Home Noticiário Internacional EUA, França, Reino Unido, Itália e Canadá ampliam ataques a Kadafi

EUA, França, Reino Unido, Itália e Canadá ampliam ataques a Kadafi

430
16

 

Não podemos ficar inertes quando um tirano diz a seu povo que não há misericórdia, diz Obama

Uma coalizão formada por EUA, França, Reino Unido, Canadá e Itália ampliou os ataques contra as forças do ditador líbio, Muamar kadafi, neste sábado, 19. Segundo o Pentágono, as Marinhas dos Estados Unidos e do Reino Unido lançaram mais de 110 mísseis do tipo Tomahawk vindos de submarinos posicionados no Mar Mediterrâneo para destruir 20 alvos de defesa antiaérea do coronel nas cidades de Misrata e Trípoli. A operação foi batizada de ‘Odisseia da Alvorada’ (Odissey Dawn, em tradução livre).

O presidente americano Barack Obama disse em Brasília ter autorizado uma limitada ação militar americana para proteger civis líbios de ataques das forças de Kadafi. “Não foi isto que os EUA, nem nenhum de nossos aliados procurou”, disse Obama, que voltou a rejeitar o uso de tropas terrestres. “Mas nós não podemos ficar inertes quando um tirano diz a seu povo que não haverá misericórdia”.

Há 25 embarcações da coalizão no Mar Mediterrâneo, segundo o Pentágono, entre eles três submarinos americanos. Onze deles (sic) são italianos, onze, americanos, um, britânico, um francês e um canadense.

Mais cedo, caças da Força Aérea Francesa realizaram uma série de quatro ataques contra forças terrestres de Kadafi nos arredores de Benghazi. Participaram da ação 20 caças Rafale e Mirage. Eles defendem uma área de 15 mil km² em torno da capital rebelde. A França deve enviar à Líbia amanhã o porta-aviões Charles de Gaulle, sediado no porto de Toulon.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, deu a autorização para a Real Força Aérea Britânica (RAF, na sigla em inglês) participar das operações. Ainda não há, no entanto, registro de bombardeios britânicos sobre a Líbia.

A Itália também enviou jatos para voos de reconhecimento sobre o espaço aéreo líbio e ofereceu a base da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) para ser o centro de comando da operação. Caças canadenses estão a caminho do Mediterrâneo.

FONTE: Estadão (reportagem de Dida Sampaio/AE)

FOTOS: Força Aérea Canadense

Subscribe
Notify of
guest
16 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
tplayer
9 anos atrás

Deve ser meio monótona a vida desses pilotos canadense que estão cruzando o Atlântico.

Quando REVOs seriam necessários para isso em um F-18?

Observador
Observador
9 anos atrás

Obama disse: “Mas nós não podemos ficar inertes quando um tirano diz a seu povo que não haverá misericórdia”. Aí depende, Sr. Obama. Se o senhor é brasileiro, faz parte do GF e quer falar “não” a tudo que se proponha contra as ditaduras do Mundo, somente para mostrar a independência e a “força” do Brasil, o senhor pode sim ficar inerte e, inclusive, se abster de votar no CS sobre o assunto. Com esta postura do Brasil, os americanos, franceses e ingleses se perguntam: se HOJE o Brasil tivesse poder de veto como os demais membros permanentes do CS,… Read more »

Simpatico
Simpatico
9 anos atrás

Belo comentario Observador

Não temos nem organização para fechar uma simples compra de 36 caças .muito fico insastifeito com o abandono a forças armadas .eaindustria belica nacional .

saudações

Baschera
Baschera
9 anos atrás

O Brasil já tem uma vaga no CCS da ONU….

Nota: CCS – Cozinha do Conselho de Segurança.

Sds.

Observador
Observador
9 anos atrás

Baschera:

É verdade.

Nesta toada, os nossos diplomatas só serão chamados às reuniões do CS para servir cafezinho.

nassif.go
nassif.go
9 anos atrás

Acho que para o Brasil pensar em ter um lugar no CS era para mandar uns 2 Super Tucanos pelo menos para fazer voos sobre a Libia e assim
esta presente entre os grandes .. e não votar em branco.

Tá na hora de colocar a cara a pancada assim ganha respeito dos demais membros da UN .

edcreek
edcreek
9 anos atrás

Ola,

O Supertucano nesse momento não seria de grande valia, serviria mais de alvo, já que mesmo aviões muito mais rapidos estão sendo derrubados.

Num outro momento quem sabe…

Abraços,

Grifo
Grifo
9 anos atrás

A CBS reporta agora que dois bombardeiros B-2 atacaram uma base aérea líbia. Os americanos realmente não estavam brincando quando disseram que iam entrar na coalizão somente com suas “capacidades únicas”, as coisas que só eles podem fazer.

DrCockroach
DrCockroach
9 anos atrás

Serah que o F-22 tb entra no grupo dos com “capacidades unicas”?

Mesmo agora que a Libia nao deve ter mais defesa anti-aerea signficante? Teve algum deslocamento de F-22 p/ fora dos EUA com este proposito?

Eh torcer p/ que ocorra algum panico/desercao no Exercito p/uma solucao rapida. Alem do que, talvez suspeitem que aquele enorme aumento dos soldos talvez nao se concretize…

[]s!

Wagner
Wagner
9 anos atrás

PEGAR ESSA SONDA de reabastecimento no Super EF 2000 era um saco !!!

Nunca conseguia !

Tinha que igualar velocidade e a operadora do awacs falava ” Move astern left nose, ou hose, ” sei lá .

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

Com o F18 creio que ainda não há necessidade do F22. Seria usado caso algum aliado líbio mais poderoso resolvesse entrar na briga e com ceerteza não o farão.

Que aviões a Itália enviou para fazer reconhecimento? Será que somente os Tornados?!? E o AMX ?

Cesar
Cesar
9 anos atrás

Sobre as defesas líbias, este link do Le Monde é interessante:

http://www.lemonde.fr/afrique/article/2011/03/18/l-etat-des-forces-libyennes_1494998_3212.html

Sds.

DrCockroach
DrCockroach
9 anos atrás

Parece que os EAU irao enviar 24 fighter jets, veremos quais. Serah a mais importante contribuicao Arabe, que eh fundamental p/ anular bordoes tipo “nos” contra “eles” (Cruzadas…), tao popular p/ alguns.

Serah que os ataques irao isolar/quebrar a “coluna” do Gadafi? Assim, alguns grupos podem ficar dispersos mais facilmente.

Melhor cenario, na minha opiniao, p/ evitar um deadlock eh o assassinato do sujeito aquele, Gadafi (ou Kadafi, ou…). Nao deve ser tao dificil localiza-lo, com tantos descontentes com ele.

[]s!

tplayer
9 anos atrás

DrCockroach, se for para matar ele precisa matar o filho também.

Se não continua a mesma ideologia no poder.

Renato Oliveira
Renato Oliveira
9 anos atrás

Se as aeronaves dos EAU forem os F-16 block 60, o poder será grande para qualquer função. Os 2000-9 eu vejo apenas como meia-boca no ar-ar.

DrCockroach
DrCockroach
9 anos atrás

Prezado tplayer,

Ok, mas vamos combinar que a filha do Gadaffi, Aisha, a gente poupa:

https://www.chinadaily.com.cn/english/doc/2004-07/06/xin_36070106084836412271.jpg

Alguem ai oferece asilo p/ ela? Um quartinho…? Mas claro, desde que fique de boca fechada… 8)

[]s!