Home Perfil Mi-35

Mi-35

746
91

O Mi-35 é a versão de exportação do famoso helicóptero russo de ataque e transporte Mi-24V. A aeronave possui uma série de melhorias, incluindo os motores TV3-117VMA, sistema de resfriamento EVU, cockpit modificado para facilitar o uso de NVG, sistema de navegação por GPS, sistema IFF, plataforma estabilizada para uso de FLIR, displays multifunção com mapa móvel, etc. Desde 1978, mais de 2.000 helicópteros Mi-24 foram fabricados, dentre os quais mais de 600 para exportação.
Se for adquirido pela FAB, o Mi-35 vai ser o primeiro helicóptero de ataque genuíno usado pelas FA brasileiras, que até agora usam frágeis helicópteros civis Esquilo adaptados para a função.

91 COMMENTS

  1. Se realmente ele for escolhido, será que virá com o armamento Russo?

    Que belo problema de logística eles vão causar para a FAB para suprir essa munição padrão russo!!!

    ou estou enganado?

  2. Se realmente ele for escolhido, será que virá com o armamento Russo?

    Que belo problema de logística eles vão causar para a FAB para suprir essa munição padrão russo!!!

    ou estou enganado?

  3. Virão sem armamento, exceto o canhão 30mm. Sua doutrina de emprego na FAB será de policiamento, embora quem poderá fazer prisões serão os PF que serão levados à bordo. Trabalharão em consonância com os ST (A-29) em áreas de fronteira, inicialmente no MS, no combate ao narcotráfico, contrabando e vigilância de fronteiras.
    Sds.

  4. Virão sem armamento, exceto o canhão 30mm. Sua doutrina de emprego na FAB será de policiamento, embora quem poderá fazer prisões serão os PF que serão levados à bordo. Trabalharão em consonância com os ST (A-29) em áreas de fronteira, inicialmente no MS, no combate ao narcotráfico, contrabando e vigilância de fronteiras.
    Sds.

  5. Tô achando que vão para o Sul.

    Vejam isto:

    ” Oficiais do Alto-Comando do Exército afirmaram que está sendo planejada uma mega operação militar junto à fronteira do Paraguai, como resposta à situação de perseguição as propriedades e cidadãos brasileiros, os “brasiguaios” ”

    ” Conforme averiguado por Defesanet, a “invasão do espaço aéreo” paraguaio por helicópteros militares brasileiros não foi somente para apoiar o combate ao contrabando e o narcotráfico, mas para dar mais um recado aos paraguaios de que o Brasil vai defender diplomática e militarmente seus cidadãos e interesses na região e, além das suas fronteiras. ”

    Fonte: http://www.defesanet.com.br/missao/py/helos_1.htm

  6. Tô achando que vão para o Sul.

    Vejam isto:

    ” Oficiais do Alto-Comando do Exército afirmaram que está sendo planejada uma mega operação militar junto à fronteira do Paraguai, como resposta à situação de perseguição as propriedades e cidadãos brasileiros, os “brasiguaios” ”

    ” Conforme averiguado por Defesanet, a “invasão do espaço aéreo” paraguaio por helicópteros militares brasileiros não foi somente para apoiar o combate ao contrabando e o narcotráfico, mas para dar mais um recado aos paraguaios de que o Brasil vai defender diplomática e militarmente seus cidadãos e interesses na região e, além das suas fronteiras. ”

    Fonte: http://www.defesanet.com.br/missao/py/helos_1.htm

  7. Rodrigo,
    Esta informação em particular vem do mesmo jornalista (e suas fontes nas FFAAs) do Correio Brasiliense cuja matéria foi largamente divulgada neste e em outros blogs e fóruns no dia de hoje,sendo o mesmo renomado forista e membro sênior do BM, entre outros…. mas a mesma não é nova não, já teria sido delineada logo após o início do anúncio da concorrência dos helis de “ataque”.

    Konner,
    Como eu disse antes, irão inicialmente para a fronteira do MS (Matogrosso do Sul). Para Vc talvez seja o “sul”, já para mim seria ao “norte” já que moro no RS, rsrsrs..

    André,
    Se estarão sendo sub-empregados ?? Depende, para a FAB farão uma função hoje feita por esquilos mal armados ou por Huey H-1H (sapões) do Esq.Pantera da Base Aérea de Santa Maria(BASM) aqui do RS. Meio longe não ??

    Se tudo der certo, sua operacionalidade, manutenção e logística, etc, quem sabe mais adiante não se compre mais alguns, talvéz para apoio SAR, entre outras…
    Porém, na MINHA opinião, deveriam ir para os FN (MB).
    Sds.

  8. Rodrigo,
    Esta informação em particular vem do mesmo jornalista (e suas fontes nas FFAAs) do Correio Brasiliense cuja matéria foi largamente divulgada neste e em outros blogs e fóruns no dia de hoje,sendo o mesmo renomado forista e membro sênior do BM, entre outros…. mas a mesma não é nova não, já teria sido delineada logo após o início do anúncio da concorrência dos helis de “ataque”.

    Konner,
    Como eu disse antes, irão inicialmente para a fronteira do MS (Matogrosso do Sul). Para Vc talvez seja o “sul”, já para mim seria ao “norte” já que moro no RS, rsrsrs..

    André,
    Se estarão sendo sub-empregados ?? Depende, para a FAB farão uma função hoje feita por esquilos mal armados ou por Huey H-1H (sapões) do Esq.Pantera da Base Aérea de Santa Maria(BASM) aqui do RS. Meio longe não ??

    Se tudo der certo, sua operacionalidade, manutenção e logística, etc, quem sabe mais adiante não se compre mais alguns, talvéz para apoio SAR, entre outras…
    Porém, na MINHA opinião, deveriam ir para os FN (MB).
    Sds.

  9. Acho q deveriam ser operados pelo exército e não pela FAB,isso seria o natural,mas c/ relação ao equipamento em si acho uma exelente plataforma de combate,mas se a noticia de q virá sem o armamento for verdadeira , é a mesma coisa de dar um fuzil p/ o soldado s/ o pente só c/ a baioneta ,não faz muito sentido.ABRAÇOS.

  10. Acho q deveriam ser operados pelo exército e não pela FAB,isso seria o natural,mas c/ relação ao equipamento em si acho uma exelente plataforma de combate,mas se a noticia de q virá sem o armamento for verdadeira , é a mesma coisa de dar um fuzil p/ o soldado s/ o pente só c/ a baioneta ,não faz muito sentido.ABRAÇOS.

  11. É um belo helicoptero, e apesar de eu preferir os mangusta para a função de ataque anti-tanque, acho que que os Mi-35 combinam mais com a realidade brasileira por permitir o transporte de 8 soldados completamente equipados. Se vir mesmo será uma bela aquisição, mas só 12? :/

  12. É um belo helicoptero, e apesar de eu preferir os mangusta para a função de ataque anti-tanque, acho que que os Mi-35 combinam mais com a realidade brasileira por permitir o transporte de 8 soldados completamente equipados. Se vir mesmo será uma bela aquisição, mas só 12? :/

  13. Tinha que vir no mínimo uns 36 heli, pois guarneceria 3 Esquadrões, um no RS ou PR (Santa Maria ou Canoas no RS ou Maringá no PR), outro no Mato Grosso ou no Mato Grosso do Sul (Campo Grande ou em Cuiabá) e o último na Amazónia (São Gabriel da Cachoeira no AM, Macapá no AP, Boa Vista RR ou em Rio Branco no AC). Para aumentar nossa presença em pontos estratégicos do país, com isso nosso poder dissuassório em toda região. Também concordo com a opnião que quem deveria operar os heli armados devia ser o Exército sem dúvida alguma, pois eles são uns TANQUES VOADORES, mas eu não planejo nada mesmo!!! Eles devem ficar SUB-utilizados na FAB (não desmerecendo de modo algum o SAR E C-SAR, que são serviços FUNDAMENTAIS da FAB), pois essa história que não virá com armamento!!! Mas é melhor do que os Esquilos com “Estilingues”. Sds.

  14. Tinha que vir no mínimo uns 36 heli, pois guarneceria 3 Esquadrões, um no RS ou PR (Santa Maria ou Canoas no RS ou Maringá no PR), outro no Mato Grosso ou no Mato Grosso do Sul (Campo Grande ou em Cuiabá) e o último na Amazónia (São Gabriel da Cachoeira no AM, Macapá no AP, Boa Vista RR ou em Rio Branco no AC). Para aumentar nossa presença em pontos estratégicos do país, com isso nosso poder dissuassório em toda região. Também concordo com a opnião que quem deveria operar os heli armados devia ser o Exército sem dúvida alguma, pois eles são uns TANQUES VOADORES, mas eu não planejo nada mesmo!!! Eles devem ficar SUB-utilizados na FAB (não desmerecendo de modo algum o SAR E C-SAR, que são serviços FUNDAMENTAIS da FAB), pois essa história que não virá com armamento!!! Mas é melhor do que os Esquilos com “Estilingues”. Sds.

  15. Quando saiu a noticia que os finalistas era o Agusta A-129\Mil Mi-35
    fiz uma breve comparação e percebi que o Mi-35 era superior em quase tudo:velocidade,leva mais armas,melhor blindado mas era tecnologicamente inferior.
    Se fossem exclusivos para missão anti-tanque(ataque puro),os A-129 seria o mais indicado,mas pelo jeito a FAB escolheu um misto de helicoptero de transporte e ataque.Particularmente eu acho um bom helicoptero,resistente,bom apoio de fogo e cairia como uma luva em operações especiais.Mas cá entre nós;o bicho é feio,hein? o que os russos capricharam em blindagem,capac. de armamentos,esculaxaram em design.Esse sim assustaria qualquer inimigo,não por seu poder de fogo,mas por ser monstrengo.
    Espero que venham com todos os seus devidos armamentos,mas pelo jeito virão que nem os da fotos e vão ser armado com no máximo foguetes SABAT 70,além de cartuchos de 30mm.

  16. Quando saiu a noticia que os finalistas era o Agusta A-129\Mil Mi-35
    fiz uma breve comparação e percebi que o Mi-35 era superior em quase tudo:velocidade,leva mais armas,melhor blindado mas era tecnologicamente inferior.
    Se fossem exclusivos para missão anti-tanque(ataque puro),os A-129 seria o mais indicado,mas pelo jeito a FAB escolheu um misto de helicoptero de transporte e ataque.Particularmente eu acho um bom helicoptero,resistente,bom apoio de fogo e cairia como uma luva em operações especiais.Mas cá entre nós;o bicho é feio,hein? o que os russos capricharam em blindagem,capac. de armamentos,esculaxaram em design.Esse sim assustaria qualquer inimigo,não por seu poder de fogo,mas por ser monstrengo.
    Espero que venham com todos os seus devidos armamentos,mas pelo jeito virão que nem os da fotos e vão ser armado com no máximo foguetes SABAT 70,além de cartuchos de 30mm.

  17. O MI-35 e uma das melhores platformas anti-tanque em existencia. So no Brasil mesmo pra usarlos em acoes policiais. Para tal estao perfeitos os Hueys e Esquilos. Estou de acordo com os amigos acima;deveriam ser pelo menos 36,operados pelo EB. Que o Brasil compre 12 unidades,e praticamente desarmados,ja nao e surpresa. Infelizmente,e o Modus Operandi do Brasil. Eu gostaria muito estar errado,que pelo menos os poucos 12 MI-35 chegassem com o complemento maximo de armamento,para assim serem utilisados da maneira adequada. Mas se consideramos os exemplos do passado,seria pedir demais. Quanto a problemas logisticos,acho que poderiamos em parceria com os russos estabelecer instalacoes para treinamento de tecnicos e oficinas em territorio brasileiro. Claro,comprando so 12 unidades isso fica fora da conversa. seria muito decepcionante ver o MI-35 desperdicado.

  18. O MI-35 e uma das melhores platformas anti-tanque em existencia. So no Brasil mesmo pra usarlos em acoes policiais. Para tal estao perfeitos os Hueys e Esquilos. Estou de acordo com os amigos acima;deveriam ser pelo menos 36,operados pelo EB. Que o Brasil compre 12 unidades,e praticamente desarmados,ja nao e surpresa. Infelizmente,e o Modus Operandi do Brasil. Eu gostaria muito estar errado,que pelo menos os poucos 12 MI-35 chegassem com o complemento maximo de armamento,para assim serem utilisados da maneira adequada. Mas se consideramos os exemplos do passado,seria pedir demais. Quanto a problemas logisticos,acho que poderiamos em parceria com os russos estabelecer instalacoes para treinamento de tecnicos e oficinas em territorio brasileiro. Claro,comprando so 12 unidades isso fica fora da conversa. seria muito decepcionante ver o MI-35 desperdicado.

  19. Senhores mais do que foi falado estes helis não se destinam pura e simplesmente para a função de polícia.
    quanto ao número, sim este é muito pequeno, no entanto lembrem-se que em se confirmando a compra será a primeira vez que se adiquire aeronaves de procedência russa e portanto é óbvio que estes vão passar por testes de avaliações e operacionalidades e creio eu apartir daí poderá se falar em um aumento sigificativo da frota seja pelo exército seja pela FAB.
    minha opinião pessoal é de que qualquer plataforma desta natureza deveria estar disponível as 3 forças atravez de um comando conjunto conforme já falei aqui várias vezes, isto encerraria a discussão de quem seria o melhor operador delas e teríamos ganhos significativos em ordem de logística economia e operacionalidade.

  20. Senhores mais do que foi falado estes helis não se destinam pura e simplesmente para a função de polícia.
    quanto ao número, sim este é muito pequeno, no entanto lembrem-se que em se confirmando a compra será a primeira vez que se adiquire aeronaves de procedência russa e portanto é óbvio que estes vão passar por testes de avaliações e operacionalidades e creio eu apartir daí poderá se falar em um aumento sigificativo da frota seja pelo exército seja pela FAB.
    minha opinião pessoal é de que qualquer plataforma desta natureza deveria estar disponível as 3 forças atravez de um comando conjunto conforme já falei aqui várias vezes, isto encerraria a discussão de quem seria o melhor operador delas e teríamos ganhos significativos em ordem de logística economia e operacionalidade.

  21. Gosto nao se discute mesmo né!?!
    Ao contrario do Meirelles eu axo o Mi-35 um dos mais bonitos… só falta os supressores de calor nas saidas do motor.. ai sim estaria pronto para o desfile !!

  22. Gosto nao se discute mesmo né!?!
    Ao contrario do Meirelles eu axo o Mi-35 um dos mais bonitos… só falta os supressores de calor nas saidas do motor.. ai sim estaria pronto para o desfile !!

  23. bom, se esse heli tiver o proposito de APENAS policiar, desejo que os mesmos explodam no primeiro voo, de preferencia com os politicos dentro da aeronave…
    onde ja se viu comprar um “tanque” top de linha em termos de armamentos e apenas usar a carcaca… se fosse essa a missao, por que nao comprar mais modelos panteras ja utilizado pelo EB.
    iremos instalar extilingues, zarabatanas e arminhas de bob…
    to comecando a achar que teremos uma bela surpresa negativa no dia 7 de setembro…
    ESPERO ESTAR COPLETAMENTE ERRADO NOS MEUS COMENTARIOS

  24. bom, se esse heli tiver o proposito de APENAS policiar, desejo que os mesmos explodam no primeiro voo, de preferencia com os politicos dentro da aeronave…
    onde ja se viu comprar um “tanque” top de linha em termos de armamentos e apenas usar a carcaca… se fosse essa a missao, por que nao comprar mais modelos panteras ja utilizado pelo EB.
    iremos instalar extilingues, zarabatanas e arminhas de bob…
    to comecando a achar que teremos uma bela surpresa negativa no dia 7 de setembro…
    ESPERO ESTAR COPLETAMENTE ERRADO NOS MEUS COMENTARIOS

  25. Olá senhores! Como já havia falado, inicialmente não achava justificado a FAB possuir helicópteros vetor. Analisando uma provável doutrina de emprego vejo uma vanguarda para o cenário de grandes fronteiras desguarnecidas. Vejam bem, o Mi 35 está completamente testado nos prováveis cenários de emprego nacional. Inclusive exaustivamente testado em combate. No outro tópico citei que ele tirou de letra no Afeganistão e o AH-64 Apache está se arrastando. Lembro que hoje o Mi 35 é uma plataforma aberta com potencial de crescimento. Poderemos integrar sistemas, motores e armamentos. Não imagino nenhum outro vetor para as operações de comandos, as famosas operações ponta de lança. Navega com precisão em qualquer tempo, localiza alvos com meios próprios, transporta um grupo de comandos e apóia com armamento esse grupo. Um verdadeiro caveirão (risos). Senhores nos EUA estão desenvolvendo vetores com essas capacidades a custos altíssimos, mesmo assim com deficiências em alguns segmentos. Por exemplo, o Osprey pode localizar e transportar, porém tem blindagem relativa e armamento precário. Acho mais interessante os armamentos guiados serem nacionais, haja vista os desenvolvimentos atuais. Um detalhe já usamos o AS-14 Strela tanto no EB como na FAB, esse míssil na sua versão ar-ar é um dos armamentos do Mi 35 com isso quero dizer que já usamos armamento russo sem problemas, pelo menos que eu sabia.

  26. Olá senhores! Como já havia falado, inicialmente não achava justificado a FAB possuir helicópteros vetor. Analisando uma provável doutrina de emprego vejo uma vanguarda para o cenário de grandes fronteiras desguarnecidas. Vejam bem, o Mi 35 está completamente testado nos prováveis cenários de emprego nacional. Inclusive exaustivamente testado em combate. No outro tópico citei que ele tirou de letra no Afeganistão e o AH-64 Apache está se arrastando. Lembro que hoje o Mi 35 é uma plataforma aberta com potencial de crescimento. Poderemos integrar sistemas, motores e armamentos. Não imagino nenhum outro vetor para as operações de comandos, as famosas operações ponta de lança. Navega com precisão em qualquer tempo, localiza alvos com meios próprios, transporta um grupo de comandos e apóia com armamento esse grupo. Um verdadeiro caveirão (risos). Senhores nos EUA estão desenvolvendo vetores com essas capacidades a custos altíssimos, mesmo assim com deficiências em alguns segmentos. Por exemplo, o Osprey pode localizar e transportar, porém tem blindagem relativa e armamento precário. Acho mais interessante os armamentos guiados serem nacionais, haja vista os desenvolvimentos atuais. Um detalhe já usamos o AS-14 Strela tanto no EB como na FAB, esse míssil na sua versão ar-ar é um dos armamentos do Mi 35 com isso quero dizer que já usamos armamento russo sem problemas, pelo menos que eu sabia.

  27. Infelizmente foi uma má escolha….

    Os Mi-35 foram comprados por força de uma transação comercial não muito convencional.Para o Brasil retornar a fornecer carne de boi e de galinha para a Russia, teve que engolir o M-35.E fica ai uma pergunta….E a tal tranferencia de tecnologia…como fica…Acredito que com o AW 129….a FAB e o Brasil ganhariam mais…

  28. Infelizmente foi uma má escolha….

    Os Mi-35 foram comprados por força de uma transação comercial não muito convencional.Para o Brasil retornar a fornecer carne de boi e de galinha para a Russia, teve que engolir o M-35.E fica ai uma pergunta….E a tal tranferencia de tecnologia…como fica…Acredito que com o AW 129….a FAB e o Brasil ganhariam mais…

  29. Olha gente ninguem compra equipamento militar para ser utilizado como helicoptero policial. Em relação ao Paraguai, as fontes que afirmaram o fato ocorrido são confiaveis.Nós não somos a Russia, que faz e acontece e ainda peita o ocidente, digo os Estados Unidos.
    É bom lembrar que a maioria dos soldados brasileiros é recruta, eu mesmo servi o exercito brasileiro e dei no máximo uns 20 tiros de FAL.Os soldados norte americanos dão mais de 100 tiros, fora o treinamento que é uns dos mais completos do mundo! Vcs acham que a Europa e os Estados Unidos vão ficar parados e assistindo, eles vão retaliar.
    Eu moro no Parana, em curitiba, aqui nos temos vários unidades militares do EB, além da base aérea do bacacheri, pois bem na minha época o treinamento dos soldados já não era tudo aquilo, vc imagina agora. Antigamente os conscritos fugiam de servir no 20º BIB, 5ºGACAP, 5ºBLOG e 27º BLOG, porque era pedreira.
    O Brasil não tem recursos hoje para manter uma guerra por 7 dias!
    Eu estive conversando com um militar da aviação do exercito, e ele disse que o EB espera um helis de ataque. Mas eles não querem o MI 35, porque segundo ele é muito grande para o EB ou para os FUZILEIROS, helis de ataque para o EB deve ser mais fino.
    Em relação ao emprego deste helis na FAB, não entremos na especulação, agora acreditem que se os militares resolverem dotar estas helis de toda a aparelhagem que tornaram estes helis famosos eles fazem! Podem acreditar em mim, qdo o militares querem eles conseguem!

  30. Olha gente ninguem compra equipamento militar para ser utilizado como helicoptero policial. Em relação ao Paraguai, as fontes que afirmaram o fato ocorrido são confiaveis.Nós não somos a Russia, que faz e acontece e ainda peita o ocidente, digo os Estados Unidos.
    É bom lembrar que a maioria dos soldados brasileiros é recruta, eu mesmo servi o exercito brasileiro e dei no máximo uns 20 tiros de FAL.Os soldados norte americanos dão mais de 100 tiros, fora o treinamento que é uns dos mais completos do mundo! Vcs acham que a Europa e os Estados Unidos vão ficar parados e assistindo, eles vão retaliar.
    Eu moro no Parana, em curitiba, aqui nos temos vários unidades militares do EB, além da base aérea do bacacheri, pois bem na minha época o treinamento dos soldados já não era tudo aquilo, vc imagina agora. Antigamente os conscritos fugiam de servir no 20º BIB, 5ºGACAP, 5ºBLOG e 27º BLOG, porque era pedreira.
    O Brasil não tem recursos hoje para manter uma guerra por 7 dias!
    Eu estive conversando com um militar da aviação do exercito, e ele disse que o EB espera um helis de ataque. Mas eles não querem o MI 35, porque segundo ele é muito grande para o EB ou para os FUZILEIROS, helis de ataque para o EB deve ser mais fino.
    Em relação ao emprego deste helis na FAB, não entremos na especulação, agora acreditem que se os militares resolverem dotar estas helis de toda a aparelhagem que tornaram estes helis famosos eles fazem! Podem acreditar em mim, qdo o militares querem eles conseguem!

  31. O Exercito Brasileiro não so rejeitou o Mi-35, mas tambem o de transporte Mi-17 cuja quantidade negociada pelo governo brasileiro com a Russia seria de 28 unidades.Um outro ponto sensivel da questão da escolha, além da não transferencia de tecnologia e do porte do Mi-35, fica por conta da logistica e das diferenças marcantes nos metodos de manutenção e treinamneto com relação aos helicopteros franceses, americanos e tambem italianos. O AW 129 nesses quesitos é muito melhor ao Mi-35, pois tudo nele é ocidental , a Agusta Westland já esta aqui no Brasil a muitos anos e o Mangusta tem muitas partes mecanicas em comum com o AW 139 que esta sendo comercializado no mercado civil brasileiro.

  32. O Exercito Brasileiro não so rejeitou o Mi-35, mas tambem o de transporte Mi-17 cuja quantidade negociada pelo governo brasileiro com a Russia seria de 28 unidades.Um outro ponto sensivel da questão da escolha, além da não transferencia de tecnologia e do porte do Mi-35, fica por conta da logistica e das diferenças marcantes nos metodos de manutenção e treinamneto com relação aos helicopteros franceses, americanos e tambem italianos. O AW 129 nesses quesitos é muito melhor ao Mi-35, pois tudo nele é ocidental , a Agusta Westland já esta aqui no Brasil a muitos anos e o Mangusta tem muitas partes mecanicas em comum com o AW 139 que esta sendo comercializado no mercado civil brasileiro.

  33. Olha eu posso até errar, mas acho que os Russos venceram e venderam caças SU 35 para a FAB!
    Chamo isto de intuição, sei lá, mais vejam bem, o ano passado ventilou-se na midia que o Brasil compraria helis MI 35 e MI 17, depois não sei o que ocorreu, melou o negócio, mais os russos venceram este ano.
    Dentro da FAB principalmente entre os pilotos, existe aquela expectativa, mais pelo que eu sei e pelo que li, os pilotos tem uma queda pelo SU 35.
    Me parece que os pilotos da FAB querem o SU 35, mas o alto comando quer o RAFALE.
    Olha eu digo para vc, se os franceses estivessem com mão na jaca, o russos não viriam ao brasil em novembro, existem muito mais coisas entre o ceu e a terra.
    O ministro da defesa, pode falar o que ele quiser, mas está tudo em aberto..

  34. Olha eu posso até errar, mas acho que os Russos venceram e venderam caças SU 35 para a FAB!
    Chamo isto de intuição, sei lá, mais vejam bem, o ano passado ventilou-se na midia que o Brasil compraria helis MI 35 e MI 17, depois não sei o que ocorreu, melou o negócio, mais os russos venceram este ano.
    Dentro da FAB principalmente entre os pilotos, existe aquela expectativa, mais pelo que eu sei e pelo que li, os pilotos tem uma queda pelo SU 35.
    Me parece que os pilotos da FAB querem o SU 35, mas o alto comando quer o RAFALE.
    Olha eu digo para vc, se os franceses estivessem com mão na jaca, o russos não viriam ao brasil em novembro, existem muito mais coisas entre o ceu e a terra.
    O ministro da defesa, pode falar o que ele quiser, mas está tudo em aberto..

  35. Caros blogueiros,

    só para contribuir com a discussão: o canhão do Mi de 30 é lateral e fixo (o que reduz a capacidade anti-carro), na torreta tem uma metralhadora de 12,7. De qq forma é realmente algo que não se tem por aqui. Acho que pela versatilidade de uso o Mi vai ser mais útil. Um bom link para mais infos é: http://www.defesanet.com.br/md1/helos_1.htm

  36. Caros blogueiros,

    só para contribuir com a discussão: o canhão do Mi de 30 é lateral e fixo (o que reduz a capacidade anti-carro), na torreta tem uma metralhadora de 12,7. De qq forma é realmente algo que não se tem por aqui. Acho que pela versatilidade de uso o Mi vai ser mais útil. Um bom link para mais infos é: http://www.defesanet.com.br/md1/helos_1.htm

  37. pablo,serão anunciados;

    para a Aeronáutica:

    36 Su-35BM entrega prevista a partir de 2010 + 84 até 2020;
    12 Mi-35 com opção de mais 40 para as três forças;
    5 baterias de S-400 Triumf;
    Participação no desenvolvimento do PA T-50;

    para o Exército Brasileiro:

    15 baterias de S-300V + 84 sistemas de Buk\Tor M2;
    280 tanque pesados MBT Leopard 2A6;
    300.000 fuzis de assalto HK G36 + 50.000 FN Minimi;
    600 veículos blindados Piranha 3;
    28 baterias do Astros 2/3;

    para a Marinha:

    8 submarinos convencionais Scorpene;
    1 submarino nuclear nacional com opção de outros dois até 2025;
    10 fragatas FREMM\FREDA fabricados localmente;
    20 Rafales Naval;
    14 corvetas classe Barroso com defesa AAe aprimorada + 50 patrulhas
    entre outros que eu ainda não sei.

    Desculpem,galera,pela ignorância mas não resisti!!!

    Afinal sonhar não custa nada.

    Sds.

  38. pablo,serão anunciados;

    para a Aeronáutica:

    36 Su-35BM entrega prevista a partir de 2010 + 84 até 2020;
    12 Mi-35 com opção de mais 40 para as três forças;
    5 baterias de S-400 Triumf;
    Participação no desenvolvimento do PA T-50;

    para o Exército Brasileiro:

    15 baterias de S-300V + 84 sistemas de Buk\Tor M2;
    280 tanque pesados MBT Leopard 2A6;
    300.000 fuzis de assalto HK G36 + 50.000 FN Minimi;
    600 veículos blindados Piranha 3;
    28 baterias do Astros 2/3;

    para a Marinha:

    8 submarinos convencionais Scorpene;
    1 submarino nuclear nacional com opção de outros dois até 2025;
    10 fragatas FREMM\FREDA fabricados localmente;
    20 Rafales Naval;
    14 corvetas classe Barroso com defesa AAe aprimorada + 50 patrulhas
    entre outros que eu ainda não sei.

    Desculpem,galera,pela ignorância mas não resisti!!!

    Afinal sonhar não custa nada.

    Sds.

  39. É,Marine,exelente fuzil…pra mim o G36 é um dos melhores do mundo.
    Passou da hora de substituir os nossos velhos e antiquados FAL, que apesar de ser confiavel,possui várias desvantagens táticas(vc deve saber muito bem disso).Deveria ser substituido urgentemente,nem que seja por um importado.
    Sds.

  40. É,Marine,exelente fuzil…pra mim o G36 é um dos melhores do mundo.
    Passou da hora de substituir os nossos velhos e antiquados FAL, que apesar de ser confiavel,possui várias desvantagens táticas(vc deve saber muito bem disso).Deveria ser substituido urgentemente,nem que seja por um importado.
    Sds.

  41. Minha opiniao pessoal seria um HK416 mas modificado para municao 6.8mm SPC, acho que serviria bem as diferentes localidades brasileiras.

    Sds.

  42. Minha opiniao pessoal seria um HK416 mas modificado para municao 6.8mm SPC, acho que serviria bem as diferentes localidades brasileiras.

    Sds.

  43. Pois é, os HK são ótimos, que o diga os traficantes cariocas do “Rio de Beirute” antiga “Rio de Janeiro”……
    Pergunte aonde foram parar os HK da aeronática à alguns anos atráz..
    Sds.

  44. Pois é, os HK são ótimos, que o diga os traficantes cariocas do “Rio de Beirute” antiga “Rio de Janeiro”……
    Pergunte aonde foram parar os HK da aeronática à alguns anos atráz..
    Sds.

  45. Durante uma recente entrevista coletiva, jornalistas perguntaram a um grupo de pilotos da Força Aérea Braisleira o que eles estavam achando das novas aquisições de aeronaves feitas pelo governo brasileiro para a FAB.
    Resposta do piloto da FAB:
    – Bem, sinceramente, é tanto contentamento que ultimamente nós, pilotos da FAB, temos passado a maior parte do tempo HINDo à toa!!!!!

  46. Durante uma recente entrevista coletiva, jornalistas perguntaram a um grupo de pilotos da Força Aérea Braisleira o que eles estavam achando das novas aquisições de aeronaves feitas pelo governo brasileiro para a FAB.
    Resposta do piloto da FAB:
    – Bem, sinceramente, é tanto contentamento que ultimamente nós, pilotos da FAB, temos passado a maior parte do tempo HINDo à toa!!!!!

  47. Há um comentário que a França não quer cometer os erros do passado em concorrências para a venda do seu caça principal e está apostando tudo na negociação do Rafale com a FAB, pois disto dependerá também uma venda de igual porte para a Força Aérea da India. Será???

  48. Há um comentário que a França não quer cometer os erros do passado em concorrências para a venda do seu caça principal e está apostando tudo na negociação do Rafale com a FAB, pois disto dependerá também uma venda de igual porte para a Força Aérea da India. Será???

  49. Essa é para Meireles:

    Viajou bem longe : mas provou uma coisa: sonhar faz bem e não custa nada. Se a metade de todo esse equipamento viesse, subiríamos alguns importantes degraus no quesito de Defesa. Não concorda?

  50. Essa é para Meireles:

    Viajou bem longe : mas provou uma coisa: sonhar faz bem e não custa nada. Se a metade de todo esse equipamento viesse, subiríamos alguns importantes degraus no quesito de Defesa. Não concorda?

  51. Ah,não,vassily subiríamos a escada quase toda.

    Mauro,
    Posso até imaginar como vai ser no próximo dia 7: planos, propostas, discursos e mais discursos.Talvez preciso mesmo de um médico… ou um bom psiquiatra.
    Sds.

  52. Ah,não,vassily subiríamos a escada quase toda.

    Mauro,
    Posso até imaginar como vai ser no próximo dia 7: planos, propostas, discursos e mais discursos.Talvez preciso mesmo de um médico… ou um bom psiquiatra.
    Sds.

  53. eu tenho 11 anos de idade mas tambem etendo de naves mas e se o brasil comprar eese helicoptero russo será que a fab nao pode ficar sem munição para o canhão de 30mm?
    por favor respondam

  54. eu tenho 11 anos de idade mas tambem etendo de naves mas e se o brasil comprar eese helicoptero russo será que a fab nao pode ficar sem munição para o canhão de 30mm?
    por favor respondam

  55. O Brasil deveria adquirir helicopteros como no projeto fx, abrindo uma concorrencia impondo como condição a trasferencia de tecnologia.
    Em contra partida daria vantagens ao vendedor que apresentase as melhorres vantagens, com a compra de mais helicopteros e outros armamentos. Isso seria melhor para o Brasil que teria um helicoptero dos mais rapdos resistentes e armados do mundo com tecnologia propria. Uma fez fabricando o helicoptero no pais, este poderia ser melhorado e adptado para diversos empregos. Isto sim, seria uma negociação estratégica.

  56. comprar o mi-35 sem o armamento russo seria o mesmo que comprar uma pistola sem munição…

    Esse canhão dele é uma maravilha, mas seria um tremendo desperdicio uma maquina dessas equipada só com ele. E como o cleber disse o certo seria negociar para ver quem oferece as melhores propostas mesmo.

  57. Aproveitando o tema atual, tomei a liberdade de divulgar sua página no meu twitter e no meu Blogspot.com/saulovalley (Óbviamente apontando a Origem da matéria e oferecendo o link. Obrigado por esta grande fonte de informação on line! Muito scesso pra vocês!

    Abraço.

    Saulo Valley

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here