sábado, setembro 25, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Brigadeiro da USAF no cockpit do J-10

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Welsh no cockpit de um J-10 foto USAF

No final do mês passado o Chefe do Estado-Maior da USAF, brigadeiro Mark A. Welsh III visitou uma série de unidade militares na China. Dentre as localidades visitadas estava a Base Aérea de Nanyuan. Em Nanyuan, Welsh teve a oportunidade de sentar no cockpit de um caça J-10, um dos mais modernos da inventário da Força Aérea do Exército de Libertação Popular da China.

Caso Welsh recebesse o seu equivalente chinês no Estados Unidos, ele deixaria o mesmo sentar no cockpit de um F-22?

FOTO:
USAF

- Advertisement -

10 Comments

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Antonio M

Será que vermos o cmdte Saito fazer a mesma coisa, qualquer dia desses ?!?!? rsrsrsrsrsrsrsr…

RomauBR

Será mesmo que o Chengdu J-10 é o equivalente chinês do Lock F-22?

Duvido muito, outros aviões – especialmente os derivados da família Flanker – imagina-se estarem à frente tanto conceitual quanto tecnologicamente. Esse pergunta é capciosa, e pra deixar no 0X0 seria talvez o equivalente chinês se sentar ao cockpit de um Lock F-16, do qual, aliás, parece ter influências de design.

Sds.

Ivan

RomauBR,

O J10 é o equivalente chinês do General Dynamics (agora Lockheed Martin) F-16 Fighting Falcon.

Um caça monomotor, multimissão, fácil de operar e ‘ligeiro igual Corisco’
(rápido, ágil e manobrável).

É particularmente importante pois representa uma inflexão em direção aos desenhos ocidentais, contra a tradição MiG anterior ou mesmo aos poderosos Sukhoi Flankers.

O DNA Lavi e consequente semelhança com Fighter Falcons (agora Vipers) e Euro Canards não é casual.

Abç.,
Ivan.

Nick

Só complementaria o Ivan, dizendo que a versão A deve equivaler ao Block 30/40, e o J-10B, um block 50/60 com radar PESA.

Mas a versão B recebeu alguns avanços interessantes como o DSI.

[]’s

joao.filho

Off topic:

Os C-27J Spartans da USAF estao saindo da fabrica e indo para o cemiterio em Tucson,AZ imediatamente.

Estranho, nao? E o Brasil precisando…

http://usofarn.com/government-waste-101-air-force-mothballing-just-off-the-assembly-line-cargo-planes/

Mayuan

joao.filho: Muito interessante a notícia mas permita-me apresentar alguns pensamentos sobre a mesma. Não é o primeiro nem será o último exemplo de desperdício cometido por um governo. Ao contrário do que muitos pensam, não é porque o governo é de um país de primeiro mundo que não faz bobagens. De mais a mais, as necessidades que levaram à compra desses aviões talvez não existisse mais ou tivesse mudado radicalmente quando começaram a ser entregues. A única coisa constante no mundo é a mudança. Imagino que o contrato já estivesse com todo o desembolso correspondente realizado então porquê eles não… Read more »

eder albino

Ainda comparando o J-10 e o F-16, quais sao seus respectivos valores de compra. Considerando o F-16 com AESA?

nunes neto

O brigadeiro está fazendo cara de nojinho,kkkkk

RomauBR

Não sei, mas esse canopi pra mim está muito parecido com o do Hornet Legacy, sem falar dessa pintura “Azul Blue Angels”.

Últimas Notícias

USAF seleciona o turbofan F130 da Rolls-Royce para o programa de remotorização do bombardeiro B-52

A Força Aérea dos EUA anunciou em 24 de setembro que deu à Rolls-Royce um contrato de US$ 500...
- Advertisement -
- Advertisement -