Home Sistemas de Armas RAF deve desativar caças Eurofighter Typhoon ‘Tranche 1’

RAF deve desativar caças Eurofighter Typhoon ‘Tranche 1’

390
12

O jornal The Guardian informou que a Royal Air Force deve desativar 55 jatos Eurofighter Typhoon “Tranche 1”, até 2015, para economizar recursos.

As primeiras aeronaves introduzidas em 2005, principalmente biplaces, serão retiradas de serviço por serem muito caras para serem modernizadas ao padrão “Tranche 3”, segundo a notícia.

A RAF terá cerca de 100 caças até a metade da década. O total planejado de Typhoons de todas as variantes, Tranches 1 a 3A, é de 160 aeronaves. As entregas até hoje totalizam 60 caças, a maioria baseada em Coningsby, Lincolnshire.

Um porta-voz da RAF confirmou que as aeronaves serão oferecidas para venda, ao invés de serem desmanteladas.

FONTE: AirForces Monthly

BATE-PAPO ONLINE: Converse com outros leitores sobre este e outros assuntos no ‘Xat’ do Poder Aéreo, clicando aqui.

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
asbueno
asbueno
9 anos atrás

Se fossem oferecidos a um preço camarada, valeria a pena tê-los?

asbueno
asbueno
9 anos atrás

valeira = valeria

ZE
ZE
9 anos atrás

Só para completar o “falta de dinheiro”. Portugal está quebrado. É a bola da vez ! Ontem, eles colocaram, pela segunda vez nessa semana, papéis à venda. Todos os títulos foram vendidos. Alguns jornais idiotas, com matérias escritas por jornalistas que não sabem o que escrevem, noticiaram que as tais vendas foram um sucesso. Eles só se “ESQUECERAM” de dizer que os papéis foram vendidos porque o BANCO CENTRAL EUROPEU e a CHINA compraram. Ainda assem a taxas insustentáveis (cerca de 6,7%. Quando o normal seria de 4%. Os lusitanos não têm como pagar juros tão altos). Os investidores privados,… Read more »

asbueno
asbueno
9 anos atrás

Bom Ze, eu imaginava tal resposta, tanto pelos custos da aeronave mas, também, por falta de sistemas mais modernos, radar, por exemplo.

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

Nos restam o SH e o F16.

O NG é sonho de uma noite de verão e assim como o Rafale mais “popular” na web, que no mundo real.

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

Rodrigo disse: 13 de janeiro de 2011 às 14:40 o 14 Bis era um sonho, a Embraer era um sonho e tantas outras coisas que acabaram concretizando e o Gipen NG poderia ser uma delas, basta masi vontade e menos política. O Senado custa aos contribuinte mais ou menos R$ 2,2 bilhões por ano, junte-se a isso outras verbas, a câmara federal apenas para ficarmos por aqui e tentem fazer uma análise do retorno que são desse capital e quanto o mesmo investimento em educação, tecnologia dariam ao país. Falando de infraestrutura, uma pesquisa revelou que 70% das internações em… Read more »

Joker
Joker
9 anos atrás

Tem que se observar que essa desativação não foi um ponto sem nó…

Depois de se introduzir o conceito de operação do equipamento, aqueles meios considerados despendiosos para modernização serão postos no mercado.

Acho que deve ser dada um observancia a isso.

Mauricio R.
Mauricio R.
9 anos atrás

Com essas aeronaves já previamente marcadas p/ o descarte, o tranche 3B se torna crucial, p/ que a operação desta aeronave seja finaceiramente viável.

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

O desenvolvimento do NG é responsabilidade do Governo sueco e da SAAB, se eles ficam de papo furado esperando que alguém entre no projeto para ele ser iniciado em escala total é porque não interessa a eles. Será o EC725, de asa fixa. Os suecos comprarão poucas unidades para o mínimo de apoio e ficaremos como os usuários principais. Tenham com a SAAB, os mesmos questionamentos que vocês fazem aos franceses. O NG é tão derrotado quanto o Rafale e merece a mesma perguntta. Se é tão bom, barato e traz tanto desenvolviento para o comprador. Por que ninguém comprou… Read more »

Grifo
Grifo
9 anos atrás

Será o EC725, de asa fixa. Os suecos comprarão poucas unidades para o mínimo de apoio e ficaremos como os usuários principais. Desculpe Rodrigo, mas o EC-725 de asa fixa é o Super Hornet. Um produto de prateleira, sem nenhuma participação da indústria nacional no seu desenvolvimento, usado apenas por seu próprio país e mais um outro, e que vende coisa melhor para os seus aliados. 😉 Todos os imbecis trabalham na indústria de aviação e nas forças aéreas. Os gênios estão todos na internet e somente só neste meio o NG e o Rafale são tido como grandes alternativas.… Read more »

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

o que estaria em questão não é apenas a compra do caça e sim a TT e por isso o Gripen NG seria uma ótima escolha, tanto pela participação como pelo que a aeronave virá a ser.

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

E o que a SAAB e governo sueco querem evitar, é justamente a burrada que a Dassault e governo francês fizeram em ralação ao Rafale….