Home Indústria Aeroespacial Jobim ajuda Dassault a vender o Rafale aos árabes

Jobim ajuda Dassault a vender o Rafale aos árabes

243
137

Felipe Vanini

No mais absoluto sigilo, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, está dedicando parte de seu tempo a uma atividade inusitada: convencer os governos da Líbia e dos Emirados Árabes a fechar a compra de um megalote de 76 aviões Rafale, idênticos aos considerados favoritos na concorrência para o reaparelhamento da Força Aérea Brasileira (FAB), fabricados pela francesa Dassault.

Jobim, na verdade, vai atuar mais como um bombeiro na empreitada, ameaçada de naufragar, tentando “salvar” a negociação entre os árabes e o fabricante francês. Explica-se: as conversações, que aconteciam em céu de brigadeiro, azedaram por conta de um artigo publicado no jornal parisiense Le Figaro, cujo proprietário é ninguém menos do que o empresário Serge Dassault, dono da empresa aeronáutica. Segundo o Figaro, os Emirados Árabes estariam encomendando equipamentos de vigilância eletrônica a Israel para se proteger de um eventual ataque aéreo do Irã.

Dá para se imaginar a repercussão da notícia sobre a transação com o arquirrival no mundo árabe. “O senhor Dassault nos apunhalou pelas costas”, reclamou o ministro da Defesa dos Emirados, Bin Zaid Nahyan, que subitamente começou a elogiar os caças F-18, da Boeing, concorrente da Dassault.

Para o governo francês, que tenta a todo custo emplacar o Rafale no mercado internacional (até agora, o modelo só foi adquirido pela força aérea francesa), o episódio foi preocupante, principalmente porque os Emirados comprariam 60 das 76 aeronaves. “Caímos num buraco negro”, afirmou o ministro da Defesa da França, Hervé Morin.

Abatimento. Daí à solicitação dos préstimos do colega Jobim, foi um pulo. O ministro brasileiro, porém, não vai trabalhar de graça. Caso consiga fazer com que árabes e franceses voltem a sentar-se à mesma mesa e concluam o negócio, Jobim recebeu a promessa de que obterá um substancial abatimento na fatura dos 36 aviões que a FAB deve adquirir da Dassault.

A conta, aliás, vem caindo antes mesmo da confirmação da encomenda: orçado inicialmente em US$ 7 bilhões, o lote já custa em torno de US$ 5 bilhões, com tecnologia e tudo.

FONTE: Estadão/Blog CLAYTON NETZ

Subscribe
Notify of
guest
137 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
proside
proside
9 anos atrás

O Lobim virou vendedor da Dassault? Esses politicos são uma piada.

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

Qdo sair do ministério, deve ganhar um emprego de vendedor na Dassault.

Além de fanfarrão, caixeiro viajante ,,,,,,

dranuits
9 anos atrás

Abatimento nos aviões para a FAB, isso é piada, acredito mais em um substancial deposito na Suiça……..

Gbeck
Gbeck
9 anos atrás

Claro… tentar emplacar lá pra baixar o preço aqui e tentar desqualificar um dos argumentos contra o Rafale: o preço escandaloso.. A que ponto chegamos! E ainda querem que essa turma permaneça no poder… lamentável e reprovável sob todos os aspectos a atitude do Ministro.

Mario Blaya
Mario Blaya
9 anos atrás

vejamos o anunciado é um crime, sendo crime, deve ser denunciado, sendo ele ministro, deve ser denunciado a procuradoria, isso foi feito?

duvido! porque? por que não tem como provar a acusação!

o estadão tem se mostrado um grande defensor de interesses estrangeiros contra o Brasil, fez acusações sobre subsidios agricolas do Brasil, acusou nosso avanço sobre o mar e recentemente defendeu um banco alemão contra o governo brasileiro.

coisa de miquinho amestrado que adora receber amendoins de gringos!!!

Claudio
Claudio
9 anos atrás

Obviamente o fracasso da negociação da França com os Emirados afeta a possibilidade de venda do Rafale para o Brasil, mesmo com a vitória da Dilma fica mais difícil o fechamento da negociação que o Jobim está fazendo.
A pressão do Gripen NG, via FIESP, está muito grande

Lucas
Lucas
9 anos atrás

Esse jobim é uma piada… Substancial abatimento? Até pode ter, mas essa não é a real intenção para ajuda na venda dos rafales. Na verdade a venda só iria ajudar na argumentação para o brasil fechar o acordo com a frança, que, resumindo somente o Jobim, Lula e cia estão querendo.

Nick
Nick
9 anos atrás

O Sr Ministro Nelson Jobin vem defendendo a proposta do Rafale à tempos, hora desqualificando as outras propostas, hora dando mais oportunidades para que apenas um dos participantes dessa seleção melhore a sua.

Agora, ir até os EAU para VENDER caças FRANCESES, é demais. Que a Dassault reembolse as passagens e o salário de MD para o GF.

[]’s

ZE
ZE
9 anos atrás

Esse Jobim é um fanfarrão. Ele já tinha perdido a pouca credibilidade que tinha depois do fatídico 7 de setembro de 2009. Agora ela está definitivamente na lama !!!!!!!!!!!!!!!!! O que ele quer, NÃO vai acontecer, pois a França NÃO tem dinheiro para entubar 63 Mirage 2000-9 novos dos Emirados. Na verdade, ela NÃO tem nem dinheiro para o upgrade em seus próprios Mirage 2000-D. Tudo isso fora o fato da França ter que gastar 5 Bilhões de Euros, e mais uns 4-5 anos para o upgrade do Rafale (motor mais potente, SPECTRA melhorado, novo sistema elétrico etc etc etc).… Read more »

Michel Lineker GM
Michel Lineker GM
9 anos atrás

A FAA viraram mesmo cabide de emprego, até vendedor tem por lá!

Não sabia que os nossos impostos era pagos para isso…

RL
RL
9 anos atrás

Já fechando o contrato para a FAB no FX-2 ele certamente iria ganhar uma boa comissão, imaginem agora com a venda extra de 76 unidades aos Árabes. 76 + 36 = 112 unidades. Mesmo achando que iria dar Gripen NG, agora fica bem provável que o RAFAEL venha para a FAB. Eu já não sei mais o que acontece. Parece existir tres visões ai nesse processo todo. FAB + Empresas Neutralidade Politico Governo FAB + Empresas = Aprovação técnica da FAB para o Gripen NG e interesse das empresas nacionais em fabricar o Gripen, o que já esta acontecendo com… Read more »

Julio
Julio
9 anos atrás

Interessante, ministro de Estado, fazendo Lobby para os Arabes comprarem o Rafale.
Acho que o ministro Jobim esqueceu que o Rafale participa de uma licitação aqui no Brasil. Como ministro da Defesa e sendo um dos responsaveis pela escolha do futuro vencedor da licitação deveria se manter distante do serviço a ser prestado aos franceses.
Se a matéria veiculada for verdadeira, os demais concorrentes do FX-2 vão questionar a transparência da licitação na qual o ministro da defesa faz lobby para os franceses.

Luis Carlos
Luis Carlos
9 anos atrás

Será que foi isso mesmo ou ele foi é fechar um pacotão de M2000-9 pra FAB? Onde tem fumaça tem fogo.

Alexsandro
Alexsandro
9 anos atrás

Não acredito que isso caracterize um crime, se ele consegue fazer isso temos mais a ganhar do que a perder, e pode ser a costura da compra dos tais 60 mirage lá embutidos cada vez mais acredito que eles vem pro Brasil…

e seria um jeito facil e sem dano politico ao Brasil pra se livrar do Rafaele, fecha lá pega os mirage e esquece os rafaeles, fica memso com os gripen e investe mais e um 5° geração.

Francisco
Francisco
9 anos atrás

Palhaçada. Jobim vai ganhar comissão, isso sim.
Acho que vai fracassar, ao contrário daqui, por serem os donos, os políticos do EAU são extremamente sérios, duvido muito que eles verguem a espinha depois da ofensa dos franceses.

Daniel Rosa
Daniel Rosa
9 anos atrás

Como diria meu “cumpadi”…”`É o fim da rosca…!!!” É só no Brasil mesmo! O cara se metendo a mediador para a Dassault? Os franceses estão mesmo desesperados! Nossos politicos de uma forma geral são verdadeiras piadas… de péssimo gosto! Excelente observação feita pelo Julio logo ai acima! RL, não creio que essa negociação facilite a vida do Rafale em nossa FA! Nem sei se os Emirados Arabes estão dispostos a voltar atráz…e sinceramente, torço para que não o façam! Os franceses se apunhalaram, divulgando uma provavel negociação entre arabes e israelenses… então não podem por a culpa em mais ninguem… Read more »

rodrigo ds
rodrigo ds
9 anos atrás

Que legal heimmm!!!! O nosso excepcionalíssimo ministro NJ gastando dinheiro público (do povo brasileiro) para fazer lobby para produto francês ou pior se a Dassault pagando para um ministro fazer isso, é um absurdo, chama os Rappa (190) para o fanfarrão!!!!!!

SxMarcos
SxMarcos
9 anos atrás

Ora pessoal, o Jobin não é burro.
Digamos que o alto escalão já tenha se dicidido pelo Rafale.
Neste caso, o Jobin está mais do que certo, ganha um ótimo desconto sobre o preço para o Brasil e emplaca uma ótima venda para os árabes (aumentando a escala de produção de equipamentos). Dois problemas conhecidos do Rafale.
Se ele levar uma comissão pela venda (o que seria bem normal), nada mais justo.
Ajuda o Brasil em dobro (não na escolha do Rafale, mas caso já tenha sido escolhido).

Fábio Mayer
Fábio Mayer
9 anos atrás

A única maneira desse negócio Dassault-EAU sair é arranjar compradores para os 2000-9… será que o Jobim está pensando em 36 Rafales e 60 2000-9 para a FAB, ou será que vamos exclusivamente de aviões usados novamente?

Vader
9 anos atrás

Inacreditável. Um lixo. Um nojo. Um asco.

O Ministro da Defesa do Brasil virou camelô de aviãozinho francês.

E faz isso no cargo, e com dinheiro do contribuinte brasileiro.

O mais triste é ver nego aqui e na esgotosfera aplaudindo.

Me recuso a comentar esse post.

rodrigo ds
rodrigo ds
9 anos atrás

SxMarcos disse:
21 de outubro de 2010 às 10:24

SxMarcos isso é crime rapaz, ministro das forças (funcionário público) armadas ganhando comissão, ainda mais que tal produto está em concorrência para compra para a FAB, só na república das bananas isso é normal.

dario avalos filho
dario avalos filho
9 anos atrás

E quem está “lutando” junto a US NAVY pela venda dos ~100 SUPER TUCANOS? Ou já ganhamos a venda?

rodrigo ds
rodrigo ds
9 anos atrás

ops…. Ministro da Defesa

Vamos ver como o governo dos EUA e a Suécia vai reagir com essas palhaçadas do NJ.

Ira
Ira
9 anos atrás

abatimento nos 36 aparelhos p/ a FAB?! abatimento este que torne o francês mais barato de comprar e operar/manutenir?! espero que essa negociação seja com essa intenção e não de, por exemplo, faturar uma comissão de uma venda desse porte, que deve somar uma milionária fortuna.

Edu Nicácio
9 anos atrás

Só uma pergunta:

QUEM É CLAYTON NETZ???

Estadão, lamentável…

SxMarcos
SxMarcos
9 anos atrás

rodrigo ds disse:
21 de outubro de 2010 às 10:35

Rodrigo. Desculpe. Lendo a resposta (depois de postada), percebi que me expressei mal. Do jeito que está lá parece que acho certo a questão da comissão. O que quis dizer não que é certo e justo, mas é o que acontece.
Mas acredito que o que o Jobim busca, caso o Rafale já tenha sido mesmo escolhido, é aumentar a escala de produção (quanto mais melhor) e um maior desconto em nossa compra.

Drcockroach
Drcockroach
9 anos atrás

“O ministro brasileiro, porém, não vai trabalhar de graça.” Isto estah correto. O Moh Al Nahayan nao eh Ministro da Defesa dos EAU, mas o principe regente de Abu Dhabi, piloto treinado e quem pagarah a conta. Se o Lobim fosse lah oferecer o Rafale, a situacao toda seria constrangedora p/ o Brasil, pois imediatamente o Sheik perceberia o “cheiro” de maracutaia no ar. Talvez tenha aventado um plano B de adquirir futuramente os Mirages, mas isto tb seria desespero do Lobim pois nao tem com garantir. E se fizesse, p/ favorecer a Dassault, estaria atuando como quinta coluna. A… Read more »

Ricardo_Recife
Ricardo_Recife
9 anos atrás

Uma comissão de algumas centenas de milhares de Euros para vender o Rafale. Imaginem a comissão das vendas de Brasil, EAU e Líbia, isto sim explica a “escolha política” da França como parceiro estratégico do Brasil. Foi o jeton francês e não as ditas, imaginadas,delirantes e alentadas capacidades técnicas do super-hiper-fantástico caça detonador de F-22 Rajada de m …. da Dassualt. Princípios básicos da administração pública brasileira: moralidade, impessoalidade, legalidade, publicidade e eficiência. Todos jogados no lixo. Se a Rajada de m … Abs, Ricardo_Recife

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

Creio que há verdade nessa nota: É verdade que o FX2 foi abatido……

tomas
tomas
9 anos atrás

Meu Deus…vou vomitar!!!

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

O valor da encomenda do Rafale vem caindo, porque itens estão sendo retirados.. Tipo o CLS de 10 anos, que já foi pro saco faz muito tempo 😉 ———————————————————- Mario Blaya disse: 21 de outubro de 2010 às 9:48 Esta sua afirmação está incorreta.. O titular da área de Defesa do Estadão, o Gordoy, que é outro teórico, que fica decorando a Jane´s e falando bobeira por aí.. Funciona mais como um porta-voz do MD, que como repórter. Nunca vi este cidadão fazer uma crítica ou análise sequer das compras multi-bilionárias do MD. —————————————————- dario avalos filho disse: 21 de… Read more »

marujo
marujo
9 anos atrás

Baschera, está na hora de seus esclarecientos. Li um post seu em outro blog, informando que o avião preferido pelo Jobim já não é o mesmo que o presidente Lula. Por favor, compareça.

Pedro Mota
Pedro Mota
9 anos atrás

Como é? Vergonha nacional… mas que nunca o Rafale não vai ser o avião de nossa força. Até pq nosso Ministério Público não vai deixar isso acontecer, não é possível. Ministro sebozo, Brasília é a casa do diabo… tsc… só jogatinas, falcatruas, negociatas e corrupção. Malditos sejam os políticos. Viva ao Tropa de Elite. E vamos fundar uma organização secreta contra este tipo de gentinha kkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Eu topo! atentados a bomba, envenenamento e tudo que pudermos. V de vendetta!!! Já!!!. Abraços quem sabe no segundo turno sabemos em quem votar e pesar bem na balança as pessoinhas que nós governam… Read more »

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

marujo disse:
21 de outubro de 2010 às 11:16

Não sou o Baschera mas lá vai…

Há tempo o NJ está “sozinho” na luta pelo Rafale..

Existem outros personagens nas sombras, que estão banidos da vida pública, que endossam o Rafale com ele.

O Presidente já desistiu, devido as puxadas de tapete do Sarkozy.

Antonio
Antonio
9 anos atrás

Acho um pouco improvável que Nelson Jobim tenha qualquer gestão sobre esse assunto perante os outros países. É o tipo de notícia colocada na imprensa pra preencher o imaginário dos incautos.

roni
roni
9 anos atrás

os emirados arabes unidos um pais pequenino vai de 76 rafales e o brasil um pais continental vai de 24 a por favor desisto

DALMEIDA
DALMEIDA
9 anos atrás

Uma vergonha sobre todos os aspectos, morais e éticos. Tem gente que acha tudo e faz o que quer. É dificil digerir uma nótícia dessa. ULTRAJANTE !!

Alex
Alex
9 anos atrás

não vou perder meu tempo com essa sujeira, e tem gente que defende…

hms tireless
hms tireless
9 anos atrás

De imadiato Jobim violou o princípio da Moralidade previsto no Caput do Art. 37 da CF/88. De igual forma violou também regra contida na Lei n.º 8.666/93 segundo a qual os licitantes devem ser tratados de maneira isonômica. Por fim, e uma vez que volou princípio da administração pública, nosso ínclito ministro da defesa cometeu improbidade administrativa (Lei 8.429/1992)

André
André
9 anos atrás

O Jobim virou corretor de vendas do Rafale? É isso mesmo?

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

Claudio disse: 21 de outubro de 2010 às 9:57 Este papo de “pressão da FIESP”, começou por um “insider” do ego inflado. Este “insider” tem o hábito de disparar canhões contra todos que não dão ouvidos as suas teorias. Este cidadão nada mais é que um teórico, com livre acesso aos corredores do poder, que fica incomodando a todos com as suas idéias, sem profundidade técnica e prática e se revolta por não ser ouvido. É assim contra a FAB, que segundo eu soube alguns altos oficias mandaram ele tomar no c* e em outras versões deram risada da cara… Read more »

Yasser
Yasser
9 anos atrás

Vergonhoso…. o Lobim tirou a carapuça e tá mostrando que vai favorecer os caças da Dassault pq com certeza vai ganhar um por fora!

Safado!

Mario Blaya
Mario Blaya
9 anos atrás

e como eu disse em outra oportunidade, com o tipo de lobby que a SAAB esta agindo, dificilmente ela conseguirá vender alguma coisa no Brasil, o nivel e dos mais baixos possiveis.

a boeing desistiu desde que o governo americano barrou a venda dos tucanos para a Venezuela, faz apenas a obrigação e mais nada.

Wilhelm
Wilhelm
9 anos atrás

Quando a gente pensa que já viu de tudo… A realidade volta a nos pregar peças.

Bruno
Bruno
9 anos atrás

Lamentável.Pelo jeito o Rafale venceu o FX-2 e o Jobim quer vende-lo a outros paises para que o Brasil não seja o único operador, o que nos colocaria numa situação extrema de dependência da Dassault.Se bem que como apenas o primeiro lote será feito pelos franceses, não vejo porque tentar salvar a linha de produção do Rafale.Na verdade, poderia até ser bom, pois absorveríamos os clientes do Rafale para nós, como Líbia e o próprio EAU.

Braziliano
Braziliano
9 anos atrás

Pelo andar da carruagem vai ser melhor fazer o seguinte:

Contrate-se a Embraer para capitanear o desenvolvimento de um caça monorreator para a FAB seguindo o modelo do KC-390, mas aceitam-se sócios e/ou orientadores su…., comprovadamente experientes na área.

Compre-se 16 caças-tampão (F-16) para o GDA.

E rezem para não começar nenhuma guerra mundial pelos próximos 10 anos.

Bruno Rocha
Bruno Rocha
9 anos atrás

A questão é comercial e logística. O Rafale não pode ganhar o F-X2 porque ele não tem condições comerciais/logísticas para nós. Não adianta ser um “jatão bonzão e bonitão”. Na compra de caças não entra só preço, entre a política, afinal, não podemos comprar um caça de um país onde não teremos condições de opera-lo 100% ao nosso modo, com nossas próprias armas. Preço. Pelo preço do Rafale, torna quase impossível a comercialização da aeronave, causando um “inchaço” para a Dassalt e para quem o comprar, que nesse caso é a França. Entendo que a França queira independência, mas erraram… Read more »

Leandro
Leandro
9 anos atrás

Eu não agüento mais ouvir nesse Rafale, esse caça tá me dando nos nervos, porque raios não desclassificaram essa bagaça e no lugar dele mantiveram o Su-35??? Fala sério, o bicho é caro, não emplaca fora da França, não é melhor do que o SU-35 e nem do que o F-18 SH (mas nem a pau juvenal)…e de quebra vai enrroscar o Brasil com um único fornecedor de armas???? E outra, não estou acreditando nessa matéria, não acredito que um ministro brasileiro, funcionário público de carreira (pq se não estou enganado o bacana era do judiciário antes) se presta a… Read more »

Rogerio Carvalho
Rogerio Carvalho
9 anos atrás

Agora pelo menos a gente sabe “oficialmente” que o Jobim está na folha de pagamento dos franceses…
Prestem atenção: não precisamos e não temos dinheiro para o Rafale, a oportunidade de aprender com o Gripen e o Gripen Naval são muito, mas muito maiores, fora a geração de empregos de alta tecnologia. Nem a FA Francesa tem dinheiro para manter o Rafale…

Luiz Ricardo
Luiz Ricardo
9 anos atrás

Jobim….. TU É MULÉQUE!!

como o Vader disse…
Que Nojo!