testada mas não foi adquirida. Teria 350 km de alcance.

  2. Vendo esses mísseis de cruzeiro stealth ou “semi-stealth”, acho que se abre a prerrogativa de diminuir a baia interna dos caças stealth. Afinal, para que mandar um caça tripulado contra um alvo quando um míssil desses pode fazer o mesmo? Afinal, alvos que precisem de uma bomba grande são bem defendidos, e por sua natureza não são muito numerosos.

  3. Olá.
    Por enquanto, a RPC tem deixado “sua província rebelde” em paz.
    Mas não será uma arma como a apresentada que garantirá a segurança de Taiwan.
    Se Beijing (realmente) quiser, Taiwan cai em questão de horas.
    SDS.

  4. A China quer induzir Taiwan a entrar em uma corrida armamentista para a qual não tem cacife.
    Com isso a pequena ilha irá atritar sua economia e cair no colo da China.
    Eles tem uma pciencia milenar e são exelentes jogadores no tabuleiro internacional.
    Taiwan será conquistada sem disparar um só missil.

  5. Esquecemos que Taiwan é governada por chineses e seu povo também é chinês. Então haverá uma grande paciência Taiwan não aceita a intervenção da China comunista esta é a questão. Melhor são as vias diplomáticas. Não devemos duvidar da Ilha, pois seus habitantes são aguerridos e possuem tecnologia também. Paciência milenar dos dois lados.

  6. Sem contar décadas de ajuda financeira e bélica americana. Taiwan é desenvolvida possui tecnologia e acredito que possua artefatos nucleares como Israel( citando exemplos) possuem Mirages 2000 e mais não sei quantos F16. além de artilharia antiaérea e de campanha. por que a China então não invadiu a ilha. vai tentar minar economicamente? Ledo engano: a ilha pode se sustentar e ainda possui boa economia. sem contar os fatores geopolíticos que interessam e muito os EUA.

  7. Sobre a tecnologia de mísseis de Taiwan há duas curiosidades. Junto com a França são os únicos países da “esfera ocidental” que produzem e utilizam mísseis cruise supersônicos. O dos franceses (ASMP) é para ataque nuclear e o dos taiwaneses é antinavio.
    Aliás, Taiwan é o único país da “esfera ocidental” que opera mísseis antinavios supersônicos, mais especificamente o Hsiung Feng III.
    Outra curiosidade sobre os mísseis de Taiwan é que é o único país até agora que tem um míssil antinavio com duplo sistema de orientação terminal (radar ativo +IIR).

  8. Aprendendo com o mestre Bosco. Obrigado. Taiwan é um país desenvolvido com economia capitalista e visão ocidental. dificilmente intervenção militar da China continental e duvido uma restrição econômica. Obrigado mais uma vez pela exposição do poderio militar (mísseis) de Taiwan, (Formosa).

  9. Outra coisa interessante é que a China (PRC), simplesmente não tem meios para efetuar uma invasão de Taiwan. Eles tem uma aviação de transporte ainda em sua infância, assim como marinha de águas azuis, que não conta com meios em quantidade suficiente para operações em águas azuis.
    .
    Mas… a 15 anos atrás eles tinha ainda menos meios, e certamente estão avançando à passos muito largos tanto em matéria de navios de desembarque/escolta, quando em aeronaves de transporte, o que leva à crer que em pouco tempo (mais uns 10, 15 anos, ou menos) a China comunista vai ter meios de pelo menos começar à pensar em ‘tentar’ alguma coisa. Até mesmo devido à expansão da influência física da China em águas ao seu redor.
    .
    Mesmo assim, Taiwan constituiria um desafio e tanto. Desde o fim da Guerra Civil Chinesa, Taiwan já tinha plena noção acerca dos desafios para sua defesa e partiu para o desenvolvimento de equipamentos e doutrinas em suas forças com esses desafios em mente. Embora a China comunista conte com a força bruta dos números, Taiwan tem forças adequadas e tecnologia suficiente para fazer a China suar muito no gargalo que o estreito de Taiwan pode se tornar.
    .
    Se a PRC quiser, ela consegue, mas à que custo? Não acredito por um segundo que seria um passeio.

  10. Parece bem sólido. Me pergunto quais seriam as estatísticas operacionais dele. Vai bem de encontro com a doutrina Taiwanesa mesmo. Saturar o mar ao seu redor com mísseis antinavio.

  11. Gosto é gosto, mas eu realmente acho esse F-CK-1 Ching-kuo bonito. Claramente é um F-5 melhorada que, por sinal, eu acho feio. Interessante que ele é armado com mísseis Sky Sword I e II, para curto e médio alcance, ambas de fabricação local. Eu acredito que tanto o caça quando os mísseis tiveram forte colaboração americana no seu desenvolvimento. Seria interessante que Taiwan pensasse em um Sky Sword III, de quinta geração, já que o I, na melhor das hipóteses, é um míssil de terceira geração.

    Interessante como um caças peso pena como esse podem ser mortíferos, dentro das suas limitações. Eu lembro de uma concepção artística da Embraer de um AMX supersônico como uma nova asa e entradas de ar redesenhadas. Faz tempo que eu vi dessa ilustração, tentei encontrar depois, mas nunca mais achei. Fico imaginando como seria um excelente LIFT para o século XXI, com uma turbina F404 ou melhor, um radar ELTA 2052, e tudo mais. Estaríamos bem servidos por um bom tempo. Uns 70-80 deles, mais uns 36 Vespões, seria um poderio maravilhoso.

    O problema é que gastaram tanto dinheiro com bobagens durante o programa AMX que o caça ficou pela metade. Essa história de construir 100% do caça aqui foi uma excelente forma de jogar dinheiro no lixo. Todas aquilas empresas de fundo de quintal de aparecerem de uma hora pra outra e embolsaram contratos milionários, morreram com o fim da produção do AMX. Foi uma pena.

  12. Pra complementar, o AMX tem pesos e medidas parecidas ao do Gripen C. Hoje nós poderíamos estar desenvolvendo nosso próprio NG, um AMX NG. Seria um produto de exportação excelente.

  13. A China tem trabalhado para isolar Taiwan diplomaticamente, lenta e persistentemente. Na economia tem atraído muitas fábricas de Taiwan para a China. Eu trabalho com uma marca de Taiwan que tem sua maior fábrica (maior da China no segmento) no continente. Acredito que conforme a China vai se tornando uma economia capitalista as possibilidade de união pacífica aumentam.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here