sexta-feira, outubro 22, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Rolls-Royce e Snecma, juntas, vão desenvolver motor de avião de combate

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Contrato para o início dos estudos foi assinado com o Ministério da Defesa do Reino Unido

Na segunda-feira, 30 de julho, a Rolls-Royce britânica e a Snecma francesa (so Grupo Safran) divulgaram notas à imprensa sobre contrato assinado com o Ministério da Defesa do Reino Unido, com o objetivo de realizar estudos para uma nova geração de motores para aviões de combate do Reino Unido e da França. O desenvolvimento será realizado por meio da parceria (joint venture) 50:50 “Rolls-Royce Snecma Ltd” , estabelecida em 2001.

Também foi anunciado um acordo de colaboração das empresas com a BAE Systems e a Dassault Aviation para trabalharem juntas na exploração de conceitos e tecnologias, como parte do contrato de fase preparatória do programa do demonstrador do futuro sistema de combate aéreo anglo-francês.

Segundo Nick Durham, presidente de negócios ao cliente da área de defesa da Rolls-Royce, “este acordo de colaboração reconhece a necessidade de fornecedores de sistemas de propulsão, geração de energia e de célula trabalharem juntos, para desenvolver e otimizar soluções acessíveis para a nova geração de aviões de combate do Reino Unido e da França. Ele representa um importante passo adiante para a ampliação da colaboração e, pela combinação das experiências e conhecimentos práticos da Rolls-Royce e da Snecma, podemos contribuir bastante para esses estudos.”

Por parte da Snecma, pronunciou-se Didier Desnoyer, vice-presidente e diretor geral da área de motores militares: “Essa parceria vai capitalizar sobre a colaboração de longa data entre a Safran e a Rolls-Royce em motores militares como o Adour e o  TP400. Levando à frente essa tradição de parcerias fechadas, a Rolls-Royce Snecma Ltd. dispõe de uma posição única no acesso aos conhecimentos práticos de propulsão militar avançada das duas empresas-mãe, baseada nos resultados comprovados de desenvolvimento bem-sucedido de motores de aviões de combate.”

Ainda segundo a nota, esse acesso à base conjunta de conhecimento, tecnologia, infraestrutura, cadeia de fornecedores e instalações das duas empresas, líderes no setor na Europa, permite que a Rolls-Royce Snecma Ltd. ofereça uma gama de soluções em geração e propulsão para a próxima geração de veículos de combate aéreo, sejam elas baseadas em derivados de propulsores existentes ou desenvolvimento de novos conceitos em geração e propulsão.

FONTES / FOTOS: Rolls-Royce e Snecma

- Advertisement -

5 Comments

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
edurval

Senhores,

Alguém tem conhecimento se a evolução desses novos motores poderia ter utilidade para resolver o problema da “fraca” motorização reclamada por possíveis clientes do Rafale.

Observador

Será que vem um novo “SEPECAT Jaguar” por aí?

Com certeza os indianos compram.

Mauricio R.

Pelo que está sendo publicado na mídia estrangeira, está mais p/ uma nova Adour,voltada p/ o mercado de UCAV’s.
Desta vez c/ a Snecma no lugar da Turbomeca.

Nick

Já começaram mal ignorando a MTU, Volvo e a Avio.

[]’s

Últimas Notícias

Finlândia participa do Exercício de Defesa Aérea 2021 na Suécia

FORÇAS ARMADAS DA SUÉCIA – Durante o período de 21 de outubro, das 12h a 27 de outubro às...
- Advertisement -
- Advertisement -