domingo, agosto 14, 2022

Gripen para o Brasil

Frota de F-35 está no ‘chão’

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Problema com software precisa ser solucionado antes do caça voltar aos céus

Todos os caças Lockheed Martin F-35 foram proibidos de voar até que um problema com o software que controla a bomba de combustivel seja solucionado. A bomba desligava-se em pleno voo.

A companhia norte-americana fez o anúncio apenas algumas horas após informar que o F-35 estava restrito a voos acima de 10.000 pés de altitude por causa da mesma falha.

Os caças deverão ser mantidos no chão até o início na próxima semana, quando a Lockheed e a BAE Systems, fornecedora do equipamento defeituoso, deverão solucionar o problema.

Uma das três variantes do F-35 pode permanecer no chão mesmo após a remoção destas restrições. Os voos no padrão STOVL (short takeoff and vertical landing) também foram suspensos após uma inspeção pós-voo detectar uma anomalia na dobradiça da porta da tomada de ar auxiliar.

A versão F-35B precisa completar pelo menos 50 pousos verticais antes do início dos testes embarcados, previstos para março de 2011. Estes testes são fundamentais para que a aeronave entre em atividade nas aviação dos Fuzileiros Navais em dezembro de 2012.

FONTE: Flightglobal

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: Poder Aéreo

- Advertisement -

38 Comments

Subscribe
Notify of
guest

38 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Clésio Luiz

O F-111 do século 21. Empurrado goela abaixo por políticos que não entendem bulhufas de equipamento militar, esse avião está condenado a inferioridade desde o nascimento.

Como tudo em se tratando em equipamento militar, se promete maravilhas e se entrega algo mais ou menos, por um precinho camarada.

J. Calro

Apesar de alguns probleminhas, logo logo este guerreiro dos céus
estará voando de forma perfeita. Certamente não haverá obstáculos
com alguma chance de não serem resolvidos. Só tem fera tocando esse
magnífico programa.

Craveiro

Apesar de sua solução certamente não representar um drama, o problema é mais na lista que assombra o programa.
Apesar de problemas serem comuns em programas de desenvolvimento acredito que muitos não eram imaginados para o F35. Resultado: escalada de preços e atraso no programa = custos elevados.
Mas deverá ser uma máquina de combate poderosa, então vale a pena, para os norte-americanos, investir nela.

Vader

Problemas acontecem quando se fabrica a mais poderosa e revolucionária máquina de voar da história. Bomba de combustível? Ora, isso é café pequeno…

robert

só o tempo vai dizer se presta ou não.

Apollo2010BR

Vader disse:
2 de outubro de 2010 às 13:59
Problemas acontecem quando se fabrica a mais poderosa e revolucionária máquina de voar da história. Bomba de combustível? Ora, isso é café pequeno…

Não acho que será melhor que um F22 não…
De qualquer modo será melhor que os caças multirole de quarta geração no mercado, principalmente em ataque e eletronica.. Porem devera ter um desempenho igaul ao do PAK-FA, inha opinião é logico, pois até agora vi mais fumaça do que fogo.

Abraços…

Michel Lineker

“Todos os caças Lockheed Martin F-35 FORMAM proibidos de voar”

Não que eu queira chamar a atenção mas….

Nelson Lima

Podemos evitar entrar nesse pineapple aeroespacial!

Flávio

A diferença é que lá nos USA as coisas são as claras. Todos os problemas que são comuns aos programas de vanguarda são discutidos abertamente. Concordo com o Vader.
Abraços

andre

Caro Flavio,

não sejamos tão ingenuos…

Vader

To no chat Ralb, kd você?

Gabriel T.

Pessoal vocês fazem muita polêmica para nada. É completamente normal esse tipo de problema em qualquer aeronave, seja ela civil ou militar quando ainda está em desenvolvimento. Por acaso o F-35 está operacional? O momento de detectar e solucionar os problemas é agora. Por exemplo, vocês acham que o AMX nunca teve pane de nada quando estava nos ensaios? E mesmo operacional isso é normal, pois é uma questão de segurança. Teve uma vez que todos os nossos C-130 ficaram parados no chão por um problema no leme do avião. Até que se descobrisse o problema, por segurança todos eles… Read more »

Rodrigo

Flávio disse:
2 de outubro de 2010 às 14:47

Formo fila com vocês!

Como entra neste chat ?

felipe alberto

Eh… a lei de murphy não perdoa ningem

Cor Tau

一═┳︻ Iiiiiiiiiiiiiiiiiii…………… 🙂

“Clésio Luiz disse:
2 de outubro de 2010 às 13:50”

Pois é……………………

Alexandre

Mais uma para lista do F35.

Alex

empresa seria é isso aí, coloca no chão, e só volta quando estiver solucionado.

Giordani RS

“Clésio Luiz disse:
2 de outubro de 2010 às 13:50
O F-111 do século 21. Empurrado goela abaixo por políticos que não entendem bulhufas de equipamento militar, esse avião está condenado a inferioridade desde o nascimento…”

Realmente, acredito que tenha sido o F-111 do século XXI para a USN, mas ao contrário do F-111B, esse aí parece que vai vingar… Tecnologia revolucionária é assim mesmo, apesar de eu acreditar que sería muito mais interessante continuar/desenvolver a tecnologia simples mas eficiente do Harrier…

Mad_Max

Mais um problema? Bem para o Vader não há problema algum com essa trolha voadora.

Vader

Rodrigo disse:
2 de outubro de 2010 às 16:56

“Como entra neste chat ?”

Rodrigão, clica em “sala de bate-papo”.

Abs.

Vader

Mad_Max disse:
2 de outubro de 2010 às 19:43

Mad Max, ter “problemas” é o preço que se paga pela inovação. Nada de mais: a história da aviação mostra o quão problemáticos são os projetos inovadores.

Lembre do F-16, que muitos sequer entendiam como voava.

Sds.

Ricardo_Recife

Bobagem, isto é coisa que se resolve logo.

cmte.felix

Senhores,

Quando um piloto escuta/lê algo do tipo: “avião no chão” da até um arrepio, é um mal agouro desgraçado.

Os aviões cairão?

Se a resposta for não, eles estão no solo.

Já expliquei isso em outro post, mas fazer o que né?

Boa noite a todos.

Raptor

Chip pala placa contloladola de bomba de combustível…

Tem! Balato, muito bom….

Faz desconto…

Balato, muito balato…

hihihi

Raptor

E continua a escalada nos preços da substituição se componentes comerciais por dedicados…

roni

o f35 so vai presta se ele for tao stealt como o f22 o que nao e por tanto com o aumento da tecnologia dos misseis antaereos no futuro proximo nao vejo essa tao dita superioridade do f35 na minha apniao no futuro so sobevivera os misseis de cruzeiro hipersonico mas so se forem stealt

Gabriel T.

“Já expliquei isso em outro post, mas fazer o que né?”

Levando em conta que a maioria esmagadora das pessoas que opinam aqui não são pilotos. E como ninguém tem a obrigação de ser piloto para opinar, os aviões continuarão no chão. E ponto final.

Tadeu Mendes

O progama do F-35 JSF nao e tao simples, O caca e bastante sofisticado, e alem do mais, gostaria de lembrar aos criticos do F-35, de que estado desenvolvendo 3 versoes de um mesmo aviao (USAF, US NAVY, MARINES). Cada uma dessas versoes, apresentam especificaoes tecnicas e objetivos operacionais diferentes. Alguem ja parou para pensar na cadeia de fornecedores para o caca? Na integracao entre diferentes componentes oriundos de centenas de companias subcontratadas pelas companias majoritarias (Lockheed, BAE Systems)? O aviao promete e na minha opniao, sera um caca revolucionario. Sempre existirao problemas, ( insignificantes ou complexos) em qualquer projeto,… Read more »

@wagner

É no que dá construir aviões do estilo ” o computador pensa para o piloto, o piloto é mero auxiliar e incômodo” …

marlos barcelos

Esse caça é que é uma jaca, feio, parece uma banheira e é cheio de defeitos, esse é apenas mais um.

Uncle

Nossa Gabriel !!! Essa educação toda é para defender o seu direito de não querer aprender? O pior cego é aquele que não quer ver. E o pior burro é aquele . . .
Aff!!!

@wagner

To dizendo um Silent Falcon é muuito mais barato e muuito mais eficiente, tirando o dos fuzileiros navais, é claro.
Não precisa de F35 agora, não para a Usaf. Vão brigar com quem ?
Não tem nem justificativa para esse troço.

Gabriel T.

Uncle, o pior burro é aquele que se passa por arrogante se achando que está ensinando algo. Sem bondade não há inteligência, meu querido.

Luiz Eduardo

Isso é normal, já disse num post passado sobre o F-117 – o primeiro voô foi em 1982 (se não me engano) e foi apresentado em 90 espantando o mundo. Essa é a diferença entre ele e o Lighting II. Devido a guerra fria o Nighthawk foi todo desenvolvido em segredo, e certamente nesse periodo deve ter ocorrido problemas piores até no projeto, mas tudo fora dos “olhares alheios”, ao contrário do F-35 que seu desenvolvimento está toda semana nos blogs aéreos da vida. Se tivesse ocorrido o mesmo com o Nighthawk teria um monte dizendo a mesma coisa: “esse… Read more »

Vader

Luiz Eduardo disse:
3 de outubro de 2010 às 17:13

Bem isso LE… Paciência, os críticos de sempre terão que engolir o F-35 com farofa… 🙂

DV

É importante separar projeto e produto final. O F-35 com certeza é e será um avião magnífico. Mas, o projeto foi muito mal conduzido. Isso é quase unânime. Basta pensar que deveria ser o caça “affordable” (em conta), para fazer “low” junto com o F22. Quiseram um único avião que fizesse tudo e fosse tudo. O resultado é um projeto absurdamente complexo e caro e que, em muitas de suas funções (superioridade aérea, CAS, etc…), pode ser superado por aviões especialistas. Com o dinheiro empatado nessa história poderiam (i) ter modernizado o F-22 (que ficaria ainda mais anos-luz na frente… Read more »

Renato Clemente

E ainda sou obrigado a ler alguns portugueses manifestando-se contra a adesão por parte de Portugal ao projeto do KC 390, dizendo que o Brasil não tem capacidade de desenvolve-lo, achado que tudo que os outros fazem é melhor. O F35 tem tudo pra ser um segundo grande fiasco da aviação a mericana, depois do F22, um caça excepcional, mas caro de + ate pra força aerea mais rica do mundo.

Tadeu Mendes

Se o Brasil nao tem capacidade para desenvolver o KC-390, como dizem alguns portugueses, e porque esses caras ainda pensam que somos uma colonia subdesenvolvida.

Eles sao bons e para projetar caravelas, a terra de Santos Dumont e o Brasil e nao Portugal.

Últimas Notícias

Grécia enviará uma carta de solicitação para atualizações de 38 caças F-16V em breve

Segundo informações, é apenas uma questão de alguns dias até que o Estado-Maior da Força Aérea Helênica envie a...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -