Home Noticiário Internacional Primeira missão do Gripen na Líbia programada para esta quinta-feira

Primeira missão do Gripen na Líbia programada para esta quinta-feira

158
2

Aeronaves ainda não realizaram missões devido a um problema de fornecimento de combustível que, segundo os suecos, já foi sanado

Nesta quinta-feira, 7 de abril, o site das Forças Armadas da Suécia informou que a primeira missão dos caças Gripen sobre a Líbia está agendada para o período da tarde. Problemas com o fornecimento de combustível na Sicília já foram sanados, segundo o informe.

O jornal sueco The Local havia informado que as oito aeronaves no solo porque, na base de Sigonella, o único combustível disponível era o JP5, empregado pela Marinha dos EUA. O Gripen utiliza o Jet A1, normalmente empregado em aeronaves civis. A questão do combustível não havia sido investigada quando da chegada das aeronaves, segundo o tenente coronel Mats Brindsjö, porque outros detalhes tomaram mais tempo (veja mais detalhes na matéria abaixo).

Além de tratar sobre o início das operações nesta quinta-feira, o site das Forças Armadas Suecas informou que a força desdobrada na Sicília faz parte do Grupo de Batalha Nórdico (NGB) 11, e que outros NGB, totalizando cerca de 1.100 pessoas, permanecem em estado de espera até 13 de junho, pronto para se desdobrarem caso sejam solicitados.

O informe também destacou que a responsabilidade operacional da força sueca na Sicília está com a OTAN, e que é a organização que lhe dá atribuições.

FONTE / FOTO: Forças Armadas da Suécia, com informações adicionais do jornal sueco The Local

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
IvanAntonio M Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Antonio M
Visitante
Member
Antonio M

Esta notícia “mata” a anterior !! rsrsrsr!!

Boa sorte aos suecos, a toda colizão e ao povo líbio, que termine logo esse conflito…..

Ivan
Visitante
Member
Ivan

“O informe também destacou que a responsabilidade operacional da força sueca na Sicília está com a OTAN, e que é a organização que lhe dá atribuições. Aparentemente é uma manobra clássica chamada “tira da reta”… No Gripen Battle Group Nordic, pelo que tenho lido nos últimos anos, a responsabilidade operacional, ou seja, combustível e segurança da base aérea, fica por conta de quem recebe o esquadrão de combate. Assim sendo, seria responsabilidade da Otan e da Naval Air Station Sigonella prover segurança do perímetro e combustível para a missão. Contudo, na minha opnião, cabe ao Estado Maior da Flygvapnet certificar… Read more »