sábado, abril 10, 2021

Gripen para o Brasil

Vitória do Gripen NG no F-X2 da FAB?

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

gripen-ng-3

As últimas notícias do adiamento da decisão do FX-2 para outubro e a revelação de que o caça Rafale não está dentro do pacote de equipamentos franceses comprados pelo Brasil, aumentaram as chances do caça sueco Gripen no Programa FX-2 da FAB. Dificilmente o F/A-18E Super Hornet poderá superar o caça sueco em termos de transferência de tecnologia e custo de aquisição e operação.

- Advertisement -

158 Comments

Subscribe
Notify of
guest
158 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diego

Rumo ao caça virtual! =)
Brincadeiras a parte, tenho minhas dúvidas quanto ao Gripen NG. Pareceria mais concreto se fosse o C\D.

Mauricio R.

Não seca, né!!! Eu tb tô nessa torcida, não vai ter o “Typhoon” mesmo. Será que a torcida contra o “Rafale” é tanta assim, que não se pode esperar até Outubro???
Já viu se der o frances…
É a treva!!!

Kfonseca

Transferência de tecnologia
Participação no Projeto
Alcance superior (nao confundir o NG com as versões C/D)
Participação nas vendas
Participação na SAAB
Supercruise
A vanguarda da tecnologia de datalink e guerra centrada em redes
Independência
Novas parcerias
E o melhor: um caça que podemos bancar ter aos montes, e voar com eles, ao invés de manter no chão por falta de combustível ou outros.

Manda uns 200. Eu quero 1.

Edmar

Caros Amigos.:

Eu torço muito para que o “Dassault Rafale F-3” ganhe, mas, se dar “Saab Gripen NG” está bom.

Abraços.

Rodrigo

Não sei mais no que acreditar…

Qq coisa que vir ta bom…

Mas tirando pelo exemplo da Índia o Gripen seria uma boa opção de caça leve. Vai ficar faltando aquele peso-pesado que so o SU-35, o Mig-35, F-15SE ou o EF-2000 poriam oferecer ao Brasil…

Não to dizendo que ninguém é melhor que ninguém…

Manfred Von Richthofen

Olá pessoal! Um passarinho me contou que vai dar Gripen. Adeus Rafale!

Decisão sábia da FAB.

DORNIER

EMQUANTO NA INGLATERRA O GRIPEN E UM JATO DE TREINAMENTO NO BRASIL VAI SER DE FRENTE
NEM FALANDO QUE DEPENDECIA DO TIO SAN CONTINUA SE FAB NAO SE LIGO NO QUE ACONTECE NO FX INDIA E MUITA BURRICE

Sandro

Já que os NG e um caça em desenvolvimento, bem que os suecos poderiam desenvolver junto uma versão naval ai seria show na FAB e MB.

Francisco A. Lückmann

Espero que isso seja verdade… O Gripen realmente tem o menor custo de produção e manutenção… Além de que a própria Saab “quer” produzir o Gripen no Brasil… E assim também não ficamos com o “rabo preso” com os franceses ou americanos.

LBacelar

Não entendo pq tem gente que fala que o RAFALE é caro e vai ficar no chão…

Se esqueceu que no Brasil até A4 fica no chão? Sem falar nos Xavante, AMX, F5M…

Ou seja, oq vier vai ficar no chão tbm!!!

Ainda prefiro o RAFALE, confiar num caça que não existe, com performace duvidosa, metade americano e com desempenho muito provavelmente similar ao F16 B50…

Se for p/ vir um caça com vários componentes made in America, que venha logo o SH !!!

Mauro dias

qualquer um dos dois RAFALE ou GRIPEN , acho que tem muito futuro.
O único senão quanto ao gripen está na motorização (licença USA), e Alguns aviônicos também USA, espero ,se forem os suecos não causar problemas no desenvolvimento do NG, e atrasar entregas.
Vamos ver como será isso.

sonic wings

Srs.

É o obvio, vamu que vamu de GRIPEN NG BR!

As viúvas do RAFALE podem falar o que quizer, mas que o GRIPEN saiu bem na foto, isso não tem como negar.

Abs

Para o infinito e além!

Paulo Renato

Se ganhar o FX está bom !!! Tirando o SU35 que deveria ser o nosso vetor o Gripen NG cabe dentro do nosso orçamento.
Poderemos ter ou até mesmo passar do 120 vetores.

Para alegria do Felipe Caps !!!

Abs.

João

Não acredito que vão escolher um produto que precisa do aval dos EUA para poder fazer qualquer coisa 🙁

Paulo

36 desse caça Gripen não vai atender a necessidade do Brasil cubrir espaço total do Brasil.Fazer acordo com a Suecia é a mesma coisa de fazer acordo com os americanos.
Vcs devem lembrar do acordo que o Fernando H. Cardoso junto com o tio-sam iam fazer por causa da peças americanas que ia no gripen.
Eu torço para dar o rafales

abs

Kfonseca

Diego, mas já fizeram ensaios com o Gripen Demo (versão C/D com os melhoramentos do NG).

O NG tem novo desenho de asa. Agora não sei se esse tal Gripen Demo que já foi ensaiado possuía já a turbina GE F-414 do SH. Eles dizem que estão esperando saber qual licitação o NG será vencedor, para então desenvolver em conjunto. Se puder ser uma mesma linha de suprimentos e montagem, tanto para eles quanto para os demais operadores, melhor. Por isso, até entendo o fato do NG não ter voado.

Edmar

Caro Amigo Sandro e Amigos do Blog.:

Eu ouvi falar que possivelmente já tenha um projeto do “Saab Gripen NG Naval”, pois, não só o Brasil tem interesse, e sim, a India também.
Por o “Saab Gripen NG” ser pequeno e ter um peso ideal, para transformalo em modelo naval, torna-se muito facil para a “Saab”.

Abraço a todos.

Jc

Primeiro o Rafale era favorito disparado…
Depois foi o SH….
Agora o NG….

Pela andar do circulo, em outubro o Rafale eh favorito outra vez.

Paulo

A Saad já escolheu o fabricantes norte americanos a general electroos comofornecedoras do motor do gripen,o que para os criticos da proposta sueca pode complicar a transferência de tecnologia pois o governo dos Estados Unidos teria engerencia na eventual negociação de componentes feitos nao país.acabei de citar na pagina ai em cima.

abs

Lucas

Mesmo que vença o Gripen, estaríamos nas mãos dos americanos, pois uma boa quantia do caça é americano, ou seja, de que adianta fechar un contrado com a SAAB para depois desenvolvermos un Gripen aqui no Brasil e termos que ficar pedindo autorização americana para vender, quem não lembra do caso do Super Tucano, que foi vetada sua venda para a Venezuela pois tem componentes do tio sam. Prefiro o Rafale F3 sem dúvidas, pois é um vetor totalmente Francês,sendo assim, com a transferencia de tecnologia do caça, não estaremos nas mãos de ninguem,e ele sendo fabricado no Brasil seu… Read more »

JUCA BALA

Aeeeeeeeee!
Haja coração amigos da Rede Globo!
É Gripen neles!!!!!!!

José

Senhores, fiz outra pesquisa e quero passar a vocês: Por favor, a atenção de vocês. O Gripen é o mais leve dos caças de nova geração que estão entrando em operação nesse início de século, sendo projetado desde o início como uma plataforma totalmente multifuncional desde o primeiro risco no papel. Os caças atuais como o F-16, ou o F/A-18, também são multifuncionais, porém para cumprir uma missão de ataque com todo o potencial da aeronave, eles têm que colocar certos módulos específicos dos aviônicos de forma que um avião preparado para atacar alvos terrestres terá uma certa capacidade de… Read more »

André

Estaremos nas mãos de qualquer um!
Se assinarmos um contrato com a França sonre TT e ela não cumprir, não dá para ir ao PROCON! Nem OMC!
O que for transferido está ótimo. O melhor é poder desenvolver junto e nisso o a SAAB PARECE ter o melhor pacote com o NG.

Mauro dias

Em questão de defesa , nem muito ao céu nem muito ao inferno.
Não pode-se medir muito os custos , mas os custos benefícios, o futuro é incerto nesta área

fabio

SUPER HORNET. Este é o caça vencedor a meu ver. FX2 não envolve apenas questões comerciais e de TT. E fica claro que para as relações futuras o mais inteligente é aceitar a proposta americana. Na hora da “balança” os EUA levam numa boa.

Luís Aurélio

Este blog está demais!!!!! Tem até espírito postando comentário.

Manfred Von Richthofen , maior ás alemão na 1ª Guerra Mundial, famoso “Barão Vermelho” .

Caro Barão Vermelho : desculpe a brincadeira.

Marcelo Tadeu

Eu tb torço pelo Rafale, até porque já tem sua versão naval, mas o Gripen é muito especial tb e ainda é compatível com o datalink dos E-99. O custo é realmente menor dos 3 e feito para operar longe da base, em desdobramentos. Bom, se for verdade, vou ficar satisfeito, o F-18, apesar de ser um grande avião, já tem o desenho antigo e é muito mais um avião de ataque, neste quesito é um adversário indigesto.

Sds

Tales

Ok: todo mundo já percebeu que, depois do Galante “pilotar” o simulador do Gripen, esta aeronave virou uma das preferidas (ou A preferida) dos moderadores do blog. Eu, pessoalmente (e assim como a maioria dos que responderam à enquete) prefiro o Rafale F-3. Mas se der o Gripen NG, também acho uma boa. Só espero que não seja escolhido o F/A-18 SH, pois acredito que a célula/plataforma já não propicia mais muito desenvolvimento que incremente sua performance (é claro que, em termos de aviônicos, sempre é possível melhorar algo), na medida em que se baseia no projeto mais antigo entre… Read more »

Roberto CR

Desculpa ai Galante e pessoal do blog, mas de onde vem a notícia? Se for dedução sua tudo bem (mas avisa). Mas se veio de “fonte”, quem é que disse que só porque “… adiamento da decisão do FX-2 para outubro e a revelação de que o caça Rafale não está dentro do pacote de equipamentos franceses…”, é igual a vitória do Gripen no FX 2? Faço estas observações porque creio ser a primeira vez que vejo um post com jeito de apressado por aqui, o que não contribui para a qualidade do trabalho que sempre é apresentado. Aliás, a… Read more »

sonic wings

Adeus ano velho…..

Feliz ano novo…

Que tudo se realize…

No ano que vai nascer…

Muito dinheiro no bolso…

Saúde pra dar e vender…

Já to em clima de festa! Que venham os GRIFOS

kkkkkk

Angelo Nicolaci

Tales

Eu “pilotei” o Gripen na laad, e se mostrou um caça fora de série, muito superior ao SH que tbm pude “pilotar” na laad, só fiquei triste porque a dassault não trouxe o rafale pra pilotarmos, mas garanto que o NG é um excelente vetor e atende bem nossa necessidade bem como oferece uma grande redução da carga de trabalho do piloto, permitindo que ele tenha uma plataforma totalmente capaz que permite mais concentração na missão do que na gestão do voo, oq ajuda muito num combate aereo

sonic wings

Roberto, Só pra lembrar o título do post termina em interrogação e não uma afirmação, muita água deve rolar debaixo da ponte, mas as deduções do amigo Galante me parecem obvias, aliás eu tb havia feito as mesmas observação em algum post atrás, apenas baseado no que temos acompanhado na mídia. Ontem em mais um episódio do Min. Jobim quem pode acompanhar sua entrevista no programa 3 em 1 da TV Brasil viu que ele não é bobo de cair nas promessas americanas de novo. Segundo ele quando esteve em reuniões com os americanos ele levou uma pasta com pelo… Read more »

Nunão

Kfonseca, o Gripen Demo já é equipado com o GE 414. Roberto CR, o post é uma inferência a partir tanto da análise da situação quanto de informação que foi sugerida por fonte, diretamente a um dos editores do Blog, e que obviamente não pode ser revelada. Daí que o título é uma interrogação porque, também obviamente, outras fontes podem apontar outros caminhos, há muita coisa em jogo e “tudo só acaba quando termina”, certo? Tales, quanto aos concorrentes do F-X2 as preferências pessoais dos editores do Blog não são unânimes e de qualquer forma esse não é o ponto… Read more »

Edmar

Caros Amigos.: “Saab Gripen NG” + “R-99″= Super Poder Aéreo. Sou um fã do “Dassault Rafale F-3” e todos sabém, mas se o “Saab Gripen NG” vier, vou ficar feliz a mesma coisa. O que eu sei é que a “Suécia” é um país de paz, igual ao Brasil. Eles não são nem Russos e nem Americanos. Em muitas guerras eles ficaram neutros e por isso acho esse acordo interessante, afinal, o Brasil é um país de paz também. E sem dúvida, eles assim como os Franceses sabém fazer muito bem aviões de caça, pois, eles desenvolveram esses aviões para… Read more »

Felipe Cps

HAHAHAHA, EU JÁ SABIA, HAHAHAHA…

VALEU GALANTE! VALEU NUNÃO PELA EXCELENTE INFORMAÇÃO QUANTO AO “PASSARINHO”!

Viúvas da DASSALTO, chorai!!! 🙂

Abs.

Marcos Andrey

Bom qual será o nome da vovózinha viuva francesa:

vovócroissant = vovó + croissant???
vovóchampagne = vovó + champagne???

Sei la!!! Só sei que a doida da vovodka não vai esta mais sozinha la na lua!!

Flavio

Bom, eu não acredito. Até baterem o martelo, tudo será especulação.

mas sendo sincero, não acho ruim que o Brasil vá de Gripen não. Se bem que eu preferia uma dobradinha Rafale + Gripen.

Mas, como tal dobradinha não da, prefiro o Rafale, e em segundo o Gripen. e o Sh??? nem como doação.

Igo

Essa estória é LENDA

jurandir

Amigos em um país que se vende diploma assinado por jesus cristo,com a assinatura do mesmo em português,tudo que vier é lucro.Espero que os GRIPEN N/G sejam os vencedores mas para ir aclimatando os caçadores brasileiros que tal algumas dezenas dos GRIPEN C/D,já que o outro só virá depois de 2014.
Se pedir eles mandam pois estão doidinhos pra vender ou fazer uma parceria com a EMBRAER

Marco Antonio Lins

Ao Srs

Na verdade o unico defeito do NG é ter uma turbina, creio que nenhum piloto gostaria de o ter em combate emfrentando um adversario com duas turbinas. Creio que o empuxo é bem menor.
Creio que o custo operacional seja bem menor tambem mas ,tecnicamente muito bom.

Francisco AMX

Lenda Bloguiana!

porém… se for verdade… que venham umas 48 unidades (dos baratinhos), sendo 12 para a Base Aérea de Canoas! rsrrssrrs e faremos um misto com mais 12 F-5M… só não chorem quando o Bicudo fizer suas vítimas “Grifas” rsrsrssr

Angelo Nicolaci

Mesmo com todos argumentos que me disseram eu fico com o Gripen NG, pois ele tem a mesma plataforma do C/D, só que possui avionica aprimorada, nova asa, alcance maior. O fato de a Suécia não estar o operando é simples, pois durante a LAAD eu questionei alguns representantes da SAAB, dos quais recebi respostas bem solidas, a explicação dos mesmo se dá pelo fato de as aeronaves C/D serem relativamente novas, e estas podem receber todo o kit de modernização do NG, muitos dos refinamentos ja estando em uso nesta plataforma, pois com todo material que recebi da SAAB… Read more »

Eric Hartmann

La nave va…parece um drama “felliniano” a escolha do FX2…
Mas até que o Grippen cai bem na foto…e no bolso…(e nos futuros projetos FXs…)

Angelo Nicolaci

Marco Antonio Lins em 20 ago, 2009 às 18:11

Ao Srs

Na verdade o unico defeito do NG é ter uma turbina, creio que nenhum piloto gostaria de o ter em combate emfrentando um adversario com duas turbinas. Creio que o empuxo é bem menor.
Creio que o custo operacional seja bem menor tambem mas ,tecnicamente muito bom.

O fato de ser um monoturbina não o deixa em desvantagem frente a um bi-turbina. pois a relação peso-potencia deste caça é fantastica

kaleu

jurandir, Marco Antonio Lins, Chicão AMX, Com os conhecimentos adquiridos numa eventual parceria com a SAAB e demais empresas envolvidas, acredito que a embraer estará apta a desenvolver um vetor de superioridade aérea, um interceptador bi-reator … embora esse conceito esteja na contramão … Acredito que os Grifos, com seu excepcional d-link e sua tecnologia de guerra centrada em rede garantirá ao Brasil um escudo de alta respeitabilidade a um custo adequado aos nossos padrões … sem dúvida o melhor custo benefício, considerando que deveremos fabricar no mínimo 120 caçadores nos próximos anos. Chicão … adorei teu comentário … dei… Read more »

walfredo

Lembro que já estamos desenvolvendo turbinas e aviônica. Inclusive uma turbina hipersônica. Seria possível dentro de três a quatro anos termos vetores totalmente nacionais.

Sou favorável ao Gripen, desde que dentro de um plano que possibilite a obtenção ou fabricação de peças, dentro de alguns anos, independentemente da vontade de qualquer outro país.

Para continuar dependente, não creio que a compra seja necessária. Continuaríamos com a defesa virtual (soft power) mesmo.

luis alberto

Senhores, tentando resumir; F-18 E/F – praticamente compra de pratileira; Rafale – muito caro os custos de aquisicao e manutencao. TT suspeita Gripen NG – A escolha logica. Encaixa como uma luva nas necessidades da FAB. Lembro que o inicial sao 36 de 120 cacas para substituir a frota de combate da FAB ateh 2025. Participacao no projeto, desenvolvimento e fabricacao de grande parte da aeronave. Real TT. Integracao dos armamentos escolhidos pela FAB, etc. etc. e etc. Unico que faz supercruise. Se navalizado eh o unico que pode operar no NAe S. Paulo (peso compativel com a catapulta do… Read more »

bulldog

Não acho que deveríamos fabricar 120 Gripens NG. Penso que deveríamos fabricar os 36 e desenvolver, até a entrega do último, tecnologia própria, baseada na TT e nas modificações da Embraer. Assim fabricaríamos mais 100 “Gripens BR” (se possível 24 navais), superiores ao NG nos quesitos que nos importam (alcance, manutenção etc). Depois disso teríamos uns 25 anos para desenvolver um caça totalmente nosso e de última geração, além de VANTs. Defendo ainda a distribuição dessas aeronaves Gripen em Santa Cruz, Natal, Santa Maria..enfim…regiões sul, sudeste, nordeste e norte. Para Anápolis eu recomendaria 24 SU-35 (mesmo com baixíssima TT). Se… Read more »

Vitor

Com os Gripens e um otimo BVR mais a plataforma E-99. Mais que suficiente para o nosso continente e futuras previsoes.

Jonas Rafael

Minha opinião é de que o Rafale é o melhor para os nossos objetivos, tem a célula com maior potencial e ainda acho que é o favorito. Mas sem dúvida o Gripen ainda se mantém no páreo pelo seu baixo custo. A FAB é que vai pesar o quanto isso importa num futuro próximo. Eles é que sabem o quanto aperta o sapato e tenho certeza, vão tomar a decisão mais racional. Não acredito no Super Hornet, apesar da proposta americana de última hora ser até bastante surpreendente.

Combates Aéreos

O último voo da ‘Águia da África’

Traduções inéditas por Roberto F.Santana Na manhã de 30 de setembro de 1942 , às 10h47, o 3º Staffel decolou,...
- Advertisement -
- Advertisement -