Home Operações Aéreas Defesa aérea do Báltico: sai o Mirage, chega o MiG

Defesa aérea do Báltico: sai o Mirage, chega o MiG

469
25

MiG-29 e Mirage 2000 C - foto Armee de lair

No revezamento da OTAN para a defesa aérea dos Países Bálticos, chega a hora dos MiG-29 poloneses. Destacamento francês de Mirage 2000 C cumpriu a missão por 4 meses.

Em 30 de abril, o destacamento francês do Esquadrão de Caça 1/12 “Cambrésis” (da Base Aérea 103 de Cambrai), que nos últimos quatro meses manteve quatro aeronaves Mirage 2000 C em missão de defesa do espaço aéreo dos países bálticos (Lituânia, Letônia e Estônia), transferiu a missão a um destacamento polonês, em uma cerimônia realizada na Base Aérea de Siauliai (no norte da Lituânia).

Nos quatro meses em que assumiram a defesa do espaço aéreo dos três países bálticos (que é feita em rodízio por países da OTAN, cobrindo uma lacuna enquanto esses três países, novos membros da organização, adquirem a capacidade de realizá-la sozinhos), foram realizadas 162 missões e acumuladas 462 horas de voo. Isso representa, em média, 115 horas voadas por caça durante os quatro meses ou aproximadamente 29 horas por mês.

Em coordenação com a Força Aérea da Lituânia, foram realizadas diversas missões comuns com o objetivo de treinar pilotos franceses, lituanos, além de controladores de defesa aérea dos centros de Kaunas (Lituânia) e Amarii (Estônia). A França já havia assumido essas missões em um período de 2007, e o revezamento deverá levar novamente um destacamento do Armée de l´air à Lituânia em 2011 (para mais detalhes sobre essas operações, condições meteorológicas adversas, além de outros países que também já cumpriram a mesma missão, clique nos links ao final desta matéria).

Passagem simbólica - foto Armee de lair

Cerimônia transferência Def Aerea do Báltico - França Polônia  - foto Armee de lair

A missão, que faz o papel de patrulhamento aéreo da Força de Reação Rápida da OTAN (QRF – Quick Reaction Force) passa agora para o Contingente Militar Polonês (Polish Military Contingent – PMC) ORLIK 3, cuja responsabilidade irá até 31 de agosto de 2010. São quatro caças MiG-29 do 1º Esquadrão Aerotático, apoiados por pessoal de terra e técnicos da 23ª Base Aérea de Minsk Mazowiecki, sob o comando do Tenente Coronel Robert KOZAK, que é o comandante do 1º Esquadrão Aerotático.

Trata-se do 25º revezamento para esse tipo de missão sobre os países bálticos, iniciado em 2004, sendo que a Polônia já participou duas vezes, em 2006 e 2008. Como preparação, foram realizados treinamentos iniciais entre 6 e 15 de abril (segundo informe da Força Aérea Polonesa, apesar da comoção nacional na Polônia devido à queda do avião de transporte que matou diversas autoridades entre elas o presidente do país) e, na fase final, foi realizado o exercício de certificação “JASTRZAB 10”, que testou a prontidão dos pilotos e das equipes de terra, além de procedimentos de comunicação e de procesaamento de dados. O exercício envolveu diversos cenários, incluindo interceptações.

Esquadrão de MiG-29 para a Defesa Aérea do Báltico - foto Força Aérea Polonesa

Esquadrão de MiG-29 para a Defesa Aérea do Báltico - foto 2 Força Aérea Polonesa

Esquadrão de MiG-29 para a Defesa Aérea do Báltico - foto 3 Força Aérea Polonesa

FONTES / FOTOS: Força Aérea Francesa (Armée de l´air) e Força Aérea Polonesa (Siły Powietrzne)

VEJA TAMBÉM:

25 COMMENTS

  1. Verdadeiro sinal dos tempos, um caça russo, com as cores do país cuja capital dava nome a aliança militar anti-OTAN, defendendo uma ex –republica soviética contra a própria Rússia, a serviço da própria OTAN.

    E ainda tem gente que afirma que os ianques não venceram a Guerra Fria.

    []s

  2. Sai Mirage 2000 e entra MiG-29, tenho ctz que a região estará em boas mãos.

    Interessante na 1° foto, a fumaça dos MiG em comparação com os Mirages.

    vlw

  3. Alguem sabe me explicar o que é aquele “ar condicionado” no assento traseiro da ultima foto? É para ventilação? Creio que não tenha muita utilidade la no hemisferio norte… hehe

  4. Gutex,

    O “ar-condicionado” eh aquela placa acima do canopy? Se for, deve ser o “periscopio”, que nada mais eh que um cj de espelhos para dar melhor visao de voo para o piloto do assento trazeiro; util especialmente nas decolagens e pousos. Quem manja bem que me corrija, please!

    Abs!

  5. Sim, é um periscópio para melhorar a visão frontal do assento traseiro. Realmente interessante a fumaça dos Migs comparado com os Mirages.

  6. Galera, me desculpem, mas este dispositivo não pode ser usado durante o voo!Não é aerodinâmico, e somente provocaria um arrasto, se o mesmo não for arrancado com a velocidade do vento.

    Abraços

    Paulo

  7. Nossa, como os motores russos dos Mig são poluentes hein !!

    Durante a guerra do Vietnam, os F-4 apresentaram este problema, e por isso eram facilmente encontrados pelos MIG, não que isso significasse muito no resultado do dogfight !!!

  8. Fumaça em demasia, depende da versão da RD-33, usada. A versão MK, em uso no MiG-35, não faz fumaça alguma (como se percebe nas imagens desta aeronave).

    Os europeus e a OTAN, deveriam financiar as nações bálticas, para que tivessem suas respectivas Forças Aéreas. Se for recurso, o fator impeditivo, que financiem através de uma linha de crédito especial, com longo tempo de amortecimento.

    É bem verdade, que a Europa está numa “barafunda”, devido à crise do ano passado e do colapso grego (com Portugal, Itália e Espanha, na fila), mas ainda assim, com boa vontade, haveria de se poder construir uma solução. Não são os estados bálticos, os mais quebrados da Europa (como se percebe, a partir do… Mediterrâneo – o capitalismo, como se sabe, é perfeito, hehe).

  9. Só para lembrar: alguém já viu a imagem de um F-4, em vôo, contrastando com um céu azul?
    Fumaça para que te quero!
    E o nosso A-1, motorizado pela amadíssima “Spey”? Carvão no céu!

    É uma característica dos motores da época.

  10. “…(como se percebe, a partir do… Mediterrâneo – o capitalismo, como se sabe, é perfeito, hehe)….”

    Por que já não aproveitam e pedem ajuda para rearmar os paraísos comunistas e completar a bomba atômica iraniana ?!?!?!

    E o capitalismo é capaz de se reinventar. Há crises e soluções são encontradas e vamos tocando. Nada mais humano…..

    Engraçado é o maior país comunista do mundo exigir ser reconhecido como economia de mercado.

    E em Cuba, Coréia do Norte, 97% da população chinesa etc a população nem reclama mais, a crise é permanente. Para a população em geral é claro, não para os dirigentes…..E são os barquinhos improvisados que ainda abandonam os “paraísos” em direção à decadência capitalista….

    NOTA DOS EDITORES:
    SOLICITAMOS A ANTONIO M E A ILYIA PARA NÃO DESVIAREM O TÓPICO.

  11. A única coisa que posso dizer é que esses MiG29 são lindos…

    Se o que os franceses dizem é verdade (avião bonito voa bem), esses MiGs devem ser fantásticos em combate.

    Abraços sinceros e fraternais a todos.

  12. Mig 29 frente a F-16 e F-15, com pilotos alemães na nacele, simplesmente arrasaram com os pares americanos em DF, com canhão, em exercícios de 1991…, a capacidade de apontar o “nariz” do mig-29, para colimar o canhão, surpreendeu os americanos… nenhum dos Fs tem esta capacidade… mas o que isso importa, agora, onde o canhão virou arma de auto-defesa e não de uso tático efetivo?

    Sds!

  13. Nunão: no último parágrafo, teria que arrumar para “Certificação JASTRZAB 10”.

    No mais, teve algum motivo específico para levar os MiG-29 ao invés dos F-16 Block52?

  14. Realmente as turbinas russas antigas não eram bem optimizadas para baixas altitudes, pelo menos boa parte dos seus modelos.
    Gutex, se está se referindo aos orifícios, é para exaustão dos gases do canhão.

    Chicão, ainda é uma boa aeronave o MiG-29. Os combates aereos em par de igualdade tecnica/instrucional muitas vezes vão irão desaguar nas ER WVR, mísseis de longo alcance lançados além-do-alcance-visual não são suficientes para engajar caças adversários com suítes eletrônicas avançadas, táticas de evasão apuradas e armamento semelhante. Aí, no WVR o MiG-29 leva vantagem com sua capacidade de engajar alvos com mísseis IR fora das 12hras e sua alta-manobrabilidade.
    Ainda é um caça com vida para dar (o F-5 o é, imagine…).

  15. Acho que estes MIG são mais bem armados e sofisticados que os Mirage 2000.

    Quanto deve custar uma operação dessas?

    Ps: O MIG-29 é Lindão!

  16. “bbc_poa disse:
    4 de maio de 2010 às 13:04”

    Obrigado bbc_poa, realmente estava grotesco.

    Sobre os MiG, eu achava que desta vez seriam mandados F-16, pois recentemente estes fizeram um exercício conjunto de interceptação junto com os caças franceses que defendiam o Báltico (ver primeiro link ao final da matéria). Imaginava que já era uma preparação para o envio dos mesmos.

    Mas foi mantida a “tradição” dos dois últimos revezamentos em que a Força Aérea Polonesa cumpriu essa missão no Báltico utilizando MiG-29. Devem ter seus motivos. Se tivesse mais tempo, pesquisaria sobre isso porque despertou a curiosidade, mas, como meu próprio erro grosseiro de digitação denota, o tempo tem estado muito curto pra mim.

    Quem quiser pesquisar a respeito, pode ficar à vontade. Isso só vai acrescentar a um dos aspectos do debate que a matéria pode incentivar: o emprego dos MiG-29 e dos F-16 na Força Aérea Polonesa, desde a chegada deste último.

    Saudações!

  17. Duas turbinas fazem mais fumaça do que uma mesmo…
    A maioria dos motores fazem fumaça em um regime de võo,
    a maior parte em baixa velocidade,que não será usada em combate.
    A turbina do A-1 esta sendo atualizada com fadec,controle eletronico
    e esta sendo reprojetada a camara de combustão para diminuir a fumaça
    do motor atual.

  18. Os Mig-29 eram da antiga RDA,que foram agregados a Alemanha,
    apos a queda do muro de Berlim.Me parece duas duzias de Mig-29,
    e alguns destes foram para foram para a Red Flag na epoca ,e se sairam muito bem,com a mira no capacete,e os misseis da Vimpel.
    Dai foram comprados mais Mig-29 de paises da Europa Central
    para se formarem esquadrões agressors,tem foto sobre isto.
    Apos isto os Mig-29 alemães foram doados para a Polonia e atualizados para um padrão melhor,e atuam na defesa aerea da Polonia.

  19. “””defendendo uma ex –republica soviética contra a própria Rússia”””

    Comentário póstumo: Ate parece que Russia está preocupada em atacar esses paisinhos miseráveis. Ela tem coisas bem mais importantes para fazer. A visão de que a Russia quer esses paises miseraveis de volta é visao da guerra fria.
    Contanto que as minorias russas ali não sejam agredidas… mas as coisas ali já foram superadas.
    Os Migs estãon lindos mesmo !

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here