quinta-feira, janeiro 27, 2022

Gripen para o Brasil

Equador reduz encomenda de Super Tucanos

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Encomenda de aviões caiu de 24 para 18

Super Tucano do Equador 1

vinheta-clippingO Equador reduzirá de 24 para 18 o número de aviões de ataque Super Tucano que pretende comprar da brasileira Embraer, informou nesta quinta-feira o comandante da Força Aérea Equatoriana (FAE), general Leonardo Barreiro.

“O ideal seria comprarmos 24 aviões, mas agora vamos adquirir ao menos 18. Com estes 18 aparelhos poderemos operar normalmente”, disse Barreiro à imprensa.

O general informou que a redução no pedido à Embraer permitirá a compra de aviões supersônicos.

“A verba será aplicada na recuperação da aviação supersônica, que também é de suma importância para a defesa do território nacional, da soberania”.

O contrato para a compra dos 24 Super Tucanos, por 270 milhões de dólares, foi fechado em maio de 2008, dois meses após o ataque aéreo colombiano contra uma base clandestina da guerrilha das Farc no território do Equador.

A ação deixou 25 mortos e provocou a ruptura das relações entre os dois países.

Até o momento, o Equador já recebeu seis Super Tucanos, e a previsão é que a Embraer entregue mais dois aviões a cada mês até completar o pedido.

Fontes militares citadas pelo jornal El Universo garantem que a decisão foi provocada por uma redução de gastos nas Forças Armadas.

FONTE: AFP, via G1

LEIA TAMBÉM:

- Advertisement -

51 Comments

Subscribe
Notify of
guest
51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Cláudio

Achei interessante a pintura perto da hélice dos Super Tucanos Equatorianos.

Alex Nogueira

É uma pena, mas acho que o Equador está fazendo o certo.

Vamos ver qual caça vai vir para o Equador; aposto que vai ser F-16MLU.

Alex Nogueira

RSRS fiz uma confusão quanto a meu chute xD

Acho que vem Flanker hehe Vai matar muita gente qui de inveja, inclusive eu, mas fazer o que né!

Cláudio

Continuando…. Se o Brasil tivessem de fato uma parceria com a França, poderíamos estar vendendo juntamente com os Super Tucanos o tão esperado Rafale. Isso, na hipótese de uma parte do Rafale ser montado no Brasil com um pouco de tecnologia brasileira (se é que temos alguma tecnologia a acrescentar). O Brasil e a França poderiam vender o pacote (o melhor treinador com capacidade de emprego leve avançado do mundo e um dos melhores supersônicos do momento). Esse comentário não pode ser descartado, pois a influência do País Emergente aqui do sul sobre os Países da região é notória e… Read more »

Cláudio

Alex Nogueira disse:
28 de maio de 2010 às 10:03

Mas o Equador está com as relações congeladas com os EUA e com a Colômbia, ademais, estava até esses meses querendo entrar em guerra com a Colômbia. Os EUA apóiam a Colômbia, inclusive com várias bases militares, pergunta: como que os EUA vão vender armamento para o Equador ??? _ não tem lógica.

Caro Amigo, resta a Rússia, a França, e o Consórcio Europeu; ou nós brasileiros (Hermanos).

RL

Cláudio.
Até concordo com vc quando menciona uma venda casada de ST com Rafales, más acredito que para esta situação especifica do Equador seria muito difícil vender os Rafales devido as questões financeiras e verbas destinadas aos dois programas.
Face disto, o corte de unidades de ST, ou seja, tira-se daqui para compensar ali.

Uma pena o corte, más antes 18 do que nenhum como quase aconteceu tempos atrás.

Vplemes

Cláudio disse: 28 de maio de 2010 às 10:10 Cláudio, esta estória de nós podermos vender os rafake na AL é pura conversa mole. Quem, aqui na AL vai ter dinheiro para comprar a jaca gaulesa? A jaca é o vetor de 4ª geração mais caro do mercado, e pior, não traz nada a mais em relação aos outros da mesma categoria e menor preço. As chances de vender esta coisa aqui na AL são nulas. O país latino americano que for comprar algum caça, ou vai de usado, ou vai comprar um com custo de aquizição e operação, dentro… Read more »

Rodrigo

Se os caras reduzem encomenda do ST para comprar avião de combate, coisa de primeira linha não será..

Rafale, muito menos.

Olha ai um bom destino para os MIII da FAB!

Marcos

PARABÈNS
Aos caros colegas, Cláudio e Alex Nogueira, poís resumiram de forma clara, praticamente a situação do Equador, e a realidade vivida na AL.

Marcos

Rodrigo
Excelente Idéia, agora será que eles tem realmente condições para comprar e manter?

MatheusTS

creio que não seja como o texto fala porque dos 25 jatos supersônicos existentes (12 Kfir e 13 Mirage F1) no inventário da FAE, baseados em Taura, somente um Mirage está em condições de voo. Sendo assim esse dinheiro vai para a recuperação ou compra de aviões de 2 ou 3 mão quem sabe nossos mirage III……

Marcos

Mais uma pergunta
Qual a quantidade que eles comprariam?
Mais de 12?

Rodrigo

Pagando é problema deles se vão conseguir manter ou não.

.kkkkkkkkk

LBacelar

Mirage III p/ Equador? Nem pensar, há 2 anos os equatorianos vem flertando o SU30MK.

O que pode ocorrer é a compra de células das reservas russas (SU27K) Eles querem vetores para poderem ter poder de dissuassão caso haja um novo conflito com o Peru ou caso a situação com a Colombia esquente, o F103 está longe de poder dissuadir alguem mesmo na AL

Leandro RQ

O General equatoriano é um fanfarrão.

Não tem dinheiro nem pra pagar os 24 ST que compararm, e por isso reduzem o pedido, mas dá uma de gostoso dizendo que vão comprar aviões supersônicos.

O importante é manter o moral da tropa elevado!

Alex Nogueira

Hehe me desculpe Claudio,

quando postei minha mensagem fiz uma confusão exatamente com a Colômbia, esta sim poderia adquirir os F-16MLU, quanto ao Equador acho que vai vir sim os Flankers (uns 10 acredito).

emerson

Sobre os superssônicos para o Equador, não acredito que aviões novos, mas considerando a tradição em equipamentos de origem francesa acho que poderão ser Mirage2000C da força aérea francesa (ou até os Mirage2000 de Anápolis depois de uma nova revisão) se a França realmente ficar com os Mirage2000-9 dos Emirados, ou em um caso mais ousado, o Equador adquirir um esquadrão de Mirage2000-9 diretamente dos Emirados.

Apesar dos ensaios, não acredito que o Equador adquira caças russos usados.

Por fim, ficaria feliz se a FAB adquirisse os 6 SuperTucanos que o Equador abriu mão, e quem sabe, criando o 4/3.

Ivan

Alex e Cláudio,

Flankers para o Equador?
Só se Tio Chaves pagar.

Observem as palavras do General:
“A verba será aplicada na recuperação da aviação supersônica”

Verba aplicada não precisa ser necessariamente em compra da aeronave nova.
Provavelmente vão realizar um MLU nos Mirage F-1 ou em outra aeronave do inventário.
No máximo uma compra de segunda mão, como um punhado de Mirage 2000 C ou equivalente, mas com baixíssima probabilidade de ocorrer.

Lembrem que o Peru, seu grande adversário, não está com dinheiro sobrando…

Abç,
Ivan, do Recife.

Fernando "Nunão" De Martini

Ivan, creio que sua interpretação está mais próxima do que o general quis dizer. O que se economiza com meia dúzia de Super Tucano não dá para fazer muita coisa (apesar dessa verba economizada também poder ser aplicada numa primeira parcela de algo maior, mas não creio que seja esse o caso) Sobre essa recuperação da aviação supersônica, vale a pena a todos darem uma olhada nos diversos links ao final da matéria, incluindo aeronaves Mirage 50 (ex-FAV) recebidas e algumas outras possibilidades. Destaco o trecho abaixo, de um dos links: “O governo do Equador estuda uma proposta da Espanha… Read more »

GSV

Mas o EUA poderia arbitrar contra a venda de Rafales!!!

Via Conselho de Segurança da ONU!!!

Abraço.

Vader

Equador comprar Rafale? RAFALE? AHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA…

Pessoal, vamos falar sério… 🙂

Das duas uma: ou tem gente que não sabe o quanto custa a JACA francesa, ou não tem a menor idéia do que é o Equador em termos econômicos, hehehe…

Pô pessoal, qualé, outro dia mesmo os caras tavam recebendo doação de Mirage da FAV e agora vão comprar Rafale e Su-30??? Pára minha gente… 🙂

ZE

Fontes militares citadas pelo jornal El Universo garantem que a decisão foi provocada por uma redução de gastos nas Forças Armadas.

Reducao de gastos nas Forcas Armadas.

Engracado, eu venho dizendo que e isso que vai acontecer no mundo todo devido a crise (logico que, como eu disse no meu outro post ontem, havera excecoes a regra, tais como China, Coreia do Norte da vida).

E isso ai, cortar em gastos militares para TENTAR nao cortar nos gastos SOCIAIS.

O nome disso e PAZ SOCIAL.

ZE

Vamos botar alguns pingos nos iiiis da vida.

O Equador e um pequeno pais, com uma pequena populacao.

Ele vive de exportar petroleo (nao e um grande exportador, mas tem uma exportacao satisfatoria).

Vive tambem de exportar BANANA.

Sua economia, para nao falir, foi DOLARIZADA ha anos.

Ultimamente, tem recebido doacoes de aeronaves.

Nao tem dinheiro para comprar os 24 Super Tucanos.

Mas agora vai comprar Mirage 2000-9 e Rafale.

E isso mesmo que eu li aqui.

Eu acho que nos vivemos em MUNDOS diferentes.

Invincible

O Equador deve colocar o Jaguar devolta em condição de voo, no máximo.

Essa redução da encomenda é por falta de grana. Falar de caças é desculpa para não dizer que não tem dinheiro. O Equador está em uma posição difícil. Longe do EUA e querendo se afastar da Venezuela.

F-16 MLU para o Equador acho muito difícil. Nem a Colômbia tem. Não podemos esquecer que o Equador acabou de ganhar uns Mirages da Venezuela. Então que avião eles podem querer se estão aceitando usados da Venezuela.

Edcreek

Olá,

Se eles comprarem Su-27 usados, o mesmo Mirage-2000-9 já estaram mostrando um capaçidade que não temos. A de tormar uma decisão….

Abraços,

Rodrigo

O Equador é um cliente em potencial para os cacarecos chineses.

Alex Nogueira

Me desculpem pela minha imterpretação errada do texto do general, é que acabei lendo muito rápido e postei meus comentários correndo.

lendo agora com mais calma tanto o texto quanto os comentários, também achei que seria mais viavel para eles darem uma atualização nos sistemas existentes ou comprar algumas poucas unidades do Su-27SK ou Mirage F-1/Cheetah.

De qualquer maneira acho que estão agindo corretamente, pois a capacidade supersônica é imprescíndivel a Força Aerea de qualquer país.

Alex Nogueira

*Interpretação*

Cláudio

Tudo Bem !!!

Me convenceram que essa história de Rafale para o Equador é “piada”, pois é caro para o Brasil, para o Equador nem se diga. O máximo que eles podem conseguir é deixar em condições operacionais os Supersônicos que têm, ou comprar alguns Mirages usados.

Negociar com País pobre é complicado. Basta pegar o Brasil como exemplo, está negociando há 10 e ainda não definiu qual comprará.

Edu Nicácio

“A verba será aplicada na recuperação da aviação supersônica”

Eu entendi direito? O que eles vão comprar com a economia de US$ 67,5 milhões dessa redução de Super Tucanos? Adquirir F-16 ou ainda Mirage 2000 usados a US$ 10 milhões cada?

Ivan

Alex e Cláudio,

Aceitar ouvir o contraditório é uma virtude.

Rever uma posição diante de novos argumentos é uma atitude ainda mais virtuosa.

É um prazer conversar com os amigos.

Abç,
Ivan.

Ivan

Invincible em: 28 de maio de 2010 às 12:29 Invencible, Eu gosto muito do SEPECAT Jaguar, mais as aeronaves equatorianas estam estocadas à muito tempo e são aeronaves de ataque. Acho improvável que seja esta a escolha para um MLU, em que pese haverá equipamento eletrõnico disponível de Jaguares que estão sendo desativados na França e Inglaterra. A missão prioritária deve ser superioridade aérea e/ou interceptação, que não combina com o Jaguar. Apostaria nos Mirage F-1. Um MLU nos já existentes ou quem sabe uma compra ‘de oportunidade’ de ‘semi-novos’. Uma pena, pois o Jaguar é um excelente atacante, e… Read more »

Vader

Sem querer tirar sarro, até porque o amigo já se retratou, mas se o Equador pode comprar Su-27 a Vovodka também pode… 🙂

Aliás, cadê essa véia? Foi abuzida e novo? 🙂

Flloresteiro

Sei não, más acho bobagem um país do tamanho do equador investir em aviação supersônica.

Bom é só uma opinião, q adianta meia dúzia de aviões velhos q só ficam parados??

Fabio Mayer

O Equador vai no máximo pegar aeronaves usadas. Quais são as opçoes? M2000C da França, F-16 MLU da Bélgica (ainda há estoques) ou caças da reserva russa ou ucraina…fora isso, pode adquirir Kfir C-10 como fez a Colômbia. Bom lembrar que o F16 pode receber veto dos EUA, e bem que deixaram adquirir os ST(s), deem deixar os F16 também. Não esperem deles a aquisição de vetores 4,5 ou 5a geração, existe o problema econômico. Rafale para eles seria loucura completa, porque seriam 6 ou 7 com alto custo de manutenção. Para o Brasil já se discute se é bom… Read more »

ZE

Amigos, o que o Equador vai comprar (se eh que ele vai comprar algo. O que eu seriamente duvido).

Bem, o que o Equador talvez possa comprar sao uns poucos caca bem, mas bem velhos e usados.

M2000C, F-16 MLU, duvido.

Como disse o nosso Ministro da Defesa, Isso eh muito para eles.

Talvez uns Kfir, ou algo Sovietico ou Russo.

GSV

Bom que o equador hj tem a condição financeira muito fraca não há duvidas. Mas como ocorreu nas Coréias e Vietnã a idéia de uma guerra “proxy” na America do Sul não é vaga não, se os EUA instalam bases na Colombia alguma nação abastada poderia muito bem espetar o Tio San e instalar alguns Vetores de “luxo” no Equador, já que a Bolivia é muito fraca de FA.

ZE

Alias, se eu fosse os equatorianos, eu ficaria bem quietinho com os meus 18 Super Tucano.

Essas velharias tipo Kfir, Cheetah (sem upgrade, totalmente obsoletos)…

So servem para fazer barulho e poluir o ar.

ZE

Podia ser pior, eles podiam ter dinheiro so para comprar uns 10 Super Tucano.

Eles estao chorando de barriga cheia.

Rodrigo

Cara de Equador, Bolívia e outros falidos..

http://en.wikipedia.org/wiki/Chengdu_J-7

A7X

Achei o padrão de camuflagem dos ST equatorianos feio pacas!!!

M1

Jobim diz que decisão sobre caças deve ser tomada ainda este semestre 28 de maio de 2010 • 15h48 O ministro da Defesa, Nelson Jobim, disse hoje que confia que a decisão sobre a licitação para a compra de 36 caças em que concorrem empresas da França, Estados Unidos e Suécia será tomada “antes que termine o primeiro semestre”. Jobim explicou que o assunto está nas mãos do Conselho de Defesa Nacional, que reúne vários ministérios, e deve elaborar um relatório que será discutido depois com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tomará a decisão final. Segundo um… Read more »

Nick

Caro M1,

Como esse ministro enrola…..é #@$@%##%@!

Agora é até 30 de Junho…:P

[]’s

M1

pois é… mais um capítulo da novela FX-2

ZE

Bem, eu acho essa noticia se suma importancia (se ela for verdadeira).

Ela, por vias tortas, diz que o Jobim ja acabou de escrever seu relatorio.

Ela, por via direta, diz que tal relatorio ja se encontra no CONSELHO de DEFESA NACIONAL (que na verdade e um orgao composto por varios ministros e comandantes).

Se a noticia for verdade, o anuncio da vitoria do Rafale esta proximo.

Vejam bem, anunciar um vencedor desse faz-de-conta-me-engana-que-eu-gosto eh facil.

Compra-lo sera outros quinhentos.

Aguardaremos o MPU, as acoes individuais ETC ETC ETC.

A festa esta prestes a comecar.

Rodrigo

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Vocês ainda acreditam nisto ?

Fábio Mayer

Os Kfir C-10 tem aviônica israelense moderna e reforços estruturais nas células, estão mais ou menos no nível dos nossos F-5M. A Colômbia adquiriu 12, e pretende elevar os seus Kfir a este padrão. Tá certo que, na entrega do primeiro C-10, ele acidentou-se…mas foi acidente de percurso.

De qualquer modo, são aeronaves adequadas a orçamentos apertados.

Ricardo_Recife

O Equador esta reduzindo a compra de Super Tucanos por uma única e simples causa. Falta de dinheiro. Eles adquiriram Mirages V usados da Venezuela e Kfir C-10. Estudam planos de adquirir treinadores chineses.

Bruno Rocha

Meu, o pessoal do Blog agora vai acreditar nas palavras de general de uma república que mais parece uma ilha?
Já não chega o general russo que falou que o Su-50 (PAK-FA) ia ter uma inteligência artificial mais avança,da pensando igual humano? Muito filme americano, coitado.
Lá deve ser igual o nosso F-x2, só mentira e manipulação da massa.

Vinicius

O Equador deve estar querendo comprar alguns Mirage F-1 espanhois que estão encostados.

Últimas Notícias

Quanto custa a conversão de jatos A330-200 em A330 MRTT?

Com o anúncio da abertura de licitação da Força Aérea Brasileira para a aquisição de dois jatos A330-200 e...
- Advertisement -
- Advertisement -