segunda-feira, maio 23, 2022

Gripen para o Brasil

Senado convida Jobim para falar de compra de caças e PNDH

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Senadores querem audiência pública com ministro para explicar compra de caças para a Força Aérea Brasileira

vinheta-clippingBRASÍLIA – A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) do Senado aprovou nesta quinta-feira, 4, um convite para o ministro da Defesa, Nelson Jobim, prestar esclarecimentos sobre a compra de uma nova frota de caças para a Força Aérea Brasileira (FAB). A ideia de realizar uma audiência pública sobre o assunto foi dos senadores Renato Casagrande (PSB-ES) e Eduardo Azeredo (PSDB-MG), presidente da CRE. Na condição de convidado, o ministro Nelson Jobim pode decidir se vai ou não participar da audiência proposta pela comissão. É prerrogativa do ministro indicar uma data disponível em sua agenda para participar do encontro.

A comissão também aprovou requerimento para convocar o ministro a dar explicações aos senadores sobre divergências no Programa Nacional de Direitos Humanos. O ministro da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi, também deverá ser convocado. A comissão quer explicações sobre o programa, que enfrentou críticas de setores militares no ponto em que trata da apuração de casos de violação de direitos no regime militar.

A polêmica em torno do programa F-X2, de renovação da frota da FAB, se arrasta há meses e tomou fôlego após um recente vazamento de um relatório confidencial da FAB que apontava preferências dos militares pelos caças suecos Gripen NG, fabricados pela Saab, na contramão da orientação do governo pelos caças Rafale. Assessores do presidente Lula já dão como certa a escolha dos Rafale. Entre as possibilidades analisadas pelas Forças Armadas também está o F-18 Super Hornet, da fabricante norte-americana Boeing.

“Da mesma forma que a escolha da melhor opção seja prerrogativa do Poder Executivo, permitindo-lhe contrariar o relatório e ficar com concorrente que mediante as três propostas apresentadas ficou em 3º. lugar, é prerrogativa regimental da CRE o papel de acompanhar e tornar mais transparente para os parlamentares e para a sociedade as negociações envolvendo a aquisição dos aviões caça”, afirma o requerimento, assinado pelo senador Eduardo Azeredo.

FONTE: Estadão / Agência Brasil

- Advertisement -

20 Comments

Subscribe
Notify of
guest
20 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
ZE

É isso aí! Em qualquer país SÉRIO do mundo, há discussões no legislativo acerca da defesa e da compra de material bélico.

É mais do que desejável o legislativo debater temas tão sérios para o nosso país.

É desejável, diria obrigatório, que a sociedade civil debata tais temas.

Espero que o Minitro se digne a ir.

Espero que a TV Senado transmita a audiência.

[]s

Alexandre G.R.S.

Prezados,

Independente do escolhido, isso virou disputa politico/ideologica.
Os tupiniquins não aprendem mesmo…

Sds.

MN-QS

Estava lendo os posts aqui do blog e resolvi dá uma pesquisada numa estante velha aqui em casa e acabei por encontrar uma Revista Força Aérea (Ano 03, Nº 12, Set/Out 1998, páginas 12 e 14) onde há uma entrevista com Serge Dassault, na época presidente da Dassault Aviation. Eis alguns trechos da entrevista: “…RFA – Nos últimos anos deste século, construir aeronaves de combate se tornou uma atividade tão cara que até os governos das economias mais poderosas encontram dificuldades em justificá-la. A solução encontrada pela a maioria das nações do Grupo dos Sete tem sido a de promover… Read more »

Alexandre G.R.S.

Prezado ZE

Debater sim. Fazer guerra politica não.
Venhamos e convenhamos, muita gente ve nisso uma oportunidade, enquanto a defesa fica em segundo plano.
Fosse o escolhido qualquer outro, aconteceria o mesmo.
Nós não aprendemos com os nossos erros.

Leopodo Duarte

É comum a preocupação de certo legisladores, são cifras altissímas, comum que chame atenção da politicagem

João

Aih pessoal, essa é fresquinha: quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010, 17:55 | Online Oferta da Boeing não tem precedentes, diz embaixador DENISE CHRISPIM MARIN – Agencia Estado BRASÍLIA – Ao entregar suas credenciais de embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Thomas Shannon reforçou para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva que a escolha do caça FX18 Super Hornet da Boeing, na concorrência aberta pela Força Aérea Brasileira (FAB), envolverá uma oferta de transferência de tecnologia “sem precedente” e a elevação do grau de confiança de Washington para com Brasília. “A oferta americana não tem paradigma. Isso demonstra a… Read more »

Mauro

Off Topic:
Saiu na Veja:
“Nas próximas semanas, o governo americano promoverá uma demonstração real das habilidades do F18 no Rio Janeiro, durante uma operação conjunta das Forças Armadas dos dois países. Para tanto, o porta-aviões Carl Vinson, da Quarta Frota, se deslocará do Haiti para o Brasil.”
Será verdade?

Eduardo

Olha o lobby ai gente! hehehehe é incrivel. Nuna ninguem faz nada, quando vem alguem e faz os animos ficam exaltados. Quer saber, que venha mesmo o engodo viking, e o que o Chile compre Eurofigther e F-35´s … As vezes tenho VERGONHA de ser Brasileiro… país do futuro uma ova. Enquanto essa cambada não for embora sempre seremos atrasados. Temos a chance de ter uma das aeronaves mais modernas do mundo, com potencial de desenvolvimento de muitos anos para preferirmo o engodo viking que,tem mais componentes americanos que qualquer outro… A FAB na verdade nunca se livrou d estigma… Read more »

João

Será que o ilibado Eduardo Azeredo tá tão bem intencionado mesmo?

Eduardo

João

é claro que ele está! tanto quanto o bolso dele e a campanha do ano que vem toda ela já paga!!!

João

E de verba de campanha ele entende!

Eduardo

E tu sabes o que é o pior? ele foi eleito para isso… pessoas votaram nele…

João

Pra quem acha que o FX2 tá decidido (inclusive eu):

“O americano tem mesmo muita experiência com temas espinhosos. Em 2002, enquanto o mundo despejava desconfiança sobre o futuro do Brasil com a perspectiva da eleição de Lula, um presidente de esquerda que assumiria o governo pela primeira vez, Shannon atuava nos bastidores da Casa Branca, estabelecendo contato entre o então presidente americano, George W. Bush, e o futuro governante brasileiro”.

http://noticias.r7.com/internacional/noticias/novo-embaixador-dos-eua-no-brasil-e-especialista-em-questoes-espinhosas-20100204.html

candelabro

Tudo isso só serve para arranhar mais a imagem do Brasil,visto como foi o “fx da marinha” cada vez mais penso o que nem passava pela minha cabeça,o senhor Juniti Saito não tem voz para a FAB.

RoninSnkShit

Queria ver ele explicar as novas vagas de emprego do Gripen (22 mil) contra o do Rafale (2,5 mil)

Eduardo

Queria ver ele explicar as novas vagas de emprego do Gripen (22 mil) contra o do Rafale (2,5 mil)

22 mil vagas??????????? ó meu deus.. a coisa é pior do que eu pensava…

“ai esta terra ainda vai cumprir seu ideial.. ainda vai tornar-se um império colonial!”

Rafael

Alguns dados não me párecem certos, na minha infinita ignorancia, acho muito grande a diferença de geração de empregos entre a SAAB e a Dassault, como tambem acho muito grande a diferença de preços entre ambos…Há algo de podre nos poderes de Brasilia.De novo, na minha infinita ignorancia o Super Hornet não era sequer uma opção nessa licitação, os EUA possuiam avioes melhores e mais modernos, poderiamos ter colocado russo( Su-35 ou Pak-fa) como alternativas e não descartar pura e simplesmente. O governo fez esse processo para acobertar a descarada preferencia pelo Rafale, só que a maracutaia foi tão mal… Read more »

Lobo

ZE com o devido respeito o congresso discute o FX-2, houve no ano passado uma série de questionamento às autoridades envolvidas no processo e até representantes estrangeiros.

Veja no site: http://www2.camara.gov.br/comissoes/credn

Boa sorte amigão.

ZE

Lobo em 04 fev, 2010 às 19:10

Eu sei. Inclusive tive a oportunidade de escutar o áudio.

Caro Lobo, o que eu disse é que todos devemos debater um tema tão importante, incluindo aí o Congresso nacional (Câmara dos Deputados + Senado Federal).

Devemos, não só debater nas Comissões Temáticas, mas também no Plenário de cada instituição, tamanha a importância do tema.

[]s

Theo Gatos

Acho que o poder legislativo (nosso representante entre as “forças” que compõe a república) tem sim (assim como todo o povo brasileiro) o direito de indagar o ministro (representando o poder executivo) sobre a compra de caças e outros equipamentos, MAS me nego a acreditar que a convocação do ministro tem motivação tão nobre quanto exercer este direito ou defender o interesse do povo e do Estado. Acho que eles querem é mesmo dar o recadinho para o que o governo não esqueça do deles na hora de distribuir o bolo se não eles ameaçam melar o acordo (para isso… Read more »

Últimas Notícias

Novas fotos do caça furtivo chinês J-35

Foram divulgadas novas fotos do caça furtivo J-35 de 5ª geração baseado em porta-aviões em desenvolvimento pela China. Baseado no...
- Advertisement -
- Advertisement -