Home Sistemas de Armas Jobim admite corte de até R$ 4,1 bilhões na Defesa; compra de...

Jobim admite corte de até R$ 4,1 bilhões na Defesa; compra de caças não será afetada

68
19

BRASÍLIA – O ministro da Defesa, Nelson Jobim, admitiu nesta terça-feira que a sua pasta deve perder até R$ 4,1 bilhões dos R$ 15,1 bilhões que estavam previstos para os gastos deste ano em função do corte inédito decidido pelo governo de R$ 50 bilhões no orçamento de 2011.

A expectativa é de que a tesoura do Executivo corte cerca de 36% dos recursos contingenciáveis da pasta, que somam entre R$ 10,5 bilhões e R$ 11 bilhões, segundo um técnico do Ministério da Defesa. Isso significa que o ministro terá que redistribuir cerca de R$ 6,9 bilhões que serão usados em manutenção operativa e projetos entre as forças.

– Vou chamar as forças e distribuir o corte entre elas _ disse Jobim, ao deixar a sede do Ministério da Fazenda, onde esteve reunido com chefe da pasta Guido Mantega e a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, além do secretário do Tesouro Nacional, Arno Agostin.

Apesar do corte expressivo previsto para o Orçamento da Defesa este ano, o ministro Jobim descartou qualquer impacto sobre a decisão da compra de aviões caças que está sendo avaliada pelo governo. A explicação está no fato de se tratar de um longo processo com sua “liturgia”, que deve demorar “no mínimo um ano”. Segundo Jobim, depois de aprovado pela presidente, o assunto é levado ao Conselho de Defesa Nacional, para voltar à presidente e, seguida, ser levado às forças para que discutam os contratos.

– Não há despesas orçamentárias previstas para este ano em relação aos caças. Mas a decisão da presidente tem que sair ainda este ano.

Os cortes da pasta, no entanto, podem afetar a incorporação de militares, que pode ser reduzida em 2011. Segundo Jobim, a Defesa recebe cerca de 70 mil homens por ano e esse número pode sofrer alterações.

FONTE: O Globo

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
19 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Observador
Observador
9 anos atrás

Era ÓBVIO que ia acontecer. E tinha gente dizendo que as FAs nunca foram tão bem tratadas como no governo anterior. Quem votou na continuidade de tudo o que está aí, agora fica quietinho, quietinho… Não que o outro candidato fosse fazer diferente não. A gastança do Lula engessou o governo atual, seja ele de que partido for. Sobre a fala do Ilustríssimo Senhor Ministro da Defesa Nélson Jobim, se olharmos tudo o que ele falou antes, devemos entender tudo ao contrário. Então HÁ SIM, risco para o FX-2, não pelo desembolso, que não seria imediato, mas pelo custo político… Read more »

ZE
ZE
9 anos atrás

“- Não há despesas orçamentárias previstas para este ano em relação aos caças. Mas a decisão da presidente tem que sair ainda este ano”. O Jobim não perde a oportunidade de querer ENQUADRAR a Dilma ! Por que a decisão tem que sair ainda este ano ? Porque o Jobim quer ! Eu já falei várias vezes que, se a Dilma for realmente esperta, a decisão só irá sair em 2012, ou na melhor das hipóteses, nunca antes do 1º trimestre de 2011. A razão é óbvia: Se sair esse ano, as tratativas poderão acontecer, só que a decisão de… Read more »

Renato Oliveira
Renato Oliveira
9 anos atrás

Observador e Zé, concordo com ambos. Tomara que o FX2 não acabe virando FXn…

Vader
9 anos atrás

Ih caras, vai faltar até papel higiênico…

koslowa
koslowa
9 anos atrás

Bastante positivo este corte acontecer em um governo Dilma e não em um eventual governo Serra.

Caso fosse José Serra o presidente, haveria daqui a algum tempo, aquele auto engano típico do Brasileiro de achar submarino nuclear, FX entre outros programas não caminham por causa dos “neoliberais aliados aos interesses americanos”.

Enquanto não mexer nos fundamentos das FA´s, enquanto não houver um projeto de estado e longo prazo, caminharemos entre ciclos de compras e ciclos de adolescência, como é nos últimos 60 anos, qualquer que seja o governo, qualquer que seja o partido.

Baschera
Baschera
9 anos atrás

Sim….. é vero !!

A “merla” foi não ter decidido antes…e agora (embora a paquidérmica conta deixada pelo mulusco de plantão do governo anterior…) poderiamos estar aproveitando o euro e o dólar em valores ou cotações “nunca antes na história deste país…” para pagar o FX-2…. mas, agora seja o que Deus quiser e como puder.

Mexer em interesses e corporações não é coisa fácil… mas não acham que as FFAAs, como um todo, também estão inchadas ??

Sds.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
9 anos atrás

Amigos, Depois desse anuncio oficial, eu gostaria de saber em ate que ponto isso afetara aquele acordo de parceria estrategica com a Franca (programa soldado do futuro, submarinos convencionais e o badalado sub. nuc) ??? Quer dizer que o cachaceiro do Lula e sua corja comunista liderada pelo nojento MAG, gastaram um mundo de dinheiro, deixaram a Bolivia meter o per na Bun.. da Petrobras, concondaram em pagar mais pela ao Paraguai pela energia gerada em Itaipu (construida com dinheiro emprestado), despejar 10 milhoes de dolares no Haiti (brincando de superpotencia) , criar a esmola federal chamda bolsa familia, para… Read more »

ZE
ZE
9 anos atrás

Tadeu Mendes disse: 15 de fevereiro de 2011 às 22:30 “Depois desse anuncio oficial, eu gostaria de saber em ate que ponto isso afetara aquele acordo de parceria estrategica com a Franca (programa soldado do futuro, submarinos convencionais e o badalado sub. nuc) ???” Caro Tadeu Mendes, esse Acordo de Parceria Estratégica NUNCA EXISTIU (pelo menos para os franceses). Ele é de fato, uma RESERVA DE MERCADO PARA OS CARÍSSIMOS, E MUITAS VEZES DEFESADOS PRODUTOS BÉLICOS FRANCESES. Por esse Acordo de Parceria Estratégica, os Franceses teriam que, pelo menos, tentar acabar com as barreiras protecionistas agrícolas na União Européia. Na… Read more »

DrCockroach
DrCockroach
9 anos atrás

O NJ cancelou a visita a Inglaterra e a Suecia (sorte dos Suecos…).

Enquanto isto a SAAB planeja uma visita de Congressistas brasileiros a Suecia.

[]s!

Rodrigo
Rodrigo
9 anos atrás

A compra não vai ser afetada, porque este ano não teremos compra alguma ahahahahah

Advogado ama semântica.

Óbvio que alguns programas estarão no paredão…

Só espero que alguns não fiquem na Casa de Vidro para voltar depois kkkkkkkkk

Por mim dançariam o A1M e o EC725.

Em relação ao A1M, só utilizaria as células bipostas para uma plataforma de EW nacional, o resto viraria scrapper.

Um Grizzly brazuca, só se sobrar muuuuuuuuuuuuita grana.

Vader
9 anos atrás

Na TV Câmara ontem, conforme pronunciamento do Deputado Ronaldo Caiado:

– Renegociação de Itaipú com Paraguai: R$ 6 bilhões;
– Empréstimo ao FMI: R$ 15 bilhões;
– Perdas com a renegociação do gás com a Bolívia: R$ 3 bilhões;
– Empréstimos do BNDES a países estrangeiros: R$ 8 bilhões;

Senhores, só aí são R$ 32 bilhões. E agora dizem que não há dinheiro pra defesa?

Em qualquer país do mundo um governante que fizesse isso ao país seria processado por crime de lesa-pátria.

Nick
Nick
9 anos atrás

Esse corte / contigenciamento mostra que a Defesa continua em segundo, ou mesmo tem 3º plano por aqui. Cadê a END? Do discurso para a prática sempre sobra para as Forças. Todo ano é a mesma coisa, e ainda querem acreditar em FAs modernas. E esse ano o tamanho da “navalhada” parece ser bem maior. Que dureza.

[]’s

ZE
ZE
9 anos atrás

Só complementando o que você disse, Vader: Os 3 Bilhões referentes à Bolívia, deve-se ao acordo RASGADO pelo Presidente Lula. Explico: Existe sim um viés ideológico retógrado, vindo direto da década de 60 que pauta as atitudes do Brasil no exterior. O interesse geopolítico brasileiro se resume à CARIDADE feita COM O DINHEIRO DOS NOSSOS IMPOSTOS !!! Até parece que o NOSSO POVO não passa por necessidades !!! Foi assim na Bolívia, onde nós por LONGOS ANOS, compramos muito mais gás do que precisávamos, mas o tipo de contrato (TAKE OR PAY) assim determinava. Por esse contrato, tínhamos que comprar… Read more »

Grifo
Grifo
9 anos atrás

Na verdade o corte já afetou a compra de caças, se for realmente verdade que a decisão foi adiada por questões orçamentárias.

Só não vejo sentido neste quadro de cortes em todos os programas, a presidente escolher um caça que custa quase o dobro da opcão recomendada pela FAB.

Baschera
Baschera
9 anos atrás

Vader disse:
16 de fevereiro de 2011 às 6:56

Eita…porquera, quer dizer porteira aberta…..

Que falta faz o paredon !!

Sds.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
9 anos atrás

Caro Ze, Obrigado pelos esclarecimentos. O Lula foi um grande ” estadista” populista, para aquela massa ignara que se prolifera no continente sul americano. Se eu fosse o Presidente do Brasil durantes esses anos de sacanagens dos “hermanos”, o mundo iria me chamar de Imperialista, ou talvez ate mesmo de nazista. Primeiro eu teria mandado descarregar Brigada de PQDs. naquela usina da Petrobras na Bolivia, com a seguinte Ordem do Dia: atira primeiro e pergunta depois. Segundo; eu teria mandado uma Brigada de Infantaria leve, 3 esquadroes de blindados Leopard e um Batalhao de Operacoes Especiais para tomar conta de… Read more »

DrCockroach
DrCockroach
9 anos atrás

Jobim deve sair e Aldo Rebelo é o mais cotado

São iminentes a demissão do ministro Nelson Jobim (Defesa) e sua substituição pelo deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), que estabeleceu bom relacionamento com a caserna quando presidiu a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara. Jobim tem sido aconselhado a se antecipar, deixando o cargo. Ele foi praticamente afastado das negociações, após sua posição na compra dos caças da FAB, estimada em R$ 20 bilhões, foi rejeitada pela presidenta Dilma.

http://www.claudiohumberto.com.br/principal/

[]s!

Luis
Luis
9 anos atrás

Vão cortar mais o que? As pensões das filhas de militares?

Tá na hora do Jobim sair. Não gosto de partidos comunistas, mas o Aldo Rebelo me parece ser um bom nome para a pasta, sendo mais íntegro do que o Jobim.

Nick
Nick
9 anos atrás

Se vier essa substituição, melhor, Jobin já se transformou em um “estranho no ninho” no governo DR. E se for o Rabelo melhor ainda, Genoíno “cueca cheia” não seria uma boa alternativa.

[]’s