segunda-feira, novembro 29, 2021

Gripen para o Brasil

França anuncia negociação com Emirados para venda do Rafale

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

A França anunciou nesta segunda-feira que está na etapa de negociação final com os Emirados Árabes Unidos para a venda de aviões de combate Rafale, informou o ministro francês da Defesa, Gérard Longuet, que considerou muito grande a possibilidade de assinatura de um contrato.

“É um negócio considerável para este país. Quando se equipa uma frota aérea é por 40 anos e, portanto, o comprador apresenta certas condições e é normal. Está claro que o industrial defende seus interesses”, declarou Longuet.

França e Emiratos Árabes Unidos negociam desde 2008 a venda de 60 exemplares do caça francês Rafale, principal modelo do construtor aeronáutico Dassault Aviation, que está a serviço das Forças Armadas francesas, mas que nunca foi vendido ao exterior.

As Forças Armadas francesas utilizaram o Rafale nas operações aéreas na Líbia.

O anúncio de Longuet foi feito na véspera de uma reunião em Paris com o ministro brasileiro da Defesa, Celso Amorim, que no mesmo dia se encontrará com o ministro francês das Relações Exteriores, Alain Juppé, e na quarta-feira com o presidente francês Nicolas Sarkozy.

Em 2009, durante uma visita oficial ao Brasil, Sarkozy anunciou que venderia 36 aviões de combate Rafale ao Brasil. Mas as negociações foram interrompidas ao fim da presidência de Luiz Inácio Lula da Silva e com a chegada ao poder de Dilma Rousseff.

Em julho, o antecessor de Amorim, Nelson Jobim, afirmou na França que uma decisão sobre a eventual compra do Rafale havia sido adiada para o início de 2012.

Na semana passada, a Rafale International anunciou que apresentou uma proposta de associação tecnológica a empresas e universidades do Rio de Janeiro caso o Brasil opte pelo Rafale.

FONTE: AFP/Terra

- Advertisement -

14 Comments

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Guilherme Poggio

Agora vai!

edcreek

Olá, Pelo visto agora vai mesmo, mas nada como um anuncio oficial, mesmo assim os pro-americanos não devem acreditar tipo: 1-A India não fazer up-grade de Mirage porque não compensa, contrato assinado; 2-O Rafale(India) não vai a final eles vão preferir um modelo que use a turbina F-414, Rafale na final e um pé nos caças Sueco-Americanos; 3-O pod Damoclè não está integrado por falta de energia, ele foi usado sem problemas e com perfeição na Libia; 4-Os EAU não querem o Rafale porque ele tem submotorização, negociações em vias finais. Das duas uma, ou o Brasileiro não acredita no… Read more »

Nick

A ansiedade francesa é tamanha que eles nem esperam fechar as negociações com os EAU. 🙂

Anunciar que estão na fase final de negociações não é mole não…. hehehehehe!

[]’s

Grifo

Gostaria de anunciar que estou em negociação final para aquisição de uma novíssima Ferrari Enzo, para colocar aqui na minha garagem ao lado do meu atual Ford Escort 99.

Eu e o revendedor da Ferrari já acertamos quase todas as condições. Falta agora apenas concordarmos na questão do preço, mas fora isso já está tudo certo.

Justin Case

Grifo, boa tarde.
Pelo menos eles decidiram que precisam algo da categoria de um Rafale, e chamaram para negociar.
Enquanto isso, nós continuamos aqui com nossa frota desses tais Ford Escort 99. Tem gente até que defende que compremos mais desses usados, para modernizar.
Abraço,

Justin

Mauricio R.

E os franceses insistem, em falar pelo cliente…
Na Arábia Saudita e no Marrocos isso deu errado.

edcreek

Olá,

Justin não esquenta não foi o que eu disse, mesmo que esteja a frente o pessoal insiste e não acreditar. Mas logo, logo vem o martelo final.

Abraços,

DrCockroach

“Tem gente até que defende que compremos mais desses usados, para modernizar.”

Nossa, lembrei do possivel plano B do Lobim, se os EAU fechassem com o Rafale, os mirages deles ateh poderiam acabar (literalmente?) pelas bandas brasileiras… FIUUUU!!!!

[]s!

ricardo_recife

Já li está informação umas três vezes, inclusive sobre o Brasil. Vou esperar sentado. Lembram da Líbia e do Marrocos? Estava tudo certo.

Vader

Líbia, Marrocos, Arábia Saudita, Coréia do Sul, Grécia, Omã, Bulgária, Romênia, Índia, etc. etc. etc…

Melhor esperar pra confirmar a primeira venda de Le Jaquê…

Antonio M

E vender 60 unidades vai salvar a Dassault, vai dar escala suficiente para baixar preços e custos?!?!?!!??!

Grifo

E vender 60 unidades vai salvar a Dassault, vai dar escala suficiente para baixar preços e custos?!?!?!!??! Caro Antonio M, quando os Emirados Arabes Unidos compraram o caror de combate (MBT) francês Leclerc, e foram o único país além da França a fazê-lo, o governo francês teve que subsidiar pesadamente a venda. Na prática a França pagou para os EAU terem o blindado. Será que veremos o mesmo filme de novo? Se a venda se concretizar, vale a pena comparar o preço que será pago por 60 Rafale com os 8.2 bilhões de dólares da oferta da Dassault feita ao… Read more »

DrCockroach

Eh possivel que a Dassault conclua este negocio. A Dassault estah bem posicionada na zona livre aeronautica, zero de impostos, sendo estabelecida pelos Emirados (Embraer…). Mas: – Na entrevista original, o Mind da Def. Frances disse que o tema pendente era como dividir o financiamento p/ o novo motor do Rafale (ou seja, eh submotorizado…). Se financiarem, eles entregarao este novo motor, “de gratis”, p/ futuros operadores?; – Fiz varias criticas aqui (todas documentadas, diga-se de passagem) ao F-35, mas convenhamos, os Emirados podem pagar mais pelo F-35 do que ficarem com os Rafale pelas proximas decadas. Os EUA podem… Read more »

Últimas Notícias

O Gripen E vai igualar e, em muitos casos, ser melhor do que os atuais caças de quinta geração, afirma o Chefe da Força...

A Saab apresentou os seis primeiros Gripen E produzidos em série e que em breve ficarão prontos para a...
- Advertisement -
- Advertisement -