Home Perfil Brasil poderá doar 27 aeronaves

Brasil poderá doar 27 aeronaves

1857
109

Bolívia, Equador e Paraguai estão entre os países que podem ser beneficiados com as doações brasileiras

uh-1-sjc-foto-poderaereo

vinheta-clippingO presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao Congresso brasileiro, por meio de requerimento enviado na semana passada, uma autorização para doar, durante seu mandato, 27 aeronaves a outros países, entre eles Bolívia, Equador e Paraguai.

Foram enviados ao Congresso na quarta-feira dois projetos de lei que pretendem autorizar a doação de quatro helicópteros e um avião da Força Aérea brasileira à Bolívia e Equador. Em maior número, teria sido outro pedido para a doação de aeronaves tanque para o Paraguai.

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, defende as doações, que reforçariam o bom relacionamento com os países favorecidos, e diz no documento enviado ao Congresso, que a medida poderia gerar economia em manutenção, uma vez que as aeronaves doadas serão desativadas ou trocadas.

As medidas que estão no congresso podem autorizar a doação de três aviões de treinamento e ataque ao Paraguai, quatro helicópteros à Bolívia e um avião de transporte de tropas para o Equador.

Três comissões do Congresso já aprovaram as doações para o Paraguai. Na Câmara dos Deputados, a Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou na quarta-feira (7) o Projeto de Lei 5234/09 que autoriza o Brasil a doar ao Paraguai três aviões do tipo Tucano T-27, de fabricação brasileira. O equipamento será utilizado pela Força Aérea Paraguaia para combater o tráfego de aeronaves envolvidas em atividades ilícitas transnacionais.

Os aviões, fabricados pela Embraer, pertencem à Força Aérea Brasileira (FAB) e são de um tipo que está sendo recolhido depois que a FAB recebeu os Super Tucano AT-29, mais avançados e adequados ao controle do espaço aéreo.

O relator na comissão, deputado Sandro Mabel (PR-GO), apresentou parecer favorável ao projeto. Ele lembra que a Constituição estabelece que o Brasil deve “promover a cooperação entre os povos para o progresso da humanidade”. Mabel argumenta que, se os bens se tornaram superados em face do desenvolvimento tecnológico e o País já possui equipamentos mais modernos, é razoável que o Brasil doe a uma nação amiga bens que lhe serão úteis.

Na avaliação do parlamentar, são claros os benefícios da doação, com destaque para o reforço do bom relacionamento entre o Brasil e o Paraguai. Os Tucanos T-27 já são operados pela Força Aérea Paraguaia e, segundo o relator, adequam-se perfeitamente à vigilância das fronteiras por meio do policiamento do espaço aéreo.

Segundo o governo brasileiro, os benefícios econômicos dessa doação compensam e superam os que poderiam ser obtidos com a venda dos equipamentos. O governo informa que as aeronaves serão doadas no estado em que se encontram e as despesas com o seu traslado serão pagas pelo Paraguai.

FONTE: Diário do Nordeste FOTO: Poder Aéreo

LEIA TAMBÉM:

109
Deixe um comentário

avatar
109 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
49 Comment authors
Cmdt.Operacional C.Rodriguesluis henriqueCristiano GRInvincibleLeandro_O. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

alguém aí falou em doação?
opá! de novo?
deve tá sobrando aronaves na fab

Invincible
Visitante
Invincible

Esses Helicópteros não poderiam ser usados pelas polícias Militar e Federal para combate ao crime?

Ou será que o Brasil está querendo preencher o espaço de influência militar?

Chacal
Visitante
Chacal

Isso é uma tentativa de resposta as doações “del chavo” ?

Leandro_O.
Visitante
Leandro_O.

É olhando bem o Lula se parece muito com o papai Noel. Hohohohohooooooo um feliz natal a todos… Só que ele tá meio adiantado…

Julio
Visitante
Julio

ninguem doa nada para o Brasil não deveriamos doar nada para ninguem.

ViniciusModolo
Visitante
ViniciusModolo

Pro Equador vai um Buffalo DHC-5.

Harry
Visitante
Harry

Caro Invincible em

Justamente, na America do Sul com a Unasul, e essas doações são um cartão de visita dos nossos produtos bélicos que podemos vender.

A America Central e Africa também estão nesta pretensão
preencher o espaço de influência militar e política.

Não esquecendo que Brasil vem fazendo esforço de parceria com EUA de Produção de Etanol neste paises para exportação mas os produtores de etanol americano até agora tem posto barreira.

Abs

Leigo
Visitante
Leigo

Ahhhhhh também quero um …

FelipeTP
Visitante
FelipeTP

É bom se livrar das velharias e ainda melhorar as relações com os vizinhos.

Henrique
Visitante
Henrique

Não doaria nada para esta cambada do entorno. Se não estão em boas condições de uso então que os coloque em museus mas jamais daria nada para esta corja de bolivarianos que nos afrontam a todo momento.
O governo do “Lulla” é uma vergonha em termos de política regional.
Abraços.

Ricardo
Visitante

Não doaria nada para esta cambada do entorno [2]

Concordo com isto, os caras fazem até chacota com o Brasil e a gente bancando o bonzinho ?!!! Que transfira o equipamento para museus e Helicópteros para a Policia…

Dell72
Visitante
Dell72

Eu sou a favor sim, estas aeronaves se ja não servem mais para nossas forças armadas também não servirão para nossa policia (que merece aeronaves novas isso sim). Ja estão caras de operar e então que se passe adiante.
E não adianta falar mal do paraguai (como exemplo) pois o que fizemos a este pais sob a influencia Inglesa não teremos como reparar nunca.

João Curitiba
Visitante
João Curitiba

É melhor eles usando nossos equipamentos, mesmo que doados, do que utilizando de outras potências. Pelo menos aqui na América Latina nós é que temos de dar as cartas.
O Lugo, Corrêa e Evo um dia sairão. As doações, as forças armadas e os povos destes países continuarão.

Esdras
Visitante
Esdras

É ignorância ciriticar essa doação, observem:

Se o Brasil doar essas aeronaves, os paises que as receberem não precisarão comprar equipamentos novos e consequenteente mais modernos, assim enquanto o Brasil está substutuindo essas aeronaves velhas, perigosas (para a tripulaçao), e caras de manter por novos BlackHawk, esses paises ficarão com equipamentos inferiores e o Brasil manterá sua superioridade na região, além de ter a vantegem de conhecer muito bem essas aeronaves em caso de conflito.

emerson
Visitante
emerson

Exatamente Esdras,

Mas a miopia de confundir criticas partidarias e essa confusão que a midia faz sobre Lugo, Chavez e Morales tem feito um estrago imenso na capacidade de avaliar as coisas.

Alguem acha que se a FAB fosse prejudicada, o Bro Saito iria concordar com essas doações?

emerson
Visitante
emerson

acontece que não há hipotese de conflito com esses paises. A assimetria com o Brasil é tão grande que nenhum pais desses iniciaria um conflito. É uma regra basica de analise militar. Enquanto o Brasil manter o atual status militar, nao havera conflito. É uma questão de dissuasão militar.

Por outro lado, esses equipamentos manterão as forças armasdas de nossos vizinhos operacionais e em atividade, o que para nós é excelente porque existem atividades que são inerentes as forças armadas desses paises. O pior para nos e um Paraguai absolutamente inoperante.

A-Bomb
Visitante
A-Bomb

Esdras

E voce acha que estes tres paises falidos tem dinheiro para comprar equipamento moderno?

Dell72
Eu não considero a guerra do Paraguai culpa do Brasil.
Quem começou foi o ditador paraguaio.
Bem feito para eles o que aconteceu ainda foi pouco.
Deveriamos ter ANEQUISADO toda aquela porcaria de pais.
Porque voce não se muda para o Paraguai?
Da um pulinho la para ver como brasileiro é tratado por aquele povinho lixo.
Vai la.

JULIO
Visitante
JULIO

Algumas opiniões centradas, poucas. A maioria é de torcedores, que empunham a bandeira de seu time e a usam para agredir o torcedor adversário, sem querer pensar.

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

Esdras em 11 out, 2009 às 15:03

não creio que eles compraríam armamentos novos e mais avançados, principalmente aeronaves. Eles no máximo compraríam velharías de outros países. Coisa que com o Brasilsão, irmão, amigão aqui faria de graça.

é nóis |_|

Bom, mas é próprio deles correrem para nós para ajuda-los, pois como disse, ele não tem grana para comprar coisas novas. Que dirá spfisticado.

Mas uma coisa, gostaria de saber se esses Tucanos a serem doados será de alguma forma,mesmo que fraca, será que serão reformados, como atualizar a aviônica, painel e etc???

jc
Visitante
jc

Olha soh, pra quem adora nosso governo…200 milhoes iriam bem nas FFAA?????

Nossa grana em Gana

Falta no IR, sobra em Gana, onde o Brasil vai entrar com US$ 250 milhões para construir hidrelétrica: US$ 50 milhões são do país africano. Odebrecht e Andrade Gutierrez (surpresa!) farão a obra.

emerson
Visitante
emerson

Não haverá nenhuma atualização nem modernização.. o máximo é uma revisão de rotina.

É levar como esta.

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

A-Bomb em 11 out, 2009 às 15:20

hahahahahahahahahahahahahahahaha

ainda falamnessa história?

bem, como iria se chamar esse estado? até acho que “Paraguai” combina mais mesmo.

emerson
Visitante
emerson

Espera ai, são obras financiadas pelo BNDES… como foi financiada Itaipu. O BNDES financia a obra e o pagamento é feito em função da produção de energia… é o processo normal. Para o BNDES é ótimo financiar obras em outros paises porque reforça sua carteira de emprestimos e diversifica os clientes.

Não é dinheiro dado..

Do mesmo modo, os franceses arranjaram o financiamento dos submarinos com bancos franceses… assim a Odebrecht tem que levar o financiamento para ganhar a obra.

Não confundir… nao misturar as bolas

General
Visitante
General

Os comentários de Emerson nestes 2 ultimos assuntos de blog foram coerentes, opinião de quem entende do assunto

BOSS
Visitante
BOSS

Se estão bons poderiamos distribui-los para nossas policias, bombeiros, ibama (vcs sabiam que as fiscalizações de desmtamento são feitas com helis alugados??!!)

Sr. Lula isso é patrimônio do povo!!! Não faça caridade com o chapéu alheio!!!

Henrique
Visitante
Henrique

Opiniões são opiniões e cada um tem a sua, não vamos nos brigar por isso….rs
O problema é que o Brasil está “DOANDO” demais, doou refinarias, doou Itaipu (estamos pagando esta conta), doou a dívida do Equador, está doando equipamentos militares…. só não doa o Sarney, o MAG, o CAmorim …
Nossa política reginonal é uma desgraça pois não adianta ficar bancando o bonzinho, doando refugo enquanto os caras nos hostilizam e nos afrontam!
E sem querer ofender, quem gosta ou apoia o Paraguai que se mude pra lá !!!!
Abraços.

emerson
Visitante
emerson

Obrigado General.

Bem, policia e bombeiros são funções estaduais, não federal. Inclusive, existe um fundo para reequipar as policias estaduais, mas o problema é que a manutenção dos equipamentos fica por conta dos governos estaduais… me pergunte qual governador quer colocar dinheiro em manutençao de helicoptero?

Sabemos ate que o propria Helibras tem uma linha de ótimos helicopteros para policia. Se or governos estaduais alugam helicopteros é porque naõ querem pagar a manutençao.

General
Visitante
General

Henrique,

Temos que nos preucupar mesmo é com os nossos políticos, eles é que são nossos grandes inimigos,piores até do que a IV Frota

Francoorp
Visitante

Não esqueçamos que os novos 50 EC-725 da helibràs estão chegando!

Temos que abrir espaço pra estes super cougar, e livrar-se destes dinossauros aéreos que voam deste dos 60s é o objetivo primario, e fazer isso aumentando a nossa influencia no continente é melhor ainda!!!

Leandro
Visitante
Leandro

Falando em doações e comprar…
Havia rumores da EMBRAER adquiri a fábrica de aviões da Argentina…
Se isso fosse verdade seria interessante o Brasil adquirir uns AT-63 para substituirem os Xaventes e em troca a FAA adquiriria os caças escolhidos pelo FX-2 (bom se fosse o Gripen NG) e montados aqui para substituirem os seus A-4 e Mirage-III.
O que vocês acham?

Henrique
Visitante
Henrique

Caro General !
Apoiado em gênero, número e grau!
Mas ainda sou contra estas “doações”…
Abraço.

Lol
Visitante
Lol

Aff, Brasil não tem jeito mesmo.

Francoorp
Visitante

Para a policia, bombeiros e outros, tem sempre o Esquilo da Helibràs, devemos comprar novos para incentivar nossa indústria interna.

Christiano
Visitante
Christiano

Concordo com Henrique não tem que ficar ajudando,quer doar? doe comida!Eo BNDES é ótmo para os outros aqui continua tudo na mesma.

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

Henrique em 11 out, 2009 às 16:15

o prpblema é que o Brasil pensa que tem obrigação MORAU de ajuda-los, Sim temos que ajuda-los, ensina-los a pescar,e não dar o peixe.

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

Francoorp em 11 out, 2009 às 16:26

50 EC-725

A policia vai usar esses helis mesmo? nossaaaa!!! que massa! que morau!!!
imagina um desses sobre a favela com uma 50 mm na cabeça dos traficantes?

emerson
Visitante
emerson

Bruno,

Não tem nada a ver com obrigação moral.. os equipamentos estão excedentes na FAB e mante-los estocados custa caro. Para a FAB é ótimo passar esses equipamentos para outros usuários.

Eles não são famélicos, mas apenas paises pobres para adquirir equipamentos militares de ponta. Unificar os equipamentos na AL significa ganhar padrão para açoes conjuntas de interesse mutuo, como em forças de paz e açoes na fronteira.

Esqueçam essa historia de guerra do Paraguai… as razões são as de interesse estratégico atual.

Paulo Renato
Visitante
Paulo Renato

Esses helis eo sbufalos já dram o que tinham por aki. Não representam nenhuma ameaça aos nosso País ao contrário vai se livra de um consumo alto para mantelos. Se para a FAb já estava ruim operar com os Bufalos pra eles então vai ficar como…uma despesa enorme que estamos nos livrando. Se isso não acontecer eles acabam indo buscar em outros Países como a Rússia por exemplo. Se tivessemso vendidos os A29 ST para a Veenzuela eles não tinham ido fazer as compras na Rússia, isso sim trouxe ao Brasil uma preocupação. Para a Polícia não ria adiantar muitos… Read more »

emerson
Visitante
emerson

Caro Bruno, O custo da hora de voo de um Cougar é 5.000 dolares… a hora do esquilo é de 600 dolares. Não há policia que aguente manter um Cougar. O RJ tem um Bell Iroquois blindado para apoio ao BOPE, mas eles usam principalmente o Esquilo. A PM de SP mantem uma frota de 11 Esquilos. Os Bell da FAB estão no fim da vida e manter 40 deles voado é carissimo, por isso a FAB esta trocando os velhos sapões pelos SuperCougar e por novos BlackHawk (uma tolice, pois deveriam uniformizar com o exercito e usar Panters como… Read more »

emerson
Visitante
emerson

Olá Paulo, Concordo que os sapões já não atendem mais as necessidades da FAB e seria um peso para as policias estaduais (alguns estados brasileiros são maios pobres que o Paraguai). Por outro lado, não existe um helicoptero russo de pequeno porte. Esse mercado é dominado pelos JetRanger e pelos Esquilos. Com a Helibras em MG, ao invés de comprar equipamentos russos, o melhor é focar em equipamento nacional e de manutençao garantida. Aliás, a tecnlogia dos Esquilos é superior ao dos russos e por isso a hora de voo acaba sendo menor porque ele tem sistemas de autoavaliação e… Read more »

alex
Visitante

Oi pessoal quero dizer que aprendo com vocês, muita coisa sobre aviação militar, a poucos dias eu vi um video relacionado ao embargo de tecnologia, o que acham se investir melhor nas escolas de tecnologia um pouco que fosse o retorno é enorme. Dizia que Russia não tinha computadores mas sempre soube que na prancheta, calculos e testes não tem pra ninguem, meu colega disse que esta historia de fabricas quebrando lá, são as de menos importancia por incrivel que pareça se não o governo entrava no meio, vão se reestruturar comprando aparelhos de outros paises e para não gastarem… Read more »

Claudio
Visitante
Claudio

De tudo o que foi dito a se confirmar a doação de tankers, KCs, o boato da compra dos A330 começa a se tornar realidade.

Claudio
Visitante
Claudio

Corrigindo, A 330 para REVO.

A-Bomb
Visitante
A-Bomb

Bruno Rocha

Brasil poderia anequisar aquela desgraça que alguns chamam de pais.
Respondendo sua pergunta poderiamos renomear o novo estado de Itaipu?

Ia ser a melhor coisa que ja aconteceu aquela gentinha paraguaia pois iriam fazer parte de um pais de verdade e não daquele amontoado de indios burros.

Esta defendendo o Paraguai Bruno?
Muda para la.
Dai voce vai ver como brasileiro e bem tratado la.

Paisinho miseravel.
Não produz nada.
Gente vagabunda.
E as unicas coisas que exportam para o Brasil é muamba e drogas e armas.
Esse é seu Paraguai.

emerson
Visitante
emerson

Olá Claudio, Voce se refere a A330 para a FAB? Acho improvavel, e não seu dizer de onde teria sua origem. Se a FAB adquirisse três A330 este ano, eles entrariam em operação em 2011/2012, a um custo de e operariam por cerca de 30 anos. Mas a FAB já contratou com a Embraer o desenvolvimento do KC390 com data prevista para as duas primeiras unidades sendo entregues em 2015 a um custo de 3 bilhões de reais. Assim, os prazos e custos seriam excludentes. Ou a FAB compraria os A330 ou os KC390. Comoo os KC390 já estão contratados,… Read more »

emerson
Visitante
emerson

A-bomb.

Me nego a comentar suas ideias.
Boa sorte com outros.

catraca
Visitante

Angola, Timor e as outras nações de língua portuguesa.

emerson
Visitante
emerson

Olá Claudio.. Faltou o custo de um A330.. cada um vale cerca de 190 mihões de dares. Três deles sairiam por 670 mihões de dolares, ou aproximadamente um bilhão de reais. Mas cada EMB-190 custa cerca de 35 milhões de dolares, o que faz a gente estimar o preço de um KC390 da ordem de 45 a 50 mihões de dolares, portanto muito mais barato do que os A330. Agora, a FAB deverá adquirir algo como 20 KC390 para substituir todos os C130 Hercules, portanto um programa da ordem de 1 bilhão de dolares, ou dois bilhoes de reais… considerando… Read more »

Aviãozinho
Visitante
Aviãozinho

emerson em 11 out, 2009 às 17:06

os heli russos que vamos comprar, ou melhor, já compramos, serão para ataque pesado. Quero ver os boliviamos fecharem mais aguma empresa brasileira.

emerson
Visitante
emerson

Caro Aviãozinho..

Muito boa essa.. voce tem razão.
Eu acho os Mi-17 mais feios do que o C-212. Se um é uma kombi com asas, o outro é um dessas “dogão” da KIA com hélices.. Mas os Mi-35 são impressionantes.

Fico imaginando uma ação coordenada via datalink de A29 seguidos de Mi-35 (acho que ficou AH-2, correto?) em um desses acampamentos das FARC na fronteira.

No caso desses helicopteros, não sei se haveria similares… talvez o unico equipamento russo que faz sentido para a FAB.

E são bonitos.