segunda-feira, maio 23, 2022

Gripen para o Brasil

Mais F-16 do Chile passam por Salvador

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Os últimos seis caças F-16, de um total de 18 aeronaves adquiridas pelo Chile à Holanda, fizeram escala em Salvador-BA. Os caças chegaram no dia 31 de agosto e partiram no dia 2 de setembro.

NOTA DO EDITOR: Baba baby, baba!

BATE-PAPO ONLINE: Converse com outros leitores sobre este e outros assuntos no ‘Xat’ do Poder Aéreo, clicando aqui.

- Advertisement -

23 Comments

Subscribe
Notify of
guest
23 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Tadeu Mendes

A FAB tem ficar chpando dedo….que inveja…

Obrigado governantes por humilharem a Forca Aerea Brasileira.
E que voem as sucatas recachutadas…esse e o famoso geitinho brasileiro.

Observador

Se o líder semi-analfabeto não tivesse metido o bedelho, garanto que a FAB teria comprado uma dúzia de F-16, talvez estes mesmos que passaram por aqui, ao invés dos Mirage 2000 bichados. Se pagou caro (80 milhões de euros) por uma porcaria que a FAB ameaçou aposentar a pouco, devido ao fraco suporte do fabricante. Não concordo em meter o pau nos F-5EM e nos A-1M. Pelo preço das suas modernizações se compraria, quem sabe, seis fighters de primeira linha, não mais do que isto. Os F-5 e A-1 são bons vetores na relação custo-benefício, mas tinham que ter a… Read more »

jacubao

Fazer o que né? Só resta babar, babar e babar.
Concordo com vc Observador, seria muito melhor adquirir os F-16 ao invés do M2000. É sabido que as aeronaves americanas são muito melhoresque as jacas francesas e o pós venda ainda mais.

Vader

É isso aí. Resta babar. E parabenizar o Chile, um país pobre mas que funciona.

No mais, muito feliz o comentário do Observador. Quando se coloca a pensar no FX2 é isso mesmo: um monstro de Frankenstein: nem é programa de aquisição de meios, nem de transferência de tecnologia, é uma miscelânea malfeita e mal explicada dos dois, com politicagem pra todo lado.

Abraços.

ricardo_recife

Concordo com todos, a FAB e todos estamos morrendo de inveja. Observador disse tudo, se o Grande Guia Mundial de Todos Os Povos não tivesse metido o bedelho duas vezes (na compra dos 2000 e no FX-2) nas decisões técnicas da FAB provavelmente estaríamos com algumas dezenas de F-16 e com o Gripen NG/BR como o caça padrão da FAB. Caro Vander, o Chile pobre? Discordo! O Chile não é um país rico, mas tem qualidade de vida semelhante a maioria dos países do sul da Europa. Talvez seja com a Costa Rica os dois únicos países decentes da América… Read more »

Giordani RS

Comentar o quê?
O FX vai entrar para o folclore brasileiro…mais um, juntamente com o m´boi tata, mula sem cabeça, sací, cuca…

Ah! Mas o chile não tem o GTE que o brasil tem! Os políticos de lá não sabem o que é voar num luxuoso avião…babem! Nem vão ter estádio de futebol de 1º mundo! Morram de inveja! Nossos vetores VIP são os melhores da América “Latrina”…morram de inveja ou combatam o invasor até o último Viper!!!!

DrCockroach

Na verdade tenho minhas duvidas. Se vcs se referem a interferencia do Nosso Ex-Guia e a agenda ideologica do Itamaraty do B, eu concordo. Se vcs se referem a RFP da FAB, nao sei. No ultimo ano li o livro “Advanced Public Procurement as Industrial Policy” um Sueco que trabalha proximo a SAAB (acredito que o Galante atendeu uma palestra dele na Suecia). O autor defende os off-sets e ToT como parte fundamental p/ desenvolvimento industrial (o livro eh chatissimo, nao recomendo). Alias ToT e off-sets fazem parte da maioria (se nao totalidade) das aquisicoes militares. Fazem alguns meses recebi… Read more »

Storm Rider

Chile pobre?!?!?!

DrCockroach

O DrCockroach procurou e achou na melhor fonte de informacao: http://www.aereo.jor.br/2010/01/07/aeronautica-se-recusara-a-mexer-em-relatorio-que-recomenda-a-compra-de-cacas-suecos/ ou seja: – ” FAB avaliou seis quesitos. Deu maior importância para as propostas de logística, técnica e de custo operacional, cada uma com 20% de peso na avaliação final.” – “Os demais quesitos avaliados pela FAB foram a transferência de tecnologia e risco (15%), as contrapartidas comerciais (15%) e o gerenciamento do programa (10%).” Depois nos sabemos que o NJ andou alterando os pesos p/ favorecer vcs sabem quem, mas nao foi matematicamente possivel pois a mesma teria ficado em ultimo em todos os criterios (mas foi suficiente… Read more »

Mauricio R.

O que foi feito nos F-5 e o que infelizmente se fará dos A-1, deveria acontecer em aeronaves F-16 ou F-18.
Infelizmente esse “doce passou do ponto” e ninguém teve a “clarevidência” em percebe-lo.
Idem qnto a restauração dos A-4.
E de preferência sem a Embraer, sendo a contratante principal e dando pitaco, afinal a empresa não tem tecnologia desse nível.
E menos ainda, se dignou a por do seu $$$$$$, em desenvove-la.
A FAB estaria em mto melhores condições.

DrCockroach

“O ministro da Defesa, Celso Amorim, esquivou-se de temas polêmicos na cerimônia de ontem, em Curitiba. Questionado sobre o programa F-X 2, para a renovação da frota de caças para a FAB, ele foi curto na resposta. Disse que o país precisa definir a questão com rapidez, mas não estipulou prazos. “O programa não foi abandonado. O Brasil precisa definir esse assunto com maior rapidez, mas ainda não conversei com a presidente Dilma Rousseff a respeito”, declarou.” http://www.ovale.com.br/nossa-regi-o/governo-moderniza-controle-de-voo-1.157775 $$$ nao eh o problema, sei lah. Tb nao sei se o Mantega entende. Talvez seja um receio de anunciar o FX-2… Read more »

Mauricio R.

Se o Brasil(???) precisa definir o assunto c/ maior rapaidez, o que raios ele que é o ministro encarregado, está esperando???

-Ô Brasil, acorda aí!!! E defina de uma, por tdas, vez quem será o F-X2!!!!

-Zzzzzzzzzzzz…

Joker

Pessoal que esses F16 podem causar inveja e essas coisa lá em muita gente no momento atual eu não discordo,mas assim como nossos A-1 e F5M essas células podem dar caldo por uns 15 anos, ou seja, os chilenos (assim como nós estamos a fazer por diferentes motivos) empurraram com a barriga a reposição da frota e eles (assim como nós) também irão sofrer com uma obsolência generalizada da frota,especialmente pelo uso hard deck que exige bastante das aeronaves.

asbueno

DrCockroach disse:
16 de setembro de 2011 às 11:18

Sempre há um medo de um Governo anunciar certas medidas pq a opinião pública cairia de pau sobre elas. Mas se houvesse um comprometimento da classe política em relação a Nação, a oposição não seria sistemática, mas pontual e construtiva. Se assim fosse os GFs anunciariam mais medidas sem maiores problemas.

É só tomar a medida com amparo político e bom senso técnico (a escolha da medida e suas características) e fiscal.

Abraços

ivanildotavares

Qual o plano de voo desses aviões desde a Holanda? Como cruzaram o Atlântico? Alguém sabe?

Abs

Observador

DrCockroach disse: 16 de setembro de 2011 às 10:49 Caro Dr. Kakerlak (barata), De minha parte, quis colocar que muito gente meteu o bedelho no que não sabia, a começar pelo ex-presidente, que sempre desdenhou de quem estudou e tem diploma. Na cabeça dele e na dos puxa-sacos em derredor dele, o estudo é dispensável, o que vale são as crenças pessoais e o “feeling”. Mas voltando ao tema, quem conduziu o processo ou era ignorante no assunto, ou era politiqueiro, ou tinha opinião viciada por ideologia ou pior, pensava no lucro pessoal com o negócio. Até prefeito sindicalista veio… Read more »

Tadeu Mendes

So para colocar uma pouco mais de sal na ferida: Olha o tamanho do Chile e compara com o do Brasil.

O Chile tem cobertura total do espaco aereo deles, mas o Brasil com seus F-5, A-1, A-29, A-4, nao da nem para tapar buraco do dente.

Portanto, mesmo comprando jatos usados (F-16s. da Holanda), o Chile possui os melhore cacas do continente e por essa razao, podem defender seu espaco aereo de qualquer invasor sulamericano.

Vader

ricardo_recife e Storm Rider: Sim amigos, o Chile é um país pobre. Muito, mas muito, mas muuuuito mais pobre que o Brasil. Não falo isso de ouvir dizer ou de ler em algum lugar: conheço pessoalmente, com alguma profundidade, a realidade chilena. Só para que os amigos tenham idéia, a economia chilena é menor do que a da Região Metropolitana de Campinas. O Chile não produz quase nada além de cobre, frutas e vinho. Todos os carros lá são importados (e aliás só tem “carrão”, e custa um terço do preço que se paga aqui). Quase tudo que é industrializado… Read more »

Vader

Joker disse:
16 de setembro de 2011 às 11:40

Me desculpe Joker, mas o Chile não tem apenas estas aeronaves MLU, que aliás são do nível dos Block 50 da USAF. O Chile também adquiriu os F-16 Block 52 “zerados”, caças multirole moderníssimos e tremendamente capazes, que podem prover defesa aérea de qualidade por décadas.

O Chile fez o que a FAB queria ter feito: aliar alguns caças mais antigos mas modernizados (F-5M) com alguns caças “ponta-de-linha”.

Mas se eu conheço alguma coisa do Chile, dentro de uma ou duas décadas veremos a FACh voando com F-35.

Sds.

Ivan

O mapa, sempre o mapa…
http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/chile/imagens/mapa-do-chile-2.gif

Atrevidamente tento acrescentar ao lúcido comentário do Lord Vader, a visão do mapa chileno, uma fina faixa de terra entre a Cordilheira dos Andes e o Oceano (nada) Pacífico.

Teoricamente uma força mecanizada com pesado apoio aéreo, depois de atravessar os Andes, poderia cortar o Chile em dois e provocar uma crise tremenda.

Sds,
Ivan.

Gueorgui Jukov

Eu tenho inveja de qualquer força aérea sul americana com aeronaves, novas e modernas, seja a chilena ou Venezuela, e lembrar a nossa aqui com remakes de aeronaves da década de 70.

Tadeu Mendes

Caro Vader,

Somente acrescento um dado a mais sobre o Chile: o tamanho da populacao deles.

Um pais com dez milhoes de habitantes e bem mais facil de organizar que o Brasil de quase 200 milhoes.

Agora se a gente dividir o numero de jatos por cabeca, ou seja, cada jato de combate defente X numero de chilenos.

Fazendo essa analise no caso brasileiros, ou seja, cada jato de combate defende X numero de chilenos.

numero de fighter jets/habitantes.
Eu gostaria de ver como ficariam esses numeros.

Sagran Carvalho

Amigos,
8 anos aguentando o Deus Sol, sua Camarilha e as promessas;
+ 4 anos suportando o Deus Sol, sua Camarilha e a Faxineira;
e a FAB, e nós também, só podemos fazer uma coisa:
baba baby…baby baba! Dureza viu…
Caro Joker, concordo com você que em 15 anos a FACh irá passar por um processo de envelhecimento de sua frota de F-16 MLU, mas lembre-se que por lá existem 10 F-16 C/D block 50 com os plásticos ainda no banco. A transição por lá será menos dolorida que por cá.
Abraços!

Últimas Notícias

Novas fotos do caça furtivo chinês J-35

Foram divulgadas novas fotos do caça furtivo J-35 de 5ª geração baseado em porta-aviões em desenvolvimento pela China. Baseado no...
- Advertisement -
- Advertisement -