Home Indústria Aeroespacial Saab recebe contrato para novo sistema aviônico do Gripen

Saab recebe contrato para novo sistema aviônico do Gripen

156
107

Gripens em formação - foto Gripen international

A Saab informou nesta terça-feira, 25 de maio, que recebeu uma encomenda da Administração Sueca de Material de Defesa (FMV) para desenvolver um novo sistema de aviônica para as aeronaves Gripen do país. O valor divulgado do contrato é de 450 milhões de coroas suecas (aproximadamente 56 ,5 milhões de dólares ou 106 milhões de reais), dividido em dois anos. Pela encomenda, os trabalhos no sistema, que inclui novos computadores e telas, deverão ser iniciados para que este entre em serviço daqui a 10 anos.

Montagem Gripen - foto Gripen internationalSegundo Lennart Sindahl, Vice Presidente da Saab e chefe da área de negócios aeronáuticos da empresa, o “Gripen está em contínuo desenvolvimento. Computadores que hoje têm o melhor desempenho possível serão vistos como inadequados para as missões do Gripen daqui a dez anos, quando a aeronave deverá manter-se moderna por mais vinte anos. Poucos produtos de alta tecnologia têm uma vida em serviço longa como o Gripen.”

Ainda segundo o informativo da empresa, o novo sistema de aviônicos vai incrementar a capacidade do Gripen de lidar com grandes quantidades de informações complexas, com diversos níveis de classificação de segurança. O novo sistema também possibilitará que, no futuro, sejam introduzidos novos sensores que requeiram uma arquitetura de sistema alterada.

FONTE: Saab FOTOS: Gripen International

VEJA TAMBÉM:


    107 COMMENTS

    1. É Tchurmichta do Aviaumzinhuu… o argumento de vcs tá acabando…

      Se a Força Aerea Sueca está modernizando o JAS39 a pleno vapor e de acordo com o congresso de lá o número máximo de vetores deverá ser de 100 até 2020, aonde é que eles enfiarão o NG???

      rsrsrs não precisam responder não

      E segue o enterro!

    2. Hahaha esse vai ser o Caça não tenho duvidas.
      Gostaria de saber oque é aquela mancha preta em baixo dos gripens
      seria algo importante ou apenas a pintura dele…

    3. O Processo de Modernização Sueco

      A Suécia adota um processo de modernização de caças praticamente único no mundo. Ao contrário de adotar o princípio de grandes degraus os suecos adotam o processo de pequenas e constantes modernizações e atualizações.

      Elas são chamadas de MS, do termo em inglês Material Specification. Em outros países mais esta atualização é conhecida com a expressão “Block”, usada pelos americanos.

      A atual MS do Gripen C/D é a MS18. E mesmo este número tem a versão.9.

      Assim a versão atual precisamente é a MS18.9. Todas as alterações de software, procedimentos, equipamentos e em especial integração de novas armas ou sistemas constam sempre de uma MS ou atualização.

      Na semana 11 de 2010 será introduzida a MS19, que incorpora as alterações provenientes da participação do Gripen C/D na Operação Red Flag 08/3.

      O processo de introdução é definido em três partes: Força Aérea Sueca, a Administração de Materiais de Defesa (FMV) e a Indústria, no caso a SAAB.

      No importante processo de definição e aprovação das atualizações está a unidade Operational Test & Evaluation (OTE), localizada em Linköping.

      No dia 28 de Janeiro 2010 o Governo Sueco aprovou o desenvolvimento da MS20. A aprovação pelo conselho de ministros é considerada a prova de apoio e comprometimento do governo no Gripen NG.

      Cumpre notar que todas as decisões de governo e do conselho de ministros são de forma consensual. Significa que haverá solução de continuidade após a decisão e na sua implementação.

      A base das modificações e modernizações previstas na MS20 formarão o Gripen E/F, que também será a base do NG.

      [ ]s

    4. Qual a novidade???? Este assunto já está esgotado.

      A FAB também faz isto. Veja o F-5, AMX, Bandeirantes, Hércules…..Até a MB com os A-4.

      Na realidade, o governo sueco está defeitivamente DESCARTANDO o Gripen NG.

      Para muitos, na hora de elogiar, o Gripen NG é um caça novo. Para justificar, esta nova aviônica já serveria para o NG.

      A realidade é que o governo sueco está dando um caminhamento diferente do da SAAB para o caça.

      Na minha opinião, foi um erro comercial da SAAB anunciar um caça novo.

    5. Gripen NG e o Sea Gripen
      O demonstrador de tecnologia de dois assentos foi construído e apresentado em 23 de abril de 2008. Ele tem maior capacidade de combustível, um motor mais potente, maior capacidade de carga, promovido melhorias aviônicas entre outras. O novo avião também é referido como o “Gripen Demo”. O novo Gripen NG (Nova Geração) terá muitas peças novas e será propulsionado pelo turbofan Volvo Aero RM12, a versão sueca do motor GE F414-400 do F/A-18E/F. O novo motor irá produzir 20% de empuxo a mais que o turbofan anterior – 98 kN (22.000 lbf) de empuxo – permitindo uma velocidade de super cruzeiro de Mach 1,2 com mísseis ar-ar e ar-terra. Comparado com o Gripen D, o peso máximo de decolagem do Gripen NG aumentou de 14.000 para 16.000 kg (lb 30,900-35,300) com um aumento do peso vazio de 200 kg (lb 440). Devido ao trem de pouso principal terem sido realocados, a capacidade interna de combustível aumentou 40%, o que aumentará o alcance para 4,070 km (2.200 milhas náuticas). A nova configuração de chassi também permite a adição de dois cabides de armas na fuselagem. Seu radar AESA Ericsson PS-05/A acrescentou uma antena nova para testes de voo com início em meados de 2009. O Gripen Demo teve seu vôo inaugural realizado em 27 de maio de 2008. O vôo de teste durou cerca de 30 minutos e atingiu uma altitude máxima de cerca de 6.400 metros (21.000 pés). [18] Em 21 de Janeiro de 2009, o Gripen Demo voou sem pós-combustão Mach 1,2 para testar a sua capacidade desuper cruzeiro. A Saab fez estudos sobre a versão naval baseada em porta-aviões na década de 1990. Em 2009, lançou o projeto Sea Gripen em resposta ao pedido da Índia para obter informações sobre um avião naval. O Brasil tem uma potencial necessidade para desenvolver esta aeronave.

      O Gripen NG concorre na licitação da Força Aérea Brasileira. Em 5 de Janeiro de 2010, foi noticiado na imprensa que o relatório final de avaliação pela Força Aérea Brasileira colocou o JAS-39 Gripen à frente dos outros dois candidatos. O fator decisivo foi, aparentemente, o custo global dos novos caças, tanto em termos de custo unitário, e custos de operação e manutenção.

      Fonte:Wikipedia

      Como disem ai o NG tem um turbofan americano porem feito da suecia com (licença) na Suecia.

    6. Excelente notícia esta. Mostra que o NG “já existe”, uma vez que essas modificações contribuem para isso.

      Resta apenas definir, ou melhor, construir, o airframe. De resto muita coisa já está desenvolvida ou em desenvolvimento.

      Valerá a pena sim adquirir o Gripen E/F! E no médio prazo participar adquirir um aeronave maior.

      Se não, vamos de Super Hornet mesmo.

      Say no to Rafale!!!

    7. Concordo definitivamentre que o Gripen é um senhor caça. Mas foi um erro da SAAB em tentar criar um caça novo e não ter o foco no potencial de mercado e grana para bancar o desenvolvimento.

      Vejo até com alegria estas notícias da modernização desses caças, pois significa sua evolução, mas vejo com tristeza alguem tentar mostrar isso como um detalhe do caça comcorrente do FX-2.

      O que ocorre na realidade, que pelo tempo, esse NG já estaria voando como NG e não um demonstrador. Isto tudo mostra o quanto o projeto está atrasado e provavelmente, sem um cliente definido, até parado.

      É uma pena,pois pode interrar todo o projeto.

      O que o governo sueco esta querendo é mais do que normal. Está apenas fazendo uma atualização do caça. Com tantos caças disponíveis, com território pequeno, com demanda menor depois da guerra fria e como a suécia não tem intenções de projeção de força, o atual caça com recursos melhorados será suficiente.

      Resta agora a SAAB chorar pelos erros comerciais e pelos gastos inúteis na mídia brasileira.

    8. Olá,

      Mais uma confirmação, a Suecia mais uma vez vai atualizar seus JAS-39 ao longo de mais de 10 anos. Eles possuem mais de 100 Jas-39 A/B e C/D sendo que os A/B já receberam aval para atualizar para C/D.

      É mais uma pá de cal no NG, é só pensar um pouco.

      Mas quem sabe a Suecia não cria o 2º comando aereo só para comprar NGs para agradar o lobby do caça Colcha-de-Retalhos.

      Abraços,

    9. Olá,

      Rodrigo sobre Retrofit no que se refere? não vi nada a respeito?

      Sobre o caça Anglo-Americano, na realidade é o conjuto, com essa atualização e dos A/B para C/D os Suecos estenderam a vida ultil do caça por pelo menos 30 anos e teram mais 100 Jas-39 a disposição, não haverá ou não há espaço para outro caça, dai o mais uma pá de cal no NG.

      Abraços,

    10. Olá, Rodrigo

      Tentei achar alguma novidade que tinha passado batido, mas realmente não achei nada de retrofit na França. Os unicos que vi são da India e de Taïwan, mas imagino que não vem ao caso já que esses paises não vão interferir nos pedidos Franceses de Rafale, nesse momento.

      ????

      Abração,

    11. Ilógico. Por quê a força aéra sueca investe no gripen e não no NG? Será que nem eles acreditam no projeto? Ou é por quê eles querem que algum “pato” pague a conta?

      Se a suécia retrofiar seus gripens, não há espaço para o NG nos próximos 10-15 anos…

    12. A realidade é que nem a suécia acredita nesse gripen ng.

      Com isso espera que este seja empurado pra alguem enquanto adapta nos seus aviões as melhorias necessarias sem riscos.

      Vocês acreditam que a suecia vai comprar esse avião se daqui a 15 ou 20 anos eles podem negociar um avião de 5a geração.

    13. Voce acredita que a Franca vai continuar a comprar o Rafale se daqui a 15 ou 20 anos eles podem negociar um aviao de 5 geracao.

      A Franca esta louca para sair dessa arapuca, dessa sinuca de bico chamada Rafale

    14. É pura bobagem dizer que a Suécia não vai comprar o Gripen NG, que vai se chamar E/F. Eles estão investindo milhões de coroas suecas no novo caça para que?, botar no lixo?. Os caças da versão A/B vão depois de algum tempo ser substituídos, por mais upgrade que existe há o limite estrutural do avião.

      As vezes me impressiono com a quantidade de bobagens sem lógica alguma que saem por aqui.

      O que é verdade. 1) O Gripen esta em pleno desenvolvimento; 2) a Força Aérea Sueca está fazendo vários melhoramento em seus caças e 3) a Suécia vai trocar pelo menos 30 caças das versões A/B por modelos novos e 4) a SAAB já exportou Gripens.

      O resto é dor de cotovelo.

    15. O NG já morreu antes mesmo de nascer, e o JAS-39 Gripen só será vendido para nações que não podem pagar por coisa melhor, e nenhuma nação grande vai compra caças suecos. O maior erro da Saab foi querer desenvolver um caça para exportação de 4ª geração, ao invés de pensar em um caça de 5ª geração tanto para exporta e arranjar uma parceria (que alias perdeu as duas concorrências européias para o F-35), e quanto para substituir futuramente a atual frota sueca. Depois que o NG fracassar totalmente eles vão querer buscar uma parceria para a concepção de um 5ª geração que será lançado quando os 6ª geração já estiverem em operação. Prefiro muito mais o F-18 do que o Rafale, acho que o Rafale será operado por no Maximo uns quatro ou cinco países, França, Brasil, e outros dois ou três países do oriente médio, mais ainda sim será melhor que o Grinpe, a Suécia só vai comprar umas 32 unidades, isso se a Saab conseguir parceiro, se não conseguir a Suécia pode não comprar nenhuma unidade.

    16. Prezado Aham,

      O Gripen NG e o JAS39 Gripen E/F não são o mesmo avião, a estrutura é diferente, parte da aviônica e alguns equipamentos sensíveis.

      Por quê a Suécia não comprará o NG? A Suécia está investindo milhões em upgrades para os Gripens A,B,C e D formando o padrão E/F que deverá ser o responsável pela defesa do espaço aéreo suéco para os próximos 30/40 anos de acordo com a FA sueca.

      O parlamento sueco definiu o orçamento para 100 vetores, atualmente a suécia possui cerca de 130 e está tentando fazer o leasing dos sobressalentes, o restante será modernizado como eu falei anteriormente, sendo assim não haverá espaço para o NG na força Aérea sueca.

    17. Essa (……………) não sabe mais o que fazer para defender seu lider “(…………)” não se conformam com o fracasso do Rafale mas eles vão as ultimas consequencias,o culpado foi “(………..)” e não o GRIPEN nem o F18.Pois é falaram tanto que desta vez o Rafale foi embora.Disseram que ele era o maioral,mas nem a França chegou a acreditar.Motorzinho precisa fazer inalação para pegar acima de 2200mtrs,nem no tranco o bicho pega que merd……

      COMENTÁRIO EDITADO

    18. Cada dia que passa aumenta a impressão que vamos lamentar ter perdido essa oportunidade. Provavelmente daqui 20 anos os foristas da época vão ficar se perguntando porque não entramos nesta…..

      E os remanescentes de 20 anos atrás vão contar uma história sobre um tal ministro da Defesa apaixonado por produtos franceses…

      []’s

    19. Caros Amigos.:

      O “Saab Gripen” além de ser um bom avião e o mais barato e econômico, ainda traria muito mais vantagens a FAB e a Embraer.

      Entre os três concorrentes do FX2 o melhor sistema de data-link é o do “Saab Gripen”.

      Abraços.

    20. “ZE disse:
      26 de maio de 2010 às 14:10
      Voce acredita que a Franca vai continuar a comprar o Rafale se daqui a 15 ou 20 anos eles podem negociar um aviao de 5 geracao.
      A Franca esta louca para sair dessa arapuca, dessa sinuca de bico chamada Rafale”

      Essa “arapuca” desequilibraria a Balança do Terror na AL meu chapa!!! Por favor…algumas figuras dentro da FAB podem espernear, mas essa arapuca é melhor que tudo que nós temos para prover a nossa defesa e “soberania”…
      Essa aeronave não é a mesma “arapuca” que a US NAVY chegou a considerar? Ah…só pra saber…

      “Aham disse:
      26 de maio de 2010 às 14:11
      É pura bobagem dizer que a Suécia não vai comprar o Gripen NG, que vai se chamar E/F. Eles estão investindo milhões de coroas suecas no novo caça para que?, botar no lixo?. Os caças da versão A/B vão depois de algum tempo ser substituídos, por mais upgrade que existe há o limite estrutural do avião. As vezes me impressiono com a quantidade de bobagens sem lógica alguma que saem por aqui.”

      Concordo contigo! E digo mais! Escrevem bobagens e não teem coragem de se mostrar…se escondem atrás de nomes tão ridículos quanto as bobagens que escrevem…

    21. Ze

      A frança usa o Rafale hoje……

      A unica diferença é o Rafale esta pronto…se voa só na frança é outra questão….

      A diferença é que o gripen ainda não esta pronto…..

      Veja a foto da matéria e me diga se não parece igual ao Gripen ng que a saab esta apresentando como demostrador por ai…..esse projeto ainda vai demorar a se aplicar realmente na pratica e ai esta o risco que a suécia não quer correr.

      O problema é que a FAB precisa de um avião capaz agora…….se ela for desenvolver esse projeto do Gripen ng quem garante que ele realmente fique pronto no prazo que estão falando.

      Existem muitos problemas que podem surgir quando se nacionaliza peças e sistemas…..vide os Sukois made in China.

      Eu particularmente sou afavor do Su 35 para podermos entrar no Pak…..mas é certo que isso não vai acontecer, pelo menos não enquanto o molusculo estiver no poder…..

    22. LIVRE PENSADOR disse:
      26 de maio de 2010 às 14:50
      Essa PeTizada não sabe mais o que fazer para defender seu lider “O ILUMINADO” não se conformam com o fracasso do Rafale mas eles vão as ultimas consequencias,o culpado foi “O ILUMINADO” e não o GRIPEN nem o F18.Pois é falaram tanto que desta vez o Rafale foi embora.Disseram que ele era o maioral,mas nem a França chegou a acreditar.Motorzinho precisa fazer inalação para pegar acima de 2200mtrs,nem no tranco o bicho pega que merd……

      Cadê o MODERADOR nessas horas? Não era obrigatório ter Gravatar?

      NOTA DOS EDITORES:
      ELENILSON, NA HORA CITADA, 14h50, O “MODERADOR” ESTAVA OCUPADO ESCREVENDO UMA MATÉRIA NOVA PARA ESTE E OUTRO BLOG.

      É PARA ISSO QUE TENTAMOS ALOCAR O TEMPO.
      E, NO TEMPO QUE SOBRA, “MODERAMOS”.

      DE QUALQUER FORMA, E ATÉ MESMO PARA MUDAR O ASSUNTO, O COMENTÁRIO EM QUESTÃO ACABA DE SER “MODERADO”.

      SOBRE O GRAVATAR, CONTINUAMOS NOSSA CAMPANHA, PERIÓDICA, PARA QUE SEJA CADA VEZ MAIS ADOTADO.

      NÃO SEI SE É PROBLEMA NO NOSSO NAVEGADOR, MAS NÃO ESTAMOS VENDO O SEU GRAVATAR. VOCÊ JÁ PROVIDENCIOU O SEU?

    23. Cada ____________que _______ escreve aqui.
      Uma hora é um falando de coisas sem precedentes (afirmou, coloque a fonte) outra hora é gente misturando com política.

      Cheers!

      COMENTÁRIO EDITADO

    24. “Cadê o MODERADOR nessas horas? Não era obrigatório ter Gravatar?”

      É que o moderador ou ou ainda não viu, ou concorda com o que foi escrito no comentário, que como podemos ver não faz nenhuma alusão (no sentido de propaganda, no caso, contrapropaganda) política, está bem dentro do assunto e está escrito de forma educada (como pregam as regras do blog). Então, pra quê editar isso?

      e sem falar que tem um avatar: o boneco do homem das neves.

      Mas acho que é porque o moderador ainda não viu. Vamos esperar.

      abração

      NOTA DOS EDITORES, OU NOTA DOS “MODERADORES”

      VER NOTA AO LEITOR ELENILSON.

    25. Olá,

      Parabens LBacelar otima colocação:

      1) O NG não é o E/F a estrutura será diferente, nem a SAAB tenta passar essa ideia. Se isso fosse verdade os amigos não acham que eles estariam gritando aos quatro?, já que esse foi um do principal argumento da FAB para classificar o projeto como inseguro?

      2)A Suecia terá que tirar do ar pelo menos 30 JAS-39 C/D já desgastados e estocalos já que eles querem diminuir a força atual.
      Em meus pensamentos eles tem estoque de varios A/B que serão convertidos em C/D(conforme o já noticiado) que subtistuiram os C/D que forem ficando desgastados. Basicamente eles tem e teram caças sobrando. Não há espaço para o NG.

      O Jas-39 é caça ideial para a Suecia por suas dimensões e colocação geografica.

      Abraços,

    26. Obrigado por reforçar o meu argumento Edcreek.

      Se analisarmos bem, já existe o desejo da força aerea sueca, iniciar as pesquisas de um vetor de 5ª geração (assim como há a conversação p/ fazer parte do Neuron) para os próximos 30 anos, ou seja, exatamente depois da faixa de utilização do Gripen E/F…

      Não há espaço para o Gripen NG dentro do inventário Sueco mesmo em caso de guerra, já que o Gripen E/F cumprirá a função. O Gripen NG foi feito para exportação mas até o momento fracassa em angariar compradores, tanto no mercado interno quanto externo.

      abcs a todos

    27. ” ZE disse:
      26 de maio de 2010 às 11:33
      O Processo de Modernização Sueco
      A Suécia adota um processo de modernização de caças praticamente único no mundo. Ao contrário de adotar o princípio de grandes degraus os suecos adotam o processo de pequenas e constantes modernizações e atualizações.”

      Interessante…esse processo foi desenvolvido depois do J-35 e do J-37?

    28. É interessante como alguns ardorosos defensores do Rafale, para depreciar o Gripen, utilizam expressões do tipo “Caça angloamericano”, “colcha de retalhos”, etc. Partindo dessa lógica ilógica deveríamos por em xeque a capacidade da indústria brasileira pois os jatos fabricados pela EMBRAER utilizam motores e sistemas oriundos de outros países como EUA, GB, Israel e até França. A suíte de aviônica do Super Tucano, por exemplo, foi projetada pela Elbit, empresa Israelense. Os motores dos E-jets são fabricados pela GE. e são produtos bem sucedidos. A Jaca, ops, Rafale, que seria um produto “independente” amarga fiasco atrás de fiasco em concorrências internacionais.

    29. Olá,

      Não sou hipocrita, enquanto ver a palavra Jaca por ai, não vejo o porque não usar o termo colcha-de-retalhos e caça Anglo-Americano sendo que são a mais pura verdade:

      Todos sabemos que os estalizadores, radar, turbina, sistema de combustivel, sistemas hidraulicos, sistema de comunicação, sistema eletrico etc não são Suecos, são Ingleses, Italianos, Franceses, Americanos, sem duvida um colcha-de-retalhos.

      Voces tem o seu apelido carinhoso para o Rafale e eu tenho o meu para o caça Anglo-Americano, que se diz Sueco.

      Abraços,

    30. Caros colegas

      A França só voa no rafale porque se ela não voar niguem mais vai voar, e mais, ela não tem dinheiro para compra outro vetor e nem para desenvolver algo que vale a pena.

      Bem que ela anda tentando passar alguem pra traz, digo, vender, mas unico trouxa quero dizer comprador, já esta dando o fora, ou seja está empurrando com a barriga (Brasil).

      Não consegue vender para ninguem, alguns afirmam que para melhorar, ele teria que ser refeito, vale lembrar que, enquanto alguns andam modernizando outros andam refazendo, rafale, soa muito parecido Voces não acham?

      Enquanto isso o aviãozinho que não existe mas, voa, esta aí.
      Rafaletes, não adianta, a Jaca é e continuara a ser Jaca, logico que não por muito tempo, já que não aparece trouxa, quero dizer, comprador, os seus dias parece estar contados.

    31. Caro Ronaldo

      Também acreito que o Brasil não ira voar em alguma coisa que preste tão cedo, agora o Brasil dar uma de esperto isso sim é hilário, principalmente com GF dando palpites tão errados.

    32. Interessante que a 5 maior economia esta com algo na mao torcendo para que niguem mais peça ajuda a UE, e mais amigo, greve na 5 maior ecominia do mundo é a coisa mais frequente que eles tem por lá, até enfermeiro estão pedindo dinheiro para pagar as contas.

    33. Marcos disse:
      26 de maio de 2010 às 18:11

      “ela não tem dinheiro para compra outro vetor e nem para desenvolver algo que vale a pena.”

      Marcos, se a Franca nao tem dinheiro para comprar um outro vetor eu nao sei.

      Mas para comprar o Rafale, ela nao tem.

      Veja bem, a Lei de Programacao Militar da Franca so aloca dinheiro para a compra de 1 (eu disse um) Rafale em 2015.

      Em 2013 vao ser 4 Rafale comprado

    34. Meus caros,

      O Gripen NG e um grande upgrade do Gripen C/D.

      Ele nao tem exatamente a mesma estrutura do Gripen C D.

      Quando pronto, o Gripen NG vai ser chamado de Gripen E F.

      Os atuais Gripen C D vao ser levados para um padrao analogo ao Gripen E F, ou seja, para um padrao analogo ao que se chama hoje de Gripen NG.

      Analogo NAO e IGUAL ja que a referida estrutura nao e a mesma.

      Existe uma compatibilidade de cerca de 50% na estrutura do Gripen C D (mais de 220 vetores ja construidos) e do Gripen NG.

      Ou seja, o recheio do vetor, no que couber sera igual ao do Gripen NG (Gripen E F)

      Como por exemplo todo o sistema eletro-eletronico novo, novos software, computadores…

      Ja existe um Rig para isso desde 2008.

      Ao ser assinado o contrato de compra e venda dos Gripen NG com a FAB, o Governo da Suecia ira se comprometer a comprar 30 Gripen NG (Gripen E F).

      Antes que alguem venha aqui perguntar aquela coisa de sempre, deixe-me responder.

      Nos meses de tratativas, ou seja, nos meses de conversacoes que antecedem a assinatura do contrato, uma ou mais clausulas serao postas no mesmo versando sobre a compra de 30 Gripen NG (Gripen E F) pelo Reino da Suecia.

      E ainda assim, havera gente que ira perguntar

      E se eles nao cumprirem o que foi assinado

      Bem, estamos falando da Suecia, e nao da Bolivia. Nos contratos ha clausulas penitenciais. Ou seja, e simples, nao pagamos pelos avioes e ainda exigimos a multa.

      Nada diferente do que seria com os EUA e a Franca.

    35. “Gostaria de saber oque é aquela mancha preta em baixo dos gripens
      seria algo importante ou apenas a pintura dele”

      Matheus, nao sei se alguem jah respondeu sua duvida, mas vamos lah.

      Ao que eu saiba, eh um “canopi falso”. Na distancia e velocidade, a mancha escura poderia confundir o oponente. Em tese, o oponente nao conseguiria identificar qual a posicao da aeronave e nem avaliar exatamente para onde ela vai virar. Mas isso eh em tese, e nao sei se tem algum valor, ainda que minimo. Inclusive porque o armamento nas asas jah “entrega” qual eh a posicao da aeronave.

      Jah vi F-5 da FAB pintados com este esquema (qndo usavam o cinza claro). Aparentemente nao usam mais.
      https://www.spmodelismo.com.br/howto/am/profiles/F5E.11.gif

      De qquer forma, essa pintura eh usada em algumas forcas aereas. Nessa foto do link abaixo, dah para ver um SH com a mesma pintura. Nessa configuracao limpa, ateh que dah para se enganar mesmo, especialmente em uma rapida “batida de olho”…
      http://www.aereo.jor.br/wp-content/uploads/2009/10/falso-canopy.jpg

      Abs!

    36. A afirmação acima de que a Força Aérea da Suecia não vai comprar o Gripen NG é uma afirmação que violenta a lógica. O desenvolvimento do NG é um projeto do país e não da empresa. Quem paga pela nova versão do JAS é o banco estatal da Suécia (Nordea) e não a SAAB, que gerencia o projeto. O sistema político sueco é parlamentarista e tudo que o governo faz é resultado de uma decisão do parlamento do país. Ao contrário do Brasil, lá o orçamento é obrigatório e não autorizativo. O parlamento decide e o governo faz. O projeto Gripen NG é fiscalizado pela Agência de Administração e Material de Defesa (FMV ), Agência de Investigação de Defesa (LI), Tribunal de Contas da Suécia, Força Aérea e Parlamento. Lá não é como no Brasil, não se joga dinheiro publico no lixo. Ninguém gasta bilhões para uma nova versão de um caça se não vai comprar. É ilógico. E se fizer vai preso.

      Em abril de 2007, o jornal Nyteknik detalhou o Plano de Ação da Defesa da Suécia (MPL), que estipula o planejamento do país por vinte, de 2010 a 2030. Eles destacam o que a Força Aérea Sueca pretende aposentar, se possível vender, 70 aviões das versões mais antigas do Gripen A/B durante a década de 2020 e substituir parte pela nova versão conhecida popularmente como NG. Dos 70 aviões a serem inicialmente retirados, 40 vão ser repostos como novos modelos, aviões construídos. Esta informação saiu da boca do Ministro da Defesa a época, Michael Odenberg e de Håkan Lilac, chefe da defesa aérea. Na reportagem destacaram ainda que o custo de hora vôo é 1/3 menor que o Viggen e que sua hora de vôo e custos de manutenção são metade dos concorrentes mais próximos. Falava-se ainda discretamente sobre a possibilidade de um novo avião de quinta geração.

      O Gripen NG é chamado de cocha de retalhos. Lerdo engano, seu desenvolvimento com a BAE Systems segue a estratégia sueca de reduzir custos e buscar o estado da arte: radar Arthur/ PE491 (com a Noruega), Meteor (França, Alemanha, Grã-Bretanha, Itália e Espanha), Viking submarino (com a Dinamarca) e granadas de artilharia Excalibur (com EUA). A Embraer segue a mesma estratégia e tem aumentado sua participação no mercado mundial com isto. Em economia chama-se de “vantagem comparativa”, como ninguém faz tudo bem, o negócio é ir e comprar/integrar aquilo que os outros fazem melhor. Com isto reduz-se custos e aumenta-se a eficiência. Por que todos os três concorrentes do FX-2 usam processadores Power PC, assentos Martin Baker, etc… Por que o FBW do Rafale é licenciado da HoneyWell? Simples eles desenham e fazem melhor. Hoje o Gripen tem 39 unidades exportadas, devido a crise acho que dificilmente eles venderam novos aviões, talvez consigam exportar os modelos usados com MLU, não sei, o que sei é que a crise está piorando e os orçamentos de defesa europeus vão ser cortados na carne. Aviões de manutenção cara tem a grande possibilidade de ficar no chão, como peças de museu, para apenas serem apreciados.

      A Noruega em face dos atrasos no F-35 pode vir a rediscutir seus planos de compras de caças, como o Gripen era muito bem visto pela indústria do país, fala-se em novas discussões com a Suécia. Tudo ainda muito no início.

    37. Zé gostei da parte ” a Suécia não é a Bolívia”, acrescentaria Paraguai, Argentina e Venezuela. Não vou falar da França porque não vale a pena, basta falar com o pessoal de gerenciamento de material do Mirage III da BAAN.

    38. Edcreek disse:
      26 de maio de 2010 às 17:52
      Olá,

      “Não sou hipocrita, enquanto ver a palavra Jaca por ai, não vejo o porque não usar o termo colcha-de-retalhos e caça Anglo-Americano sendo que são a mais pura verdade:”

      Bom, temos um avião de combate que simplesmente não vende e cujos feitos fantasiosos são apenas produto do marketing do desespero. Assim, a alcunha de “jaca” cai muito bem ao Rafale, que por enquanto produz danos apenas no já combalido tesouro francês.

      “Todos sabemos que os estalizadores, radar, turbina, sistema de combustivel, sistemas hidraulicos, sistema de comunicação, sistema eletrico etc não são Suecos, são Ingleses, Italianos, Franceses, Americanos, sem duvida um colcha-de-retalhos.”

      Como eu já disse anteriormente, por essa lógica ilógica os aviões produzidos pela EMBRAER não seriam brasileiros. O Super Tucano, por exemplo, seria o que? um avião Israelo-Canadense-americano? e os E-Jets? Todos os fabricantes hoje em dia usam componentes de diversas fontes como forma de atingir a economia em escala. E do que adianta o Rafale ser “independente”? é tão caro de adquirir e operar que ninguém quer comprar (se perigar, nem a França).

    39. ZE disse:
      26 de maio de 2010 às 20:40

      “…
      E se eles nao cumprirem o que foi assinado

      Bem, estamos falando da Suecia, e nao da Bolivia. Nos contratos ha clausulas penitenciais. Ou seja, e simples, nao pagamos pelos avioes e ainda exigimos a multa.

      Nada diferente do que seria com os EUA e a Franca.”

      E ficamos sem aviões??!!
      ZE, não é tão simples quanto parece.
      Em contratos desse porte, não há como cancelar e começar de novo.
      Multas ou quebra de contrato não vão fornecer aviões.
      Por isso é que vemos sempre grandes contratos serem “aditivados” para chegar a um resultado.
      Se escolhermos mal, termos que engolir o sapo.
      Isso vale para as três ofertas.
      Abraço,

      Justin

      “Justin Case supports Rafale”

    40. Veja, se a Franca, depois de ter discutido e assinado o contrato conosco nao entregar o produto (Rafale), faremos a mesma coisa, ou seja

      Vamos cancelar o contrato, cobrar as clausulas penais no foro apropriado e ASSINAR com o CONSORCIO QUE FICOU EM SEGUNDO LUGAR.

      So que no mundo real, a Suecia ficou em PRIMEIRO LUGAR.

      Os EUA ficaram em SEGUNDO LUGAR.

      E os Franceses ficaram em ULTIMO LUGAR.

      Se a urgencia for grande, basta comprar um produto (vetor) de prateleira.

      Dessa mesma forma, tanto faz que sejam suecos, franceses ou americanos.

      Se eles nao entregarem o que foi contratado, teremos de qualquer forma de comprar um produto de prateleira.

      Se o seu medo e que a Suecia atrase o Gripen NG, a resposta e ainda mais facil.

      Basta botar no contrato o fornecimento de um lote de Gripen C D.

      Ainda assim, esses Gripen C D seriam os vetores mais capazes da America Latina.

      Lembre-se que os suecos atualizam seus cacas de forma periodica e nao eventual.

      Nao haveria problema para a FAB ja que ela iria operar, no final das contas, um upgrade do mesmo, o Gripen NG (Gripen E F).

    41. hahahahahahahahahahha

      Vocês estão ficando mais engrçados que o “horário eleitoral”
      Proponho as seguintes siglas:

      PSC – Partido dos “Sem Comentários”;
      PPR – Partido Pedintes do Rafale;
      PHS – Partido do Hornet, o Super;
      PSTU – Partido da Saab TUdo de bom;
      DEM – segunda opção pro partido do DEMo.

      hahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha.

      Agora é sério, acho que todos eles tem suas vantagens e desvantagens. Sobre certos pontos de vista essas vantagens e desvantagens trocam de lugar muito facilmente, como já disse depente do ponto de vista.
      Nenhua certeza é absoluta.

    42. OLá,

      Como eu tinha dito o NG nunca será o E/F se isso fosse acontecer a Suecia estaria gritando isso aos quatro ventos, certo?
      Eles seriam no minimo idiotas em não dinfundir essa ideia, se fosse verdade….

      Quem está bancando o projeto do NG é a SAAB, o governo Sueco não investiu um centavo no projeto, todo dinheiro que tem entrado na SAAB via governo Sueco são para atualizações e manutenção do JAS-39.

      Toda via algumas atualizações do JAS-39 devem ser aproveitadas no NG se o projeto for a frente, coisa que não deverá acontecer já que não há pedidos do avião.

      Abraços,

    43. Edcreek disse:
      27 de maio de 2010 às 8:54

      “Toda via algumas atualizações do JAS-39 devem ser aproveitadas no NG se o projeto for a frente, coisa que não deverá acontecer já que não há pedidos do avião.”

      Lembra da marchinha de carnaval “A pipa do vovô não sobe mais”?

      É exatamente isso que ocorre com o Gripen NG, foi um projeto ambicioso, mas que não foi apoiado pelo país de origem. Isso já ocorreu com a SAAB tbm, vide o M-4000.

      A falta de argumento para os “Defensores” da dignidade do caça dos justos que defenderá os fracos e oprimidos em nome de Deus os leva tentar desqualificar o caça francês mas sem razão, pois o Rafale vem se mostrando um dia após o outro, que é um vetor a altura dos mais avançados aviões de 4,5 G senão o melhor da categoria.

    44. LBacelar disse:
      27 de maio de 2010 às 9:15

      Edcreek disse:
      27 de maio de 2010 às 8:54

      Concordo plenamente.
      O Gripen é um excelente caça, mas o NG foi pensado sem levar em contra a estratégia comercial.

      O NG não foi pensado para a defesa interna como o gripen normal. Foi pensado como produto de exportação. Por isso seu governo nem apoia o desenvolvimento. Na realidade querem alguem para bancar.

      Infelizmente a SAAB não tem nem um protótipo para mostrar. Por isso so ficam falando do motor e do que pode ser os sistemas.

      É tarde de mais…..

    45. Quem financia o Gripen NG é o banco estatal da Suecia (NORDEA) e não a SAAB. Os recursos para desenvolvimento do NG são repassados pela FMV, Agência de Administração de Materiais de Defesa, para a empresa. A agencia sueca gerencia todos os programa de defesa para as Forças Armadas Suecas. Se fosse um projeto exclusivamente privado ela não meteria o bedelho no Gripen NG, contudo, eles são os que dão a palavra final em cada etapa de desenvolvimento. Neste site várias vezes informou-se a ação do FMV no processo de desenvolvimento do Gripen NG. Os últimos requisitos de pesquisa e desenvolvimento estabelecidos pela FMV para o Gripen NG são do ano passado.

      “An order was received from FMV for studies of Gripen’s NG future capabilities in 2009. The contract value is MSEK 400”.

    46. “É exatamente isso que ocorre com o Gripen NG, foi um projeto ambicioso, mas que não foi apoiado pelo país de origem. Isso já ocorreu com a SAAB tbm, vide o M-4000.”

      Corrigindo, já ocorreu com a Dassault…

      Robson, concordo com vc, é tarde demais. O investimento feito no NG poderia ser melhor empregado em pesquisas para um vetor de 5ª geração, pois como vetor de 4,5 o NG já nascerá (isso se sair do papel) obsoleto.

      P.S.: Gripen Demo é demonstrador de tecnologia, o NG ainda é projeto de autocad

    47. Não escreva apenas, indique a fonte das informações que você coloca, ou você apenas escreve achismo!!! Acho que se você não indicar suas fontes de informação, só vai parecer que você as inventa, falo isso porque já vi muitos escrevendo a de maneira igual, e quando agente pede para indicar o cara fingem que não é com ele ou fala que não tem para indicar porque são informações antigas.

    48. Até hoje não entendem que o NG proposto pro Brasil precisa ter modificações estruturais pra aumento de alcance e combustível precisando de um protótipo novo com asas e fuselagem maiores…..e ficam se deslumbrando com uma carcaça de Gripen comum recheada de gambiarras chamada Demo NG…

      Esse protótipo vai precisar de muita grana ao longo de uns 6 anos pra testes de vôo com essa aerodinâmica nova e mais pesada….e sem falar no risco New AMX de somente nós operá-lo já que é bem diferente de um gripen comum…

      Verdadeiro pesadelo logístico futuro já que tem pouca comunalidade com gripens comuns…

      Mesma coisa que comparar Hornets com Super Hornets…

    49. Alecsander disse:
      27 de maio de 2010 às 13:39

      Ola, Alecsander.

      Faz muito tempo. Que bom te-lo de volta.

      Por falar em FONTES, voce ja lei o que nos combinamos.

      Eu me lembro de ter dado muitas FONTES acerca da sua leitura.

      Espero que agora possamos conversar em um outro PATAMAR, afinal de contas voce NAO deve estar lendo mais o Jornal O Dia, o site da Record, ou coisa que o valha.

      OBS Continue firme na leitura.

      Como disse o nosso grande escritor, Monteiro Lobato, UM PAIS SE FAZ COM HOMENS E LIVROS.

    50. LBacelar disse:
      27 de maio de 2010 às 9:15
      …..

      “A falta de argumento para os “Defensores” da dignidade do caça dos justos que defenderá os fracos e oprimidos em nome de Deus os leva tentar desqualificar o caça francês mas sem razão, pois o Rafale vem se mostrando um dia após o outro, que é um vetor a altura dos mais avançados aviões de 4,5 G senão o melhor da categoria.”

      Rafale se mostrando dia após o outro? a única coisa que o Rafale mostra dia após o outro é ser um saco sem fundo onde o combalido tesouro francês apenas joga dinheiro já que o avião não vende. Senão Melhor vetor de 4,5G? onde meu caro! não tem radar AESA e, quando receber, vai ser um remendo AESA (antena AESA em um radar já existente), não tem supercruise (EF-2000, Su-35BM e o Gripen NG têm)e cujos supostos feitos são apenas produto de um obscuro blog, advinha, gaulês.

    51. E a jaca, que para voar precisa de um par de motores novos, e ainda sim não parece ser lá essa coisa. Pois de propaganda enganosa a jaca entende né?

    52. Com certeza os novos motores serão mais potentes…
      E de propaganda enganosa a banana gambiarra sueca deu show na nossa imprensa…

    53. Como o outro fã do Grinpe, você des-conversa e não indica a fonte de suas informações, apenas tenta dar uma enrolada e não mostra nada.
      Como é de se esperar.

      Um grande abraço

    54. Olá,

      Só para constar o Rafale opera em navio aerodromo com carga de 9T, enquanto o condenado NG vai operar no maximo de 6T, e não será em aerodromo.

      Os motores atendem a necessidade Francesa tanto que não tem previsão de aumento de potencia, só de economia de combustivel.

      Amigos é matematica basica 9T operando em pista ultra curta de NAe, contra suposto 6T…..

      Abraços,

    55. Quer uma resposta favorável ??
      a jaca existe e evolui……já a banana sueca NewGambiarra morre depois do MMRCA indiano…
      Pare de chorar e conforme-se…

    56. kojak disse:
      28 de maio de 2010 às 16:35

      Quer uma resposta favorável ??
      “a jaca existe e evolui……”
      evolui? Aí é ofender o significado da palavra evolução. Só vai ter remendo AESA(e não radar – Quem tem radar AESA é o F/A-18E/F Super Hornet) a partir de 2012 e o motor é subpotenciaso ao passo que o motor dos concorrentes já entrega 22.000 lbs de empuxo. O SPECTRA e o DAMOCLES são golpes de marketing assim como os supostos feitos divugados por obscuros blogs. E algumas perguntas: qual a capacidade de mísseis ar-ar da Jaca? 06 mísseis. O Gripen pode levar até 08 e o Super Hornet pode chegar a 14 mísseis. A jaca tem supercruise?

      Por fim, e falando no MMRCA indiano, a jaca foi descartada logo de cara e somente foi “reintegrada” ao certame após o chororô dos franceses. É simples assim meu caro: nos países sérios como Coréia do Sul, Cingapura e até Marrocos e Arábia Saudita a Jaca perde as concorrências. Corre o risco de ganhar o FX-2 porque o Brasil não é um país sério
      já a banana sueca NewGambiarra morre depois do MMRCA indiano…
      Pare de chorar e conforme-se…

    57. kojak disse:
      28 de maio de 2010 às 16:35

      Quer uma resposta favorável ??
      “a jaca existe e evolui……”
      evolui? Aí é ofender o significado da palavra evolução. Só vai ter remendo AESA(e não radar – Quem tem radar AESA é o F/A-18E/F Super Hornet) a partir de 2012 e o motor é subpotenciaso ao passo que o motor dos concorrentes já entrega 22.000 lbs de empuxo. O SPECTRA e o DAMOCLES são golpes de marketing assim como os supostos feitos divugados por obscuros blogs. E algumas perguntas: qual a capacidade de mísseis ar-ar da Jaca? 06 mísseis. O Gripen pode levar até 08 e o Super Hornet pode chegar a 14 mísseis. A jaca tem supercruise?

      Por fim, e falando no MMRCA indiano, a jaca foi descartada logo de cara e somente foi “reintegrada” ao certame após o chororô dos franceses. É simples assim meu caro: nos países sérios como Coréia do Sul, Cingapura e até Marrocos e Arábia Saudita a Jaca perde as concorrências. Corre o risco de ganhar o FX-2 porque o Brasil não é um país sério

      Correção

    58. Para o armamento externo, o Rafale possui 14 pontos duros….já a banana sueca tem qtos mesmo???….

      Sem falar na capacidade de carga externa 9 toneladas e meia…

      Em missões de defesa aérea, o avião pode carregar até 10 mísseis MICA…e brevemente operarão os METEORS…Misseis de cruzeiro SCALP e Misseis nucleares ASMP…

      Marketing é esse tal fantasioso supercruise que não convence ninguém…

    59. O que adianta ficar sonhando com SCALP e Meteor, se para nós somente foram oferecidos o Mica e o AASM ?!

      Estes dois que vocês tanto idolatram precisam da autorização dos outros parceiros.

    60. E um dos parceiros do Meteor é justamente a Suécia, que pode facilmente vetar a venda do Meteor para FAB. O Gripen ainda pode utilizar o AMRAAM que, ao contrário do MICA, é reconhecido e provado como um dos melhores mísseis BVR. Jaca levando 10 mísseis? só nos sonhos de seus apoiadores, o máximo são 06 mísseis. Quanto ao Supercruise, o Gripen atingiu Mach 1.2 com 4 mísseis ar-ar, coisa que a jaca nunca conseguiu.

    61. Viu a mosca NG armado com 08 mísseis naquele desenhinho marketeiro da Saab….??
      Se a mosca é capaz de supercruise pq ela não é demonstrada pros indianos???

      Goste ou não…..Rafale pode levar mais amamentos…mais mísseis e tem maior alcance do que a banana….e ainda tem os tanques conformais…

    62. Quanto ao supercruise no Rafale….lê a página 09

      http://www.dassault-aviation.com/fileadmin/user_upload/redacteur/AUTRES_DOCS/Fox_three/Fox_Three_nr_8.pdf

      “The Rafale is ideal for the job, stresses one of the two duty pilots.
      It can climb to 40,000 feet in under two minutes and accelerate
      very rapidly to supersonic speed. More significantly, it can supercruise
      in dry power, even with four missiles and a belly drop
      tank. Endurance is excellent too, and we can stay airborne up
      to two hours with one tank”

    63. “Goste ou não…..Rafale pode levar mais amamentos…mais mísseis e tem maior alcance do que a banana….e ainda tem os tanques conformais…”

      Sinto te decepcionar mas a jaca não leva mais mísseis e nem tem tem tanques conformais.

    64. hms_tireless disse:
      30 de maio de 2010 às 15:41

      “Goste ou não…..Rafale pode levar mais amamentos…mais mísseis e tem maior alcance do que a banana….e ainda tem os tanques conformais…”
      Sinto te decepcionar mas a jaca não leva mais mísseis e nem tem tem tanques conformais.

      Tireless, boa noite.

      O Rafale tem o míssil Mica integrado em seis das suas 14 estações.
      Não creio que alguém apresente requisito para mais do que seis mísseis ar-ar por aeronave.
      Quanto aos tanques conformais, estão disponíveis. Veja no link:
      http://www.dassault-aviation.com/fileadmin/user_upload/redacteur/AUTRES_DOCS/Fox_three/Fox_Three_nr_2.pdf
      Abraço,

      Justin

      “Justin Case supports Rafale”

    65. Na boa gente

      A Jaca depois do MMRCA, junto com sua fabricante Dassault, (a proposito ela já não foi desclassificada?) Correm serio risco de fechar as portas.
      É que ela já perdeu tantas, ou melhor, nunca chegou a lugar algum, que a gente as vezes confundi. Até aqui, ela já esta sendo descartada, e olha, que estava praticamenete certa a sua venda, mas lógico que alguns viram aonde o Brasil iria parar e, como se diz, tá empurrando a Jaca para a ladeira.
      Ou seja o Gripen que não existe voa, apresentou uma nova versão, e mais, está avançando a cada dia (Aperfeiçoando) com sua nova verssão.

      O que acontece mesmo com a Jaca????

      Simples, Não vende
      Niguem quer, nem de graça, por que de graça ela é CARA
      Em toda concorrencia, ela é a 1ª a ser Descartada
      Não tem Radar
      Não tem Motor, ao menos que preste
      Não tem Super Cruiser
      E o Principal, a Jaca não Foi, Não É e Nunca Será um Caça de 5ª Geração.

      E ainda aparece alguns dizendo que está evoluindo, realmente o que leva essas pessoas a defederem essa coisa?????

    66. “O Rafale tem o míssil Mica integrado em seis das suas 14 estações.
      Não creio que alguém apresente requisito para mais do que seis mísseis ar-ar por aeronave.”

      A imensa maioria dos outros caças leva mais de 06 mísseis. A carga padrão do F-15 são 8 mísseis. F-22 Idem. O Super Hornet em configuração de combate aéreo pode levar até 14 mísseis. O Typhoon leva 06 mísseis mas com pesado armamento ar-solo. Já a Jaca leva 06 mísseis em configuração de combate aéreo. Se estiver em configuração ar-solo o total de mísseis cai para 4 ou 2. E o Gripen mesmo sendo menor leva 8 mísseis.

    67. Colcha de retalhos só leva 8 mísseis somente naquele desenhinho tunado pra ìndia…todo pesadinho pra mascarar a mosca….imagino o raio de ação daquele esboço artístico sem alcance nenhum…e se não desmonta no ar…

      Rafale com 14 pontos duros podem levar até 10 mísseis…

      Se duvidam de informações da Dassault…e o que dizer então das Saab…….que merecia um prêmio de cascateiros do marketing….em dizer tanta baboseira mentirosa pra convencer o povão…

      Nem Noruega e Dinamarca caíram nessa armadilha…..e agora tentam nos indianos…

      A banana NG morre e será enterrada de vez após o resultado indiano….nenhum país entrará nesse projeto fiasco…

      Contentem-se com Gripens C atualizados por mais 15 anos…

      Não tem radar nem tem motor???
      Se não tivesse motor não operava em porta-aviões…
      Rafales já se confrontaram com Super Hornets americanos e tiveram vitórias de 6-2…é só vcs pesquisarem já que são tão informados…

      Na última RedFlag os Rafales se destacaram e enciumaram os americanos……já os Gripens fizeram feio como os mais enrolados pra saírem do chão…..demoravam pra dispor 04 aeronaves pra 02 sortidas diárias…até nossos F-5Ms foram melhores…

      Quero ver a cara de vcs nessa Cruzex com Rafales surrando Super Hornets….

      Rafale sempre irá evoluir….F-3+ agora…F-4 depois…

    68. O que adianta ter 14 pontos duros se dependendo da missão o piloto só podera usar e no Maximo 2 ?????
      Rafake veceram os Super Hornets??
      O Rafake ira evoluir F3, F4???
      Na ultima Red Flag se destacou????
      Rafake surrando Super Hornets?????
      Depois dessa, o que dizer ???
      O Jeito é acompanhar o cara, tomar todas, e depois sair falando besteiras; KKKKKKkkkkKKkkkk

    69. A defesa emperdina do Kojak, que toma com verdadeiras as mentiras do gênero: Rafale derrota Super Hornet, Rafale Humilha Typhoon, Rafale destroça F-22….é simplesmente patética por ser a reprodução do marketing de desespero da Dassault. Insiste na falácia de que a Jaca pode levar 10 mísseis quando na verdade só leva 06 mísseis. Por essa e outras que a jaca francesa é carta fora do baralho na concorrência do MMRCA indiano ao passo que o Gripen vem impressionando os indianos conforme o link abaixo:

      Por fim: “Quero ver a cara de vcs nessa Cruzex com Rafales surrando Super Hornets….”

      Aí você acorda. E chora…

    70. __________ são vcs dois….
      Os adoradores da banana estão afim de provocação???
      Principalmente vc Marcos…que tem pinta de _____________ tumultuador que se esconde atrás do pc…

      Desesperados são vcs dois inconformados com a verdade do caça francês ser mais poderoso…maior alcance e armamento…
      Só ver o cockpit do Rafale já se percebe a diferença…

      A notícia da surra dos Rafales sobre os Super Hornets num exercício naval foi comentado até no forum Base Militar Alide…onde tiraram a informação de uma revista americana…

      Forum Strategy Page tem informações interessantes ou procurem alguém da turma da graxa de Canoas pra confirmar a demora dos Gripens…
      Engulam ou não….o Rafale surpreendeu os americanos no RedFlag ….

      Uma boa matéria no Milavia
      http://www.milavia.net/specials/redflag08-4/

      Só aguardar o término deste MMRCA…e ver o lamento dos dois chorões…

      COMENTÁRIO EDITADO
      NOTA DOS EDITORES:
      ESPERAMOS QUE AS PROVOCAÇÕES PESSOAIS E OFENSAS PAREM POR AQUI.

    71. Amigos,

      não haverão combates entre os Rafales e os F15( será a USAF na CRUZEX e não a USN).

      Ambos operarão do lado azul…

      Do lado vermelho em geral fica o 14 da FAB.

      Então parem de viajar…

      Mesma coisa na Red Flag, onde eles operaram como aviões de ataque ao solo.

      Os Rafales nos EUA combateram com F16 e não F18, mas as eternas mentiras se tornam verdades nas mentes doentes dos fanáticos.

      http://www.strategypage.com/militaryforums/6-53228.aspx

    72. Belo argumento Marcos___________________a Dassault é mentirosa…

      COMENTÁRIO EDITADO
      NOTA DOS EDITORES:
      KOJAK, ESTE É O SEGUNDO AVISO PARA PARAR COM OFENSAS PESSOAIS A OUTROS LEITORES. CONTINUANDO, VOCÊ SERÁ BLOQUEADO DO BLOG.

    73. Ahahaha, a super-JACA francesa, que “esfrega” F-22, “massacra” F/A-18E e “detona” EF-2000, hehehehe… 🙂

      Mas que, surpreendentemente, é abatido por F-4 Phantom da década de 70… 🙂

      Impressionante como o Aéreo pode permitir a um sujeitinho __________________e que não agrega nada ao debate, agredir textualmente todo mundo que não concorda com suas propagandas francesas estapafúrdias… Os Editores definitivamente estão muito bonzinhos…

      Sds.

      COMENTÁRIO EDITADO.

      NOTA DOS EDITORES:
      VADER, JÁ DISSEMOS QUE NEM SEMPRE OS COMENTÁRIOS OFENSIVOS PODEM SER VISTOS EM TEMPO REAL. ESPERAMOS NÃO TER QUE CONTINUAR A ESCREVER ISSO.

      E, MESMO SEU COMENTÁRIO TENDO USADO OFENSAS “LEVES”, O EFEITO É SIMILAR, PORTANTO TAMBÉM ESTAMOS EDITANDO. A AGRESSÃO MÚTUA VIRA BOLA DE NEVE E NÃO AJUDA EM NADA O DEBATE.

      CONTAMOS COM A COLABORAÇÃO DE TODOS PARA MANTER O BLOG LIMPO.

    74. ________________________________

      COMENTÁRIO EDITADO

      NOTA DOS EDITORES:
      O LEITOR KOJAK FOI BLOQUEADO DO BLOG POR CONDUTA TOTALMENTE INAPROPRIADA E INSISTÊNCIA EM OFENDER AOS DEMAIS LEITORES, TENDO SIDO AVISADO NÃO SÓ NA DATA DE HOJE QUANTO EM DIVERSAS OCASIÕES ANTERIORES.

    75. kojak, se a foto de um Phantom 3º geração de caças a jatos, com 5 marcas de Rafales de 4,5 geração não quer dizer nada, imagine as suas fotos que são de caças da mesma geração.

    76. Caro “Kojak”

      Você tenta provar a suposta superioridade da jaca francesa colacionando relatos confusos e mentirosos de vitórias inexistentes. Sua postura fanática e agressiva alinha-se perfeitamente ao marketing de desespero da Dassault. Por outro lado temos uma prova cabal de que 05 jacas foram derrotadas por um veterano F-4 Phantom da Luftwaffe. Assim cai por terra qualquer relato de que a Jaca teria derrotado F/A-18E/F, F-22 e EF-2000 pois tratam-se, como já disse, de informações confusas e mentirosas. Por fim, sinto lhe dizer mas o Rafale já perdeu o MMRCA indiano, vai perder nos Emirados Árabes Unidos e no Kuwait.

    77. HMS,

      Você e ninguém possui prova nenhuma de uma vitória de um F-4 sobre o Rafale, somente esse foto pintada na fuzelagem, provas foram postadas acima e aqui vai outro vídeo que PROVA como o F-16 são vistos pelo Rafale. 🙂 E é apenas o Rafale F2.

      http://www.youtube.com/watch?v=a5hFG-hsb6A

      Quanto aos relatos sobre o Rafale x Typhoon, são bem claros 8 x 0 e 7 X 1 nos dois grandes encontros entre os dois caças.

      O resto é papo de torcedor. E como podemos observar quem mente é a SAAB. O resto da torcida azulada fica com raiva, mas não tem qualquer coisa que os apoiem.

      [ ] ´s

    78. “Quanto aos relatos sobre o Rafale x Typhoon, são bem claros 8 x 0 e 7 X 1 nos dois grandes encontros entre os dois caças.”

      Apenas os Relatos de um obscuro Blog Francês ou seja, o mesmo que nada. E afinal, como explicar que o Typhoon, mesmo sendo mais caro, vende mais que a jaca francesa, já que a mesma seria assim tão “superior”?

      “Você e ninguém possui prova nenhuma de uma vitória de um F-4 sobre o Rafale, somente esse foto pintada na fuzelagem,”

      Ao contrário daqueles que irão decidir o destino do FX-2 e escolher o avião que ficou em último lugar na avaliação da FAB, a Luftwaffe é uma força aérea séria, bem treinada e disciplinada razão pela qual qual as cinco vitórias contra a jaca obtidas no exercício Frisian Flag’08 indubitavelmente aconteceram, por mais que vocês protestem. Em tempo: o Correto é fuselagem e não fuzelagem

    79. Toda essa discussao só me fez chegar a uma conclusáo:
      Nada de rafales, gripens ou SH; já q o F-X2 é finado mesmo: a FAB tem é que comprar F-4 Phantom usados (afinal, näo era um sonho antigo da força mesmo 😉 ?) – de preferencia os Phantom da Luftwaffe – Dai assim a gente continua a surrar os franceses nos Cruzex da vida 😀 hehe…

      Sds.

    80. A pergunta que não cala é a seguinte: se o queijo-fedido é tão bom, porque não vende?

      E não adianta botar a culpa “nuzamericanu”, porque ele também perdeu concorrência para os russos.

      E aí? Alguém se habilita? 🙂

      Sds.

    81. E o Gripen NG, vendeu para alguém? E o SH vendeu para quem? Repito essa linha de pensamento não é boa para os outros concorrentes do FX-2, mas para o F-16 que foi desclassificado.

      [ ]´s

    82. Os rosados se desesperam quando vêem um F4…

      Será que os fumacentos motores do F4 e sua RCS de tela de cinema IMAX cegam o poderoso Spectra/OSF/George Foreman Grill ?

      O SH vendeu para a Austrália. Diga-se de passagem, já estão sendo entregues!

      Por incrível que pareça, até aqui onde era certa, cuspida e escarrada a venda da bichinha francesa, ela foi pro saco..

      EAU esqueçam
      Grécia esqueçam..

      Onde mais tem uma venda garantida de Rafales ?!

      Será a maravilha de um usuário só!

      O Prick, honra a sua palavra!

      Você falou que senão saísse nada até 31/05, você não falaria mais de FX2!

    83. Caro KojaK e Editores

      Venho a publico expressar minhas humildes desculpas, poís realmente me excedi, quando passei a provocar e não ha debater de forma mais honrosa.

      Mas, há de se conver que, ambos deixamos de lado o que realmente interesava, que era o debate as noticias postadas, e de, novas que poderiam surgir com os debates e com os colegas aqui presentes.

      Deixamos de respeitar o ponto de vista um do outro e com isso passamos a querer ser donos da verdade (uma imaturidade de nossa parte), pois quase provovamos uma discurção inutil.

      Assim que puder, mande novidades do Rafale, e eu, rafei o mesmo com o Gripen. Quem sabe assim nós podemos a voltar a debater, mostrando o que cada caça esta fazendo de melhor.

      Abraço

    84. Paulo Rick disse:
      1 de junho de 2010 às 13:06
      E o Gripen NG, vendeu para alguém? E o SH vendeu para quem? Repito essa linha de pensamento não é boa para os outros concorrentes do FX-2, mas para o F-16 que foi desclassificado.

      [ ]´s

      Não só a Austrália já começou a receber como está muito impressionada com as suas capacidades. Já começo a duvidar se serão retirados de serviço com a entrada do F-35.

      http://cavok.com.br/blog/?p=12064#more-12064

      É disso que precisamos. Um guerreiro robusto e bem equipado, e não de uma mocinha francesa afrescurada.

    85. Peço desculpas aos Editores por haver me excedido na resposta ao sujeito bloqueado (que seu nick pereça no esquecimento). É que às vezes a gente perde a paciência.

      Sds.

    86. Honestamente, não entendo essa das rafalechetes de negar que o F/A-18E tenha sido vendido. Oras, além de vender e muito para seu país natal, a aeronave já tem uma venda externa confirmada e entregue! É pouco? Oras, pode até ser, mas o fato é que já vendeu, e isso não há como negar.

      Por outro lado, o Gripen já tem trocentas unidades vendidas, e é mais que natural que seu Next Generation venderá tanto quanto, até por ter comunalidade de mais de 50% com as versões anteriores. Ora, a aeronave ainda não está em produção seriada, de maneira que qual a neura?

      Mas e a JACA? O “queijo” é a mesma coisa há trocentos milhões de anos e até hoje só vendeu pra sua pátria-mãe. Mas nem é esse o problema maior: o problema maior é que ele perdeu TODAS as concorrências externas de que participou! Não ganhou nenhuma! Nem uminha! Nem a barbada do Marrocos. E pelo jeito nem mesmo no mais barbada ainda Bralívia!

      Sds.

    87. “Será que os fumacentos motores do F4 e sua RCS de tela de cinema IMAX cegam o poderoso Spectra/OSF/George Foreman Grill ?”

      kkkkkkk

      Justiça seja feita Rodrigo, deve ser trauma da 2ºGM, rssss

      []s

    88. Vader se o NG tiver 50% de peças comuns com o Gripen Legacy vai ser gambiarra..

      Não da para fazer um avião de Próxima Geração aproveitando 50% de peças do antigo.

      Concorda ?

      Ou o Mr.M saiu da Dassault e foi trabalhar na SAAB ?

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here