Home Arte Homenagem a Ralph McQuarrie, designer de Star Wars e Battlestar Galactica

Homenagem a Ralph McQuarrie, designer de Star Wars e Battlestar Galactica

171
10

O designer de Star Wars e de Battlestar Galactica, Ralph McQuarrie, faleceu no dia 3.3.12.

10
Deixe um comentário

avatar
10 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
Tadeu MendesObservadorjoseboscojrGiordani RS Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Como a maioria absoluta dos designers da TV e do cinema americano, ele era pouco criativo tendo em vista que usava o velho e manjado conceito leigo do ponto de vista NAVAL para criar suas naves ESPACIAIS. Esteticamente ficavam bons, mas funcionalmente eram péssimos. Naves com motores foguetes ligados todo o tempo, naves com os deques distribuídos paralelamente ao eixo do movimento, como nos navios, etc, desprezando completamente a inércia, a microgravidade, as forças geradas pela aceleração, etc, e deixando o coitado do Newton girando igual um peão dentro do túmulo. Claro que a “licença poética” é permitida, mas com… Read more »

Giordani RS
Visitante
Member

Ah! Mas a Galactica foi a mais bela nave de batalha! Sem contar com os Vipers! Era sensacional ver os caças correndo pelos tubos! Era muito bom!

Meus pésames ao Vader, pois o alfaite dele, se foi…hehehe…

Giordani RS
Visitante
Member

Galáctica Clássica, porque a outra…fashionzinha…

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Joseboscojr.

Pegal leve meu caro. Foram anos gloriosos, e o Hardware era fantastico.

Eles (Hollywood) nao estavam muito preocupados com a Fisica Newtoniana ou com a economiva de combustivel. Rsrsrsrsrsrs.

Cara veja bem, foi em 1978. Nao havia Computacao Grafica, tudo era feito com Scale Models, tudo muito artesanal. I love it.

Da um disconto para aquela era romantica do cinema. C’mom

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Tadeu, Eu entendo perfeitamente. Mas não podemos nos esquecer que “2001, Uma Odisseia no Espaço” foi feito em 68 e foi irretocável. Claro que no caso da Galactica o rigor técnico/científico poderia engessar o roteiro. Do jeito que ficou, ficou mais dinâmico. Imagine como seria se a Galactica tivesse gravidade artificial gerada por rotação? E se o convôo não ficasse numa área com gravidade? E se os “caças” não precisassem ser recolhidos como se fossem caças em porta-aviões, numa “colisão controlada”? Ou se os “caças” tivessem que ser recolhidos em um convôo giratório, de modo a que pudessem ter gravidade… Read more »

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

joseboscojr, Agora voce falou tudo. 2001 Uma Odisseia no Espaco, foi e ainda continua sendo o maior classico de Ficcao Cientifica de todos os tempos. Kubrick teve o cuidado de nao somente criar um kaleidoscopio de imagens absolutamente mesmerizantes, como tambem levou em conta as limitacoes da biofisica humana em ambiente de microgravidade. Todos os efeitos especiais foram fantasticos. Tenho esse filme em casa, e de vez em quando o assisto, e ainda me impressiona. Eu tinha 14 anos quando o filme passou no Brasil (1968). Fui ao cinema e voltei outras 4 vezes para rever essa obra classica, que… Read more »

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

O Monolito negro…nada mais misterioso e profundo.

Uma metafora de Deus, ou uma manifestacao extraterrestre????

Observador
Visitante
Observador

Caro Bosco:

Muito pior era engolir a viagem interestelar sem tecnologias como as descritas em Star War (hiperdrive) ou em Star Trek (motor de dobra).

Claro que viagens em velocidades muito altas, mesmo sub-luminares, podem gerar tal deformação no tempo que, para os passageiros da frota colonial, uma viagem que levou anos é sentida como se durasse apenas alguns dias.

Porém, pelo que lembro da série, não parece ser o caso.

Pior era um viper pilotado por Starbuck que era capaz de viajar a velocidade da luz (rêrêrê).

A ciência era sacrificada pelo drama.

Arte é arte.

joseboscojr
Visitante
Active Member
joseboscojr

Tadeu,
Vi sim.
E devo ter lido todos os livros de A.C.C publicados em português.
Também já vi o “2001” algumas vezes e ele é praticamente perfeito.

Observador,
A velocidade sublumínica (motores de empuxo) era limitada a 20% da velocidade da luz (c) para limitar os efeitos da dilatação do tempo.
Como também eram vôos de curta duração, dentro de sistemas estelares, surtia efeito e não causava caos no controle da Federação.
Algumas poucas vezes que a Enterprise chegou próximo a velocidade da luz no continuum espaço-tempo, pasmem, ela voltou ao passado. rsrsrsr

Um abraço aos dois.

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

joseboscojr,

Voce esta por ai????

Meu desktop tem uma imagen (tipo pintura em aquarela) da Estacao Espacial do filme 2001 Space Odyssey, com aquele Pan Am Shuttle partindo em direcao a Terra, que esta no fundo da imagen.

Se voce estiver interessado posso te mandar o link, para voce colar no seu desktop.

Como fui esquecer do HAL. Esse “computador” me fez interessar por programacao e IA.