Home Data Comemorativa FAB celebra Dia da Aviação de Caça na Base Aérea de Santa...

FAB celebra Dia da Aviação de Caça na Base Aérea de Santa Cruz

597
24
AEL Sistemas

F-5EM FAB Sgt Johson Barros

Na próxima quinta-feira, dia 22, pilotos de caça da FAB celebram, na Base Aérea de Santa Cruz, no Rio de Janeiro, o Dia da Aviação de Caça do Brasil. A programação, que começa às 8h30, inclui demonstração operacional com as aeronaves F-5, A-1e A-29.

Está programada também exposição de aeronaves como o F-2000 e o R-99 no histórico Hangar do Zeppelin. Uma cerimônia militar homenageará caçadores do passado e do presente que fazem a defesa aérea do País.

O dia 22 de abril de 1945 ficou conhecido como o de maior número de missões realizadas pelos militares da FAB durante a 2ª Guerra Mundial.

Neste final de semana – Antes das comemorações do Dia da Aviação de Caça, já existe muito movimento na Base Aérea de Santa Cruz com a realização do Torneio de Defesa Aérea. Jornalistas podem acompanhar o evento neste final de semana.

A disputa reune pilotos, controladores e mecânicos de todas as unidades aéreas de caça do Brasil que prestam serviço de alerta de defesa aérea em território nacional.

Na competição, que realiza o exercício de simulação e emprego de manobras de defesa aérea, são testados em tempo real os conhecimentos e habilidades das equipes competidoras. O objetivo é permitir a verificação criteriosa dos padrões de eficiência das unidades aéreas e orgãos de controle de aeronaves militares.

FAB Mirage 2000 Cb Junior (2)

FONTE: III COMAR e CECOMSAER

FOTOS: FAB; alto Sgt Johnson Barros; baixo – Cb Junior

24 COMMENTS

  1. Tecnocop,

    Não adiantaria vc morar perto, não será aberta para o público. A única vez que abriu foi em 2003, se naõ me engano. Acho que a FAB perde uma grande oportunidade de mostrar ao público as suas garras!!!

  2. Em 2003 essa comemoração em Santa Cruz foi com os portões abertos. Estive lá e foi uma experiência muito legal. Passei o dia na BASC, vendo os aviões de vários esquadrões do Brasil chegarem à base, além das exposições estáticas de aeronaves. Lembro-me também de presenciar um exercício de alerta de defesa área, quando um F-5 teve que decolar rapidamente para simular a interceptação de uma aeronave.
    Sds.

    • De fato, André e Marcelo Tadeu, foi um dia muito legal esse das portas abertas da BASC na comemoração do Dia da Aviação de Caça. Quente pacas, pelo que me lembro, mas um dia muito bonito, e que valeu também por ter sido, pra mim, a despedida de ver o Mirage III em voo, chegando em formação.

      Realmente, concordo que deveriam repetir a abertura ao público.

  3. Se o Jobin estiver lá vai ser uma oportunidade para ele anunciar o “indicado”.

    Fora isso, vai ser uma bela oportunidade de ver nossos caças de perto …
    Pena eu morar longe :/

    []’s

  4. Marcelo Tadeu disse:
    16 de abril de 2010 às 19:50

    Tecnocop,

    Não adiantaria vc morar perto, não será aberta para o público. A única vez que abriu foi em 2003, se naõ me engano. Acho que a FAB perde uma grande oportunidade de mostrar ao público as suas garras!!!

    Já entrei lá várias vezes amigo vlw.

  5. Apenas um detalhe

    Na comemoração do dia do aviador em out 1989, na BAST (um domingo), eu estava SSV

    Eu e outros 7 felizardos tinhamos dispensa automática (pessoal da equipe de PTRL), oS outros entregaram armamente e foi como se fosse um dia ee expediente .. maior roubada …

    nADA cONTRA OU A FAVOR, Aenas expondo o outro lado da moeda, o ponto de vista de quem estava lá …

    aBS
    SO

  6. “Puts seria o máximo se o Rafale desse as caras por lá né??”

    Especialmente se por algum motivo banal, “arasse terra”.

  7. PEÇO DECULPAS A TDS MAS SERA REALMENTE O RAFALE O CAÇA MAIS INDICADO P/ NOSSA GLORIAOSA FAB? GENTE:[SOU BRASILEIRO E SOU PATRIOTA].ME PASSOU ISSO PELA CABEÇA, TT P/ O BRASIL NAO SERA MENOR?

  8. Nunão,
    Realmente foi um dia muito ensolarado. Lembro-me de chegar em casa e estar com o rosto todo vermelho, pois sequer um boné havia levado. Salvo engano, os Mirage III foram os últimos aviões que chegaram na BASC naquele dia. Para mim foi inesquecível, pois nunca tinha visto a aviação de caça da FAB de perto.
    Sds.

  9. Acho que um evento desses com portões abertos seria muito bom, ajudaria ao publico leigo a entender mais a função da Força Aérea.

    Com certeza demandaria de muito trabalho e custos um empreitada dessas, mas a FAB tem de ajudar o povo a gostar dela.

    Acho até que para os pilotos seria uma honra, em compensação, pro pessoal de terra deve ser um saco. (imagino como deve ser duro de ouvir as pessoas olhando para um tanque subalar e dizendo “olha o tamanho daquele míssil”)

  10. Caros amigos! Morando a 28 km do centro do Recife -PE, não tenho conhecimento de vê tal evento da FAB , o único caça que já vi passar nos ceus de minha cidade que e rota comercial foi um Xavante e alguns aviões do clube aviação, como o Brasil é só o SUL , não temos está felicidade é uma pena e bem como não penço em moral no sul, aqui é bem melhor, espero que algum dia o Nordeste venha a ter fábrica de aviões e helicopteros etc, ei tá nordestino!!!!!!!!

  11. Eu ainda acho que a FAB irá fazer milagre e operar estas máquinas acima por muito mais tempo. Eu sou a favor que eles permaneçam em operação para desempenharem missões específicas, ou treinamento, mesmo depois da entrada em serviço dos FX2.

  12. Em 1992 passei um mês nessa base fazendo testes do AMX. Só o histórico Hangar do Zeppelin já vale a visita. Esse Hangar é enorme, muito alto e todo coberto em cima e nas laterais por telhas de cimento amianto da Eternit. E acredito que as telhas foram importadas ou produzidas na ex-fábrica da Eternit em Osasco. Sendo eu nascido em Osasco, me chamou a atenção ver o Hangar coberto com essas telhas. A fábrica de telhas de cimento amianto da Eternit em Osasco foi fechada, mas não antes da produção dessa telhas causar doenças pulmonares seríssimas nos empregados, dos quais um número morreu de doença pulmonar.

  13. Tecnocop,

    vc deve ter pulado o muro, rsrsrs ou então é da FAB!!

    Realmente, Nunão, foi um dia maravilhosos. Tenho uma foto (polaroid) minha com macacão de voo (ainda era azul o macacão da FAB, eles estavam sendo trocados) sentado no cockpit do A-1 – R$ 5,00, dentro daquele maravilhoso hangar dos dirigíveis.

    E os Mirages III taxiando juntos até pararem em frente ao público? Não dava para não tapar os ouvidos!!! As Snecmas Atar 9C faziam um barulho tremendo!!!! Velhos tempos dos Turbojatos.

  14. só quem teve a oportunidade de ver essa lindas aeronaves de caça sabe o prazer que da,imagine eu que pasei sete anos de minha vida servindo na basc vendo caças subir e descer sabe como isso e gratificante.
    eu amo a força aerea brasileira amo a basc mais infelismente o presidente collor não dexou eu seguir em minha carreira militar
    mais mesmo assim eu amo a FAB(s1ava Roberto)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here