domingo, setembro 19, 2021

Gripen para o Brasil

Embraer alcança backlog recorde no 2º trimestre de 2015

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

e-jets - foto embraer

São José dos Campos – SP, 15 de julho de 2015 – No final do segundo trimestre de 2015 (2T15), a carteira de pedidos firmes a entregar (backlog) da Embraer (NYSE: ERJ; BM&FBOVESPA: EMBR3) chegou ao patamar de USD 22,9 bilhões, o maior da história da Empresa. No final do trimestre anterior, em 31 de março de 2015, a carteira de pedidos firmes totalizava USD 20,4 bilhões.

No 2T15, a Embraer entregou 27 jatos para o mercado de aviação comercial e 33 para o de aviação executiva, totalizando 60 aeronaves – ante 58 aeronaves entregues no mesmo período no ano passado.

Embraer Record Backlog

O principal destaque do trimestre foram os USD 2,6 bilhões em pedidos firmes, pelo atual preço de lista, anunciados durante o Paris International Air Show. O valor inclui sete E190 para a chinesa Colorful Guizhou Airlines; oito E175 para a americana SkyWest Airlines, que serão operadas pela Alaska Airlines; dez E175 para a United Express; além de 15 E190-E2 e dez E195-E2 para a empresa de leasing estadunidense Aircastle – sem considerar as opções e direito de compra previstos nos contratos.

Em maio, a Embraer já havia anunciado pedidos da Tianjin Airlines para 22 aeronaves (20 E195 e dois E190-E2), o que tornou a companhia a primeira aérea chinesa a adquirir os E-Jets E2. No mesmo período, outro contrato havia sido anunciado com a Azul Linhas Aéreas Brasileiras S.A. para a venda firme de 30 jatos E195-E2.

Embraer Record Backlog - 2

DIVULGAÇÃO: Embraer

- Advertisement -

2 Comments

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bogaz

off topic:

http://www.domingoaereo.com.br/

Parece que mudaram a data, dia 23. Dia 16 o evento bom vai ser o protesto mesmo…hehehe

Luiz Fernando

Ótima notícia…

Sei que é uma conta um tanto “burra”, mas no ritmo de entregas anuais atual (cerca de 100 aeronaves), poderíamos dizer que são cinco anos de produção que estão “vendidos” (sei que não é bem assim que funciona, mas serve para mostrar o tamanho do backlog).

Para mim um orgulho no meio do lamaçal em que nosso país está metido!!!

Últimas Notícias

Força Aérea Indiana vai comprar 24 caças Mirage 2000 de segunda mão

A frota Mirage 2000 de 35 anos da IAF, que teve um desempenho excepcional durante a operação Balakot de...
- Advertisement -
- Advertisement -