sexta-feira, maio 7, 2021

Gripen para o Brasil

Aeronáutica se recusará a mexer em relatório que aponta a compra de caças suecos

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Gripen NG lançamento 1

vinheta-clippingBRASÍLIA – O comando da Aeronáutica não aceitará modificar a conclusão do relatório da concorrência do programa FX-2 para excluir a classificação que colocou em primeiro lugar o caça sueco Gripen NG, da Saab. O ministro da Defesa, Nelson Jobim, prefere a proposta do governo da França e tenta negociar com a FAB um texto que não seja tão taxativo. Apesar de insistir em manter o resultado de sua avaliação técnica, a Aeronáutica está disposta a acatar a opção política do governo, que pode levar à compra do francês Rafale.

Mas a FAB não quer transformar seu relatório em peça apenas consultiva. Avalia que a decisão sempre foi do presidente. Os três países concorrentes sabem disso e fizeram seus lobbies. O relatório da FAB foi concluído em outubro e não foi oficialmente entregue à Defesa.

Para analisar as propostas dos três consórcios que disputam o negócio – além dos franceses e dos suecos, os Estados Unidos também participam da concorrência -, a FAB avaliou seis quesitos. Deu maior importância para as propostas de logística, técnica e de custo operacional, cada uma com 20% de peso na avaliação final.

A Aeronáutica pressiona o governo usando argumentos financeiros, porque os caças voarão por 30 anos a partir de 2014, atravessando sete mandatos presidenciais. Entre os concorrentes, o preço mais alto seria o do Rafale. A França prometeu uma melhora significativa no preço. Ainda assim, o Rafale ficou em último lugar, atrás do F/A-18 da Boeing.

Os demais quesitos avaliados pela FAB foram a transferência de tecnologia e risco (15%), as contrapartidas comerciais (15%) e o gerenciamento do programa (10%). O governo solicitou o cancelamento desses diferentes pesos, cruciais para a pontuação final, o que abriria margem interpretativa sobre quem foi o vencedor.

Amorim: “Não é decisão exclusivamente militar”

Em Genebra, o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse que será política a decisão final sobre a compra dos 36 caças. Segundo o ministro, a definição será dada pelo presidente Lula e por Jobim.

– Vamos levar em conta as questões técnicas, mas a decisão final cabe ao ministro da Defesa e ao presidente da República. Não é uma decisão exclusivamente militar. É uma decisão política – afirmou o chanceler, em entrevista ao lado do ministro de Negócios da Palestina, Riad Al-Maki.

A Saab e a Dassault declararam que aguardam a notificação da FAB e a decisão final do governo. A Boeing, em nota, destacou que sua proposta não apresenta riscos em seu cronograma de entrega e na cotação de preços – uma crítica indireta, também já lançada pelos franceses, de que o Gripen NG é um protótipo e pode sofrer atrasos na entrega e acréscimos de preço.

O governo só pretende retomar o assunto a partir da próxima segunda-feira. O Congresso já começa se mobilizar.

– Não tenho dúvida de que a oposição vai explorar essa suposta contradição entre o parecer técnico e a escolha política. Mas o fato é que os três caças são adequados para o país, e a França garante a transferência de tecnologia, ponto fundamental para o Estado – disse o petista João Pedro (AM), da comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado.

Para o presidente da comissão, Eduardo Azeredo (PSDB-MG), Lula precisa decidir logo.

– O posicionamento da FAB deve ter o maior peso. O governo já fez o estrago com sua precipitação política. O que não se pode mais é postergar a decisão. A compra precisa ser feita.

Gripen NG lançamento 2

FONTE: O Globo / FOTOS: Gripen International

- Advertisement -

135 Comments

Subscribe
Notify of
guest
135 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Danilo

Parabéns à Força Aérea pela decisão de não se submeter a interesses subalternos de quem quer que seja, sendo leal somente ao Brasil e ao povo brasileiro. Com essa decisão está demonstrando ser a instituição que o povo brasileiro sempre confiou.

Humberto

Se a reportagem estiver certa, de que o relatório não vai ser mudado para ser mais palatável ao governo, dá para entender os motivos do mesmo ter vazado para a imprensa.
Abraços
Humberto

Antonio M

Putz! O Celso Amorin também vai se meter nessa estória? Nem da diplomacia ele sabe cuidar direito …….

Chacal2011

Se esse fosse um país sério no que se diz respeito a defesa nacional,teriamos comprado logo uns 24 su35,e estariamos desenvolvendo o pak-fa com os russos e indianos.
Ou no mimímo estáriamos fazendo nossa própria aerononave do “zero”.

Corsário01

A FAB já foi obrigada a recuar. Infelizmente!

fredy

Acredito que qualquer uma das três aeronaves atende as necessidades brasileiras. Porém, fica difícil aceitar que o governo não siga as recomendações contidas no parecer técnico proferido pela FAB. Ora, são os militares que vão operar e manter a aeronave com os escassos recursos destinados a área de defesa no Brasil. Com certeza eles devem saber qual o vetor mais adequado a realidade brasileira. Não sei se alguém percebeu, mas o Brasil deve ser o único país do mundo em que os militares optam por adquirir um equipamento mais barato enquanto o Governo faz de tudo para comprar o mais… Read more »

DV

A FAB não tem que querer, tem que respeitar a cadeia de comando. Tem que apresentar o relatório como for solicitado. Não votei no atual presidente e não tenho simpatia pelo Ministro da Defesa, mas comando é comando; gostem(os) ou não.

A verdadeira lealdade ao povo brasileiro só pode se traduzir no respeito à Constituição.

Se o meu candidato vencer as próximas eleições para presidente, quero que seja ele a decidir e implementar a política de Defesa – com continuidade dos projetos atuais -, não a FAB.

Inquiridor

Esta é uma excelente oportunidade para o presidente Lula demitir toda cupula da aeronautica, Nelson Jobim junto.
A decisão final será politica e segue a Estratégia Nacional de Defesa: se a proposta dos suecos for melhor em termos de transferência de tecnologia avançada do que da França, eles serão os vencedores. O mesmo vale para a França, desde que o fabricante cumpra o que Sarkosy andou prometendo: baixar o preço e comprometer-se por contrato com transferência de tecnologia.
O resto é conversa de botequim dentro de redações.

Colt

90% da matéria é pura especulação.
” a FAB não quer transformar seu relatório ” – quem disse isso?
” O comando da Aeronáutica não aceitará modificar ” – quem disse? o comandante? um porta-voz?
” A Aeronáutica pressiona o governo usando argumentos financeiros…” quem disse isso? quem falou ? (além da afirmação ser irreal, a Aeronática “pressionar” o governo, que é quem manda inclusive financeiramente).
Acho interessante que as pessoas leem o que está no jornal e prontamente acreditam.
É o que sempre digo, devemos criticar tudo que lemos.
[]s

Antonio-SU

Quem vai comandar(pilotar) os caças são os pilotos da FAB ? ou será o Presidente,Ministros ou Politicos, esta dita escolha politica é mais uma das tantas trapalhadas feitas por nossa diplomacia.Em enquetes feitas com os pilotos da FAB deu como melhor caça para o Brasil o Sukhoi SU-35BM (U$ 60/caça) que é superior ao F22 da USA, mas este foi excluido da concorrencia por pressão politica externa,pois todos sabem que se o SU 35 participasse,não teria pra ninguem.

Inquiridor

Esta é mais uma crise gestada pela midia. Lembram a crise da febre amarela? Quando milhares correram para tomar a vacina sem necessidade e alguns acabaram morrendo vitima da reação q

F.Caetano

“O relatório da FAB foi concluído em (OUTUBRO) e não foi oficialmente entregue à Defesa.”

OUTUBRO??? Será mesmo?
Não foi oque disse dias atrás a (FAB) em nota oficial…
Por aí já dá pra ter uma noção da veracidade dessas informações…
Sds.

grifo

“A FAB não tem que querer, tem que respeitar a cadeia de comando. Tem que apresentar o relatório como for solicitado.” Acho que vale a pena esclarecer algumas coisas, DV: – O Ministro da Defesa não está na cadeia de comando. Os comandantes das forças respondem hierarquicamente diretamente ao Presidente da República. Existe uma proposta no Congresso para mudar isso, mas hoje é assim. Se quiser leia a Constituição. – O Presidente Lula nunca deu nenhuma ordem para que o relatório seja assim ou assado. E ele sempre esteve informado do andamento do processo. – Existe um processo legal sendo… Read more »

Wolfpack

Bom dia!!!
Alguém sabe me dizer porque os Gripen C/D nunca mais apareceram em operações como as Red Flag da vida????? Por que não foram para os Emirados Arabes Unidos e a Iron Falcon??????

Lembram deste post abaixo:
http://www.aereo.jor.br/2008/10/31/o-gripen-na-red-flag/

Antonio M

Agora a culpa das falas do próprio LuLLa é da imprensa? Vão culpar a imprensa pelas declarações em 7 de setembro do sr. LuLLa que são as grandes culpadas por toda a celeuma criada em torno do FX2?

Bastava Lulla ter ficado quieto ao invés de anuncia o vencedor naquele dia e deixar o processo correr; apesar de como eu disse no post anterior, para que gastar tanto tempo em análise técnica se a decisão sobre a compra seria política?!??!?

Wolfpack

Grifo lembre também ao Lula que existem leis militares e de concorrência que impedem vazamento de relatórios secretos…

Wolfpack

Já mandei um email hoje para a estupida da Eliane Catanhêde que deve estar recebendo um salário polpudo da SAAB, assim como seu colega Igor Gielow sobre as besterias publicadas hoje na Folha de São Paulo. Colocar o raio de combate do Gripen NG maior que o dos F18E/F e Rafale. Pelo amor de Deus, foi a gota d`água. Estes caras estão mal intencionados com certeza e ferraram com o FX2, pois vazaram informação sigilosa.
R.I.P FX2. SU35 BM já!!!! Três pelo preço de um…

Paulo Silva

Caros amigos,se o sr. lula e o sr. Nelson Jobim, querem o Rafale, que é um excelente, mas também é o mais caro de comprar(será que realmente vão dar um desconto de 40%?), e de operar.É bom também aumentar e muito, a verba para que este lindo caça, não virar uma “rainha de hangar”. A FAB, no futuro, não pode ser acusada de ter escolhido errado o futuro FX!!Ela mostrou muita coerência em sua escolha!

Abraços

Paulo

Humberto

Caro DV, Concordo que as FFAA tem que ter respeito a constituição, e sendo o Lula (q tb não votei nele) o nosso presidente, a decisão dele é soberana (até os limites da constituição). Ótimo, mas a FAB tem sim o seu poder discricionário, ou seja, pode e deve fazer as coisas com a sua autonomia (limitada e autorizada nas leis é claro), ou seja, na minha OPINIÃO pode apresentar o relatório que quiser, Lula não gostou, ele como presidente pode sim atropelar o mesmo e a FAB aceitar com o rabo entre as pernas a decisão do Home..Ou o… Read more »

JC

“Sukhoi SU-35BM (U$ 60/caça) que é superior ao F22 da USA”

ai……..

grifo

Wolfpack, você está certíssimo. Eu achava que tinha sido alguém de fora que tinha vazado, mas depois da reportagem de O Globo de hoje eu não sei.

Justin Case

Amigos, Interessante é notar que, com a avaliação distribuída em diversas áreas, é possível compensar deficiência em algumas delas com notas superiores em outras. Por exemplo: O NG pode compensar parte do alto risco e menor desempenho com custos mais baixos. SH pode compensar baixa transferência de tecnologia crítica com menor risco logístico. Rafale pode compensar preços mais altos com desempenho operacional e transferência de tecnologia crítica. Importante é também verificar que nenhuma das áreas, por si só, é determinante. Vejam que o valor da oferta comercial (incluindo o custo de operação) vale apenas 20% do resultado. Isso tudo se… Read more »

Justin Case

Continuando… Analisando o artigo com mais profundidade, levanto a possibilidade de algumas incongruências sobre os itens avaliados: LOGÍSTICA: Ok TÉCNICA: Tradicionalmente é técnica (tecnologia) e operacional (desempenho). CUSTO OPERACIONAL: Tradicionalmente é custo do ciclo de vida, que engloba custo de aquisição e de operação (custo logístico) TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA E RISCO: Não tem nada a ver um assunto com o outro. Risco deve ser o foco da análise e reflete as incertezas de cada área. Transferência de tecnologia está normalmente associada ao fator industrial e/ou offset. CONTRAPARTIDAS COMERCIAIS: Off-set (sem custos). Normalmente também engloba a transferência de tecnologia. GERENCIAMENTO DO… Read more »

JC

Eh tanta contrariedade nas noticias q saem… Acho q os jornalistas estao perdidos como nos, tendo como fontes muitas pessoas q talvez nao saibam direito o q ocorre. E, como estamo no pais da bagunca, provavelmente o programa tb esteja baguncado, pelas pressoes do governo, dos fabricantes, de grupos dentro da aeronautica q pensam diferente…vai saber. Soh esperando mesmo. Apesar dos pros e contras, concordo com o Justin…qq um deles tah bom pra quem tah a peh. Ateh mobilete. Soh espero q o futuro governo roube menos (ateh parece…) e use nosso dinheiro onde deve, inclusive na defesa. “JC is… Read more »

URUTAU

Bom dia senhores Continuo a ficar estupefato quando por diversas vezes me defronto com comentarios de alguns ilustres senhores colegas de blog tentando rebater e até mesmo por vezes procurando dar aulas tecnicas ou sobre legislação militar aos amigos Grifo e Sirkis realmente este tipo de acontecimento se faz hilario se estes referidos ou supra citados senhores soubessem quem na realidade são Grifo e Sirkis os mesmos ao contrario do que via de regra fazem bateriam continencia para os dois Logico e afora este detalhe tudo isto deveria ser devidamente acompanhado de PARDON MONSIEUR SORRY MRS ME PERDOE SENHOR etc… Read more »

Antonio D'Almeida

Caro DV Como vc disse??? “Tem que respeitar a cadeia de comando”??? Quem vai fazer isso o LuLLa, lider sindical que nunca respeito nada, sempre esteve acostumado a ganhar no grito, na truculência? Um verdadeiro líder, não precisa saber e conhecer tudo! Precisa se cercar dos melhores, ter firmeza e principalmente passar confiança a seus comandados. Esse perfil se enquadra muito mais nos militares que nos políticos, insdiscutivelmente. Por pensamentos iguais aos seus e infelizmente a maioria dos ileterados brasileiros, os conceitos de ética, moral, civismo e soberania que deveriam embasar a formação de nossa explorada nação, nos encotramos na… Read more »

Francisco AMX

NOTÍCIA REQUENTADA E PATÉTICA!

Francisco AMX

A FAB perdeu o já cambalido respeito que eu tinha pela sua eficiência real! tomara que eu mude de idèia… mas parece que ela se nivelou mesmo aos políticos! e demonstra maior interesse comercial que de defesa! escolhendo um caça que não existe, que é altamente arriscado em custos finais e de prazo, é é o menos capaz dos 3… certamente vai sobrar mais para outras coisinhas… e mais é claro para os “Parceiros” fabricantes, absorventes e etc… etc…

Uma lástima!

Sds!

grifo

Caro Urutau, agradeço as palavras gentis, mas sou apenas um diletante. Ninguém precisa me bater continência.

Felipe Cps

DÁ LOGO O QUE A FAB QUER SUA MULLA!!!!! 🙂 GRIPEN NG PRA FAB!!!

E DÁ-LHE CHORO DA VIUVADA, rsrsrsrs…

JC

“certamente vai sobrar mais para outras coisinhas… e mais é claro para os “Parceiros” fabricantes, absorventes e etc… etc…”

Francisco…se com os suecos, q sao dos povos menos bandidos do mundo, jah provavelmente teremos umas maos molhadas…imagine com o Rafale. Independente das qualidades do aviao e da tt, soh pense que os politicos querem Franca. Se os politicos querem Franca, sem falar numa certa empreiteira, pode apostar que eh dali que vira a maior sacanagem financeira.
Repito, soh to analisando o lado da corrupcao mesmo, nao to questionando lado tecnico nao. Ainda sou mais o SH 🙂

MichelLineker

Eu sou um entusias bem ignorante mas gostaria que o amigo Antonio-SU me explicasse esse negocio do SU-35 ser superior ao Raptor.

Antonio M

E o presidente fala facilmente em decisão política para gastar os tubos pois o dinheiro não é dele, o dinheiro é público e isso tem valer para tudo que se refere ao Estado, para a educação, saúde, infraestrutura.

A FAB foi muito mais coerente.

Billy

Até quando o Brasil vai aturar o PT, estes bandidos autoritários e revanchistas? LULA a todo custo quer empurrar o pior produto que só prejuízos trará a FAB.
Relatóroio da FAB:
1º GRIPEN
2º F 18 E
ultimo lugar: RAFALECO

Dodomaha

Deixa eu entender uma coisa….
A decisão sobre os caças, submarinos, tanques, helicóptero etc etc etc vai varar uns 10 mandatos presidenciais, certo??
Como pode, então, essas decisões serem governamentais?? Isso não faz o menor sentido na minha cabeça. Daqui a 1 ano muda o governo, e aí??
Não deveriam, essas decisões, serem tomados pelo Estado??

Flal

Se alguém do comando da FAB se recusasse a alterar o relatório, simplesmente seria substituido. Infelizmente é isso que ocorre, seja na FAB, na MB ou no EB.

Por isso, essa noticia não parece ser verdadeira.

Se a decisão é politica, ela já foi tomada, devem estar apenas aguardando detalhes pendentes.

ZE

Aqui vai um post roubado do amigo Asimov. Grande post, Asimov!!!

FLIGHT INTERNATIONAL, 13 September 1986:

http://www.flightglobal.com/pdfarchive/view/1986/1986%20-%202402.html?search=RAFALE

– Os franceses tentaram parcerias com os americanos para o programa Rafale, notadamente com a Northrop

– Conversaram com a Embraer

– Convrsaram com Indonésia

– Conversaram com a Bélgica, Dinamarca, Grécia, Holanda e Noruega

Ou seja, o encalhe vem do berço

PS: Como é que eu coloco link aqui usando o Windows 7? Alguém poderia postar o link de forma correta?

[]s

Bin

Su-35 superior ao F-22 aiai….., a novela continua,PSDB , DEMO nunca +

Francisco AMX

Felipe, o Gripen deste ângulo deu uma melhoradinha… mas ainda parece um treinador… rsrsrsrs

Francisco AMX

A FAB quer continuar a ser embargada! quer comprar tecnologia americana, e não dos americanos diretamente, deve estar achando que o Tio do Norte não irá perceber!… vai tomar mais embargo na cachola!

70 milhões por um caça mono? compra logo o F-16B60 que é mais barato em tudo poh! esta FAB me derruba os butiá do bolso!

Guilten

Vocês ficam depreciando o Rafale e no final das contas terão que engolir o mesmo na FAB. Esse FX2 está um carnaval digno de nota, a cada hora presenciamos a demonstração de saber de um expert, seja ele ministro, repórter ou o próprio presidente. Se o Brasil realmente fosse um país sério, essa compra seria pautada por princípios lisos e não inócuos, como a vontade de um senhor, que dentro em pouco estará saindo da presidência. O problema é que a celeuma se deve ao fato que todo mundo, do soldado ao presidente, quer levar o seu qualquer de comissão…… Read more »

ZE

O link já está ok.

Esse artigo é excelente.

A propósito, ALGUÉM PODE ME DIZER O QUE CARGAS D’ÁGUA ESSA TAL DE “PARCERIA ESTRATÉGICA” QUER DIZER ????????????

[]S

Chacal2011

Acho melhor a fab abrir concorrência para o melhor fornecedor de peças para reposição de f-5.

Rodrigo Marques

O tal relatório de 30.000 páginas não contemplaria no final um esquema de cores ( bolinhas azuis, amarelas e vermelhas) indicando pontos fortes e fracos de cada vetor? Isto quer dizer que se a informação vazada for verdadeira, o Gripen obteve um saldo de bolinhas favoráveis a ele ( isso parece coisa de jardim da infância).

MAAASSS isso não significa que ele deva ser necessariamente o vencedor, pois existem as questões políticas envolvidas.

Só acho perigoso associar a justa indignação dos militares com o revanchismo dos terroristas do governo com uma picuinha sobre aquisição de tecnologia de caças…

Abs

Eduardo

Francisco AMX é claro!

Não foram os grandes militares brasileiro que disseram: ” o que é bom para os EUA é bom para o Brasil.”

Heheheheh

Já sei, vamos falar com o mano Obama para que a gente vire mais um estado americano… que tal? boa essa né? dia não teriamos mais Lula, FHC, congresso e cia ltda. hehehehe

A amazonia iria se desenvolver.. teriamos vários F-16, F-15 e tudo o mais! com direito a batalhões no Iraque Afeganistão Conchichina e o escambal…

Aaaa e não seriamos mais sub desenvolvidos!!!

Quem esta comigo nessa?????

Roberto

Essa informação é do jornal O Globo. A manchete do Estadão é completamente oposta: ‘Por pressão do Planalto, relatório da FAB não terá ranking de caças’ “O relatório técnico que o Comando da Aeronáutica apresentará ao ministro da Defesa, Nelson Jobim, com a avaliação dos modelos de caças para a renovação da frota da Força Aérea Brasileira (FAB), não vai conter uma “hierarquização” das propostas internacionais. A FAB iria recomendar o Gripen NG, da empresa sueca Saab, mas foi pressionada pelo governo e não entrará no mérito de qual a melhor opção para o projeto FX-2, que prevê a compra… Read more »

Caipira

“Em enquetes feitas com os pilotos da FAB deu como melhor caça para o Brasil o Sukhoi SU-35BM (U$ 60/caça) que é superior ao F22 da USA, mas este foi excluido da concorrencia por pressão politica externa,pois todos sabem que se o SU 35 participasse,não teria pra ninguem.”

kkkkkkkkkkkkk

Francisco AMX

Respondam os amigos do NG: pq a FAB vai se arriscar num negócio destes? qual a lógica? de ganho para indústria? e se a EMBRAER for vendida? a EMBRAER dá alguma coisa de graça para a FAB? já ouvi dizer que os nossos STs foram vendidos mais caros, proporcionalmente, para a FAB do que os mais equipados para a Colombia… O AMX foi um desastre sim para a FAB, que até hoje não tem radar! um avião de ataque sem radar! e vcs não são capazes de falar disso! não enxergam a armadilha que está na sua frente! o Rafale… Read more »

Felipe Cps

Chicão, essa foto é linda e deixa o bicho com cara de “matador” (ihhhh, Thierry vai ficar brabo comigo, rsrs). 🙂

E olha que nem está com os cabides duplos.

Abs.

HENRIQUE

Nossos governantes não são sérios. Todos estão falando dos caríssimos rafale e quanto aos helicópteros? cada um vai custar mais de 30 milhões de euros, sendo que o mesmo modelo foi comprado a poucos anos por menos de 12 milhões de dólares. Não vejo ninguem comentar isso.

Reportagens especiais

Apresentação do Gripen E na Suécia: por hoje, vamos de maquete

Amanhã, mostraremos o avião de verdade, o protótipo 39-8 da nova geração do caça da Saab - Fernando "Nunão" De Martini Por volta...
- Advertisement -
- Advertisement -